Anvisa nív de prevenção

373 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
373
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
11
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Anvisa nív de prevenção

  1. 1. NÍVEIS DE PREVENÇÃO
  2. 2. 5. NÍVEIS DE PREVENÇÃO• Para tratar desse tópico, é interessante relacionar aquialgumas noções e conceitos que vêm da epidemiologia• Epidemiologia• o “Ciência que estuda o processo saúde-doença emcoletividades humanas, analisando a distribuição e osfatores determinantes da enfermidade, danos a saúdee eventos associados à saúde coletiva, propondomedidas específicas de prevenção, controle, ouerradicação de doenças e fornecendo indicadores quesirvam de suporte ao planejamento administrativo eavaliação das ações de saúde.” (Rouquayrol,2003)
  3. 3. 5.1 a) Epidemiologia x Saúde Pública• Epidemiologia = instrumento para odesenvolvimento de políticas no setor da saúde.cuja aplicação adéqua o conhecimentodisponível às realidades locais.• "Epidemiologia é o estudo da frequência, dadistribuição e dos determinantes dos estados oueventos relacionados à saúde em específicaspopulações e a aplicação desses estudos nocontrole dos problemas de saúde." (J. Last, 1995)
  4. 4. 5.2. Processo Saúde/Doença:
  5. 5. 5.2.1 História Natural da Doença (HND)• o É o nome dado ao conjunto de processosinterativos compreendendo as interrelações doagente, do suscetível e do meio ambiente queafetam o processo global e seu desenvolvimento,desde as primeiras forças que criam o estímulopatológico no meio ambiente , ou em qualqueroutro lugar, passando pela resposta do homemao estímulo, até as alterações que levam a umdefeito, invalidez, recuperação ou morte•
  6. 6. Processo saúde/doença - fasesPeríodo de Pré-patogênese• Fatores Sociais• Fatores Ambientais• Fatores Genéticos• MultifatorialidadePeríodo de Patogênese• Interação Estímulo-Suscetível• Alterações orgânicas• Sinais e Sintomas• Cura/cronicidade.
  7. 7. 5.2.2. NÍVEIS DE PREVENÇÃO:• PREVENÇÃO PRIMÁRIA• ação no período que antecede a ocorrência dadoença.• Ela é definida como promoção de saúde e a prevençãode enfermidades ou profilaxia.Ex., saneamento básico, a vacinação, uso depreservativos para evitar a infecção por DST , Ginásticalaboral etc...
  8. 8. 5.2.2. NÍVEIS DE PREVENÇÃO:• PREVENÇÃO SECUNDÁRIA• medidas que visam a impedir a evolução de doenças já existentese, em conseqüência, suas complicações.• Os exames periódicos e o auto-exame de mama, entre outros, sãoprocedimentos de reconhecida eficácia para o diagnósticoprecoce, que permite o início imediato do tratamento eevita, muitas vezes, o agravamento da enfermidade. "Prevençãosecundária significa prevenção da evolução das enfermidadesatravés da execução de procedimentos diagnósticos outerapêuticos.“• Ex. Um paciente hipertenso, previamente diagnosticado, que temmonitoramento de profissionais de saúde , exercício físico , dietaadequada, terá uma evolução muito lenta da patologia, diminuindoincrivelmente as possíveis complicações da doença.
  9. 9. 5.2.2. NÍVEIS DE PREVENÇÃO:• PREVENÇÃO TERCIÁRIA:• ações voltadas à reabilitação do indivíduo após acura ou o controle da doença, a fim de reajustá-lo a uma nova condição de vida.• Lida com a recuperação funcional de sequelas,que muitas vezes são irreversíveis .• Fazem parte dessas medidas a fisioterapia , aterapia ocupacional e a colocação de próteses,por exemplo.

×