SlideShare uma empresa Scribd logo
A EDUCAÇÃO NA AMAZÔNIA:
REALIDADES E DESAFIOS ATUAIS
Santarém, PA
Dezembro de 2017
Acadêmicos: Cândida Camila de Sousa,
Jerry Campos Silva
Universidade Federal do Oeste do Pará
Instituto de Ciências da Educação
Licenciatura de Informática Educacional
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais
Introdução
“Ao lado do enorme potencial amazônico de recursos naturais,
florestais, minerais, energéticos e biotecnológicos é preciso
relembrar que esses recursos per si não garantem a certeza de um
desenvolvimento sustentável. É preciso criar condições de
infraestrutura científica, tecnológica e, sobretudo, de recursos
humanos qualificados para que esse nível de bem estar futuro venha
a acontecer. O cenário do futuro não contempla nível de emprego e
renda para analfabetos formais e funcionais, iletrados, inumerados
ou não informatizados. O bom saber e o bem fazer serão
instrumentos indispensáveis para a materialização desse futuro
(COLARES;COLARES;2016 Apud BENCHIMOL, 1999, p. 16).”
A diversidade linguística e sua legitimidade
Discutir a educação na Amazônia implica pensar a diversidade
linguística e cultural que se destaca nessa região.
A língua reflete essa diversidade, e por isso ainda há um
grande desafio nesta região, onde apesar de presenciarmos
uma significativa quantidade de falares, a falta de
valorização dessa riqueza linguística ainda é constante e
tem facilitado o desaparecimento de línguas indígenas,
assim como desses povos que tem seu modo de vida, sua
cultura, considerados, por muito tempo, inferiores ao modo
de vida daqueles que maior detêm o poder político e
econômico.
• líder Indígena Gedeão de Santarém(desenvolve pesquisas com o
objetivo de resgate da língua nheengatu)
• Gedeão é oriundo da comunidade indígena Vila Franca,
localizada no rio Arapium, em frente a Alter do Chão. A
comunidade tem cerca de 70 famílias, sendo que uma parte se
denomina indígena e outra não neste ano foi implantado na
escola Antonio de Sousa Pedroso, de Alter do Chão o ensino da
língua nheengatu, com professores capacitados para a função ou
mesmo como ele diz “professores de notório saber, segundo a
LDB – Lei de Diretrizes e Bases”
• O ensino da língua indígena é importante, mesmo
que não seja garantida na LDB – Lei de Diretrizes e Bases, diz
Gedeão.
Formação de Professores : Refletindo a
carreira Profissional no contexto Amazônico
“[…] a escola precisa abandonar um modelo no qual se esperam
alunos homogêneos, tratando como iguais os diferentes, e
incorporar uma concepção que considere a diversidade tanto no
âmbito do trabalho com os conteúdos escolares quanto no das
relações interpessoais”
(COLARES;COLARES;2016ApudARAÚJO,1998, p.44)
A universidade e a formação de professores na
Amazônia
Os debates a respeito da formação de professores na
Amazônia tem ganhado relevância à medida que os novos desafios
estão sendo postos para a sociedade do conhecimento,
pensar a prática docente e suas dificuldades cotidianas nos leva a
contribuir de alguma forma para esse debate que até pouco
tempo era pouco evidente no contexto acadêmico regional.
Se a formação de professores ainda não é satisfatória –
em termos de modelo – em abrangência tem se mostrado complexa.
Em regiões como a Amazônia, marcada pela diversidade
socioespacial, a formação docente e o processo de ensino
aprendizagem ainda acontecem de forma precária, apresentando-se
como desafio para os governos, formuladores de políticas
cas educacionais, gestores, instituições de ensino e seguimentos
