SlideShare uma empresa Scribd logo

Aula os cristãos protestante podem brincar festa junina

1 de 21
Baixar para ler offline
O Cristão Protestante pode
brincar de Festa Junina?
1. Qual é a origem da Festa Junina?
- No dia 21 de Junho inicia-se o Solstício de
verão no hemisfério norte;
- Na Europa havia rituais tradicionais de
invocação necessários para garantir uma farta
colheita e clamando por mais chuva;
- Rituais como esse existiu em todos os tempos
e por toda a parte do mundo;
- Acreditava-se que poderia interferir nas
estações, atrasando ou apressando através da
arte da magia;
1. Qual é a origem da Festa Junina?
- A partir deste momento, começou a proferir
palavras “mágicas” para o Sol brilhar, para os
animais se multiplicarem e a vegetação se
desenvolver;
- Agregou-se nos rituais mais tarde que as
mudanças climáticas estariam associadas as
entidades divinas;
- Havia uma dramatização durante as cerimônias;
- Acreditavam que os vegetais, os animais e os
homens tinham profundos laços espirituais
indivisíveis.
1. Qual é a origem da Festa Junina?
- Não houve como apagar estas cerimônias
durante a “Era Cristã”, com isso a Igreja
Católica adaptou as festas;
- Dia do nascimento de São João 24 de Junho =
Início do Solstício;
- Até hoje na Sardenha (Itália) há lembranças
desses ritos se plantam no Solstício de verão;
- Era costume no dia 1º de Abril o rapaz pedir a
moça em casamento;
Aula os cristãos protestante podem brincar festa junina
1. Qual é a origem da Festa Junina?
- Com o pedido do “compare” aceito pela
“camare”, o noivo preparava um vaso de terra,
e semeia trigo e cevada e deixa-o no sol;
- Já no Solstício, dia 23 de Junho (véspera se
São João) as semente estão bem
desenvolvidas;
- Até hoje na Sardenha (Itália) há lembranças
desses ritos se plantam no Solstício de verão;
- No dia da Festa Junina os noivos quebram o
vaso na porta da Igreja, sentam-se e comem;
Anúncio

Recomendados

Festa Junina o engano que envolve os Cristãos
Festa Junina o engano que envolve os CristãosFesta Junina o engano que envolve os Cristãos
Festa Junina o engano que envolve os CristãosIsaias Gomes de Oliveira
 
Batismo com o Espírito Santo
Batismo com o Espírito SantoBatismo com o Espírito Santo
Batismo com o Espírito SantoJoselito Machado
 
Slide Lição 2 - O único Deus Verdadeiro e a Criação
Slide Lição 2 - O único Deus Verdadeiro e a CriaçãoSlide Lição 2 - O único Deus Verdadeiro e a Criação
Slide Lição 2 - O único Deus Verdadeiro e a CriaçãoÉder Tomé
 
Lição 1 - Inspiração Divina e Autoridade da Bíblia
Lição 1 - Inspiração Divina e Autoridade da BíbliaLição 1 - Inspiração Divina e Autoridade da Bíblia
Lição 1 - Inspiração Divina e Autoridade da BíbliaÉder Tomé
 

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Soteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoSoteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoRODRIGO FERREIRA
 
Santa Ceia do Senhor
Santa Ceia do SenhorSanta Ceia do Senhor
Santa Ceia do SenhorAlmy Alves
 
A celebração da primeira páscoa
A celebração da primeira páscoaA celebração da primeira páscoa
A celebração da primeira páscoaMoisés Sampaio
 
Os sacramento do batismo
Os sacramento do batismoOs sacramento do batismo
Os sacramento do batismotorrasko
 
Ano Vocacional 2023.pptx
Ano Vocacional 2023.pptxAno Vocacional 2023.pptx
Ano Vocacional 2023.pptxDELSOCORREIA
 
A missão evangelizadora da igreja
A missão evangelizadora da igrejaA missão evangelizadora da igreja
A missão evangelizadora da igrejadimas campos
 
Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil Andréia Eufrazio
 
Lição 10 - O Dia da Expiação
Lição 10 - O Dia da ExpiaçãoLição 10 - O Dia da Expiação
Lição 10 - O Dia da ExpiaçãoÉder Tomé
 
Lição 11 - A Tolerância Cristã
Lição 11 - A Tolerância CristãLição 11 - A Tolerância Cristã
Lição 11 - A Tolerância CristãErberson Pinheiro
 
Aula 02 - Construção e Seus Materiais
Aula 02 - Construção e Seus MateriaisAula 02 - Construção e Seus Materiais
Aula 02 - Construção e Seus Materiaisiasdcoqueiro
 
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidadeLição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidadeÉder Tomé
 
Os livros Apócrifos
Os livros ApócrifosOs livros Apócrifos
Os livros ApócrifosViva a Igreja
 
Aula de pneumatologia
Aula de pneumatologiaAula de pneumatologia
Aula de pneumatologiaAlberto Nery
 
4º módulo 2ª aula
4º módulo   2ª aula4º módulo   2ª aula
4º módulo 2ª aulaJoel Silva
 
O ministério de mestre ou doutor
O ministério de mestre ou doutorO ministério de mestre ou doutor
O ministério de mestre ou doutorMoisés Sampaio
 

Mais procurados (20)

Soteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da SalvaçãoSoteriologia - Doutrina da Salvação
Soteriologia - Doutrina da Salvação
 
Santa Ceia do Senhor
Santa Ceia do SenhorSanta Ceia do Senhor
Santa Ceia do Senhor
 
A celebração da primeira páscoa
A celebração da primeira páscoaA celebração da primeira páscoa
A celebração da primeira páscoa
 
Os sacramento do batismo
Os sacramento do batismoOs sacramento do batismo
Os sacramento do batismo
 
Ano Vocacional 2023.pptx
Ano Vocacional 2023.pptxAno Vocacional 2023.pptx
Ano Vocacional 2023.pptx
 
A missão evangelizadora da igreja
A missão evangelizadora da igrejaA missão evangelizadora da igreja
A missão evangelizadora da igreja
 
Tiago lição 03
Tiago lição 03Tiago lição 03
Tiago lição 03
 
Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil Apresentação discipulado infantil
Apresentação discipulado infantil
 
Lição 10 - O Dia da Expiação
Lição 10 - O Dia da ExpiaçãoLição 10 - O Dia da Expiação
Lição 10 - O Dia da Expiação
 
Lição 11 - A Tolerância Cristã
Lição 11 - A Tolerância CristãLição 11 - A Tolerância Cristã
Lição 11 - A Tolerância Cristã
 
6 a missão da igreja
6 a missão da igreja6 a missão da igreja
6 a missão da igreja
 
Aula 02 - Construção e Seus Materiais
Aula 02 - Construção e Seus MateriaisAula 02 - Construção e Seus Materiais
Aula 02 - Construção e Seus Materiais
 
LIÇÃO 01 - QUEM É O ESPÍRITO SANTO
LIÇÃO 01 -   QUEM É O ESPÍRITO SANTOLIÇÃO 01 -   QUEM É O ESPÍRITO SANTO
LIÇÃO 01 - QUEM É O ESPÍRITO SANTO
 
Quem foi jezabel
Quem foi jezabelQuem foi jezabel
Quem foi jezabel
 
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidadeLição 1 - Deus se revelou à humanidade
Lição 1 - Deus se revelou à humanidade
 
Os livros Apócrifos
Os livros ApócrifosOs livros Apócrifos
Os livros Apócrifos
 
Aula de pneumatologia
Aula de pneumatologiaAula de pneumatologia
Aula de pneumatologia
 
4º módulo 2ª aula
4º módulo   2ª aula4º módulo   2ª aula
4º módulo 2ª aula
 
Tipologia aula 1
Tipologia aula 1Tipologia aula 1
Tipologia aula 1
 
O ministério de mestre ou doutor
O ministério de mestre ou doutorO ministério de mestre ou doutor
O ministério de mestre ou doutor
 

