SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 37
Baixar para ler offline
Eletivas
LINGUAGENS
Materiais para anotação
© Pixabay
Objetivos
• Retomar o conteúdo e a elaboração do
Plano de Eletivas.
• Compreender o significado e a importância
da culminância, propondo ideias de como
desenvolvê-la de modo presencial, híbrido
e remoto.
• Apresentar informações sobre o Cardápio
de Eletivas.
Agenda
• Momento 1
Relembrar os principais pontos do Plano de Eletivas.
• Momento 2
Aprofundar as análises da culminância e da avaliação.
• Momento 3
Informar sobre o Cardápio de Eletivas.
O que é, o que é?
© Pixabay
• Nascem do projeto de vida dos estudantes.
• São frutos daquilo que os professores podem e se
interessam em fazer.
• São uma resposta às demandas da comunidade.
• Desenvolvem competências contidas na
BNCC e no Currículo Paulista.
A. Projeto de Vida
B. Eletivas
C. Tecnologia e Inovação
Conceitos orientadores
 Livre escolha
 Diversificação e experiência escolar
 Interdisciplinaridade
 Metodologias ativas
 Culminância
© Pixabay
Plano de Eletivas
© Pixabay
Estrutura do Plano de Eletivas
• Título
• Professor
• Ementa
• Justificativa
• Objetivos
• Habilidades/Área de conhecimento
• Eixos temáticos
Estrutura do Plano de Eletivas
• Conteúdo programático/Objetos de conhecimento
• Metodologia
• Recursos didáticos
• Culminância
• Avaliação
• Cronograma semestral
• Referências
Exemplo de Plano de Eletivas
Fonte: elaborado pela Coped especialmente para esta formação.
QR CODE
https://drive.google.com/drive/f
olders/1mrX-5E8BuRw-
myO0TmvAh5FpuzrMuFoK?usp=
sharing
Plano de Eletivas na Rede
Professora Vanessa E.E. Helena Loureiro Rossi
Poá-SP
DE – Itaquaquecetuba
Eletiva: Plano Coral – Música
Importante!
As eletivas se relacionam ao
projeto de vida por meio de:
 Processo de desenvolvimento de competências
para a autonomia e a tomada de decisão.
 Ampliação do repertório do estudante e da
construção de possibilidades não pensadas no PV.
 Aprofundamento em temas que já fazem parte do
PV do estudante.
© Pixabay
Interação no chat
Analise as ementas a seguir e proponha
uma culminância para cada uma delas
© Pixabay
Ementa 1
Preservar para sobreviver. A conscientização
sobre o consumo exagerado nos dias atuais. A
responsabilidade de todos no processo de
destino desses materiais e embalagens
plásticas que consumimos, o que engloba a
preservação marinha, qual é a importância de
preservação do complexo ecossistema marinho,
quais efeitos nocivos podem ser
causados pelo acúmulo de lixo no mar.
Preservação marinha e o impacto do
lixo no ecossistema
Professora – Gisele C. Michelazzo
E.E. Prof.ª Sueli Ap. Figueira dos Santos
Ubatuba-SP
Ementa 2
Vivemos em um mundo de formas e imagens. Elas
estão presentes em nosso cotidiano. Por muitas
vezes, somos iludidos por aquilo que vemos.
Explorando imagens, pode-se aprender a ler e a
interpretar diversas situações. Por meio de
charges, tabelas, fotografias, gráficos, placas e
propagandas publicitárias, aperfeiçoaremos seu
olhar crítico. Venha fazer parte desse mundo.
Nem tudo que reluz é ouro!
SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso
Formação Aprofundada: Eletivas, 2019. 1ª edição.
Ementa 3
A abordagem investigativa apoia-se nos ideais da pedagogia
progressista, desenvolvida por John Dewey e seus adeptos entre o
final do século XIX e o início do século XX. De acordo com essa
abordagem, o aprendizado ocorre da experiência, não apenas em
laboratório, mas na vida. Assim, de acordo com as experiências
que vivencia, o estudante aprimora o conhecimento e as
habilidades fundamentais para desenvolver a plena cidadania e a
capacidade de construir uma sociedade cada vez mais evoluída.
Com base nessa abordagem pedagógica, esta disciplina oferece ao
estudante a oportunidade de elaborar soluções para os problemas
de seu contexto social, seja no âmbito da escola, de seu bairro, de
sua casa, até mesmo em âmbito global e universal.
Rumo ao Prêmio Nobel
SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação
Aprofundada: Eletivas, 2019. 1ª edição.
Gabarito!
• Preservação marinha e
o impacto do lixo no
ecossistema
• Nem tudo que reluz é
ouro!
• Rumo ao Prêmio Nobel
• Exposição fotográfica
• Exposição fotográfica
• Exposição de trabalhos
em modelo de
simpósio
A culminância
© Pixabay
O que é a culminância?
• Momento em que os estudantes
compartilham o resultado de seu
trabalho na eletiva com a comunidade
escolar.
