O psiquiatraLyle Rossiternoscomprovaque oesquerdismoé umadoençamental
Por lucianohenrique
Geralmente vemosesquerdistasse r...
de um rigor analíticosimplesmente impressionante.Se nãoé sua leituratípicapara curar
insônia,aomenosoconteúdopoderosocompe...
Competênciaemumasociedade livre
Fica claroque não devemosesperarde Rossiteravaliaçãosobre ummodelode personalidade
para to...
individualismodeve serassociadocommutualidade,paraodesenvolvimentode umadulto
competente paraviveremumasociedade de liberd...
A relaçãodo indivíduoemrelaçãoaogovernodeve lembraraquelaque acriança possui com
os pais.
As instituiçõessociaistradiciona...
Obrigaçõesde promessas,contratose direitosde propriedadeenfraquecidos.
Faltade conexãoentre premiaçõesporméritoe justifica...
Rossiternosdizmais:
Sua neurose é evidente emseusideaise fantasias,emsuaauto-justiça,arrogânciae
grandiosidade,nasuaauto-p...
geralmente buscandorelacionamentoscom osoutrosde formainfantil,sempre pedindopor
condescendência,aoinvésde lutarparaser re...
Diante disso,quempode fazeralgopelosesquerdistassãoosdireitistas,masissosópode
acontecerpelaviada refutaçãoe do desmascara...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

O psiquiatra Lyle Rossiter nos comprova que o esquerdismo é uma doença mental

783 visualizações

Publicada em

DOENÇA MENTAL

Publicada em: Notícias e política
0 comentários
3 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
783
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
35
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
15
Comentários
0
Gostaram
3
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O psiquiatra Lyle Rossiter nos comprova que o esquerdismo é uma doença mental

  1. 1. O psiquiatraLyle Rossiternoscomprovaque oesquerdismoé umadoençamental Por lucianohenrique Geralmente vemosesquerdistasse referiremaquemé da direitacomoum“louco da direita”, e daí por diante.Oproblemaé que a crença da direitaé coerente até como que a teoriada evoluçãotema nosdizer.Enquantoisso,acrença esquerdistaé baseadaemquê?Éissoque começamosa investigarde umaformamaisclínica a partir dolivroThe Liberal Mind:The Psychological Causesof Political Madness,de Lyle Rossiter,lançadoem2011. Conforme areviewdaAmazon,jánotamosa pauladaque será dada nosesquerdistas: Liberal Mindtraz o primeiroexame profundodaloucurapolíticamaisrelevante emnosso tempo:osesforçosda esquerdaradical pararegularas pessoasdesde oberçoaté o túmulo. Para salvar-nosde nossasvidasturbulentas,aagendaesquerdista recomendaanegaçãoda responsabilidade pessoal,incentivaaauto-piedade e outro-comiseração,promove a dependênciadogoverno,assimcomoaindulgênciasexual,racionalizaaviolência,pede desculpaspelaobrigaçãofinanceira,justificaoroubo,ignoraa grosseria,prescreve reclamação e imputaçãode culpa,denigre omatrimônioe afamília,legalizatodososabortos,desafiaa tradiçãosocial e religiosa,declaraainjustiçadadesigualdade,e se rebelacontraosdeveresda cidadania.Atravésde direitos múltiplosparabens,serviçose statussocial nãoadquiridos,o políticode esquerdapromete garantirobem-estarmaterialde todos,fornecendosaúde para todos,protegendoaauto-estimade todos,corrigindotodasasdesvantagenssociaise políticas, educandocada cidadão,assimcomoeliminandotodasasdistinçõesde classe.Oesquerdismo radical,assim,ataca os fundamentosdaliberdade civilizada.Dadasassuasmetasirracionais, métodoscoercitivose fracassoshistóricos,juntamenteaosseusefeitosperversossobre o desenvolvimentodocaráter,nãopode haverdúvidada loucuracontidana agendaradical.Só uma agendairracional defenderiaumadestruiçãosistemáticadosfundamentosque garantem a liberdade organizada.Apenasumhomemirracional iriadesejaroEstado decidindosuavida por ele,aoinvése criar condiçõesde segurançaparaele poderexecutarsuaprópriavida.Só uma agendairracional tentariadeliberadamente prejudicarocrescimentodocidadãoem direçãoà competência,atravésdaadoçãodele peloEstado.Apenasopensamentoirracional trocaria a liberdade individualpelacoerçãodogoverno,sacrificandooorgulhodaauto- suficiênciaparaa dependênciadobem-estar.Sóumloucoiriavisualizarumacomunidadede pessoaslivrescooperandoe vernelaumasociedade de vítimasexploradaspelosvilões. O que temosaqui,na obra de Rossiter,é otratamentodo esquerdismode formaclínica,por um psiquiatraforense.