da sociedade civil que militam por uma educação de qualidade.
• centros urbanos amazônicos e em lugares próximos às sedes
municipais a formação docente está sendo relativamente realizada,
porém em lugares mais distantes e de difícil acesso;
• uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos professores para
desenvolver sua prática pedagógica em sala de aula é a ausência de
formação inicial e continuada. Essa situação se agrava pela não
adaptação de professores habilitados – oriundos da cidade – às
adversidades e condições geográficas das diferentes localidades
amazônicas, acarretando em rotatividade de professores nas escolas
e ocasionando carência de profissionais qualificados.
A educação na Amazônia nos dias atuais
• Acre : Maior proporção de pessoa que nunca frequentou a escola;
• Amazonas: Maior taxa de Abandono no Ensino Fundamental;
• Pará: Maior taxa de abandono no Ensino Médio;
• Amapá: Pior índice geral de desempenho entre os estados do
norte;
• Rondônia: Maior taxa de reprovação no Ensino Médio.
Gráfico da Educação na Amazônia
4º ano.
0
5
10
15
20
25
30
35
Brasil Acre Amazonas Amapá Pará Rondônia
Português
Matemática
0
5
10
15
20
25
30
Brasil Acre Amazônas Amapá Pará Rondônia
Matemática
Português
Gráfico da Educação na Amazônia 8º ano.
Fonte: IBGE/ INEP
IDEB- Índice de Desenvolvimento da Educação Básica.
0
0.5
1
1.5
2
2.5
3
3.5
4
4.5
5
Brasil Acre Amazônas Amapá Pará Rondônia
1ª a 4 ª
5ª a 8ª
Ensino Médio
Fonte: IDEB/2009
Segundo dados do IBGE de 2013, a população estimada é
de 288.462 habitantes. O Ensino Fundamental é atendido,
em sua maioria pela Rede Municipal de Ensino. Dados do
MEC/INEP/SEDUC de 2013 revelam que dos 443
Estabelecimentos de Ensino, 377 estão na rede municipal,
29 na rede estadual e 37 na rede particular, atendendo
57.953 matrículas assim distribuídas: 8.321 – estadual,
43.576 – municipal e 6.056 – particular (PARÁ, 2014).
• A Rede Municipal de Ensino, coordenada pela Secretaria
Municipal de Educação e Desporto para atender as
diferentes realidades do município organiza o atendimento
a partir da subdivisão escolas da cidade (urbanas) e escolas
do campo (Rurais, distribuídas em: Planalto e Rios).
• Os dados coletados no Setor de Estatística da Secretaria
Municipal de Educação informam que existem 410 escolas,
atendendo 59.954 alunos assim distribuídos: Cidade – 84
escolas – 33.905 alunos; Campo 326 escolas (Planalto e Rios)
– 26.049 alunos. (NDP/Setor de Estatística,2014). O quadro
abaixo apresenta os resultados do Índice de
Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB de 2013,
comparando os dados gerais e locais.
RESULTADO
ESPERADO
META RESULTADO
ESPERADO
META
Brasil 5,2 4,9 4,2 4,4
Pará 4,0 3,8 4,0 3,8
Santarém 4,9 4,6 4,0 4,6
1ª a 4ª 5ª a 8ª
Fonte: MEC /2015
• O quadro abaixo apresenta os resultados do Índice de
Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB de 2013, comparando os
dados gerais e locais.
A educação na Amazônia e os desafios
para a educação integral(p25)
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
"Educação: desafios globais e amazônicos" en Atlante. Cuadernos de
Educación y Desarrollo, julho 2013, Disponível em
http://atlante.eumed.net/educacao-amazonia/ Acesso em
17/12/2017 ás 18:50
COLARES, Anselmo Alencar; COLARES, Maria Lília Imbiriba Sousa
An824. Educação e realidade amazônica / Anselmo Alencar Colares;
Lília Imbiriba Sousa Colares, (Orgs). Uberlândia: Navegando
Publicações, 2016.
http://www.apublica.org//2012/2007/Amazonia.-1