• Pode ter vários formatos: evento, mostra,
feira, roda de conversa, espetáculo,
produto digital, intervenção
artística/comunitária etc.
O que é a culminância?
• Pode acontecer em um ou mais dias, de
acordo com a organização feita pela escola
• Amplamente divulgada para a comunidade
escolar.
• Os estudantes são incentivados a participar
desse processo.
Por que é importante?
• Concretização e valorização das
aprendizagens desenvolvidas no semestre.
• Momento de celebração de conquistas.
• Oportunidade para os estudantes
desenvolverem a autoavaliação.
• Oportunidade para os professores balizarem o
processo de ensino e aprendizagem.
• Oportunidade para que os estudantes compartilhem o que
foi aprendido na eletiva.
• Desenvolvimento do protagonismo e da autonomia do
estudante.
Culminância na pandemia
Ensino Presencial Ensino Remoto Ensino Híbrido
© Pixabay
Exemplos de culminâncias
Iniciação científica: estudantes elaboram um artigo científico.
• Digital ou manual
• Apresentação presencial – cômodos da escola
• Apresentação virtual – videoconferência, uso
de Padlet, website.
Clube do debate: estudantes realizam debates estruturados.
Olimpíada de Matemática: preparação de uma olimpíada e
simulação do evento.
Exemplos de culminâncias
Oficina de teatro: estudantes criam um espetáculo teatral/musical.
• Apresentação presencial –
teatro/musical/desfile/maquetes.
• Apresentação virtual – filme/videoclipe/Reels/
TikTok/maquetes virtuais com softwares
gratuitos.
Mundo da moda: estudantes criam um desfile de moda.
Design e arquitetura: estudantes criam maquetes e croquis.
Avaliação
© Pixabay
Avaliamos para ensinar
ou
Ensinamos para avaliar?
Nas eletivas...
• O professor pode aferir o resultado das ações
realizadas durante a eletiva e sumarizar,
qualitativamente, o que o estudante aprendeu ou
não aprendeu, por meio de conceitos como
engajamento.
• A culminância é um ótimo elemento para ser
monitorado, tanto em suas entregas
intermediárias quanto com base no produto final.
• A avaliação é processual.
• É interessante o estudante receber devolutivas estruturadas por
meio de conversas ao longo do semestre (feedback).
Conceito avaliativo
 Engajamento total
Comprometeu-se de maneira produtiva e efetiva nas ações e
nas atividades desenvolvidas ao longo do
bimestre/semestre/ano, dedicando-se e apoiando os colegas.
 Engajamento satisfatório
Comprometeu-se em partes...
 Engajamento parcial
Comprometeu-se pouco...
© Pixabay
Como avaliar?
• Observar a participação do estudante ao longo do
semestre.
• Analisar os produtos parciais criados em atividades
individuais ou em grupo.
• Promover a autoanálise e a autoavaliação do
estudante.
• Discutir com outros professores comportamentos
e produções dos estudantes.
• Registrar o desenvolvimento dos estudantes em
portfólios, diário de classe, pareceres, cadernos
etc.
O Cardápio de Eletivas
© Pixabay
Objetivo
Ampliar o repertório de eletivas,
disponibilizando planos com temas
diversificados para apoiar
professores(as) e escolas nas
aprendizagens significativas dos
estudantes e em seus projetos de
vida.
Sobre o cardápio
Temas do cardápio:
 Turismo
 Tecnologia e Informação
 Cidadania
 Sociedade e Cultura
Quando estará disponível?
No início do segundo semestre, as escolas
receberão informações e orientações sobre o
Cardápio de Eletivas.
Interação no chat
Que eletivas poderiam ser
desenvolvidas na área de CHSA?
© Pixabay
Materiais de apoio
 Apresentação de eletivas (Inova
Educação)
 Plano de Eletivas
 Currículo Paulista
 Cursos Inova Eletivas
 Live Planejamento 2021– Eletivas
© Pixabay
Avaliação
Retome suas anotações e responda no chat:
Em que medida a formação sobre eletivas
contribuiu para o aprimoramento de seu
repertório?
Referências
SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação Básica: Eletivas,
2019. 1ª edição.
SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação Aprofundada:
Eletivas, 2019. 1ª edição.
SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Inova Educação: Eletivas, 2019.
Disponível em: https://inova.educacao.sp.gov.br/wp-
content/uploads/sites/2/2019/05/PPT-ELETIVAS-SEE_hotsite.pdf. Acesso em:
23 jun. 2021.
SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Currículo Paulista, 2019. Disponível
em: https://efape.educacao.sp.gov.br/curriculopaulista/wp-
content/uploads/2019/09/curriculo-paulista-26-07.pdf.
Acesso em: 23 jun. 2021.
.
“Obrigado e até logo!”
Encerramento
“Obrigada e até logo!”