(Umpoucomaisnosite do autor dolivro,e um poucomais sobre sua prática profissional) O modelode mente esquerdista O livroé bastante analítico,e,por vezes,até chatode se ler.Quemestáacostumadoa livrosde fácil leiturade autoresconservadoresde direita,comoGlennBecke AnnCoulter,pode até se incomodar.Outrolivroque fala domesmotemaé LiberalismIsaMental Disorder:Savage Solution,de Michael Savage.Maso livrode Savage é tambémuma leiturainformal,embora séria.O livrode Rossiteré acadêmico,de leituraaté difícil,semmuitasconcessõescomerciais,
  2. 2. de um rigor analíticosimplesmente impressionante.Se nãoé sua leituratípicapara curar insônia,aomenosoconteúdopoderosocompensaotratamentosecoe acadêmicodadoao tema. SegundoRossiter,amente esquerdistatemumpadrão,que se reflete tantoemumpadrão comportamental,quantoumpadrãode crenças e alegações.Portanto,é possível “modelar”a mente doesquerdistaapartirde uma série de padrões.A partirdaí, Rossiterinvestigauma larga base de conhecimentode desordensde personalidade,e usa-asparamodelarospadrões de comportamentodosesquerdistas.SegundoRossiter,bastaobservarocomportamentode um esquerdista,mapearsuascrençase ações,e compará-loscomos dadoscientíficosa respeitode algumaspatologiasdamente.A mente esquerdistapode serclassificadacomoum distúrbiode personalidadeporque ascrenças e ações resultantesdestetipode mentalidade se encaixamcomexatidãonomodelopsiquiátricododistúrbiode personalidade.Asanálises de Rossitersãofeitastantonos contextosindividuais(acrençadocidadãoesquerdistaem relaçãoao mundo),comonoscontextoscorporativos(açãode grupo,endossoapolíticos profissionais,etc.). Rossiternoslembraque a personalidade é socializadapelospaise pelafamília,comouma parte do desenvolvimentoinfantil.Mesmocoma influênciadoambiente escolar,sãoospais que preparama criança para o futuro.A partir disso,ele avaliaoque é um desenvolvimento sadio,para desenvolverumapersonalidade aptaaviveremummundoorientadoa valorização da competência,dentrodoqual essapersonalidadedeveráreagir.Umapersonalidade sadia reagiriabema esse mundojásema presençadospais,enquantoumapersonalidadecom distúrbionãoconseguiriaomesmosucesso.Emcimadisso,Rossiteravaliaapersonalidade desenvolvidacomositensda agendaesquerdista,demonstrandoque muitositensdessa agendaestãoemoposiçãoao desenvolvimentosadiodapersonalidade. Para o seutrabalho,Rossiterclassificaosesquerdistasemdoistipos:benignose radicais.Os radicaissão aquelescujasações(agenda) causamdanoa outrosindivíduos.De qualquer forma,os esquerdistasbenignos(seriamosmoderados)dãosustentaçãoaosesquerdistas radicais. Rossiterdefineohomemcomoumafonte autônomade ação, ao mesmotempoemque está envolvidoemrelações,comoaseconômicas,sociaise políticas.Istoé definidoporRossiter como a NaturezaBipolardoHomem,poismesmoque ele sejacapazde ação independente, tambémé restritopelocontextosocial,nacooperaçãocomos outros.A partirdessa constatação,tudo o maisflui.Parapermitirque ohomemsejacapazde operarcom sucesso emseuambiente natural,deve existirumdesenvolvimentoadequadodapersonalidade.Este desenvolvimentodapersonalidadesurge apartirdos outros,idealmente amãe e a família. Outro pontocentral:todaa análise de Rossiteré feitanocontextode umasociedadelivre,não de uma sociedade totalitária.Portanto,eleavaliaoquãoalguémé sadioemtermosde personalidadeparaviveremumasociedade democrática,e nãoemuma sociedade formalmente totalitária,comoCoréiadoNorte,Cubaou China,porexemplo.