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Mario Amorim
 
Pcns.
Pcns.Pcns.
Educação de jovens e adultos
Educação de jovens e adultosEducação de jovens e adultos
Educação de jovens e adultos
Linda-maria12
 
Família, Escola, Sociedade
Família, Escola, SociedadeFamília, Escola, Sociedade
Educação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline Ventura
Educação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline VenturaEducação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline Ventura
Educação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline Ventura
Grupo Educação, Mídias e Comunidade Surda
 
Didática
DidáticaDidática
Didática
gadea
 
Dissertação do Mestrado
Dissertação do MestradoDissertação do Mestrado
Dissertação do Mestrado
Ricardo Aureliano
 
História da Educação Indígena
História da Educação IndígenaHistória da Educação Indígena
História da Educação Indígena
Claraluz Gris
 
Politicas Públicas Educação do Campo MEC-SECADI_13
Politicas Públicas Educação do Campo  MEC-SECADI_13Politicas Públicas Educação do Campo  MEC-SECADI_13
Politicas Públicas Educação do Campo MEC-SECADI_13
elaine azevedo
 
Relação professor aluno
Relação professor alunoRelação professor aluno
Relação professor aluno
Romes Heriberto
 
Modalidades de educação slide 2
Modalidades de educação   slide 2Modalidades de educação   slide 2
Modalidades de educação slide 2
semnazarenovirtual
 
Libâneo, josé carlos
Libâneo, josé carlosLibâneo, josé carlos
Libâneo, josé carlos
Soares Junior
 
Educação rural x educação do campo
Educação rural x educação do campoEducação rural x educação do campo
Educação rural x educação do campo
Cássyo Carvalho
 
Documentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículoDocumentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículo
Ulisses Vakirtzis
 
Abordagens de ensino
Abordagens de ensinoAbordagens de ensino
Abordagens de ensino
ADRIANA BECKER
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
lucasvinicius98
 
Apresentação eja
Apresentação eja Apresentação eja
Apresentação eja
Izabel Cristina Bonethe
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
Marcelo Assis
 
Slide 1 formação de professores princípios e estratégias formativas
Slide 1   formação de professores princípios e estratégias formativasSlide 1   formação de professores princípios e estratégias formativas
Slide 1 formação de professores princípios e estratégias formativas
Shirley Lauria
 
Curriculo
CurriculoCurriculo

Mais procurados (20)

Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
Avaliação Escolar - Texto de Libâneo (1994)
 
Pcns.
Pcns.Pcns.
Pcns.
 
Educação de jovens e adultos
Educação de jovens e adultosEducação de jovens e adultos
Educação de jovens e adultos
 
Família, Escola, Sociedade
Família, Escola, SociedadeFamília, Escola, Sociedade
Família, Escola, Sociedade
 
Educação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline Ventura
Educação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline VenturaEducação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline Ventura
Educação de Jovens e Adultos - Profª Dra Jaqueline Ventura
 
Didática
DidáticaDidática
Didática
 
Dissertação do Mestrado
Dissertação do MestradoDissertação do Mestrado
Dissertação do Mestrado
 
História da Educação Indígena
História da Educação IndígenaHistória da Educação Indígena
História da Educação Indígena
 
Politicas Públicas Educação do Campo MEC-SECADI_13
Politicas Públicas Educação do Campo  MEC-SECADI_13Politicas Públicas Educação do Campo  MEC-SECADI_13
Politicas Públicas Educação do Campo MEC-SECADI_13
 
Relação professor aluno
Relação professor alunoRelação professor aluno
Relação professor aluno
 
Modalidades de educação slide 2
Modalidades de educação   slide 2Modalidades de educação   slide 2
Modalidades de educação slide 2
 
Libâneo, josé carlos
Libâneo, josé carlosLibâneo, josé carlos
Libâneo, josé carlos
 
Educação rural x educação do campo
Educação rural x educação do campoEducação rural x educação do campo
Educação rural x educação do campo
 
Documentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículoDocumentos de identidade currículo
Documentos de identidade currículo
 
Abordagens de ensino
Abordagens de ensinoAbordagens de ensino
Abordagens de ensino
 
Educação ambiental
Educação ambientalEducação ambiental
Educação ambiental
 
Apresentação eja
Apresentação eja Apresentação eja
Apresentação eja
 
Tendências Pedagógicas
Tendências PedagógicasTendências Pedagógicas
Tendências Pedagógicas
 