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresvanessaveloso05
 
Tudo sobre o programa de ensino integral
Tudo sobre o programa de ensino integralTudo sobre o programa de ensino integral
Tudo sobre o programa de ensino integralLu Rossetto
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolarAnanda Lima
 
Formação PIAF.pptx
Formação PIAF.pptxFormação PIAF.pptx
Formação PIAF.pptxELIESERPIRES1
 
PLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIP
PLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIPPLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIP
PLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIPwww.estagiosupervisionadofip.blogspot.com
 
Mapa de competências ensino integral (1) (1)
Mapa de competências ensino integral (1) (1)Mapa de competências ensino integral (1) (1)
Mapa de competências ensino integral (1) (1)Roseli Basellotto
 
Atribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de salaAtribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de salaeebirmawienfrida
 
01 estudos orientados eo 2022
01 estudos orientados   eo 202201 estudos orientados   eo 2022
01 estudos orientados eo 2022LEODINEIAGAMA
 
Modelo de plano do projeto comunitário
Modelo de plano do projeto comunitárioModelo de plano do projeto comunitário
Modelo de plano do projeto comunitárioEulália Mata
 
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10Ricardo Silva
 
Os 4 Pilares da Educação
Os 4 Pilares da EducaçãoOs 4 Pilares da Educação
Os 4 Pilares da EducaçãoJoemille Leal
 
Formação ELETIVAS para os alunos.pptx
Formação ELETIVAS para os alunos.pptxFormação ELETIVAS para os alunos.pptx
Formação ELETIVAS para os alunos.pptxRAPHAELCAVALCANTEALV
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipeWelton Matos
 

Mais procurados (20)

Projeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professoresProjeto de oficina pedagógica para professores
Projeto de oficina pedagógica para professores
 
Tudo sobre o programa de ensino integral
Tudo sobre o programa de ensino integralTudo sobre o programa de ensino integral
Tudo sobre o programa de ensino integral
 