Semelhante a Aula os cristãos protestante podem brincar festa junina

Dos Deuses PagãOs à SãO JoãO Batista
Dos Deuses PagãOs à SãO JoãO BatistaDos Deuses PagãOs à SãO JoãO Batista
Dos Deuses PagãOs à SãO JoãO BatistaÁlvaro Bernardes
 
Origem da festa junina
Origem da festa juninaOrigem da festa junina
Origem da festa juninaLeo Costa
 
Joao P. Festas Juninas
Joao P. Festas JuninasJoao P. Festas Juninas
Joao P. Festas Juninasglub
 
Joao P. Festas Juninas
Joao P. Festas JuninasJoao P. Festas Juninas
Joao P. Festas JuninasJean Carvalho
 
Ausente con permiso
Ausente con permisoAusente con permiso
Ausente con permisoAdriana Nora
 
Origem das festas juninas
Origem das festas juninasOrigem das festas juninas
Origem das festas juninasEduk On
 
Símbolos e rituais da festa junina
Símbolos e rituais da festa juninaSímbolos e rituais da festa junina
Símbolos e rituais da festa juninaSimone Dutra
 
ESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOS
ESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOSESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOS
ESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOSLeonam dos Santos
 
Ppt apto para slide share semana de 29 de junho a 03 de julho
Ppt apto para slide share  semana de 29 de junho a 03 de julhoPpt apto para slide share  semana de 29 de junho a 03 de julho
Ppt apto para slide share semana de 29 de junho a 03 de julhoEglePinho
 
Gabi E Ana
Gabi E AnaGabi E Ana
Gabi E Analubi98
 
Artigo cientifico festa junina - nordestinidade no design
Artigo cientifico   festa junina - nordestinidade no designArtigo cientifico   festa junina - nordestinidade no design
Artigo cientifico festa junina - nordestinidade no designThyago Oliveira
 
Tudo sobre festas junina
Tudo sobre festas juninaTudo sobre festas junina
Tudo sobre festas juninamucamaba
 

Semelhante a Aula os cristãos protestante podem brincar festa junina (20)

Dos Deuses PagãOs à SãO JoãO Batista
Dos Deuses PagãOs à SãO JoãO BatistaDos Deuses PagãOs à SãO JoãO Batista
Dos Deuses PagãOs à SãO JoãO Batista
 
Atividades origem festa junina
Atividades origem  festa juninaAtividades origem  festa junina
Atividades origem festa junina
 
Atividades origem festa junina
Atividades origem  festa juninaAtividades origem  festa junina
Atividades origem festa junina
 
Origem da festa junina
Origem da festa juninaOrigem da festa junina
Origem da festa junina
 
Joao P. Festas Juninas
Joao P. Festas JuninasJoao P. Festas Juninas
Joao P. Festas Juninas
 
Joao P. Festas Juninas
Joao P. Festas JuninasJoao P. Festas Juninas
Joao P. Festas Juninas
 
Festa junina
Festa juninaFesta junina
Festa junina
 
Artigoparajornal
ArtigoparajornalArtigoparajornal
Artigoparajornal
 
Ausente con permiso
Ausente con permisoAusente con permiso
Ausente con permiso
 
Origem das festas juninas
Origem das festas juninasOrigem das festas juninas
Origem das festas juninas
 
historia da festa junina (1).pptx
historia da festa junina (1).pptxhistoria da festa junina (1).pptx
historia da festa junina (1).pptx
 
Atividade 1
Atividade 1Atividade 1
Atividade 1
 
Símbolos e rituais da festa junina
Símbolos e rituais da festa juninaSímbolos e rituais da festa junina
Símbolos e rituais da festa junina
 
