Aula 1: Conhecendo o Arduino

1.388 visualizações

Publicada em

Neste slide é apresentado o Arduino de forma simples, mas muito simples mesmo, para as pessoas que gostariam de conhecer essa poderosa ferramenta. O Arduino pode ser utilizado para qualquer pessoa de qualquer área do conhecimento. Ao fim da apresentação é mostrado o primeiro programa, o blink, que é feito de forma padrão para quem quer iniciar seus estudos.

Publicada em: Educação
0 comentários
4 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.388
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
22
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
137
Comentários
0
Gostaram
4
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Aula 1: Conhecendo o Arduino

  1. 1. Prof. Marcus Henrique Lic. Em Física Aula 1: O que é o Arduino?
  2. 2. Arduino é uma placa de prototipagem de hardware e software livres, que utiliza o microcontrolador Atmega328 (modelo) da Atmel (fabricante), com pinos que podem se comportar como entradas (INPUT) e saídas (OUTPUT). Cada pino pode drenar uma corrente máxima de 40 mA. O QUE É UM MICROCONTROLADOR? ENTRADAS E SAÍDAS? COMO ASSIM?
  3. 3. O que eu posso fazer com um Arduino?
  4. 4. Alguns tipos de Arduino Microcontrolador ATmega328 Tensão de operação 5V Tensão de entrada (recomendada) 7-12V Tensão de entrada (limites) 6-20V Pinos de I/O Digitais 14 (6 PWM) Pinos Analógicos 6 Corrente por I/O Pino 40 mA Corrente do Pino 3.3V 50 mA Memória Flash 32 KB SRAM 2 KB EEPROM 1 KB (ATmega328) Velocidade do Clock 16 MHzARDUINO UNO
  5. 5. Alguns tipos de Arduino Microcontrolador ATmega168 ou 328 Tensão de entrada 7-12 V Digital I / O pinos 14 (6 PWM) Pinos analógicos de entrada 8 Corrente DC por I / O Pino 40 mA Memória Flash 16 KB (ATmega168) ou 32 KB ( ATmega328 ) SRAM 1 KB ( ATmega168 ) ou 2 KB ( ATmega328 ) EEPROM 512 bytes ( ATmega168 ) ou 1 KB ( ATmega328 ) Velocidade de clock 16 MHzARDUINO NANO
  6. 6. Alguns tipos de Arduino Microcontrolador ATmega2560 Tensão de operação 5V Tensão de entrada 7-12V Pinos de I/O Digitais 54 (14 PWM) Pinos Analógicos 16 Corrente CC por I/O Pino 40 mA Corrente do Pino 3.3V 50 mA Memória Flash 256 KB SRAM 8 KB EEPROM 4 KB Velocidade do Clock 16 MHz ARDUINO MEGA
  7. 7. Conectando o Arduino no PC Windows Ao conectar o Arduino pela primeira vez, será instalado o driver. Logo após, verifique qual placa e porta você está utilizando. Pronto, você já pode começar a programar o seu arduino!!!
  8. 8. 1. Verificar : Compila e aprova seu código. Ele vai pegar erros de sintaxe (como falta de ponto e vírgula ou parênteses). 2. Upload: Envia o seu código para o placa. Ao clicar nele , você deve ver os leds em sua placa piscar rapidamente. 3. Novo: Este botão abre uma nova aba da janela de código. 4. Abrir: Este botão vai deixar você abrir um esboço existente . Conhecendo a IDE
  9. 9. 5. Salvar: Salva seu seu código. 6. Serial Monitor: Isto irá abrir uma janela que exibe todas as informações transmitidas pela serial que a placa está enviando. É muito útil para detecção de possíveis erros. 7. Mostra o nome do sketch em que se está trabalhando. 8. Esta é a área onde você compor o código para o seu esboço . 9. Este é o lugar onde o IDE informa se houve algum erro no seu código. 10. Mostra mensagens informando os erros. 11. Mostra qual placa e porta está utilizando. Conhecendo a IDE
  10. 10. Na placa Arduino UNO tem um led conectado ao pino 13 que você pode utilizar para fazer seu primeiro programa e testar seu Arduino. Vamos ao código. Primeiro programa
  11. 11. Primeiro programa Depois de digitado o código ao lado pressione o botão upload. Se você tiver digitado tudo corretamente, você irá ver o led piscando na própria placa do arduino.
  12. 12. Entendo o programa setup() No Arduino a função setup() é chamada no momento em que o programa começa. É usada para definir os modos de entrada ou saída dos pinos e outras configurações que veremos em outras aulas. Essa função é executada somente uma vez, quando o Arduino é iniciado ou quando é resetado.
  13. 13. Entendo o programa loop() No Arduino após a função setup(), que inicializa e declara os valores iniciais, a função loop() faz precisamente o que seu nome indica: ela repete-se continuamente permitindo que seu programa funcione dinamicamente. É utilizada para controlar de forma ativa a placa Arduino.
  14. 14. Obrigado!

×