Slides planejamento escolar
Slides planejamento escolarSlides planejamento escolar
Slides planejamento escolar
 
Formação PIAF.pptx
Formação PIAF.pptxFormação PIAF.pptx
Formação PIAF.pptx
 
PLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIP
PLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIPPLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIP
PLANO DE CURSO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO - 7° PERÍODO DE PEDAGOGIA DAS FIP
 
Plano de Tutoria.pdf
Plano de Tutoria.pdfPlano de Tutoria.pdf
Plano de Tutoria.pdf
 
Mapa de competências ensino integral (1) (1)
Mapa de competências ensino integral (1) (1)Mapa de competências ensino integral (1) (1)
Mapa de competências ensino integral (1) (1)
 
CARTILHA TUTORIA.pdf
CARTILHA TUTORIA.pdfCARTILHA TUTORIA.pdf
CARTILHA TUTORIA.pdf
 
Atribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de salaAtribuições dos líderes de sala
Atribuições dos líderes de sala
 
01 estudos orientados eo 2022
01 estudos orientados   eo 202201 estudos orientados   eo 2022
01 estudos orientados eo 2022
 
Modelo de plano do projeto comunitário
Modelo de plano do projeto comunitárioModelo de plano do projeto comunitário
Modelo de plano do projeto comunitário
 
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
Aula nota 10 - 49 técnicas para ser um professor nota 10
 
FORMAÇÃO TUTORIA PARA ENSINO INTEGRAL.pptx
FORMAÇÃO TUTORIA PARA ENSINO INTEGRAL.pptxFORMAÇÃO TUTORIA PARA ENSINO INTEGRAL.pptx
FORMAÇÃO TUTORIA PARA ENSINO INTEGRAL.pptx
 
Os 4 Pilares da Educação
Os 4 Pilares da EducaçãoOs 4 Pilares da Educação
Os 4 Pilares da Educação
 
Formação ELETIVAS para os alunos.pptx
Formação ELETIVAS para os alunos.pptxFormação ELETIVAS para os alunos.pptx
Formação ELETIVAS para os alunos.pptx
 
Trabalho em equipe
Trabalho em equipeTrabalho em equipe
Trabalho em equipe
 
Modelo projeto pedagogico
Modelo projeto pedagogicoModelo projeto pedagogico
Modelo projeto pedagogico
 
Planejamento pedagógico
Planejamento pedagógicoPlanejamento pedagógico
Planejamento pedagógico
 
Resumo aula nota 10
Resumo   aula nota 10Resumo   aula nota 10
Resumo aula nota 10
 
Pauta 23 de maio
Pauta 23 de maioPauta 23 de maio
Pauta 23 de maio
 

Semelhante a 01.07.21 ATPC - Eletivas conceitos.pptx

Ppt eletivas-see hotsite (1)
Ppt eletivas-see hotsite (1)Ppt eletivas-see hotsite (1)
Ppt eletivas-see hotsite (1)Fatima Luzs
 
PPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdf
PPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdfPPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdf
PPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdfBruno Pontes Costa
 
O uso sustentável das energias
O uso sustentável das energiasO uso sustentável das energias
O uso sustentável das energiasDanielle Souza
 
Caderno de resumos i seminário de biologia
Caderno de resumos   i seminário de biologiaCaderno de resumos   i seminário de biologia
Caderno de resumos i seminário de biologiaGrace Gonçalves
 
Projeto adote um colega
Projeto adote um colegaProjeto adote um colega
Projeto adote um colegaheliane
 
Estágio em Educação Infantil
Estágio em Educação InfantilEstágio em Educação Infantil
Estágio em Educação InfantilRosinara Azeredo
 
A utilização do portefólio como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...
A utilização do portefólio  como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...A utilização do portefólio  como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...
A utilização do portefólio como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...Ilda Bicacro
 
RECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptx
RECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptxRECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptx
RECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptxEsterLeite4
 