Festa Junina 2015
Festa Junina 2015Festa Junina 2015
Festa Junina 2015
 
ESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOS
ESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOSESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOS
ESTUDO BÍBLICO SOBRE O DIA DOS NAMORADOS
 
Ppt apto para slide share semana de 29 de junho a 03 de julho
Ppt apto para slide share  semana de 29 de junho a 03 de julhoPpt apto para slide share  semana de 29 de junho a 03 de julho
Ppt apto para slide share semana de 29 de junho a 03 de julho
 
Gabi E Ana
Gabi E AnaGabi E Ana
Gabi E Ana
 
Matheus6ºb
Matheus6ºbMatheus6ºb
Matheus6ºb
 
Artigo cientifico festa junina - nordestinidade no design
Artigo cientifico   festa junina - nordestinidade no designArtigo cientifico   festa junina - nordestinidade no design
Artigo cientifico festa junina - nordestinidade no design
 
Tudo sobre festas junina
Tudo sobre festas juninaTudo sobre festas junina
Tudo sobre festas junina
 

Mais de Metodista_Barreto

Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia!
Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia! Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia!
Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia! Metodista_Barreto
 
Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"
Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"
Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"Metodista_Barreto
 
Aula 1 - Testando as Amizades
Aula 1 - Testando as AmizadesAula 1 - Testando as Amizades
Aula 1 - Testando as AmizadesMetodista_Barreto
 
Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"
Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"
Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"Metodista_Barreto
 
Aula qual é o verdadeiro significado da páscoa
Aula qual é o verdadeiro significado da páscoaAula qual é o verdadeiro significado da páscoa
Aula qual é o verdadeiro significado da páscoaMetodista_Barreto
 
Aula posso ir no rock in rio
Aula posso ir no rock in rioAula posso ir no rock in rio
Aula posso ir no rock in rioMetodista_Barreto
 
Slides projeto resgate soldado ryan
Slides projeto resgate soldado ryanSlides projeto resgate soldado ryan
Slides projeto resgate soldado ryanMetodista_Barreto
 
Aula como evangelizar um a teo
Aula como evangelizar um a teoAula como evangelizar um a teo
Aula como evangelizar um a teoMetodista_Barreto
 
Aula como eu faço para ser um grande líder
Aula como eu faço para ser um grande líderAula como eu faço para ser um grande líder
Aula como eu faço para ser um grande líderMetodista_Barreto
 

Mais de Metodista_Barreto (16)

Aula 5 - Eu Amo Esperar
Aula 5 - Eu Amo EsperarAula 5 - Eu Amo Esperar
Aula 5 - Eu Amo Esperar
 
Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia!
Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia! Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia!
Aula 7 - A Bebida Alcoólica à luz da Bíblia!
 
Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"
Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"
Aula 6 - "Porque todo mundo só pensa naquilo???"
 
Aula 3 - Vício em internet
Aula 3 - Vício em internetAula 3 - Vício em internet
Aula 3 - Vício em internet
 
Aula 2 - Vício em TV
Aula 2 - Vício em TVAula 2 - Vício em TV
Aula 2 - Vício em TV
 
Aula 1 - Testando as Amizades
Aula 1 - Testando as AmizadesAula 1 - Testando as Amizades
Aula 1 - Testando as Amizades
 
Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"
Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"
Aula 4 - "Posso ouvir música do mundo, Pastor?"
 
Aula sobre a morte
Aula sobre a morteAula sobre a morte
Aula sobre a morte
 
Aula qual é o verdadeiro significado da páscoa
Aula qual é o verdadeiro significado da páscoaAula qual é o verdadeiro significado da páscoa
Aula qual é o verdadeiro significado da páscoa
 
Aula posso ir no rock in rio
Aula posso ir no rock in rioAula posso ir no rock in rio
Aula posso ir no rock in rio
 
Aula louvor e adoração
Aula louvor e adoraçãoAula louvor e adoração
Aula louvor e adoração
 
Aula int literaria ao at
Aula int literaria ao atAula int literaria ao at
Aula int literaria ao at
 
