A GESTÃO DO CONHECIMENTO COMO
SUPORTE À PERFORMANCE DE ATLETAS DE
ALTO RENDIMENTO
Mauricio Rodrigues
Centro de Treinamento...
Capitais do Conhecimento
Capital de
Relacionamento
Capital
Estrutural
Capital
Humano
Capital
Ambiental
Cavalcanti & Gomes,...
Pilares
Mapeamento e desenho do fluxo
de informação
Mapeamento da Cadeia de Valor
“FORNECEDORES”
• Bioquímicos
• Fisiologistas
• Estrategistas
ORGANIZAÇÃO
• Identificação / S...
Design Information Framework
Lim & Sato, 2001
Modelo de Negócios
http://www.businessmodelgeneration.com/
Sistema de Suporte à Performance
DIAGNÓSTICO DA
MODALIDADE
PLANEJAMENTO DA
INTERVENÇÃO
EXECUÇÃO E CONTROLE
AVALIAÇÃO DE IMPACTO
DA INTERVENÇÃO
Identificaçã...
Retro-alimentação
Pesquisa e Desenvolvimento
Desenvolvimento de
equipamentos e
implementos esportivos
Formulação de perfis de
desempenho esp...
Obrigado!
Maurício Rodrigues
mauricio.rodrigues@cob.org.br
@rodriguesm1
“Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais
inte...
A Gestão do Conhecimento como Suporte à Performance de Atletas de Alto Rendimento
A Gestão do Conhecimento como Suporte à Performance de Atletas de Alto Rendimento
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A Gestão do Conhecimento como Suporte à Performance de Atletas de Alto Rendimento

499 visualizações

Publicada em

Publicada em: Negócios
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

A Gestão do Conhecimento como Suporte à Performance de Atletas de Alto Rendimento

  1. 1. A GESTÃO DO CONHECIMENTO COMO SUPORTE À PERFORMANCE DE ATLETAS DE ALTO RENDIMENTO Mauricio Rodrigues Centro de Treinamento Time Brasil
  2. 2. Capitais do Conhecimento Capital de Relacionamento Capital Estrutural Capital Humano Capital Ambiental Cavalcanti & Gomes, 2000
  3. 3. Pilares
  4. 4. Mapeamento e desenho do fluxo de informação
  5. 5. Mapeamento da Cadeia de Valor “FORNECEDORES” • Bioquímicos • Fisiologistas • Estrategistas ORGANIZAÇÃO • Identificação / Seleção de Atletas • Preparação Esportiva • Missões Esportivas COMISSÃO TÉCNICA • Atletas • Treinadores • Preparadores Físicos
  6. 6. Design Information Framework Lim & Sato, 2001
  7. 7. Modelo de Negócios http://www.businessmodelgeneration.com/
  8. 8. Sistema de Suporte à Performance
  9. 9. DIAGNÓSTICO DA MODALIDADE PLANEJAMENTO DA INTERVENÇÃO EXECUÇÃO E CONTROLE AVALIAÇÃO DE IMPACTO DA INTERVENÇÃO Identificação, coleta e interpretação de dados interdisciplinares e elaboração do plano de intervenção com atividades, cronograma de ação e metas. Levantamento das características e demandas da modalidade e identificação das limitações e potencialidades dos atletas envolvidos. Acompanhamento e controle das tarefas e realização de ajustes, caso necessário. Análise dos impactos exercidos, levantamento dos aspectos positivos e negativos e comunicação das ações para diretoria e assessoria de imprensa. RELATÓRIO DE DIAGNÓSTICO FASE DESCRIÇÃO ENTREGAS RELATÓRIOS DE AVALIAÇÃO PLANO DA INTERVENÇÃO RELATÓRIOS DE CONTROLE DO PLANO RELATÓRIO DE IMPACTO DOS RESULTADOS PLANO DE COMUNICAÇÃO PARECER DE SAÚDE
  10. 10. Retro-alimentação
  11. 11. Pesquisa e Desenvolvimento Desenvolvimento de equipamentos e implementos esportivos Formulação de perfis de desempenho esportivo Proposição de indicadores e critérios para controle do treinamento Formulação de modelos de treinamento por modalidade Elaboração de sistema de descoberta, formação e desenvolvimento de talentos Elaboração de modelos de estruturação / periodização das cargas de treinamento Desenvolvimento de métodos, padrões, procedimentos, protocolos e condutas de treinamento Produtos e Serviços
  12. 12. Obrigado! Maurício Rodrigues mauricio.rodrigues@cob.org.br @rodriguesm1 “Não é o mais forte que sobrevive, nem o mais inteligente, mas o que melhor se adapta às mudanças.” Charles Darwin

×