  3. 3. Competênciaemumasociedade livre Fica claroque não devemosesperarde Rossiteravaliaçãosobre ummodelode personalidade para toda e qualquersociedade,poisele é bemclaroemseuintuito:desenvolvere estudar personalidadescompetentesparaavidaem umasociedade livre.A manutençãode tal sociedade requerregrasparaexistir,que devemsercodificadasemleis,hipóteses,assimcomo regras dosensocomum. Nesse contexto,ashabilidadesaseguirsãoaquelasde umadultocompetente emuma sociedade comliberdadeorganizada: Iniciativa–Fazer as coisasacontecerem. Atuação– Agircom propósito. Autonomia–Agir independentemente. Soberania- Viverindependentemente,atravésdatomadade decisãocompetente. Rossiterdefineosdireitosnaturaisdohomem, paraumapessoaadultavivendoemuma sociedade de liberdade organizada.Estescompreendemoexercício,conformequalquerum escolher,das habilidadesselecionadasacima,todaselassujeitasàsrestriçõesnecessáriaspara uma sociedade compaze ordem.Assim, direitosnaturaisresultamdacombinaçãode natureza humanae liberdade humana.Naturezahumanasignificavivercomoalguémquiser,sujeitoas restriçõesnecessáriasparapaze ordem. Considerandoestesatributoshumanos,Rossiterdefine comoumaordemsocial adequada, aquelaque possui osseguintesaspectos: Honra a soberaniadoindivíduo Respeitaaliberdade doindivíduo. Respeitaaposse de propriedade e integridadedoscontratos. Respeitaoprincípiodaigualdade soba lei. Requerlimitesconstitucionais,paraevitarque ogovernoviole osdireitosnaturais. Os aspectosacimasão avaliadosnaperspectivadoindivíduo,nãode gruposou classes,emum processorelacionadoàindividuação,conceitooriginadoemJung.Neste processo,oser humanoevolui de umestadoinfantilde identificaçãoparaumestadode maiordiferenciação, o que implicaránecessariamenteemumaampliaçãodaconsciência.A partirdaí, surge cada vezmaiso conhecimentode si-mesmo,emdetrimentodasinfluênciasexternas.Eventuais resistênciasàindividuaçãosãocausasde sofrimentoe distúrbiospsiquícos. SegundoRossiter,oindivíduoadultoque passouadequadamente peloprocessode individuaçãoassumede formacoerente seudireitoavida,liberdade e buscadafelicidade. Mesmoassim,issonão significaque elepode fazeroque quiser,poisdeverespeitaro individualismo dosoutrose interagircomelesatravésdacooperaçãovoluntária.Assim,o
  4. 4. individualismodeve serassociadocommutualidade,paraodesenvolvimentode umadulto competente paraviveremumasociedade de liberdadeorganizada. Rossiterestudacomafincoas característicasde desenvolvimentodoinvidíduo,de acordocom regras pelasquaisele pode viveremumasociedade de liberdade organizada,e listasete direitosindividuaisdocidadãocomum, dentrodosquaisele pode exercitarsuaautonomia, livre dainterferênciadogoverno: Direitode auto-propriedade(autonomia) Direitode primeiraposse (paracontrolarpropriedade que nãotenhasidode posse de ninguémantes) Direitode posse e troca (manter,trocar oucomercializar) Direitode auto-defesa(proteçãode si próprioe da proriedade) Direitode compensaçãojustapelaretirada(apartirdo governo) Direitoaacesso limitado(apropriedade dosoutrosememergências) Direitoarestituição(pordanosa