Slides projeto resgate soldado ryan
Slides projeto resgate soldado ryanSlides projeto resgate soldado ryan
Slides projeto resgate soldado ryan
 
Aula como evangelizar um a teo
Aula como evangelizar um a teoAula como evangelizar um a teo
Aula como evangelizar um a teo
 
Aula como eu faço para ser um grande líder
Aula como eu faço para ser um grande líderAula como eu faço para ser um grande líder
Aula como eu faço para ser um grande líder
 
Aula bíblia sagrada
Aula bíblia sagradaAula bíblia sagrada
Aula bíblia sagrada
 

Aula os cristãos protestante podem brincar festa junina

  • 1. O Cristão Protestante pode brincar de Festa Junina?
  • 2. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - No dia 21 de Junho inicia-se o Solstício de verão no hemisfério norte; - Na Europa havia rituais tradicionais de invocação necessários para garantir uma farta colheita e clamando por mais chuva; - Rituais como esse existiu em todos os tempos e por toda a parte do mundo; - Acreditava-se que poderia interferir nas estações, atrasando ou apressando através da arte da magia;
  • 3. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - A partir deste momento, começou a proferir palavras “mágicas” para o Sol brilhar, para os animais se multiplicarem e a vegetação se desenvolver; - Agregou-se nos rituais mais tarde que as mudanças climáticas estariam associadas as entidades divinas; - Havia uma dramatização durante as cerimônias; - Acreditavam que os vegetais, os animais e os homens tinham profundos laços espirituais indivisíveis.
  • 4. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - Não houve como apagar estas cerimônias durante a “Era Cristã”, com isso a Igreja Católica adaptou as festas; - Dia do nascimento de São João 24 de Junho = Início do Solstício; - Até hoje na Sardenha (Itália) há lembranças desses ritos se plantam no Solstício de verão; - Era costume no dia 1º de Abril o rapaz pedir a moça em casamento;
  • 6. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - Com o pedido do “compare” aceito pela “camare”, o noivo preparava um vaso de terra, e semeia trigo e cevada e deixa-o no sol; - Já no Solstício, dia 23 de Junho (véspera se São João) as semente estão bem desenvolvidas; - Até hoje na Sardenha (Itália) há lembranças desses ritos se plantam no Solstício de verão; - No dia da Festa Junina os noivos quebram o vaso na porta da Igreja, sentam-se e comem;
  • 7. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - Formam uma roda com os seus “familiares”, dançam e cantam “Namorados de São João” (Compare e Comare di San Giovanni); - Mulheres e moças na véspera de São João visitam uma gruta para saber do seus relacionamentos conjugais e os enfermos se banham com a esperança de serem curados; - Na tradição homens e mulheres procuravam uma gruta e se banhavam para ficarem limpos dos seus pecados; - O ritual de fertilidade foi substituído pelo casamento; oferendas, deram lugar a muita comida, invocações e magias, deu lugar ao pedido aos santos (Ex. S. Antônio)
  • 9. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - Nesse ritos haviam tochas e fogueiras, pois acreditavam que o fogo afastava os espíritos maus que eram contra a fertilidade; - Era uma forma de agradecer as divindades e purificar a terra; - Essa tradição atraiu os índios durante a colonização no Brasil, pois o fogo os atraía e com isso, os jesuítas os catequizavam; - Desde do século XIII, a festa de São João portuguesa chama-se “joanina” e incluía os santos: Santo Antônio ( 13 de junho), São João (24 de junho) e São Pedro (29 de junho).
