O slideshow foi denunciado.
Utilizamos seu perfil e dados de atividades no LinkedIn para personalizar e exibir anúncios mais relevantes. Altere suas preferências de anúncios quando desejar.
UniEvangélica Centro Universitário                           SCHOLA FÉRTILE           Especialização (Lato Sensu) em Repro...
Introdução Prevalência de abortamento em reprodução assistida (RA) Não há fatores únicos e precisá-los não tem sido tarefa...
IntroduçãoQuadro 1: Características do IMC para adultos segundo a OMS (WHO, 2006)              Classificação              ...
ObjetivoAvaliar a prevalência de abortamento em pacientes submetidas aprocedimentos de FIV/ICSI na clínica Fértile, durant...
MetodologiaEstudo retrospectivoN= 324 prontuáriosPeríodo: Janeiro a Dezembro de 2011Variáveis analisadas:    idade    IMC ...
MetodologiaAnálise estatística:    software OpenEpi V2. 3.1;   Para verificar se houve diferença significativa considerand...
ResultadosTabela 1: Características da população de mulheres submetidas à FIV / ICSI na clínicaFértile em Goiânia, no perí...
ResultadosTabela 2: Gravidez a termo e abortamento em relação à idade, IMC e tempo de infertilidade.           Variáveis† ...
ResultadosTabela 3: Percentual de gravidez a termo e abortamento em diferentes grupos etários      Idade         Gravidez ...
ResultadosTabela 4: Percentual de gravidez a termo e abortamento e os níveis de IMC.   IMC           Gravidez Total    Gra...
ResultadosTabela 5: Gravidez a termo e abortamento em relação ao tempo de infertilidadeTempo de Infertilidade   Gravidez T...
DiscussãoA idade da mulher :   Um importante fator prognóstico do resultado do procedimento de FIV/ICSI;   Quanto maior a ...
DiscussãoIMC:   Foram encontradas diferenças significativas nas taxas de abortamento na amostra analisada que abortaram e ...
Discussão  A maioria dos estudos que avaliaram o IMC e as taxas de abortamento nãoobservou estritamente a classificação da...
Discussão   As diferenças metodológicas consideráveis e a heterogeneidade clínicaencontradas na literatura, particularment...
ConclusãoA prevalência de abortamento em pacientes submetidas aprocedimentos de FIV/ICSI na clínica Fértile, durante o pe...
Prevalência de abortamento em FIV
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Prevalência de abortamento em FIV

592 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Prevalência de abortamento em FIV

