

São alterações na temperatura da superfície da
água do Oceano Pacífico, com profundos efeitos
no clima.


Estes eventos modificam o sistema de flutuação
das temperaturas do Oceano Pacífico.



Seu papel no aquecimento global...
O El Niño foi originalmente reconhecido
por pescadores da costa oeste da América
do Sul, observando baixas capturas de
pes...








No Brasil a variação no volume de chuvas depende
de cada região e da intensidade do fenômeno. A
temperatura au...


O fenômeno La Niña, que é oposto ao El Niño,
corresponde ao resfriamento anormal das águas
superficiais do Oceano Pacíf...
As condições de La Niña
Anomalias da superfície do mar em novembro de 2007.








Passagens rápidas de frentes frias sobre a Região
Sul, além de chuvas muito acima da média no leste
dos estado...
El Niño

La Niña
http://enos.cptec.inpe.br/
Fenômenos Climáticos  El niño e La niña
Fenômenos Climáticos  El niño e La niña
Fenômenos Climáticos  El niño e La niña
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Fenômenos Climáticos El niño e La niña

5.288 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
4 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
5.288
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
383
Comentários
1
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fenômenos Climáticos El niño e La niña

  1. 1.  São alterações na temperatura da superfície da água do Oceano Pacífico, com profundos efeitos no clima.
  2. 2.  Estes eventos modificam o sistema de flutuação das temperaturas do Oceano Pacífico.  Seu papel no aquecimento global é uma área de intensa pesquisa, ainda sem muito consenso.
  3. 3. O El Niño foi originalmente reconhecido por pescadores da costa oeste da América do Sul, observando baixas capturas de pescados e as baixas temperaturas do Oceano Pacífico, normalmente no fim do ano – daí a designação, que significa “O Menino”, referindo-se ao “Menino Jesus” e, assim, ao Natal.
  4. 4.     No Brasil a variação no volume de chuvas depende de cada região e da intensidade do fenômeno. A temperatura aumenta na maioria das regiões. Região Sul: Aumento da temperatura média e da precipitação, principalmente na primavera e no período entre Maio e Julho. Região Norte e Nordeste: Diminuição de chuvas causando secas, se agrava a situação no Sertão Nordestino e aumentam as chances de incêndios florestais na Amazônia; Região Sudeste: Aumento da temperatura média.
  5. 5.  O fenômeno La Niña, que é oposto ao El Niño, corresponde ao resfriamento anormal das águas superficiais do Oceano Pacífico, formando uma “piscina de águas frias” nesse oceano.  Trata-se de um fenômeno natural que produz fortes mudanças na dinâmica geral da atmosfera, alterando o comportamento climático.  Outros nomes como "El Viejo" ou "anti-El Niño" também são usados para se referir a este resfriamento, mas o termo La Niña ganhou mais popularidade.
  6. 6. As condições de La Niña Anomalias da superfície do mar em novembro de 2007.
  7. 7.     Passagens rápidas de frentes frias sobre a Região Sul, além de chuvas muito acima da média no leste dos estados da Região Sul, estiagem no Oeste destes estados e no Paraguai. Temperaturas próximas da média climatológica ou ligeiramente abaixo da média sobre a Região Sudeste, durante o inverno; Chegada das frentes frias até a Região Nordeste, principalmente no litoral da Bahia, Sergipe e Alagoas, com possibilidade de chuvas acima da média sobre a região semi-árida do Nordeste; Tendência às chuvas abundantes no norte e leste da Amazônia (Região Norte).
  8. 8. El Niño La Niña
  9. 9. http://enos.cptec.inpe.br/

×