Imperialismo e I Guerra Mundial (1914–1918)

1.480 visualizações

Publicada em

Slides para aula de História.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.480
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
221
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
51
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Imperialismo e I Guerra Mundial (1914–1918)

  1. 1. IMPERIALISMO OU NEOCOLONIALISMOIMPERIALISMO OU NEOCOLONIALISMO PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Professor Mauricio da Silva
  2. 2. IMPERIALISMO OU NEOCOLONIALISMOIMPERIALISMO OU NEOCOLONIALISMO Imperialismo é a política ocorrida na época da Segunda Revolução Industrial. Trata-se de uma política de expansão territorial, cultural e econômica de uma nação sobre outra. Imperialismo é a política ocorrida na época da Segunda Revolução Industrial. Trata-se de uma política de expansão territorial, cultural e econômica de uma nação sobre outra. Basicamente, os países imperialistas buscavam três coisas: Matéria-prima, Mercado consumidor e Mão-de-obra barata.
  3. 3. Uma das principais justificativas para o imperialismo do século XIX era a “Missão Civilizadora”: • Com base em ideias racistas e preconceituosas, criaram-se argumentos para justificar a exploração dos diferentes povos como: africanos e asiáticos. • As características biológicas da “raça branca” • O desenvolvimento técnico e científico
  4. 4. Nessa fase a economia foi marcada pela concentração do capital e das associações de empresas. Esse movimento acabou gerando os monopólios e oligopólios industriais, representados por: a. Cartel: grupo de grandes empresas que estabelecem entre si um acordo. b. Holding: empresa que detém o controle acionário sobre outras empresas. c. Truste: fusão de diversas empresas do mesmo ramo Nessa fase a economia foi marcada pela concentração do capital e das associações de empresas. Esse movimento acabou gerando os monopólios e oligopólios industriais, representados por: a. Cartel: grupo de grandes empresas que estabelecem entre si um acordo. b. Holding: empresa que detém o controle acionário sobre outras empresas. c. Truste: fusão de diversas empresas do mesmo ramo O monopólio é uma situação em que há uma concorrência imperfeita, onde uma empresa possui vantagens que a permite controlar os preços de certos produtos ou serviços. O monopólio é uma situação em que há uma concorrência imperfeita, onde uma empresa possui vantagens que a permite controlar os preços de certos produtos ou serviços.
  5. 5. A Partilha da África Em busca de mercados e recursos naturais, as potências europeias realizaram em 1885 a Conferência Internacional em Berlim, onde se estabeleceu a partilha da África sem que houvesse conflitos. Essa conferência resultou na divisão da África entre as potências industrializadas da época. Em busca de mercados e recursos naturais, as potências europeias realizaram em 1885 a Conferência Internacional em Berlim, onde se estabeleceu a partilha da África sem que houvesse conflitos. Essa conferência resultou na divisão da África entre as potências industrializadas da época.
  6. 6. A corrida imperialista contribuiu para acirrar os ânimos entre os países da Europa. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Insatisfação de alguns países como Alemanha e Itália com a partilha da África , no final do século XIX.
  7. 7. Europa em 1870, o ano em que a Guerra Franco-Prussiana iria levar a um Império Alemão unido e uma França humilhada. Territórios perdidos pela França para a Alemanha na Guerra Franco- Prussiana de 1870 A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL (1914 – 1918) Os gráficos mostram como os interesses capitalistas foram decisivos para a disputa de mercados entre duas potências industriais: a Alemanha (emergente) e a Inglaterra (tradicional). A guerra seria então o uma solução da disputa imperialista. Os gráficos mostram como os interesses capitalistas foram decisivos para a disputa de mercados entre duas potências industriais: a Alemanha (emergente) e a Inglaterra (tradicional). A guerra seria então o uma solução da disputa imperialista.
  8. 8. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Antecedentes • Belle Époque – No final XIX, a Europa se via em meio a um desenvolvimento técnico e econômico jamais visto, o levou o estilo de vida burguês o padrão. • Essa onda de otimismo se estendeu até a primeira guerra. Antecedentes • Belle Époque – No final XIX, a Europa se via em meio a um desenvolvimento técnico e econômico jamais visto, o levou o estilo de vida burguês o padrão. • Essa onda de otimismo se estendeu até a primeira guerra. Trabalhadores ingleses se dirigindo ao trabalho antes do conflito
  9. 9. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Antecedentes O nacionalismo exagerado ou chauvinismo • Pan-Eslavismo • Pan-Germanismo Antecedentes O nacionalismo exagerado ou chauvinismo • Pan-Eslavismo • Pan-Germanismo
  10. 10. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) A política de alianças: países que formavam a Tríplice Entente e a Tríplice Aliança. FORMAÇÃO DOS BLOCOS TRÍPLICE ENTENTE INGLATERRA. FRANÇA. RÚSSIA. X TRÍPLICE ALIANÇA ALEMANHA. ITÁLIA. ÁUSTRIA-HUNGRIA.
  11. 11. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Mapa da Europa às vésperas da Primeira Guerra Fonte: www.culturabrasil.pro.br
  12. 12. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918) Início do conflito Assassinato do Arquiduque Francisco Ferdinando (herdeiro do trono austríaco) por um grupo nacionalista sérvio.
