CHAMARAM - ME DE VELHO
Busquei saber o que é ser velho e não encontrei resposta convincente, nem no dicionário ortográfico e muito menos no etimo...
Recorri, diante da precariedade das explicações, ao dicionário de menor limitação, o dos pensamentos, que também, não é ma...
Diante disso, podemos, até, dizer:  Não existe velho que não se renove como não existe novo que não envelheça e assim send...
No entanto, ser velho no sentido de experiências vivenciadas, em diversas etapas de vidas, que demonstrem intrinsecamente,...
Formatação, texto e foto: João C. de Vasconcelos E-mails: joclauvas@yahoo.com.br [email_address] Página: amadordoradio.web...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Chamaram me de velho

1.674 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.674
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.342
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Chamaram me de velho

  1. 1. CHAMARAM - ME DE VELHO
  2. 2. Busquei saber o que é ser velho e não encontrei resposta convincente, nem no dicionário ortográfico e muito menos no etimológico, visto que, estão eles fundamentados em padrões, costumes e origem, portanto, limitados e, por conseguinte, não maiores que as palavras que os contém.
  3. 3. Recorri, diante da precariedade das explicações, ao dicionário de menor limitação, o dos pensamentos, que também, não é maior que o pensador, mas abre uma luz maior, que poderá nos proporcionar enxergar, de forma mais nítida, portanto, dinâmica, o que mais se aproxima, realmente, do que é ser velho.
  4. 4. Diante disso, podemos, até, dizer: Não existe velho que não se renove como não existe novo que não envelheça e assim sendo, ficamos sem saber, integralmente, ou seja, verdadeiramente, quem é velho e quem é novo, apenas, sabemos o que é velho ou novo na relatividade do tempo e por assim ser, ficamos, momentaneamente, sem outros parâmetros que nos leve a ter certeza, visto que, como já comentamos, tudo aqui é relativo.
  5. 5. No entanto, ser velho no sentido de experiências vivenciadas, em diversas etapas de vidas, que demonstrem intrinsecamente, a aprendizagem adquirida nelas e por elas e se assim for, chamem-me de velho.
  6. 6. Formatação, texto e foto: João C. de Vasconcelos E-mails: joclauvas@yahoo.com.br [email_address] Página: amadordoradio.webnode.pt Música: Roberto Carlos - Meu Querido Velho, Meu Amigo (Adquirida na internet.) www.mensagensvirtuais.com.br

×