Projeto mostra de cultura metodologia em oficinas interdisciplinares- anexo
Projeto mostra de cultura  metodologia em oficinas interdisciplinares- anexoProjeto mostra de cultura  metodologia em oficinas interdisciplinares- anexo
Projeto mostra de cultura metodologia em oficinas interdisciplinares- anexofamiliaestagio
 
Seminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina Calixto
Seminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina CalixtoSeminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina Calixto
Seminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina CalixtoRoberta Tancillo
 
Lixo que vira vida
Lixo que vira vidaLixo que vira vida
Lixo que vira vidaNana CBrito
 
A aprendizagem no contexto da metodologia de projetos
A aprendizagem no contexto da metodologia de projetosA aprendizagem no contexto da metodologia de projetos
A aprendizagem no contexto da metodologia de projetosEdeilson Silva
 

Semelhante a 01.07.21 ATPC - Eletivas conceitos.pptx (20)

O que é eletiva
O que é eletivaO que é eletiva
O que é eletiva
 
Ppt eletivas-see hotsite (1)
Ppt eletivas-see hotsite (1)Ppt eletivas-see hotsite (1)
Ppt eletivas-see hotsite (1)
 
Águeda: O eTwinning e a Metodologia de projeto
Águeda: O eTwinning e a Metodologia de projetoÁgueda: O eTwinning e a Metodologia de projeto
Águeda: O eTwinning e a Metodologia de projeto
 
PPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdf
PPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdfPPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdf
PPT-PROJETO-DE-VIDA_hotsite.pdf
 
Seminário.pptx
Seminário.pptxSeminário.pptx
Seminário.pptx
 
O uso sustentável das energias
O uso sustentável das energiasO uso sustentável das energias
O uso sustentável das energias
 
Caderno de resumos i seminário de biologia
Caderno de resumos   i seminário de biologiaCaderno de resumos   i seminário de biologia
Caderno de resumos i seminário de biologia
 
Ativ2 1apres-projetogilda
Ativ2 1apres-projetogildaAtiv2 1apres-projetogilda
Ativ2 1apres-projetogilda
 
Projeto adote um colega
Projeto adote um colegaProjeto adote um colega
Projeto adote um colega
 
Estágio em Educação Infantil
Estágio em Educação InfantilEstágio em Educação Infantil
Estágio em Educação Infantil
 
Pauta capacitacao
Pauta capacitacaoPauta capacitacao
Pauta capacitacao
 
A utilização do portefólio como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...
A utilização do portefólio  como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...A utilização do portefólio  como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...
A utilização do portefólio como instrumento de avaliação e aprendizagem na d...
 
RECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptx
RECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptxRECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptx
RECOMPOSIÇÃO DAS APRENDIZAGENS.pptx
 
Projeto mostra de cultura metodologia em oficinas interdisciplinares- anexo
Projeto mostra de cultura  metodologia em oficinas interdisciplinares- anexoProjeto mostra de cultura  metodologia em oficinas interdisciplinares- anexo
Projeto mostra de cultura metodologia em oficinas interdisciplinares- anexo
 
Plano Anual de Atividades do Agrupamento 2011/2012
Plano Anual de Atividades do Agrupamento 2011/2012Plano Anual de Atividades do Agrupamento 2011/2012
Plano Anual de Atividades do Agrupamento 2011/2012
 
Seminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina Calixto
Seminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina CalixtoSeminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina Calixto
Seminário de Boas-Práticas - EMEF Professora Pequenina Calixto
 
Projetos Curriculares
Projetos CurricularesProjetos Curriculares
Projetos Curriculares
 
Proposta Pedagogica 2013
Proposta Pedagogica 2013Proposta Pedagogica 2013
Proposta Pedagogica 2013
 