si própriooupropriedade) Estessão normalmente chamadosde direitosnaturais,direitosde liberdadeoudireitos negativos.Ogovernodeve serestruturadoparaprotegerestesdireitos,e precisaser estruturadode formaque não infrinja-os. A obrigaçãodogovernoemuma sociedade de liberdade organizadaenvolve implementare sustentarestasregrasparaprotegero cidadãode infraçõescometidastantoporoutroscomo peloprópriogoverno. Eis que surge o problemadamente esquerdista,que queratacar basicamente todosospilares acima.Em cimadisso,Rossiterlevantaascrençasda mente esquerdista,que,juntas,dãoum fundamentodomodelodamente deles: Modelossociaisideaistradicionaisestãoultrapassadose nãose aplicammais. A direçãodogovernoé melhordoque teros cidadãostomandoconta de si próprios. A melhorfundaçãopolíticade umasociedade organizadaocorre atravésde umgoverno centralizado. O objetivoprincipal dapolíticaé alcançar uma sociedade ideal navisãocoletiva. A significânciapolíticadoindivíduoé medidaapartir de sua adequaçãoà coletividade. Altruísmoé uma virtude doestado,embutidanosprogramasdoestado. A soberaniadosindivíduosé diminuídaemfavordoestado. Direitosavida,liberdade e propriedade sãosubmetidosaosdireitoscoletivosdeterminados peloestado. Cidadãossãocomo crianças de um governoparental.
  5. 5. A relaçãodo indivíduoemrelaçãoaogovernodeve lembraraquelaque acriança possui com os pais. As instituiçõessociaistradicionaisde matrimônioe famílianãosãomuitoimportantes. O governoinchadoé necessárioparagarantirjustiçasocial. Conceitostradicionaisde justiçasãoinválidos. O conceitocoletivistade justiçasocial requerdistribuiçãode riqueza. Frutosde trabalhoindividual pertencemàpopulaçãocomoum todo. O indivíduodeve terdireitoaapenasumaparte do resultadode seutrabalho,e estaporção deve serespecificadapelogoverno. O estadodeve julgarquaisgruposmerecembenefíciosapartirdo governo. A atividade econômicadeve sercuidadosamente controladapelogoverno. As prescriçõesdo governosurgemapartirde intelectuaisdaesquerda,nãodahistória. Os elaboradoresde políticasdaesquerdasãointelectualmentesuperioresaosconservadores. A boa vidaé um direitodadopeloestado,independentementedoesforçodocidadão. Tradiçõesestabelecidasde decênciae cortesiasãoindevidamenterestritivas. Códigosmorais,éticose legaistradicionaissãoconstruçõespolíticas. Açõesdestrutivasdoindivíduosãocausadasporinfluênciasculturaisnegativas. O julgamentodasaçõesnãodeve ser baseadoempadrõeséticosoumorais. O mesmovale parajulgaro que ocorre entre nações,gruposéticose gruposreligiosos. Como tudona vida,o aceite de crençastem consequências.Nocasodoaceite das crenças esquerdistas,consequênciasincluem: Dependênciadogoverno,aoinvésde auto-confiança. Direçãoa partir do governo,aoinvésdaauto-determinação. Indulgênciae relativismomoral,aoinvésde retidãomoral. Coletivismocontraoindividualismocooperativo. Trabalhoescravocontra o altruísmogenuíno. Deslocamentodoindivíduocomoa principal unidadesocial econômica,social e política. A santidade docasamentoe coesãoda famíliaprejudicada. A harmoniaentre a famíliae a comunidade prejudicada.