Slide 1 formação de professores princípios e estratégias formativas
Slide 1   formação de professores princípios e estratégias formativasSlide 1   formação de professores princípios e estratégias formativas
Slide 1 formação de professores princípios e estratégias formativas
 
Curriculo
CurriculoCurriculo
Curriculo
 

Semelhante a Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais

Monografia sobre educação do campo
Monografia sobre educação do campoMonografia sobre educação do campo
Monografia sobre educação do campo
SERGIO MURILO DE OLIVEIRA PEIXOTO
 
A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...
A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...
A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...
Jéssika Pereira
 
Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)
Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)
Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)
Carolayne Carvalho dos Santos
 
TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014
TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014
TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014
arlete buchardt
 
Políticas Públicas em educação profissional na região do Marajó
Políticas Públicas em educação profissional na região do MarajóPolíticas Públicas em educação profissional na região do Marajó
Políticas Públicas em educação profissional na região do Marajó
MauroValente13
 
Trilhas campesinas integrando vidas e saberes final
Trilhas campesinas   integrando vidas e saberes finalTrilhas campesinas   integrando vidas e saberes final
Trilhas campesinas integrando vidas e saberes final
Ketheley Freire
 
Projeto Pedagógico Escolar
Projeto Pedagógico EscolarProjeto Pedagógico Escolar
Projeto Pedagógico Escolar
LOCIMAR MASSALAI
 
Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...
Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...
Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...
curriculoemmovimentopara
 
Aurilene de sales
Aurilene de salesAurilene de sales
Aurilene de sales
SimoneHelenDrumond
 
Diretriz edcampo
Diretriz edcampoDiretriz edcampo
Diretriz edcampo
lucilaback
 
Artigo aurilene pantoja (1)x
Artigo aurilene pantoja (1)xArtigo aurilene pantoja (1)x
Artigo aurilene pantoja (1)x
SimoneHelenDrumond
 
Ppp 2015
Ppp 2015Ppp 2015
Ppp 2015
escolaramona
 
14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...
14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...
14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...
christianceapcursos
 
EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...
EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...
EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...
christianceapcursos
 
Etnomatemática e a cultura amazônica
Etnomatemática e a cultura amazônicaEtnomatemática e a cultura amazônica
Etnomatemática e a cultura amazônica
Augusto Bello
 
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
 LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no... LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no...
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
Sonia Augusta Sonia
 
O perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de Vasconcelos
O perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de VasconcelosO perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de Vasconcelos
O perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de Vasconcelos
Governo do Estado de São Paulo
 
Texto afinal do que é educação contextualizada (2)
Texto afinal do que é educação contextualizada (2)Texto afinal do que é educação contextualizada (2)
Texto afinal do que é educação contextualizada (2)
Maria Vieira
 
Dossiê 2014
Dossiê  2014Dossiê  2014
Artigo a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...
Artigo   a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...Artigo   a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...
Artigo a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...
Joao Henrique da Silva
 

Semelhante a Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais (20)

Monografia sobre educação do campo
Monografia sobre educação do campoMonografia sobre educação do campo
Monografia sobre educação do campo
 
A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...
A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...
A educação escolar indígena entre os Wassu-Cocal: algumas pistas sobre a conc...
 
Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)
Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)
Modelo de projeto_de_pesquisa_a_o (1)
 
TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014
TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014
TRILHAS CAMPESINAS: Integrando vidas e saberes 2014
 
Políticas Públicas em educação profissional na região do Marajó
Políticas Públicas em educação profissional na região do MarajóPolíticas Públicas em educação profissional na região do Marajó
Políticas Públicas em educação profissional na região do Marajó
 
Trilhas campesinas integrando vidas e saberes final
Trilhas campesinas   integrando vidas e saberes finalTrilhas campesinas   integrando vidas e saberes final
Trilhas campesinas integrando vidas e saberes final
 
Projeto Pedagógico Escolar
Projeto Pedagógico EscolarProjeto Pedagógico Escolar
Projeto Pedagógico Escolar
 
Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...
Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...
Escolas Rurais Multisseriadas E Os Desafios Da Educação Do Campo De Qualidade...
 