Lixo que vira vida
Lixo que vira vidaLixo que vira vida
Lixo que vira vida
 
A aprendizagem no contexto da metodologia de projetos
A aprendizagem no contexto da metodologia de projetosA aprendizagem no contexto da metodologia de projetos
A aprendizagem no contexto da metodologia de projetos
 

Último

EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxHenriqueLuciano2
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREIVONETETAVARESRAMOS
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoJayaneSales1
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Paula Meyer Piagentini
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Paula Meyer Piagentini
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxJMTCS
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.azulassessoria9
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxAntonioVieira539017
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfmarialuciadasilva17
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024GleyceMoreiraXWeslle
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxJMTCS
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxGislaineDuresCruz
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxacaciocarmo1
 

Último (20)

EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptxEVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
EVANGELISMO É MISSÕES ATUALIZADO 2024.pptx
 
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTREVACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
VACINAR E DOAR, É SÓ COMEÇAR - - 1º BIMESTRE
 
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE”       _
“O AMANHÃ EXIGE O MELHOR DE HOJE” _
 
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitaçãoSer Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
Ser Mãe Atípica, uma jornada de amor e aceitação
 
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
Jogo de Revisão Terceira Série (Primeiro Trimestre)
 
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Terceira Série do E.M.
 
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
Estudo Dirigido de Literatura / Primeira Série do E.M.
 
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptxPOETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
POETAS CONTEMPORANEOS_TEMATICAS_explicacao.pptx
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptxSlides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
Slides Lição 3, CPAD, O Céu - o Destino do Cristão, 2Tr24,.pptx
 
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
c) O crime ocorreu na forma simples ou qualificada? Justifique.
 
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptxQUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
QUIZ – GEOGRAFIA - 8º ANO - PROVA MENSAL.pptx
 
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdfTIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
TIPOS DE DISCURSO - TUDO SALA DE AULA.pdf
 
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
Apresentação sobre o Combate a Dengue 2024
 
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptxOrientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
Orientações para a análise do poema Orfeu Rebelde.pptx
 
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptxAULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
AULA-06---DIZIMA-PERIODICA_9fdc896dbd1d4cce85a9fbd2e670e62f.pptx
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptxBaladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
Baladão sobre Variação Linguistica para o spaece.pptx
 