  • 11. 1. Qual é a origem da Festa Junina? - O estilo da dança de quadrilha nasceu das danças francesas e das danças country inglesas; - As danças de quadrilha só alcançavam a aristocracia e depois que se popularizou no Brasil depois de 1808; - A pitada que dá o toque especial a este “coquetel de cultura” é a culinária indígena, com suas comidas à base do milho como: espigas de milho, pamonha, canjica, bolo de fubá, etc.; - Além disso, estas festividades tiveram um papel essencial na integração entre índios e portugueses e, mais tarde, com os negros.
  • 13. 2. Como é a Festa Junina hoje? - O Casamento Caipira é uma paródia às cerimônias tradicionais. O cerimonial é precedido de um grande cortejo pelas ruas da cidade, onde os principais personagens da representação são: a noiva grávida, o noivo, o delegado, o padre, os pais dos noivos, padrinhos, etc. - O enlace caricaturado se desenvolve em meio à fugas do noivo, as indecisões da noiva e ameaças por parte dos pais, vigário e o delegado. Os textos apresentam uma linguagem libidinosa e os sermões contém forte conotações crítico-sociais. Após a celebração do casamento, inicia-se a quadrilha.
  • 14. 2. Como é a Festa Junina hoje? - As fogueiras juninas merecem uma consideração à parte. A de Santo Antonio é quadrada. A de São João, redonda. A de São Pedro, triangular.. - O enlace caricaturado se desenvolve em meio à fugas do noivo, as indecisões da noiva e ameaças por parte dos pais, vigário e o delegado. Os textos apresentam uma linguagem libidinosa e os sermões contém forte conotações crítico-sociais. Após a celebração do casamento, inicia-se a quadrilha.
  • 15. 2. Como é a Festa Junina hoje? - As fogueiras são no centro da festa assim como o pau-de-cebo; - Lavagem ou batismo do santo; - Alguns costumam a se banhar; - Sorte no namoro e no prato d’água;
  • 17. 3. O que diz as Escrituras? - Costumamos achar “bobagem” participar de Festas Juninas; - I Coríntios 10.11 que as coisas que nos foram escritas no passado nos foram escritas para advertência nossa. Vejamos o que ele disse: “Ora, tudo isto lhes sobreveio como figuras, e estão escritas para aviso nosso, para quem já são chegados os fins dos séculos”.; - A demora de Moisés despertou no povo o desejo de promover uma festa a Deus (Ex. 32,4-5) e Deus os puniu severamente; - O teor religioso das festas juninas não passa de um ato idólatra quando se presta culto a Santo Antônio, São João e São Pedro (Mt. 4,10; Hb. 13,15
  • 18. 3. O que diz as Escrituras? - “Nós também somos homens como vós” – Adoração a Paulo e Barnabé (At.14,11-15); -Santo Antônio, São João Batista e São Pedro não podem interceder por nós (1 Tm 2,5). - Rm 8,34; 1 Jo 2.1-2; Jo 14,13-14; Am 5,21;
  • 19. 4. No que precisamos refletir? - O Brasil é um dos maiores países agrícolas do mundo; - Temos um êxodo rural de cerca de 80%; - Temos um solo extraordinário e importamos alimentos que muitas vezes exportamos como matéria prima; - Desvalorizamos quem vive no campo, na zona rural e as Festas Juninas ajudam a depreciar ainda mais a imagem do caipira, subestimando-os e caricaturando-os como “pobre coitado”. Parece que o jeito deles nos “divertem”. O corcunda, a banguela, as sardas, o cabelo mal tratado, os pelos mal formados, as roupas rasgadas e a ignorância chamamos de Folclore e Cultura. - Olha o que diz Pv 17,5.
  • 20. 5. Que cuidados devemos tomar? - Semelhança com festas ritos e cerimônias pagãs (Dt 18,9); - Os “santos” não intercedem (1 Tm 2,5 e Jo 14,13-14); - Os santos não escutam oração (Ec 9,5-6); - Invocação de espírito de mortos (Is 8,19); - Comidas consagradas e imagens (At 15,29; 1 Co 10,21); -Se Deus rejeitou as festas de Israel que eram dedicadas somente a Ele [Amós 5:21-23] , mas que haviam sido mescladas com elementos dos cultos pagãos dos países vizinhos, não rejeitaria com mais veemência ainda as ditas festas “cristã” dedicada aos santos? - A VERDADEIRA Festa é essa...