  6. 6. Obrigaçõesde promessas,contratose direitosde propriedadeenfraquecidos. Faltade conexãoentre premiaçõesporméritoe justificativaparaestaspremiações. Corrupção da base moral e éticapara a vidacivilizada. Populaçãopolarizadaemguerrasde classesatravésde falsasalegaçõesde vitimizaçãoe demandasartificiaisde resgate político. A criação de um estadoparental e administrativoidealizado,dotadode vastospoderes regulatórios. Liberdade individual e coordenaçãopacíficadaação humanaseveramentecomprometida. Aliás,euachoque Rossiteresqueceude consequênciasadicionaiscomo:(15) Aumentodo crime,devidoatolerânciaaocrime,e (16) Incapacidade de uma base lógicapara que a sociedade sequertenhacondiçãode julgarostatusem que se encontra. Por que a mente esquerdistaé umapatologia? Para Rossiter,amelhorformade avaliara mente doesquerdistaé aatravés dosvaloresque ele tem,e os que ele rejeita.Mais: Comotodosos outros sereshumanos,oesquerdistamodernorevelaseuverdadeirocaráter, incluindosualoucura,nosvaloresque possui e que descarta.De especial interesse,no entanto,sãoos muitosvaloressobre osquaisa mente esquerdistanãoé apaixonada:sua agendanão insiste emque oinvidívuoé aprincipal unidade econômica,social e política,ele não idealizaaliberdadeindividual emumaestruturade lei e ordem, nãodefende osdireitos básicosde propriedade e contrato,nãoaspiraa ideaisde autonomiae reciprocidade autênticas.Ele nãodefende aretidãomoral ousequercompreende opapel críticoda moralidade norelacionamentohumano.A agendaesquerdistanãocompreende uma identidadede competência,nemapreciasuaimportância,e muitomenosavaliaascondiçõese instituiçõessociaisque permitamseudesenvolvimentoouque promovamsuarealização.A agendaesquerdistanãocompreende nemreconhece asoberania,portantonãose importaem imporlimitesestritosde coerçãopeloestado.Ele nãocelebraoaltruísmogenuínodacaridade privada.Ele não aprende asliçõesdahistóriasobre osmalesdocoletivismo. Rossiterdizque as criançasnão nascemcom este “programa”,que é adquiridoespecialmente durante o aprendizadoescolar.Emresumo:umadulto,competente paraoperaremuma sociedade de liberdade organizada,namaiorparte das vezesadquire estesvaloresdospaise da família,masum esquerdistaradical não. Basicamente,oesquerdismopode sercaracterizadocomoumaneurose,baseadanostraumas do relacionamentocoma famíliadurante odesenvolvimentodapersonalidade.Sendouma neurose de transferência,elacompreendeasprojeçõesinconscientesdaspsicodinâmicasda infâncianasarenaspolíticasda vidaadulta.É o resultadode umafalhano treinoda criança nos elementospsicodinâmicosbásicosde umadulto,competente paraviveremumasociedade de liberdade organizada.(Obviamente,umesquerdistajamaisiráreconheceras“fendas”emseu desenvolvimentode criançaaté um adulto)
  7. 7. Rossiternosdizmais: Sua neurose é evidente emseusideaise fantasias,emsuaauto-justiça,arrogânciae grandiosidade,nasuaauto-piedade,emsuasexigênciasde indulgênciae isençãode prestação de contas, emsuas reivindicaçõesde direitos,emque ele dáe retém, e emseusprotestosde que nada feitovoluntariamente é suficiente parasatisfazê-lo.Maisnotadamente,nas demandasdoesquerdistaradical,emseusprotestosfuriososcontraaliberdade econômica, emseuarrogante desprezopelamoralidade,emseudesafiorepletode ódiocontraa civilidade,emseusataquesamargosàliberdade