Mercado romano na antiguidade

90 visualizações

Publicada em

Mercado romano na antiguidade

Publicada em: Arte e fotografia
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Mercado romano na antiguidade

  1. 1. MERCADO ROMANO NA ANTIGUIDADE MARIA RIBEIRO, Nº16 PRÁTICA SIMULADA DE AUDIOVISUAIS PROFESSORA: EDITE SANTOS E FÁTIMA SERRA
  2. 2. ÍNDICE Índice -------------------------------------------------------------------------------------------1 Introdução-------------------------------------------------------------------------------------2 COMÉRCIO DA ROMA ANTIGA----------------------------------------------------------------3 NEGOCIADORES, MERCADORES, BANQUEIROS E MASCATES-------------------------------4 Escrever nível de capítulo (nível 1) 4 Escrever nível de capítulo (nível 2) 5 Escrever título do capítulo (nível 3) 6
  3. 3. COMÉRCIO DA ROMA ANTIGA • O COMÉRCIO DO IMPÉRIO ROMANO ERA UM SETOR MUITO IMPORTANTE DA ECONOMIA DURANTE A REPÚBLICA NO INICIO E DURANTE A MAIOR PARTE DO PERÍODO IMPERIAL MODAS TENDÊNCIAS NA HISTORIOGRAFIA E NA CULTURA POPULAR TENDEM A NEGLIGENCIAR A BASE ECONÔMICA DO IMPÉRIO A FAVOR DA LÍNGUA FRANÇA-LATINA E AS FAÇANHAS DAS LEGIÕES ROMANAS.
  4. 4. INTRODUÇÃO • Este trabalho surgiu no âmbito da disciplina da Prática Simulada de audiovisuais pela professora Edite Santos e Fátima Serra e tem como objetivo mostrar como era o mercado antigamente.
  5. 5. • A SOCIEDADE DA ROMA ANTIGA DEMONSTROU SER SEGMENTADA EM TORNO DAS ÁREAS E ATIVIDADES COMERCIAIS. • CONSIDERANDO QUE, EM TEORIA MEMBROS DO SENADO ROMANO E SEUS FILOS ERAM RESTRITOS NO ENVOLVIMENTO EM COMÉRCIO, OS MESMBROS DA ORDEM EQUESTRE ESTAVAM ENVOLVIDOS EM NEGÓCIOS APESAR DE SEUS VALORES EM CLASSE SUPERIOR LANÇAREM ÊNFASE EM ATIVIDADES MILITARES E DE LAZER.
  6. 6. NEGOCIADORES, MERCADORES, BANQUEIROS E MASCATES • OS NEGOCIADORES SIGNIFICA CIDADÃOS ROMANOS ESTABELECIDOS NAS PROVÍNCIAS QUE EMPRESTAVAM DINHEIRO A JUROS. • OS MERCADORES ERAM GERALMENTE PLEBEUS OU LIBERTOS. ELES ESTAVAM PRESENTES EM TODAS AS FEIRAS AO AR LIVRE OU LOJAS, OU TRABALHANDO EM BARRACAS VENDENDO MERCADORIAS NA BEIRA DA ESTRADA . ELES TAMBÉM ESTAVAM PRESENTES PERTO DE ACAMPAMENTOS MILITARES ROMANOS DURANTE AS CAMPANHAS, ONDE VENDIAM ALIMENTOS E ROUPAS PARA OS SOLDADOS E PAGAVAM DINHEIRO VIVO PARA QUALQUER ESPÓLIO PROVENIENTE DE ATIVIDADES MILITARES
  7. 7. • OS COMERCIANTES DE MOEDA, CHAMADOS ARGENTÁRIOS, ATUAVAM COMO AGENTES EM LEILÕES PÚBLICOS OU PRIVADOS, MANTINHAM DEPÓSITOS DE DINHEIRO PARA INDIVÍDUOS, DESCONTAVAM CHEQUES, CHAMADOS PRESCRIÇÕES E SERVIAM COMO CASAS DE CÂMBIO. ELES MANTIVERAM LIVROS RIGOROSOS, OU TÁBULAS, QUE ERAM CONSIDERADOS COMO PROVA JURÍDICA PELOS TRIBUNAIS. • OS MASCATES ITINERANTES, POR VOLTA DO SÉCULO III, VAGAVAM POR TODO O IMPÉRIO ROMANO E CONSTITUÍAM A MENOR INSTITUIÇÃO COMERCIAL ITINERANTE NA ANTIGUIDADE . ESSES AMBULANTES LEVAVAM ESPECIARIAS E PERFUMES PARA A POPULAÇÃO RURAL.
  8. 8. ANEXOS

×