  1. 1. UniEvangélica Centro Universitário SCHOLA FÉRTILE Especialização (Lato Sensu) em Reprodução HumanaPrevalência de abortamento e potenciais fatores deassociação em pacientes submetidas à FIV/ICSI no período de Janeiro a Dezembro de 2011. Dra. Valdely Helena Talamonte Pós- graduanda Orientadora: Prof. Dra. Zelma Bernardes Costa
  2. 2. Introdução Prevalência de abortamento em reprodução assistida (RA) Não há fatores únicos e precisá-los não tem sido tarefa fácil Potenciais fatores de risco associados: Idade materna avançada; IMC abaixo ou acima do considerado normal pela OMS; Tempo de infertilidade, dentre outros, influenciam negativamente nas taxas de prenhez e nascidos vivos.(NAZEMIAN et al, 2011; RITTENBERG et al, 2011; VELEVA et al, 2008; GOMES et al, 2008; ABREU et al, 2006).
  3. 3. IntroduçãoQuadro 1: Características do IMC para adultos segundo a OMS (WHO, 2006) Classificação Valor do IMC Baixo peso < 18,5 Peso ideal 18,5-24,9 Sobrepeso 25,0-29,9 Obesidade ≥30 Obesidade Grau I (OGI) 30,0-34,9 Obesidade Grau II (OGII) 35,0-39,9 Obesidade Grau III (OGIII) ≥40
  4. 4. ObjetivoAvaliar a prevalência de abortamento em pacientes submetidas aprocedimentos de FIV/ICSI na clínica Fértile, durante o período deJaneiro a Dezembro de 2011 e os potenciais fatores de riscoassociados.
  5. 5. MetodologiaEstudo retrospectivoN= 324 prontuáriosPeríodo: Janeiro a Dezembro de 2011Variáveis analisadas: idade IMC Tempo de infertilidade. As pacientes foram divididas em grupos por idade, IMC e tempo de infertilidade.
  6. 6. MetodologiaAnálise estatística: software OpenEpi V2. 3.1; Para verificar se houve diferença significativa considerando as variáveis analisadas (idade, tempo de infertilidade, IMC) entre as pacientes que engravidaram, as que engravidaram e abortaram e as que não engravidaram e se a idade, tempo de infertilidade e IMC aumentaram o risco de abortamento foram utilizados os testes do X2, T ou Fisher, conforme apropriado; Foi adotado o intervalo de confiança de 95% (IC 95%) e os valores de p < 0,05 foram considerados estatisticamente significativos.
  7. 7. ResultadosTabela 1: Características da população de mulheres submetidas à FIV / ICSI na clínicaFértile em Goiânia, no período de Janeiro a Dezembro de 2011. Características População Geral N. º de casos 324 Idade (anos) † 35,2 ± 5,3 IMC † 3,3±3,3 Tempo de inf.(meses)† 49,8±4,3 Gravidez (N/%) 91 (28,1%) Abortamento (N/%) 23 (25,3%) † valores expressos em média e Desvio Padrão (DP)
  8. 8. ResultadosTabela 2: Gravidez a termo e abortamento em relação à idade, IMC e tempo de infertilidade. Variáveis† Gravidez a termo Abortamento P* (N=68) (N=23) Idade (anos) 33,7±5,7 34,5±5,3 0,72 IMC (meses) 23,1±3,3 22,7± 5,4 0,02 Tempo de infertilidade 42,1± 37,9 41,9±25,5 0,04 † valores expressos em média e Desvio Padrão (DP). *Teste T. Valores de p< 0,05 significativos
  9. 9. ResultadosTabela 3: Percentual de gravidez a termo e abortamento em diferentes grupos etários Idade Gravidez total Gravidez a termo Aborto USG P* (anos) N N(%) N(%) ≤34 52 42 (80,8%) 10 (19,2%) 35-39 28 18 (64,3%) 10 (35,7%) 0,06 ≥40 11 8 (72,7%) 3 (27,3%) 0,3 Total 91 68 (74,7%) 23 (25,3%) *Teste X2
  10. 10. ResultadosTabela 4: Percentual de gravidez a termo e abortamento e os níveis de IMC. IMC Gravidez Total Gravidez a termo Abortamento P* N N(%) N (%) Baixo peso 12 9 (75%) 3 (25%) Normal 57 42 (73,7%) 15 (26,3%) 0,99 Obesa 22 17 (77,3%) 5 (22,7%) >0,9 Total 91 68 23 *Teste de Fisher
  11. 11. ResultadosTabela 5: Gravidez a termo e abortamento em relação ao tempo de infertilidadeTempo de Infertilidade Gravidez Total Gravidez a termo Abortamento P* (anos) N N (%) N(%) < 3 anos 43 31 (72,1%) 12 (27,9%) 3-6 anos 34 25 (73,5%) 99 (26,5%) >0,99 > 6 anos 14 12 (85%) 2 (15%) 0,51 Total 91 68 23 *Teste de Fisher
  12. 12. DiscussãoA idade da mulher : Um importante fator prognóstico do resultado do procedimento de FIV/ICSI; Quanto maior a idade da paciente, menor é a taxa de gravidez observada (GOMES et al, 2008; ABREU et al, 2006; CIRAY et al, 2006); Entretanto, na série aqui analisada não foi verificada diferença estatisticamente significativa de aborto entre as faixas etárias consideradas.
  13. 13. DiscussãoIMC: Foram encontradas diferenças significativas nas taxas de abortamento na amostra analisada que abortaram e as que levaram a gestação a termo. Não foi verificado aborto nas pacientes com IMC ≥ 30 que engravidaram. Porém, o número de casos nesta faixa foi pequeno (2 pacientes) para uma análise efetiva dos dados.
  14. 14. Discussão A maioria dos estudos que avaliaram o IMC e as taxas de abortamento nãoobservou estritamente a classificação da OMS com relação às categorias, acomparação entre eles, embora possível, pode não ser muito satisfatória. Fatoeste que está de acordo com a opinião de diversos autores (RITTEMBERG et al,2011).
  15. 15. Discussão As diferenças metodológicas consideráveis e a heterogeneidade clínicaencontradas na literatura, particularmente com relação ao estudo populacional edefinição das medidas relevantes dos resultados, levam a uma interpretaçãocautelosa dos resultados apresentados pelos artigos publicados, pois os mesmosnão estão livres de bias, e semelhantemente os resultados do presente estudo,com relação às variáveis confundidoras (idade, IMC e tempo de infertilidade) eseu papel na taxa de abortamento apresentado pela amostra.
  16. 16. ConclusãoA prevalência de abortamento em pacientes submetidas aprocedimentos de FIV/ICSI na clínica Fértile, durante o período deJaneiro a Dezembro de 2011 foi de 25,3%.Não foi observada associação entre a prevalência doabortamento e a idade.

×