  13. 13. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918) Prisão do nacionalista sérvio após ter atirado em Francisco Ferdinando. Fonte: Jornal do século XX
  14. 14. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918) Guerra de movimento (agosto/novembro de 1914): os alemães ocuparam quase toda a Bélgica e também o norte da França. Mas não conseguiram tomar Paris nem dominar a costa francesa no Canal da Mancha. Guerra de movimento (agosto/novembro de 1914): os alemães ocuparam quase toda a Bélgica e também o norte da França. Mas não conseguiram tomar Paris nem dominar a costa francesa no Canal da Mancha. Fases da Primeira Guerra Mundial Deslocamento de tropas em guerra.
  15. 15. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918) •Guerra de trincheiras (novembro de 1914/março de 1918): durante quase dois anos e meio, as linhas de combate estabilizaram-se e os exércitos adversários procuraram abrigar-se em um complexo sistema de trincheiras onde passaram praticamente a morar, convivendo com ratos, parasitas e ainda com a lama ou o pó, o frio ou o calor, conforme a estação do ano. •Guerra de trincheiras (novembro de 1914/março de 1918): durante quase dois anos e meio, as linhas de combate estabilizaram-se e os exércitos adversários procuraram abrigar-se em um complexo sistema de trincheiras onde passaram praticamente a morar, convivendo com ratos, parasitas e ainda com a lama ou o pó, o frio ou o calor, conforme a estação do ano. www.postmania.org
  16. 16. Uma visão das trincheiras www.mundovestibular.com.br www.mundovestibular.com.br As trincheiras constituíam-se num emaranhado de sulcos sinuosos. Entre os dois exércitos ficava a "terra de ninguém", um caos de crateras, troncos de árvores calcinadas, rolos de arame farpado, lama e cadáveres. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 )
  17. 17. Rápido desencanto com a realidade da guerra (...) A explosão daquele instante, sacudiu nosso sistema nervoso, que não esperava por isso, e nos fez compreender que a luta que começava seria uma prova terrível. Escute meu tenente, parece que se defendem estes porcos!" Fonte: Diário do ten. Galtier-Boissière, na frente ocidental em 22 de agosto de 1914. Testemunho sobre a guerra A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 )
  18. 18. 1915-1918: DESENVOLVIMENTO1915-1918: DESENVOLVIMENTO  1915: Itália deixa a guerra.  1917: Brasil entra na guerra.  Parte da contribuição do Brasil na 1ª Guerra se deu enviando alguns pilotos da Força Aérea, oferecimento de navios militares e apoio médico.  1917: Rússia deixa a guerra.  A saída da Rússia da guerra, através do Tratado de Brest-Litovsky, está relacionada à revolução socialista ocorrida em seu território no final de 1917.  1917: E.U.A. entram na guerra.  Os Estados Unidos entraram na guerra porque o navio Lusitânia foi afundado por um submarino alemão.  1915: Itália deixa a guerra.  1917: Brasil entra na guerra.  Parte da contribuição do Brasil na 1ª Guerra se deu enviando alguns pilotos da Força Aérea, oferecimento de navios militares e apoio médico.  1917: Rússia deixa a guerra.  A saída da Rússia da guerra, através do Tratado de Brest-Litovsky, está relacionada à revolução socialista ocorrida em seu território no final de 1917.  1917: E.U.A. entram na guerra.  Os Estados Unidos entraram na guerra porque o navio Lusitânia foi afundado por um submarino alemão.
  19. 19. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Fonte: www.vestigios.com.br Tanque introduzido pelo exército britânico pela primeira vez em uma guerra.
  20. 20. O total do custo direto da guerra foi de 180.560 milhões de dólares, o número de mortos chegou a mais de 8 milhões de pessoas e entre feridos e mutilados, o saldo de 20 milhões. A essa devastação material terrível deve-se acrescentar outra, a devastação moral, o tremendo choque produzido em todas as camadas sociais por quatro anos de violência, destruição e sofrimento de toda ordem. O total do custo direto da guerra foi de 180.560 milhões de dólares, o número de mortos chegou a mais de 8 milhões de pessoas e entre feridos e mutilados, o saldo de 20 milhões. A essa devastação material terrível deve-se acrescentar outra, a devastação moral, o tremendo choque produzido em todas as camadas sociais por quatro anos de violência, destruição e sofrimento de toda ordem. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) CONSEQUÊNCIASCONSEQUÊNCIAS
  21. 21. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Tratado Pós-Guerra: 1919 - O “Tratado de Versalhes”  Considerou os derrotados como responsáveis pelas perdas materiais e humanas dos vencedores. Tratado Pós-Guerra: 1919 - O “Tratado de Versalhes”  Considerou os derrotados como responsáveis pelas perdas materiais e humanas dos vencedores.  Devolução dos territórios da Alsácia-Lorena à França;  Ceder outras regiões à Bélgica, à Dinamarca e à Polônia.  Pagar indenização de guerra.  Não ter exército superior a 100 mil homens.  Proibição de Marinha de Guerra, artilharia pesada, tanques e aviões.  Proibição de indústria bélica.  Devolução dos territórios da Alsácia-Lorena à França;  Ceder outras regiões à Bélgica, à Dinamarca e à Polônia.  Pagar indenização de guerra.  Não ter exército superior a 100 mil homens.  Proibição de Marinha de Guerra, artilharia pesada, tanques e aviões.  Proibição de indústria bélica.
  22. 22. A PRIMEIRA GUERRA MUNDIAL ( 1914 – 1918 ) Fonte: www.culturabrasil.pro.br

×