PROGRAMA MAIS
MÉDICO
Aluna: Wiliernéia Magalhães do Carmo
Prof.: João Costa Aguiar
9° Período – Direito / Noturno
UNILESTE...
O QUE É O PROGRAMA MAIS MÉDICOS
O Programa Mais Médico, instituído pela Medida
Provisória nº 621 e sancionado na Lei nº 12...
MÃO DE OBRA ESTRANGEIRA
O uso de mão de obra médica estrangeira é recorrente
entre governos pelo mundo. Aqui no Brasil hoj...
POLÍTICAS PÚBLICAS
O PMM integra o conjunto de políticas públicas
voltadas para a ordenação de recursos
humanos para a saú...
ABRANGÊNCIA DO PROGRAMA
 O Programa Mais Médicos completa seus
primeiros dois anos com 18.240 médicos
atuando em 4.058 mu...
ATENDIMENTO DIFERENCIADO
O atendimento mais próximo é uma das marcas
implantadas pelos médicos cubanos. Há dois anos no
Br...
DADOS APÓS DOIS ANOS DO PROGRAMA
 Desde o início do programa, 437 médicos
desistiram de participar do Mais Médicos, sendo...
CONCLUSÃO
Cabe ao Governo o dever constitucional de
garantir o direito à saúde de todos; aos
médicos brasileiros compete a...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Programa Mais Médicos

306 visualizações

Publicada em

Trabalho do Curso de Direito do 9º Período/Noturno.

Publicada em: Economia e finanças
5 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Ótimo trabalho! É de suma importância o aprofundamento de um tema tão polêmico no País.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • O programa gerou controvérsias no Brasil, todavia a palestrante soube se posicionar e explanar o tema.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Ótimo trabalho Néia! Evidenciou os principais pontos com clareza e objetividade.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • ótimo trabalho, conteúdo bem explanado.
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Neia, você demonstrou conhecimento a respeito do tema e empenho na execução do trabalho!
       Responder 
    Tem certeza que deseja  Sim  Não
    Insira sua mensagem aqui
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
306
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
5
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Programa Mais Médicos

  1. 1. PROGRAMA MAIS MÉDICO Aluna: Wiliernéia Magalhães do Carmo Prof.: João Costa Aguiar 9° Período – Direito / Noturno UNILESTE – MG
  2. 2. O QUE É O PROGRAMA MAIS MÉDICOS O Programa Mais Médico, instituído pela Medida Provisória nº 621 e sancionado na Lei nº 12.871, de 22/10/2013, pela Presidenta Dilma Rousseff, abrange ações conjuntas entre os Ministérios da Saúde e da Educação e faz parte de um amplo pacto de melhoria do atendimento aos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). A iniciativa prevê a melhoria em infraestrutura e equipamentos para a saúde, a expansão do número de vagas de graduação em medicina e de especialização/residência médica, o aprimoramento da formação médica no Brasil, seu pacote de políticas se pauta mais especificamente na inserção de médicos nas regiões mais carentes, como no interior do país e nas periferias das grandes cidades, áreas consideradas prioritárias para o
  3. 3. MÃO DE OBRA ESTRANGEIRA O uso de mão de obra médica estrangeira é recorrente entre governos pelo mundo. Aqui no Brasil hoje há 18.240 médicos atuando no Programa Mais Médicos, sendo 11.429 cubanos contratados via convênio com a Organização Pan-americana da Saúde (Opas), 1.537 formados no exterior e 5.274 brasileiros. Dois anos depois do início do programa, há cidades no Brasil que passaram a ter, pela primeira vez, um médico do SUS residindo e atendendo no local. Em outras regiões, a presença dos bolsistas não proporcionou uma melhora perceptível do atendimento, segundo a população. Mesmo em localidades em que os moradores comemoram a chegada dos médicos do programa, a falta de medicamentos e estrutura para exames continua comprometendo a qualidade do atendimento.
  4. 4. POLÍTICAS PÚBLICAS O PMM integra o conjunto de políticas públicas voltadas para a ordenação de recursos humanos para a saúde. Representa uma ação governamental intersetorial e articulada de órgãos públicos da saúde e da educação, nos três níveis da organização político- administrativa do país, coordenada, a nível federal, pelos Ministérios da Saúde e da Educação. Nos Estados e Municípios participam da execução do PMM as Secretarias Estaduais e Municipais de Saúde e Universidades públicas e privadas.
  5. 5. ABRANGÊNCIA DO PROGRAMA  O Programa Mais Médicos completa seus primeiros dois anos com 18.240 médicos atuando em 4.058 municípios – 72,8% das cidades brasileiras – e 34 Distritos Sanitários Especiais Indígenas (DSEI). Com isso, atualmente, mais 63 milhões de brasileiros estão sendo beneficiados nas localidades que mais precisam de atendimento médico.  (Dados do Ministério da Saúde)
  6. 6. ATENDIMENTO DIFERENCIADO O atendimento mais próximo é uma das marcas implantadas pelos médicos cubanos. Há dois anos no Brasil, eles ganharam carisma e a confiança de grande parte da população. Segundo uma pesquisa recente feita pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), que entrevistou 14 mil pessoas em 700 municípios do país entre novembro e dezembro de 2014, os médicos do Mais Médicos (sendo que os cubanos são 11.429 dos 14.462 médicos do programa) receberam, em média, a nota 9 pelo atendimento. 55% dos entrevistados deram nota máxima ao programa. Outros 77% garantiram que tiveram boa comunicação com os médicos e 87% elogiaram a atenção e qualidade do atendimento ao paciente. (Informações obtidas no site de notícias UOL, 11/08/2015, acesso em 20/09/2015)
  7. 7. DADOS APÓS DOIS ANOS DO PROGRAMA  Desde o início do programa, 437 médicos desistiram de participar do Mais Médicos, sendo 75 médicos cubanos e 361 brasileiros e estrangeiros;  Dos 5.570 municípios brasileiros 4.058 receberam profissionais do Mais Médicos, 73% do total de municípios;  Das 40 mil unidades de saúde básicas do país, 11 mil foram reformadas ou reconstruídas desde o início do Mais Médicos, segundo o Ministério da Saúde;  Desde o início do programa, 5.306 novas vagas de graduação em Medicina foram criadas. (Informações obtidas no site G1, acesso em 20/09/2015)
  8. 8. CONCLUSÃO Cabe ao Governo o dever constitucional de garantir o direito à saúde de todos; aos médicos brasileiros compete a obrigação de exercer sua profissão colocando-a a “serviço da saúde do ser humano e da coletividade, sem discriminação de qualquer natureza”, utilizando “o melhor progresso científico em benefício do paciente”, como determina o Código de Ética Médica, no Capítulo I, Artigos 1º e 5º.

×