Aurilene de sales
Aurilene de salesAurilene de sales
Aurilene de sales
 
Diretriz edcampo
Diretriz edcampoDiretriz edcampo
Diretriz edcampo
 
Artigo aurilene pantoja (1)x
Artigo aurilene pantoja (1)xArtigo aurilene pantoja (1)x
Artigo aurilene pantoja (1)x
 
Ppp 2015
Ppp 2015Ppp 2015
Ppp 2015
 
14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...
14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...
14. expectativas do jovem do campo do município de palmeira dos índios ao ing...
 
EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...
EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...
EXPECTATIVAS DO JOVEM DO CAMPO DO MUNICÍPIO DE PALMEIRA DOS ÍNDIOS AO INGRESS...
 
Etnomatemática e a cultura amazônica
Etnomatemática e a cultura amazônicaEtnomatemática e a cultura amazônica
Etnomatemática e a cultura amazônica
 
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
 LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no... LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das  relações  étnicos raciais no...
LEI 10.639/2003: Uma proposta de discussão das relações étnicos raciais no...
 
O perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de Vasconcelos
O perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de VasconcelosO perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de Vasconcelos
O perfil da educação de jovens e adultos na cidade de Ferraz de Vasconcelos
 
Texto afinal do que é educação contextualizada (2)
Texto afinal do que é educação contextualizada (2)Texto afinal do que é educação contextualizada (2)
Texto afinal do que é educação contextualizada (2)
 
Dossiê 2014
Dossiê  2014Dossiê  2014
Dossiê 2014
 
Artigo a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...
Artigo   a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...Artigo   a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...
Artigo a escolarização de indígenas com deficiência nas aldeias indígenas d...
 

Último

Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
shirleisousa9166
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
Ligia Galvão
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
felipescherner
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
marcos oliveira
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Mary Alvarenga
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Colaborar Educacional
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
AngelicaCostaMeirele2
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
beathrizalves131
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
LuizHenriquedeAlmeid6
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Leonel Morgado
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
marcos oliveira
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
jetroescola
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Anesio2
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
felipescherner
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Centro Jacques Delors
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Mary Alvarenga
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Falcão Brasil
 

Último (20)

Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdfCaderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
Caderno_de_referencias_Ocupacaohumana_IV_FlaviaCoelho_compressed.pdf
 
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptxIV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
IV Jornada Nacional Tableau - Apresentações.pptx
 
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docxreconquista sobre a guerra de ibérica.docx
reconquista sobre a guerra de ibérica.docx
 
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdfTrabalho Colaborativo na educação especial.pdf
Trabalho Colaborativo na educação especial.pdf
 
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.Caça-palavras e cruzadinha -  Encontros consonantais.
Caça-palavras e cruzadinha - Encontros consonantais.
 
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores LocaisTemática – Projeto para Empreendedores Locais
Temática – Projeto para Empreendedores Locais
 
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.Texto e atividade -  O que fazemos com a água que usamos.
Texto e atividade - O que fazemos com a água que usamos.
 
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2021/2022 CENSIPAM.pdf
 
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
farmacologia-segura-em-mapas-mentais-reduzindo-os-riscos-da-terapeutica-24040...
 
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdfOficina de bases de dados - Dimensions.pdf
Oficina de bases de dados - Dimensions.pdf
 
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptxSlides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
Slides Lição 2, CPAD, O Livro de Rute, 3Tr24.pptx
 
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e CaminhosAprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
Aprendizagem Imersiva: Conceitos e Caminhos
 
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptxA perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
A perspectiva colaborativa e as novas práticas de inclusão. (1).pptx
 
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptxLicao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
Licao de adultos Topico 1 CPAD edit.pptx
 
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdfIdeais do Ministério jovem Adventista pdf
Ideais do Ministério jovem Adventista pdf
 
Guerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibéricaGuerra de reconquista da Península ibérica
Guerra de reconquista da Península ibérica
 