01.07.21 ATPC - Eletivas conceitos.pptx

  • 1.
  • 4. Objetivos • Retomar o conteúdo e a elaboração do Plano de Eletivas. • Compreender o significado e a importância da culminância, propondo ideias de como desenvolvê-la de modo presencial, híbrido e remoto. • Apresentar informações sobre o Cardápio de Eletivas.
  • 5. Agenda • Momento 1 Relembrar os principais pontos do Plano de Eletivas. • Momento 2 Aprofundar as análises da culminância e da avaliação. • Momento 3 Informar sobre o Cardápio de Eletivas.
  • 6. O que é, o que é? © Pixabay • Nascem do projeto de vida dos estudantes. • São frutos daquilo que os professores podem e se interessam em fazer. • São uma resposta às demandas da comunidade. • Desenvolvem competências contidas na BNCC e no Currículo Paulista. A. Projeto de Vida B. Eletivas C. Tecnologia e Inovação
  • 7. Conceitos orientadores  Livre escolha  Diversificação e experiência escolar  Interdisciplinaridade  Metodologias ativas  Culminância © Pixabay
  • 9. Estrutura do Plano de Eletivas • Título • Professor • Ementa • Justificativa • Objetivos • Habilidades/Área de conhecimento • Eixos temáticos
  • 10. Estrutura do Plano de Eletivas • Conteúdo programático/Objetos de conhecimento • Metodologia • Recursos didáticos • Culminância • Avaliação • Cronograma semestral • Referências
  • 11. Exemplo de Plano de Eletivas Fonte: elaborado pela Coped especialmente para esta formação. QR CODE https://drive.google.com/drive/f olders/1mrX-5E8BuRw- myO0TmvAh5FpuzrMuFoK?usp= sharing
  • 12. Plano de Eletivas na Rede Professora Vanessa E.E. Helena Loureiro Rossi Poá-SP DE – Itaquaquecetuba Eletiva: Plano Coral – Música
  • 13. Importante! As eletivas se relacionam ao projeto de vida por meio de:  Processo de desenvolvimento de competências para a autonomia e a tomada de decisão.  Ampliação do repertório do estudante e da construção de possibilidades não pensadas no PV.  Aprofundamento em temas que já fazem parte do PV do estudante. © Pixabay
  • 14. Interação no chat Analise as ementas a seguir e proponha uma culminância para cada uma delas © Pixabay
  • 15. Ementa 1 Preservar para sobreviver. A conscientização sobre o consumo exagerado nos dias atuais. A responsabilidade de todos no processo de destino desses materiais e embalagens plásticas que consumimos, o que engloba a preservação marinha, qual é a importância de preservação do complexo ecossistema marinho, quais efeitos nocivos podem ser causados pelo acúmulo de lixo no mar. Preservação marinha e o impacto do lixo no ecossistema Professora – Gisele C. Michelazzo E.E. Prof.ª Sueli Ap. Figueira dos Santos Ubatuba-SP
  • 16. Ementa 2 Vivemos em um mundo de formas e imagens. Elas estão presentes em nosso cotidiano. Por muitas vezes, somos iludidos por aquilo que vemos. Explorando imagens, pode-se aprender a ler e a interpretar diversas situações. Por meio de charges, tabelas, fotografias, gráficos, placas e propagandas publicitárias, aperfeiçoaremos seu olhar crítico. Venha fazer parte desse mundo. Nem tudo que reluz é ouro! SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação Aprofundada: Eletivas, 2019. 1ª edição.
  • 17. Ementa 3 A abordagem investigativa apoia-se nos ideais da pedagogia progressista, desenvolvida por John Dewey e seus adeptos entre o final do século XIX e o início do século XX. De acordo com essa abordagem, o aprendizado ocorre da experiência, não apenas em laboratório, mas na vida. Assim, de acordo com as experiências que vivencia, o estudante aprimora o conhecimento e as habilidades fundamentais para desenvolver a plena cidadania e a capacidade de construir uma sociedade cada vez mais evoluída. Com base nessa abordagem pedagógica, esta disciplina oferece ao estudante a oportunidade de elaborar soluções para os problemas de seu contexto social, seja no âmbito da escola, de seu bairro, de sua casa, até mesmo em âmbito global e universal. Rumo ao Prêmio Nobel SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação Aprofundada: Eletivas, 2019. 1ª edição.
  • 18. Gabarito! • Preservação marinha e o impacto do lixo no ecossistema • Nem tudo que reluz é ouro! • Rumo ao Prêmio Nobel • Exposição fotográfica • Exposição fotográfica • Exposição de trabalhos em modelo de simpósio
  • 20. O que é a culminância? • Momento em que os estudantes compartilham o resultado de seu trabalho na eletiva com a comunidade escolar. • Pode ter vários formatos: evento, mostra, feira, roda de conversa, espetáculo, produto digital, intervenção artística/comunitária etc.
