Proteja	
  os	
  seus	
  bens	
  com	
  câmaras	
  de	
  videovigilância	
  
...
A	
  Ana	
  e	
  o	
  Vasco	
  são	
  um	
  jovem	
  casal.	
  Vasco	
  ficou	
  desempregado	
  e,	
  nos	
  últimos	
  m...
implica	
  que	
  as	
  imagens	
  recolhidas	
  incidam	
  não	
  somente	
  sobre	
  bens,	
  mas	
  também	
  sobre	
  ...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Proteja os seus bens com câmaras de videovigilância

141 visualizações

Publicada em

Em período de crise, é cada vez maior o número de assaltos a residências. Em direta relação, está também a cada vez maior preocupação com a segurança de pessoas e a salvaguarda dos seus bens. Não é por acaso que cada vez mais escolas, escritórios, lojas ou fábricas procuram soluções que visam minorar, e até evitar, situações desagradáveis de intrusão e assalto recorrendo a câmaras de videovigilância.

O mercado disponibiliza alguns meios a que pode recorrer para aumentar a sua segurança e proteger os seus bens. Pequenas aquisições, como uma câmaras de videovigilância, permitem controlar as entradas e saídas dos mais diversos sítios, quer se trate da sua casa, do escritório, loja ou instalações.


As câmaras de videovigilância são a solução encontrada pela Ana e o Vasco. Conheça a sua história e a importância das câmaras de videovigilância neste artigo do Blog Mais-Seguranca.pt

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
141
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Proteja os seus bens com câmaras de videovigilância