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UEInfografia | Presidência húngara do Conselho da UE
Infografia | Presidência húngara do Conselho da UE
 
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2017 CENSIPAM.pdf
 
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
Caça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafosCaça - palavras  e cruzadinha   com  dígrafos
Caça - palavras e cruzadinha com dígrafos
 
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdfRelatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
Relatório de Atividades 2015 CENSIPAM.pdf
 

Educação na Amazônia: Realidades e Desafios Atuais

  • 1. A EDUCAÇÃO NA AMAZÔNIA: REALIDADES E DESAFIOS ATUAIS Santarém, PA Dezembro de 2017 Acadêmicos: Cândida Camila de Sousa, Jerry Campos Silva Universidade Federal do Oeste do Pará Instituto de Ciências da Educação Licenciatura de Informática Educacional
  • 12. Introdução “Ao lado do enorme potencial amazônico de recursos naturais, florestais, minerais, energéticos e biotecnológicos é preciso relembrar que esses recursos per si não garantem a certeza de um desenvolvimento sustentável. É preciso criar condições de infraestrutura científica, tecnológica e, sobretudo, de recursos humanos qualificados para que esse nível de bem estar futuro venha a acontecer. O cenário do futuro não contempla nível de emprego e renda para analfabetos formais e funcionais, iletrados, inumerados ou não informatizados. O bom saber e o bem fazer serão instrumentos indispensáveis para a materialização desse futuro (COLARES;COLARES;2016 Apud BENCHIMOL, 1999, p. 16).”
  • 13. A diversidade linguística e sua legitimidade Discutir a educação na Amazônia implica pensar a diversidade linguística e cultural que se destaca nessa região.
  • 14. A língua reflete essa diversidade, e por isso ainda há um grande desafio nesta região, onde apesar de presenciarmos uma significativa quantidade de falares, a falta de valorização dessa riqueza linguística ainda é constante e tem facilitado o desaparecimento de línguas indígenas, assim como desses povos que tem seu modo de vida, sua cultura, considerados, por muito tempo, inferiores ao modo de vida daqueles que maior detêm o poder político e econômico.
  • 15. • líder Indígena Gedeão de Santarém(desenvolve pesquisas com o objetivo de resgate da língua nheengatu) • Gedeão é oriundo da comunidade indígena Vila Franca, localizada no rio Arapium, em frente a Alter do Chão. A comunidade tem cerca de 70 famílias, sendo que uma parte se denomina indígena e outra não neste ano foi implantado na escola Antonio de Sousa Pedroso, de Alter do Chão o ensino da língua nheengatu, com professores capacitados para a função ou mesmo como ele diz “professores de notório saber, segundo a LDB – Lei de Diretrizes e Bases” • O ensino da língua indígena é importante, mesmo que não seja garantida na LDB – Lei de Diretrizes e Bases, diz Gedeão.
  • 16. Formação de Professores : Refletindo a carreira Profissional no contexto Amazônico “[…] a escola precisa abandonar um modelo no qual se esperam alunos homogêneos, tratando como iguais os diferentes, e incorporar uma concepção que considere a diversidade tanto no âmbito do trabalho com os conteúdos escolares quanto no das relações interpessoais” (COLARES;COLARES;2016ApudARAÚJO,1998, p.44)
  • 17. A universidade e a formação de professores na Amazônia Os debates a respeito da formação de professores na Amazônia tem ganhado relevância à medida que os novos desafios estão sendo postos para a sociedade do conhecimento, pensar a prática docente e suas dificuldades cotidianas nos leva a contribuir de alguma forma para esse debate que até pouco tempo era pouco evidente no contexto acadêmico regional.