  • 21. O que é a culminância? • Pode acontecer em um ou mais dias, de acordo com a organização feita pela escola • Amplamente divulgada para a comunidade escolar. • Os estudantes são incentivados a participar desse processo.
  • 22. Por que é importante? • Concretização e valorização das aprendizagens desenvolvidas no semestre. • Momento de celebração de conquistas. • Oportunidade para os estudantes desenvolverem a autoavaliação. • Oportunidade para os professores balizarem o processo de ensino e aprendizagem. • Oportunidade para que os estudantes compartilhem o que foi aprendido na eletiva. • Desenvolvimento do protagonismo e da autonomia do estudante.
  • 23. Culminância na pandemia Ensino Presencial Ensino Remoto Ensino Híbrido © Pixabay
  • 24. Exemplos de culminâncias Iniciação científica: estudantes elaboram um artigo científico. • Digital ou manual • Apresentação presencial – cômodos da escola • Apresentação virtual – videoconferência, uso de Padlet, website. Clube do debate: estudantes realizam debates estruturados. Olimpíada de Matemática: preparação de uma olimpíada e simulação do evento.
  • 25. Exemplos de culminâncias Oficina de teatro: estudantes criam um espetáculo teatral/musical. • Apresentação presencial – teatro/musical/desfile/maquetes. • Apresentação virtual – filme/videoclipe/Reels/ TikTok/maquetes virtuais com softwares gratuitos. Mundo da moda: estudantes criam um desfile de moda. Design e arquitetura: estudantes criam maquetes e croquis.
  • 26. Avaliação © Pixabay Avaliamos para ensinar ou Ensinamos para avaliar?
  • 27. Nas eletivas... • O professor pode aferir o resultado das ações realizadas durante a eletiva e sumarizar, qualitativamente, o que o estudante aprendeu ou não aprendeu, por meio de conceitos como engajamento. • A culminância é um ótimo elemento para ser monitorado, tanto em suas entregas intermediárias quanto com base no produto final. • A avaliação é processual. • É interessante o estudante receber devolutivas estruturadas por meio de conversas ao longo do semestre (feedback).
  • 28. Conceito avaliativo  Engajamento total Comprometeu-se de maneira produtiva e efetiva nas ações e nas atividades desenvolvidas ao longo do bimestre/semestre/ano, dedicando-se e apoiando os colegas.  Engajamento satisfatório Comprometeu-se em partes...  Engajamento parcial Comprometeu-se pouco... © Pixabay
  • 29. Como avaliar? • Observar a participação do estudante ao longo do semestre. • Analisar os produtos parciais criados em atividades individuais ou em grupo. • Promover a autoanálise e a autoavaliação do estudante. • Discutir com outros professores comportamentos e produções dos estudantes. • Registrar o desenvolvimento dos estudantes em portfólios, diário de classe, pareceres, cadernos etc.
  • 30. O Cardápio de Eletivas © Pixabay
  • 31. Objetivo Ampliar o repertório de eletivas, disponibilizando planos com temas diversificados para apoiar professores(as) e escolas nas aprendizagens significativas dos estudantes e em seus projetos de vida.
  • 32. Sobre o cardápio Temas do cardápio:  Turismo  Tecnologia e Informação  Cidadania  Sociedade e Cultura Quando estará disponível? No início do segundo semestre, as escolas receberão informações e orientações sobre o Cardápio de Eletivas.
  • 33. Interação no chat Que eletivas poderiam ser desenvolvidas na área de CHSA? © Pixabay
  • 34. Materiais de apoio  Apresentação de eletivas (Inova Educação)  Plano de Eletivas  Currículo Paulista  Cursos Inova Eletivas  Live Planejamento 2021– Eletivas © Pixabay
  • 35. Avaliação Retome suas anotações e responda no chat: Em que medida a formação sobre eletivas contribuiu para o aprimoramento de seu repertório?
  • 36. Referências SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação Básica: Eletivas, 2019. 1ª edição. SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Curso Formação Aprofundada: Eletivas, 2019. 1ª edição. SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Inova Educação: Eletivas, 2019. Disponível em: https://inova.educacao.sp.gov.br/wp- content/uploads/sites/2/2019/05/PPT-ELETIVAS-SEE_hotsite.pdf. Acesso em: 23 jun. 2021. SÃO PAULO. Secretaria da Educação. Currículo Paulista, 2019. Disponível em: https://efape.educacao.sp.gov.br/curriculopaulista/wp- content/uploads/2019/09/curriculo-paulista-26-07.pdf. Acesso em: 23 jun. 2021.
  • 37. . “Obrigado e até logo!” Encerramento “Obrigada e até logo!”