de associação,emseuataque agressivoà liberdade individual.E,emúltimaanálise,airracionalidadedoesquerdistaradical é mais aparente nadefesadouso cruel da força para controlara vidados outros. Agora ficamaisfácil entenderporque osesquerdistassãotãofrustradose raivosinhosem suas interações,não? Os cincodéficitsprincipaisdoesquerdista Um esquerdistaapresenta,segundoRossiter,cincoprincipaisdéficits,cadaum maisevidente nas diversasfasesdodesenvolvimento,desde osprimeirosmesesapósonascimento,até a entradada fase adulta. Confiançabásica:O primeirodéficitrelaciona-se aconfiançabásica.Istoé,a faltade confiança nos relacionamentosentrepessoasporconsentimentomútuo.Porisso,oesquerdistaage como se as pessoasnãoconseguissemcriarboasvidas porsi própriosatravésdacooperação voluntáriae iniciativaindividual.Porisso,colocamtodaessacoordenaçãonasmãosdo estado, que funcionacomoum substitutoparaos pais.Se a criança não consegue convivercomos irmãos,precisade paiscomo árbitros.Este déficitinicia-senoprimeiroanode vida.As interaçõespositivasde umacriançacom a mãe o introduzemaum mundode relacionamento seguro,agradável,mutuamente satisfatórioe apartir do “consentimento”entre ambasas partes.Mas caso existaumrelacionamentoanormal e abusivonainfância,algode errado ocorre,e essaaquisiçãode confiançabásicaé profundamente comprometida.Lembremosque a ingenuidadeé problemática,masoesquerdistaé ingênuoperante ogoverno,que temmais poderde coerção, enquantosuspeitadosrelacionamentoshumanosnãoabitradospelo governo. Autonomia:Apósosprimeiros15meses,umacriança começaa incorporarosfundamentosde autonomia,auto-realização,assimcomofundamentosde mutualidade,ouauto-realização (assimcomorealizaçãodosoutros).A partir dessafase,acriança começa a agir por si própria para ter suasnecessidadessatisfeitas,de acordocomaquelesque cuidamdela.Juntocoma ideiade autonomia,surgemideiascomoauto-confiança,auto-direçãoe auto-regulação.A criança “mimada”,que cresce dependente doexcessode indulgênciadospaisé privadadas virtudesde auto-confiançae auto-controle e de atitudesnecessáriasparacooperaçãocom os outros. Iniciativa:Nodesenvolvimentonormal,estaé acapacidade de se iniciarbonstrabalhospara bonspropósitos,sendodesenvolvidanosprimeirosquatrooucincoanosda vidade uma criança. Nocaso da faltade iniciativa,háfaltade auto-direção,vontade e propósito,
  8. 8. geralmente buscandorelacionamentoscom osoutrosde formainfantil,sempre pedindopor condescendência,aoinvésde lutarparaser respeitado.Pessoascomoestapersonalidade normalmente assumemumpapel infantil emrelaçãoaogoverno,votandoparaaquelesque prometemsegurançamaterial atravésdaobrigaçãocoletiva,aoinvésde votarnaqueles comprometidoscomaproteçãoda liberdade individual.A inibiçãodainiciativapode ocorrer por culpaexcessivaadquiridanainfância,surgindo,porinstância,docompletode Édipo. Diligência:Assimcomoainiciativaé a habilidadede iniciaratoscomboasmetas,diligênciaé a habilidade paracompletá-los.A criança,noseudesenvolvimentoescolar,se tornaaptaa completarsuasaçõesde formacada vezmais competente.Nafase dadiligência,acriança aprende a fazere realizarcoisase se relacionarde formasmaiscomplexascompessoasforade seunúcleofamiliar.A metadestafase é o desenvolvimentodacompetênciaadulta.