  1. 1.                       Proteja  os  seus  bens  com  câmaras  de  videovigilância       http://www.mais-­‐seguranca.pt/blog/cctv/camaras-­‐de-­‐videovigilancia/   Em  período  de  crise,  é  cada  vez  maior  o  número  de  assaltos  a  residências.  Em  direta  relação,  está   também   a   cada   vez   maior   preocupação   com   a   segurança   de   pessoas   e   a   salvaguarda   dos   seus   bens.  Não  é  por  acaso  que  cada  vez  mais  escolas,  escritórios,  lojas  ou  fábricas  procuram  soluções   que   visam   minorar,   e   até   evitar,   situações   desagradáveis   de   intrusão   e   assalto   recorrendo   a   câmaras  de  videovigilância.    O   mercado   disponibiliza   alguns   meios   a   que   pode   recorrer   para   aumentar   a   sua   segurança   e   proteger   os   seus   bens.   Pequenas   aquisições,   como   uma   câmaras   de   videovigilância,   permitem   controlar  as  entradas  e  saídas  dos  mais  diversos  sítios,  quer  se  trate  da  sua  casa,  do  escritório,  loja   ou  instalações.     As   câmaras   de   videovigilância   são   a   solução   encontrada   pela   Ana  e  o  Vasco     Visite  o  nosso  Blog  em:     http://www.mais-­‐seguranca.pt/blog/  
  2. 2. A  Ana  e  o  Vasco  são  um  jovem  casal.  Vasco  ficou  desempregado  e,  nos  últimos  meses,  ambos   viveram  angustiados  sem  dinheiro  para  pagar  as  prestações  do  crédito  que  tinham  contraído  para   comprar  casa.  Perante  a  eminência  de  ficarem  sem  a  casa,  resolveram  vender  o  apartamento  e   comprar  um  outro  mais  pequeno  e  mais  próximo  do  trabalho  de  Ana.     Tinham   começado   a   fazer   planos   para   uma   vida   em   comum   desde   muito   cedo   mas   a   crise   económico  financeira  que  assolou  o  país  nos  últimos  anos  obrigou  a  que  Vasco  tivesse  de  emigrar.   Ana  vivia  agora  sozinha  num  pequeno  T2,  apenas  com  um  minúsculo  terraço,  e  os  filhos  eram  de   momento  um  sonho  adiado.   Como  aumentar  a  segurança  em  casa  contra  os  assaltos   A  mudança  correra  bem  e  Vasco  começara  a  trabalhar  em  Bruxelas  como  tradutor-­‐intérprete  de   conferências.   O   que   ambos   juntavam   permitia-­‐lhes   pagar   a   prestação   da   nova   casa   sem   sobressaltos.   Porém,   não   quiseram   desfazer-­‐se   de   muitos   dos   valiosos   bens   que   vinham   comprando  há  já  tantos  anos.  Mas,  agora  sem  empregada,  sozinha  e  com  o  marido  a  trabalhar  no   estrangeiro,  Ana  não  se  sentia  segura  em  casa.     Ana   ouvira   falar   nos   sistemas   de   câmaras   de   videovigilância   como   uma   das   soluções   para   aumentar  a  sua  segurança  contra  assaltos.  Decidiu,  assim,  informar-­‐se  sobre  a  sua  aquisição.  E,   com  a  concordância  do  marido,  decidiu  contatar  uma  empresa  especializada  em  segurança.  Faça   como  a  Ana  e  consulte  empresas  especializadas  em  câmaras  de  videovigilância.     O  que  é  o  sistema  de  câmaras  de  videovigilância?   As  câmaras  de  videovigilância  são  um  sistema  de  controlo  de  vídeo  em  que  as  câmaras  recolhem   imagens  de  determinado  espaço  em  tempo  real.  Este  espaço  pode  ser  interior  ou  exterior,  o  que  
  3. 3. implica  que  as  imagens  recolhidas  incidam  não  somente  sobre  bens,  mas  também  sobre  pessoas,   direta  ou  indiretamente  afetas  à  área  sob  vigilância.   Existem  várias  soluções  de  câmaras  de  videovigilância  no  mercado.  Muitas  incluem  soluções  para   aplicações   domésticas   em   pacotes   “chave   na   mão”   direcionadas   para   diferentes   intuitos   de   proteção.  Os  custos  das  câmaras  de  videovigilância  variam  de  acordo  com  o  número  necessário   de   câmaras   e   do   restante   equipamento   contratado.   Este   pode   envolver   monitores,   videogravadores  ou  até  mesmo  servidores.   Escolha  sempre  a  melhor  solução  para  o  seu  caso   Muitas  das  soluções  de  câmaras   de   videovigilância  incluem  subscrições  de  acesso  a  portais  de   internet.   É   a   partir   dos   servidores   que   se   torna   possível   aceder   ao   visionamento   das   imagens   recolhidas  em  tempo  real  e  pelo  conjunto  das  câmaras.  Também  é  possível,  através  da  ligação  via   internet,  aceder  a  instruções  de  comando  e  de  edição  das  diversas  câmaras  de  videovigilância.   Ana  sabia  que  um  número  cada  vez  maior  de  portugueses  estava  a  aderir  ao  sistema  de  câmaras   de  videovigilância  como  forma  de  aumentar  a  sua  segurança  e  proteger  os  seus  bens  móveis  e  a   sua   casa.   Muitos   dos   seus   amigos   que   tinham   filhos   estavam   a   aderir   às     câmaras   de   videovigilância   não   só   para   proteger   a   sua   propriedade   da   intrusão   de   desconhecidos   e   assaltantes,   como   também   para   verem   através   da   internet   os   filhos   que   ficavam   em   casa   ao   cuidado  de  alguém.     Consulte  os  especialistas  em  câmaras  de  videovigilância   A  Ana  e  o  Vasco  estão  certos  em  procurar  uma  empresa  que  os  aconselhe  na  aquisição  das  suas   câmaras   de   videovigilância.  Mas,  como  qualquer  bom  profissional,  essa  empresa  deverá  saber   esclarecê-­‐los  sobre  o  uso  legal  dos  sistemas  de  câmaras  de  videovigilância  no  espaço  privado.  É   que,   ainda   que   Ana   e   Vasco   pensem   que   se   trata   de   sua   casa   e   dos   seus   próprios   bens,   a   videovigilância  pode  incorrer  em  conflito  com  questões  de  privacidade  ou  de  liberdade  e  garantias   dos   indivíduos.   Caso   estas   situações   não   sejam   salvaguardadas,   Ana   e   Vasco,   apesar   de   unicamente   visarem   a   sua   segurança   e   a   dos   seus   bens,   poderão   estar   a   incorrer   em   sanções   legais.   No  nosso  post  “Saiba  o  que  videovigilância”  explicar-­‐lhe-­‐emos  quais  as  precauções  a  ter  em  conta   na  hora  de  instalar  em  sua  casa  um  sistema  de  videovigilância.       Palavra  chave:  câmaras  de  videovigilância   Palavras-­‐chave  secundárias:  vídeo,  segurança,  internet    

×