Normas de trabalhos

23.303 visualizações

Publicada em

Publicada em: Educação
1 comentário
4 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
23.303
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.559
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
548
Comentários
1
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Normas de trabalhos

  1. 1. Prof. Michele Boulanger<br />
  2. 2. A Associação Brasileira de Normas Técnicas – ABNT. É um orgão regulatório responsável pela normalização técnica no País.<br />Entre tantas especificações técnicas exigidas pela ABNT, as regras de construção e formatação de trabalhos escolares e acadêmicos é a mais buscada na Internet. Isso se dá, pelo fato de muitos professores ainda no ensino médio, exigir que os trabalhos sejam feitos obedecendo as normas impostas pela ABNT.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  3. 3. Alguns alunos acreditam que é uma exigência sem necessidade, no entanto, se parar para pensar um pouco, imagina a quantidade de trabalhos cheios de “florzinha”, “cachorrinho”, “Corações” receberíamos, sem contar a tipologia (fontes) usada em cada trabalho, exemplos: Times New Roman, ComicsSans, Verdana, Helvétiva, Arial.. Fontes de todos os tamanhos e cores e por ai vai.<br />Usar as regras da ABNT evita todos estes problemas, assim existe um padrão de fonte, cor, formato … fazendo com que haja mais credibilidade nos documentos emitidos por alunos e professores.<br />Um exemplo: Imagine um advogado entregando um petição no fórum. Este documento também segue regras específicas, jamais este documento poderia ser confeccionado com a fonte ComicsSans, por exemplo.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  4. 4. Normas para Apresentação de Trabalhos – (normas simplificadas adaptadas da ABNT)<br />Todo trabalho escolar, acadêmico e cientifico necessita de padronização na<br />sua forma de apresentação, para transmitir adequadamente o seu conteúdo.<br />A originalidade do seu trabalho não está na sua forma, mas no seu<br />conteúdo, que deve ser apresentado por meio de uma linguagem clara e<br />objetiva, sendo o texto compreensível a qualquer leitor.<br />O Centro de Educação Camboriú - CECAM, pensando no futuro,<br />elaborou um manual com todos os passos a serem seguidos pelos educandos para a<br />estruturação dos trabalhos escolares. Esse manual está disponível no blog www.cecamat.blogspot.com<br />O manual está pautado nas normas da ABNT – Associação Brasileira<br />de Normas Técnicas, que é o órgão responsável pelas normas no Brasil.<br />O objetivo desse manual é contribuir para que o educando ao chegar<br />na Universidade não encontre dificuldades para elaborarem os trabalhos<br />técnico-científicos.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  5. 5. A estrutura básica de um trabalho escolar deverá compreender: <br />elementos pré-textuais (capa; folha de rosto, sumário), <br />textuais (introdução; desenvolvimento; conclusão) e pós-textuais (referência; anexo).<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  6. 6. Formas de Apresentação<br />Formato<br />O texto deve ser apresentado em papel branco, formato A4 (210X297mm). O texto deve ser digitado na cor preta e somente um lado da folha.<br />Tamanho da fonte e tipo de fonte:<br />Tamanho 12 - Arial ou Times New Roman<br />Margens:<br />Margem Esquerda e Superior: 3 cm.<br />Margem Direita e Inferior: 2 cm.<br />Paginação : as folhas do trabalho devem ser contadas seqüencialmente desde o sumário, mas não numeradas. A numeração é colocada a partir da introdução. O número localiza-se a 2 cm da borda superior do papel, margeado à direita;<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  7. 7. ESPAÇAMENTO ENTRE LINHAS:<br />O espaço entre linhas, em textos digitados, deve ser de 1,5 linha.<br />PARÁGRAFO:<br />Os textos devem ser digitados, deslocando a primeira linha de cada parágrafo em 1,5 cm da margem esquerda. <br />Os parágrafos devem ser alinhados à esquerda e à direita, utilizando o recurso Justificar/Justificado:<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  8. 8. Capa:<br />Título dever ser destacado:<br />escrito em letra maiúscula. <br />A capa deve ser informativa e objetiva.<br />Grampear a capa no restante do trabalho,<br />não usar fitas ou clips.<br />Título do trabalho: no centro da folha, centralizado, tamanho 16;<br />Local e ano: centralizado, a 2cm da borda inferior e as primeiras letras maiúsculas, tamanho 12.<br />Margem superior 3 cm<br />CENTRO DE EDUCAÇÃO CAMBORIÚ<br />Sugestão tamanho da fonte 14 a 16<br />PAULA TORRES<br />TRABALHO DE<br />PORTUGUÊS<br />Camboriú<br />2011<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  9. 9. Folha de Rosto:<br />A folha de rosto deve conter:<br />- Autor (quem fez o trabalho);<br />- Título;<br />- Natureza (texto contendo o nome da<br />disciplina);<br />- Nome do professor;<br />- Local (cidade);<br />- Ano de entrega.<br />Sugestão tamanho da fonte 14 a 16 <br />PAULA TORRES<br />EDUCAÇÃO E MÍDIA NO BRASIL<br />Sugestão tamanho da fonte 16 a 20<br />Trabalho apresentado à disciplina Português do Centro de Educação Camboriú.<br />Prof. Gilberto Silva<br />Espaço entre linhas simples. Fonte 10 a 12. Alinhamento do texto do meio para a direita .<br />Camboriú<br />2011<br />Sugestão tamanho da fonte 14 a 16<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  10. 10. Título centralizado fonte 14<br />SUMÁRIO:<br />Iniciar em folha distinta, título sem indicativo numérico, centralizado a 3 cm da borda superior com o texto iniciando 2 cm abaixo.