  • 18. Se a formação de professores ainda não é satisfatória – em termos de modelo – em abrangência tem se mostrado complexa. Em regiões como a Amazônia, marcada pela diversidade socioespacial, a formação docente e o processo de ensino aprendizagem ainda acontecem de forma precária, apresentando-se como desafio para os governos, formuladores de políticas cas educacionais, gestores, instituições de ensino e seguimentos da sociedade civil que militam por uma educação de qualidade.
  • 19. • centros urbanos amazônicos e em lugares próximos às sedes municipais a formação docente está sendo relativamente realizada, porém em lugares mais distantes e de difícil acesso; • uma das maiores dificuldades enfrentadas pelos professores para desenvolver sua prática pedagógica em sala de aula é a ausência de formação inicial e continuada. Essa situação se agrava pela não adaptação de professores habilitados – oriundos da cidade – às adversidades e condições geográficas das diferentes localidades amazônicas, acarretando em rotatividade de professores nas escolas e ocasionando carência de profissionais qualificados.
  • 20. A educação na Amazônia nos dias atuais • Acre : Maior proporção de pessoa que nunca frequentou a escola; • Amazonas: Maior taxa de Abandono no Ensino Fundamental; • Pará: Maior taxa de abandono no Ensino Médio; • Amapá: Pior índice geral de desempenho entre os estados do norte; • Rondônia: Maior taxa de reprovação no Ensino Médio.
  • 21. Gráfico da Educação na Amazônia 4º ano. 0 5 10 15 20 25 30 35 Brasil Acre Amazonas Amapá Pará Rondônia Português Matemática
  • 22. 0 5 10 15 20 25 30 Brasil Acre Amazônas Amapá Pará Rondônia Matemática Português Gráfico da Educação na Amazônia 8º ano. Fonte: IBGE/ INEP
  • 23. IDEB- Índice de Desenvolvimento da Educação Básica. 0 0.5 1 1.5 2 2.5 3 3.5 4 4.5 5 Brasil Acre Amazônas Amapá Pará Rondônia 1ª a 4 ª 5ª a 8ª Ensino Médio Fonte: IDEB/2009
  • 24. Segundo dados do IBGE de 2013, a população estimada é de 288.462 habitantes. O Ensino Fundamental é atendido, em sua maioria pela Rede Municipal de Ensino. Dados do MEC/INEP/SEDUC de 2013 revelam que dos 443 Estabelecimentos de Ensino, 377 estão na rede municipal, 29 na rede estadual e 37 na rede particular, atendendo 57.953 matrículas assim distribuídas: 8.321 – estadual, 43.576 – municipal e 6.056 – particular (PARÁ, 2014).
  • 25. • A Rede Municipal de Ensino, coordenada pela Secretaria Municipal de Educação e Desporto para atender as diferentes realidades do município organiza o atendimento a partir da subdivisão escolas da cidade (urbanas) e escolas do campo (Rurais, distribuídas em: Planalto e Rios).
  • 26. • Os dados coletados no Setor de Estatística da Secretaria Municipal de Educação informam que existem 410 escolas, atendendo 59.954 alunos assim distribuídos: Cidade – 84 escolas – 33.905 alunos; Campo 326 escolas (Planalto e Rios) – 26.049 alunos. (NDP/Setor de Estatística,2014). O quadro abaixo apresenta os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB de 2013, comparando os dados gerais e locais.
  • 27. RESULTADO ESPERADO META RESULTADO ESPERADO META Brasil 5,2 4,9 4,2 4,4 Pará 4,0 3,8 4,0 3,8 Santarém 4,9 4,6 4,0 4,6 1ª a 4ª 5ª a 8ª Fonte: MEC /2015 • O quadro abaixo apresenta os resultados do Índice de Desenvolvimento da Educação Básica – IDEB de 2013, comparando os dados gerais e locais.
  • 28. A educação na Amazônia e os desafios para a educação integral(p25) REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS
  • 29. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS "Educação: desafios globais e amazônicos" en Atlante. Cuadernos de Educación y Desarrollo, julho 2013, Disponível em http://atlante.eumed.net/educacao-amazonia/ Acesso em 17/12/2017 ás 18:50 COLARES, Anselmo Alencar; COLARES, Maria Lília Imbiriba Sousa An824. Educação e realidade amazônica / Anselmo Alencar Colares; Lília Imbiriba Sousa Colares, (Orgs). Uberlândia: Navegando Publicações, 2016. http://www.apublica.org//2012/2007/Amazonia.-1