Éa era da aquisiçãodacompetênciaeconômicae dasocialização.Nessafase,se aprende aconvivência de acordo com códigosaceitosde conduta,de acordo com as possibilidadesculturaisde seu tempo,de formaa canalizarseusinteressesnadireçãodacooperaçãomútua.Quandoas coisasnão vão muitobem,surgemdesordenscomportamentais,usode drogas,ou delinquência,assimcomoosurgimentode açõesque sabotama cooperação.A tendênciaé a geração de um sensode inferioridade,assimcomodéficitsnashabilidadessociais,de aprendizadoe identificaçõesconstrutivas,que deveriamser aporta de entradapara a aquisiçãodacompetênciaadulta.Atitudesque surgemdestasemoçõespatológicaspodem promoverumadependênciapassivacomportamental comoumadefesacontraomedodiante das relaçõeshumanas,vergonha,ouódio. Identidade:Osensode identidadedoadolescente é alteradoassimque eleexploravárias personas,múltiplase asvezescontraditórias,naconstruçãode seuself.Ele deve se confrontar com novosdesafiosemrelaçãoaobalançojá estabelecidoentreconfiançae desconfiança, autonomiae vergonha,iniciativae culpa,diligênciae inferioridade.Estafase testaa estabilidade emocionalque foi desenvolvidapelacriança,assimcomosua racionalidade, sendode adequaçãoe aceitabilidade,superaçãode obstáculos,e oaprofundamentodas habilidadesrelacionais.Odesenvolvimentodestaidentidade adultaenvolve oriscopercebido de acreditarnas instituiçõessociais.Oadultoquerumavisãodomundona qual possa acreditar.Istoé especialmenteimportante se ele sofreuformasde abusoanteriormente.Sua consciênciaampliadade quemele é facilitaumaintegraçãoentre suasidentidadesdopassado e dopresente comsua identidade dofuturo.Nestafase dodesenvolvimentoojovempode ser vítimadas ofertasilusóriasdoesquerdismo.Éa fase “final”da escolha. Uma cura para o esquerdismo? Com umaidentidade mantidaporumasérie de neuroses,oesquerdistanãoconsegue mais assumirresponsabilidadespelosseusatos,e muitomenospelasconsequênciasde suasações. Tende a se fazerde vítimapara conseguiroque quer,e não se furtaem mentirparaconseguir seusobjetivos.Équandopodemosquestionar:háumacura para issotudo?Possivelmente, mas a questãoé que o esquerdistadeve buscarajudaporsi próprio,masquantomais ele estiverrecebendoreforçode seusgrupos,menosvontade eleteráparafazê-lo.Aocontrário, mesmocom tantosdéficitse tamanhosdelírios,ele sempre julgaráestarcoma razão.
  9. 9. Diante disso,quempode fazeralgopelosesquerdistassãoosdireitistas,masissosópode acontecerpelaviada refutaçãoe do desmascaramentode suasações.Incapazesde julgarem seusprópriosatos,jamaisse deve confiarnoauto-julgamentode umesquerdista.Todasas auto-rotulagense outro-rotulagenstendemasermentirosas,assimcomoseusargumentos.A refutaçãode uma parte externa,nãocontaminadapelaideologiaesquerdista,é aúnica alternativaque pode darumfiode esperançaaoesquerdista. Entretanto,mesmoque aindaexistaesperançaparao esquerdista,osmaioresafetadossãoos não-esquerdistas,que possuemsuasvidasimpactadasporsuascrenças.Por isso,as nossas açõesnão devemserrealizadasprimeiramenteemprol de salvarosesquerdistasde suas patologias(envergonhando-o,porsuasmentiras,assimcomodenunciandosuaschantagens emocionais) ,massimporsalvar-nosdasconsequênciasde suasneurosese psicoses. Nesse intento,entenderporque elesachemassim, comoelesse sentem, e oque ostornou assim,passaa ser essencial.Neste ponto,aobrade Lyle Rossiteré simplesmente umachado.

×