Roteiro Internacional
10
Locais naturais para conhecer antes de morrer
1 - Parque Geológico Zhangye Danxia, na China
Parece um quadro mas é, na verdade, o Parque Geológico Zhangye Danxia.
Fica ...
3 - Lago cor de rosa, arquipélago de Recherche, na Austrália
O Lago Hillier fica no arquipélago de Recherche, rodeado de v...
5 - Luzes no mar? Em Vaadhoo, ilhas Raa Atoll, nas Maldivas
Numa das ilhas Raa Atoll, nas Maldivas, há um fenómeno da natu...
7- Praia escondida, Puerto Vallarta, no México
É um sítio do outro mundo esta
praia. Foi criada por testes
militares, que ...
8- Deserto sal, de Uyuni, na Bolívia
É o maior deserto de sal do mundo, com mais de 10 mil Km2. Está situado em
Potosi, Or...
10 – Grand Canyon, nos Estados Unidos da América
O Grand Canyon é um enorme desfiladeiro esculpido ao longo de vários
milh...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Roteiro internacional 10 locais a visitar antes de morrer

332 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
332
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
127
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Roteiro internacional 10 locais a visitar antes de morrer

  1. 1. Roteiro Internacional 10 Locais naturais para conhecer antes de morrer
  2. 2. 1 - Parque Geológico Zhangye Danxia, na China Parece um quadro mas é, na verdade, o Parque Geológico Zhangye Danxia. Fica na província de Gansu, na China, tem estas cores devido aos depósitos de minerais de diferentes tons, que se foram acumulando ao longo dos anos… séculos. Tudo obra da natureza. 2 - Campos de flor de canola, Luoping, na China Esta maravilha da natureza, que pode ser vista na China, na região de Luoping. São campos de perder a vista, cheios de flores amarelas que florescem na primavera – feitos de flor de canola (de onde sai o óleo de canola) – e proporcionam esta visão.
  3. 3. 3 - Lago cor de rosa, arquipélago de Recherche, na Austrália O Lago Hillier fica no arquipélago de Recherche, rodeado de vegetação verde, com muitos eucaliptos. O lago tem cerca de 600 metros de comprimento e é rodeado por uma borda de sal branco. Os ainda não conseguiram explicar a razão do lago ser rosa. Especula-se que tenha a ver com a baixa concentração de nutrientes e o crescimento de algas, como a Dunaliella salina e a Halobacterium. 4 – Grande Barreira de Corais, Queensland, na Austrália A Grande Barreira de Corais é considerada uma das sete maravilhas do mundo natural. Estende-se por mais de 2.600 km na costa nordeste da Austrália. Estes corais criam mais de 900 ilhas ao longo do litoral de Queensland. É protegido pelo Parque Marinho da Grande Barreira de Corais.
  4. 4. 5 - Luzes no mar? Em Vaadhoo, ilhas Raa Atoll, nas Maldivas Numa das ilhas Raa Atoll, nas Maldivas, há um fenómeno da natureza que transforma o mar, deixando-o brilhante. São muitos os especialistas que, por todo o mundo, estudam este acontecimento. Deriva esta maravilha da natureza, denominada de bioluminescência, do facto de um microrganismo na água – o fitoplâncton (phytoplanktons bioluminescentes) – entrar em contato com o oxigénio e daí soltar a luminescência, como se pode ver nas fotografias. Isto de gerar luz das ondas junto ao areal (parecem neóns) é simplesmente um mecanismo de sobrevivência desses seres microscópicos. 6 - Piscinas termais de origem calcária, Denizli, na Turquia Pamukkale é um conjunto de piscinas termais de origem calcária que com o passar dos séculos formaram bacias gigantescas de água que descem em cascata numa colina, situado próximo a Denizli, na Turquia.
  5. 5. 7- Praia escondida, Puerto Vallarta, no México É um sítio do outro mundo esta praia. Foi criada por testes militares, que aqui eram realizados. Foram as explosões que criaram estas cavidades As ilhas Marietas, de origem vulcânica, são desabitadas e ficam a algumas milhas (a cerca de uma hora de barco) da costa de Puerto Vallarta, no México. A pressão para acabar com os testes militares nas ilhas foi grande, envolvendo o cientista Jacques Cousteau, nos anos 60. Só aí o Governo mexicano decidiu tornar as ilhas num parque nacional e protegendo o ecossistema contra a pesca e caça. A proteção pelo governo criou um ambiente propício para o desenvolvimento do ecossistema marinho e é um dos poucos lugares no México, onde o peixe vive sem interação humana.
  6. 6. 8- Deserto sal, de Uyuni, na Bolívia É o maior deserto de sal do mundo, com mais de 10 mil Km2. Está situado em Potosi, Oruro, no sudoeste da Bolívia. Mais do que mostrar a transformação de vários lagos pré-históricos, este local oferece o reflexo do céu no chão salgado, tornando-se num verdadeiro espelho do que vemos. 9 – Patagónia, na Argentina e Chile Patagónia é uma região geográfica que abrange a parte mais meridional da América do Sul. Localiza-se na Argentina e no Chile, e integra a seção mais ao sul da cordilheira dos Andes, rumo a sudoeste até o oceano Pacífico, e, a leste, até os vales em torno do rio Colorado até Carmen de Patagones, no oceano Atlântico. A oeste, inclui o território de Valdívia, através do arquipélago da Terra do Fogo
  7. 7. 10 – Grand Canyon, nos Estados Unidos da América O Grand Canyon é um enorme desfiladeiro esculpido ao longo de vários milhões de anos pelo Rio Colorado. O Grand Canyon é um Património Mundial da UNESCO que se situa no norte do Arizona e é uma das maiores atrações turísticas dos Estados Unidos. Uma visita ao desfiladeiro é uma experiência fantástica.

×