<br />Fonte 12 e negrito<br />SUMÁRIO<br />INTRODUÇÃO .......................................... 9<br />FASES DO DESENVOLVIMENTO ........10<br />1.1 Fase Oral ..........................................11<br />1.2 Relações Mãe-Bebê .........................12<br />TEORIA DAS RELAÇÕES ....................13<br />2.1 Noção de Objeto .............................14<br />3. CONCLUSÃO .......................................15<br />REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ..............16<br />ANEXOS ..................................................60<br /> ANEXO A – Roteiro de entrevista.....61<br />Espaço entre linhas simples e espaço duplo entre seções<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  11. 11. Introdução:<br />Título dever ser destacado:escrito em letra maiúscula e, centralizado.<br />A parte introdutória abre o trabalho propriamente dito, anunciando o assunto a ser abordado.<br />Na seqüência é necessário delimitá-lo, isto é, indicar o ponto de vista sob o qual será tratado; situá-lo no tempo e espaço; mostrar a sua importância e apontar a metodologia empregada (pesquisa bibliográfica, pesquisa de laboratório, etc).<br />Em todo trabalho é importante observar as<br />medidas das margens superior, inferior e<br />Laterais.<br />Importante:<br />Somente a partir da introdução numeram-se as páginas do trabalho. <br />Utilizam-se algarismos arábicos, sendo que a contagem das páginas inicia-se no sumário.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  12. 12. DESENVOLVIMENTO:<br />Também chamado corpo do trabalho, deve apresentar o detalhamento da pesquisa realizada e comunicar seus resultados. <br />O conteúdo pode ser subdividido em capítulos, dentro de uma estrutura lógica com que o tema foi desenvolvido.<br />Deve-se iniciar pelos títulos mais importantes do plano e subdividir cada um segundo o material disponível, em itens e subitens, adotando uma numeração progressiva até o final do trabalho. Esta divisão servirá de base para a realização do sumário.<br />Exemplo:<br />2 ALGODÃO<br />2.1 A SEMENTE DO ALGODÃO<br />2.1.1 VARIEDADES<br />2.2 TÉCNICAS DE PRODUÇÃO<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  13. 13. CONCLUSÃO: <br />Iniciar em folha distinta apresentando um indicativo numérico, alinhado à esquerda.<br />Constitui o ponto de chegada, isto é, deve apresentar a resposta ao tema anunciado na introdução. <br />Não é resumo. Não é uma idéia nova. Não é uma repetição da introdução. Trata-se de um comentário sobre o trabalho, incluindo opinião e pareceres pessoais.<br />As medidas da folha são as mesmas da introdução.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  14. 14. REFERÊNCIAS<br />Apresenta-se em folha distinta, título centralizado, sem indicação numérica, elemento obrigatório. <br />Todas as fontes de informação (livro, revista, fita de vídeo, home-page, CD-ROM, etc) utilizadas na elaboração do trabalho devem ser arroladas alfabeticamente em uma lista, digitadas em espaço simples, margeadas à esquerda e separadas entre si por espaço duplo.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  15. 15. EXEMPLO DE REFERÊNCIA:<br />Para Livro:<br />ÚLTIMO SOBRENOME, Prenome(s). Título da Obra. Cidade: Editora, ano.<br />Exemplo:<br />BAGNO, Marcos. A língua de Eulália. São Paulo: Contexto, 1997.<br />Para artigo de Revista:<br />GUIMARÃES, João L. A oficina do sabor.Superinteressante. São Paulo, ano 9, n. 12, dez. 1997, p. 34-49.<br />Exemplo de reportagem de jornal:<br />NAVES, P. Lagos andinos dão banho de beleza. Folha de São Paulo.<br />São Paulo, 28 jun. 1999. Folha Turismo, Caderno 8, p. 13.<br />Obs.: Quando não aparece o nome do autor da obra, entra-se pelo título, ou pelo nome do jornal ou revista.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  16. 16. Exemplo de e-mail:<br />ACCIOLY, F.Publicação eletrônica [mensagem pessoal]. Mensagem recebida por mtmendes@uol.com.br em 26 de jan. 2001.<br />Exemplo de artigo de revista na Internet:<br />SILVA, M.M.L. Crimes da era digital. Net, Rio de Janeiro, nov.1998.<br />Seção Ponto de Vista. Disponível em: http://.brasilnet.com.br/contexts/brasilrevistas.htm. Aceso em: 28 jul. 2002.<br />Exemplo de fita de vídeo:<br />AZEVEDO, Maria Izabel (Coord.) Os perigos do uso de tóxicos.Produção de Jorge Ramos de Andrade. São Paulo: CERAVI, 1995. 1 fita de vídeo (30 min.), VHS, son., color.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  17. 17. ANEXO(S)<br />Sugere-se apresentação em folha distinta, título centralizado, elemento opcional.<br />Poderão fazer parte do item "Anexos", textos ou documentos não elaborados pelo autor, que venham contribuir para ilustrar, esclarecer ou fundamentar melhor o trabalho. São exemplos de anexos: leis, mapas, fotografias, plantas etc.<br />Prof. Michele Boulanger<br />
  18. 18. Lembretes:<br />* A pesquisa não é simples cópia de livros.<br />* Ler todos os textos que tratam do assunto, relacionando os melhores.<br />* Ler novamente, tomando nota das idéias principais e outras que você ache interessantes.<br />*Verificar se as anotações e textos estão de acordo com o assunto da pesquisa.<br />* Procurar sempre o sentido de palavras desconhecidas no dicionário, para poder entender todo o contexto.<br />* Preocupe-se mais com a qualidade do trabalho do que com a quantidade.<br />* Considere a pesquisa como uma oportunidade de ampliar seus conhecimentos e não como uma obrigação.<br />Prof. Michele Boulanger<br />

×