Festival da tilápia

551 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
551
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Festival da tilápia

  1. 1. Festival da Tilápia celebra terceira edição na BahiaFestival da Tilápia 2012 acontece em sete cidades e mobiliza cooperativas do pescadoA tilápia vai mais uma vez reinar nas mesas de restaurantes de Salvador e outros seismunicípios da Bahia durante o Festival da Tilápia 2012. O evento gastronômico,que acontece de 26 de março a 16 de abril,foi lançado oficialmente no dia 24 emVitória da Conquista e será lançado amanhã em Salvador às 20:00 no restauranteYemanjá.. Promovido pela Bahia Pesca, empresa ligada à Secretaria da Agricultura,Irrigação e Reforma Agrária (Seagri), em parceria com a Associação Brasileira de Barese Restaurantes (Abrasel), o festival reúne restaurantes em Salvador, Lauro de Freitas,Camaçari, Porto Seguro, Ilhéus, Paulo Afonso e Vitória da Conquista.Esse ano, na terceira edição do projeto, o Festival da Tilápia já se consagrou nocalendário de eventos do segmento no estado e estará em 44 restaurantes de setecidades baianas. Além de movimentar a gastronomia vai mobilizar cooperativasprodutoras do pescado e diversos projetos de piscicultura desenvolvidos pela BahiaPesca no interior da Bahia. O objetivo é fortalecer e ampliar a cadeia produtiva e deconsumo dos produtos da tilápia, promovendo a utilização do pescado pelo setorgastronômico e estimulando o consumo doméstico do peixe.Além da vertente gastronômica, o festival traz esse ano o apelo artesanal, com o usodo couro da tilápia na produção de artigos utilizados durante o evento como cardápiose convites, produzidos por uma cooperativa de artesanato de Paulo Afonso.O evento vai promover também dez minicursos para 20 cooperativas de criação detilápia, dois workshops de acesso ao mercado, duas rodadas de negócios entreprodutores e empresários, além de realizar uma Missão Empresarial, que consiste emvisitas de cooperados aos ambientes dos restaurantes, para conhecer as instalações edialogar com empresários e chefs de cozinha.Sete cidades e 44 restaurantes participantesA carne branca, saudável e de alto valor protéico, foi alvo da atenção de chefs dosprincipais restaurantes das cidades participantes que criaram pratos especiais para oFestival. Na capital e no interior, delícias que têm a tilápia como base das receitasestarão disponíveis a preços que variam de R$ 15 a R$ 55. Em Salvador, pratos de darágua na boca como a Tilápia ao Recôncavo, do Restaurante 496 Grill, preparada comfilés de tilápia, acompanhados com purê de banana e decorados com quiabo frito, ou aTilápia Favorita, do Senac Casa do Comércio, prato a base de tilápia guarnecido commousse de hortelã, recheado com creme de camarão.Além desses, também participam do Festival restaurantes tradicionais de Salvadorcomo Baby Beef, Ki Mukeka, Caminho de Casa, Grande Sertão, entre outros; All Saintse Torre de Pizza em Lauro de Freitas; e outros 20 restaurantes em Camaçari, PortoSeguro, Ilhéus, Paulo Afonso e Vitória da Conquista. O pescado oferecido nos
  2. 2. restaurantes participantes será oriundo das cooperativas de pescadores do interior doestado.Gastronomia, negócios e desenvolvimentoPara o presidente da Bahia Pesca, Isaac Albagli, o festival traz visibilidade importantepara o trabalho social dos inúmeros projetos de piscicultura. “A Bahia Pesca além defomentar a produção com distribuição de alevinos e assistência técnica aos produtores,investe na divulgação da tilápia um peixe de carne nobre pelo seu sabor e valorprotéico. O festival está apenas na terceira edição, mas já é um evento consolidado”,ressalta.Nas aguadas públicas, em parceria com as prefeituras e associações de produtoresrurais, é feita a distribuição de alevinos periodicamente, o mesmo ocorrendo nasunidades demonstrativas de tanques-rede. Após um período que varia de seis a oitomeses, os alevinos (filhotes de peixes) atingem a idade adulta, chegando a pesar maisde um quilo, quando então são capturados para consumo e comercialização. “O festivalda tilápia vem com o propósito de enobrecer a carne do peixe na gastronomia e gerarsustentabilidade para o setor de aquicultura familiar”, revela o presidente da Abrasel,Luiz Henrique do Amaral.A TilápiaO gosto pelo peixe vem crescendo no mundo, tendo os Estados Unidos como um dosprincipais consumidores. Na Bahia não é diferente. Hoje o estado é o maior produtorde tilápias da região Nordeste e, para ampliar ainda mais essa produção, a Bahia Pescadesenvolve uma série de projetos no interior do estado, realizando o povoamento deaguadas públicas e a implantação de unidades demonstrativas de tanques-rede.Um exemplo que prova que o peixe caiu no gosto do público está no Ki Mukeka,participante do festival desde a primeira edição. O restaurante colhe até hoje os bonsfrutos dessa aposta no pescado. A moqueca de tilápia, prato que serviu no primeirofestival, é um dos mais pedidos no restaurante.Mais informações à imprensa:Laboratório da Notícia - 3272 4263Fernanda MatosMarcos PretoLidiane Nascimento – 71 9913 3272Cristiane Felix – 71 9969 9423Site: www.laboratoriodanoticia.com.brE-mail: laboratoriodanoticia@gmail.comFacebook: Laboratório da NoticiaTwitter: @laboratoriodanoticia
  3. 3. Obrigada

×