“ Senhor eu te peço para deixar que meu filho viva sua vida e não a que eu mesma quisera ter vivido.
Por conseguinte, protege-me a fim de que não lhe imponha o peso de realizar aquilo em que eu fracassei.
Ajuda-me a perceber seus erros de hoje na perspectiva do longo caminho que ele há de percorrer, e, dá-me a graça de ser pa...
Dá-me a sabedoria de saber quando sorrir para as peraltices de sua idade e quando ser firme contra os impulsos que ele mes...
Ajuda-me a sentir a angústia de seu coração no meio do ruído de palavras de sua zanga ou através do oceano de um silêncio ...
Rogo-te que eu grite mais como sinal de alegria pelo que é do que como desprezo pelo que ele não é, a fim de que a cada di...
Ajuda-me a olhá-lo com genuíno afeto para que ele tenha afeto com as outras pessoas.
Finalmente, dá-me força ó Senhor, para torná-lo livre de forma que possa fazer sua caminhada com fortaleza.”
Texto: Tradução do Pe. Felix Fierro - Reitor do Colégio Santo Inácio Musica: Utopia - Padre Zezinho  Formatação: Ana Delia...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Filho

501 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
501
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
49
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
7
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Filho

  1. 1. “ Senhor eu te peço para deixar que meu filho viva sua vida e não a que eu mesma quisera ter vivido.
  2. 2. Por conseguinte, protege-me a fim de que não lhe imponha o peso de realizar aquilo em que eu fracassei.
  3. 3. Ajuda-me a perceber seus erros de hoje na perspectiva do longo caminho que ele há de percorrer, e, dá-me a graça de ser paciente com seu passo lento.
  4. 4. Dá-me a sabedoria de saber quando sorrir para as peraltices de sua idade e quando ser firme contra os impulsos que ele mesmo teme e ainda não sabe como controlar.
  5. 5. Ajuda-me a sentir a angústia de seu coração no meio do ruído de palavras de sua zanga ou através do oceano de um silêncio preocupante, e, depois de ouvir, dá-me a habilidade de unir o vazio que nos separa mediante a compreensão.
  6. 6. Rogo-te que eu grite mais como sinal de alegria pelo que é do que como desprezo pelo que ele não é, a fim de que a cada dia adquira maior segurança em si mesmo.
  7. 7. Ajuda-me a olhá-lo com genuíno afeto para que ele tenha afeto com as outras pessoas.
  8. 8. Finalmente, dá-me força ó Senhor, para torná-lo livre de forma que possa fazer sua caminhada com fortaleza.”
  9. 9. Texto: Tradução do Pe. Felix Fierro - Reitor do Colégio Santo Inácio Musica: Utopia - Padre Zezinho Formatação: Ana Delia www.mensagensvirtuais.com.br GRUPO ROSA MÍSTICA

×