Etnografia

815 visualizações

Publicada em

a

Publicada em: Educação
0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
815
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
19
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Etnografia

  1. 1. UNIVERSIDADE CATÓLICA DE PELOTAS PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM LETRASTOP. ESP. EM METODOLOGIAS DA PESQUISA EM LINGUAGEM E INTERNET Profa. Dra. RAQUEL RECUERO Mabel Oliveira Teixeira Pelotas, 27 de setembro de 2012
  2. 2. (Adriana Amaral, Geórgia Natal e Lucina Viana)Breve descrição do tema e escolhas teórico-metodológicas Etnografia e Netnografia De onde olhar? Para onde olhar? Como olhar? Ou premissas para futuras investigações Considerações finais
  3. 3. Breve descrição do tema e escolhas teórico-metodológicas NETNOGRAFIA ETNOGRAFIA VIRTUALMarketing / Administração Antropologia / Ciências Sociais A Netnografia ou Etnografia Virtual pode ser definida como uma metodologia para estudos na Internet (HINE, 2000), um método interpretativo e investigativo que explora o comportamento cultural das/nas comunidades on-line.
  4. 4. ETNOGRAFIA NETNOGRAFIA Método de investigação Começa a ser explorada a oriundo da antropologia que partir do aparecimento das reúne técnicas de comunidades virtuais, no final observação que munem o dos anos 80. pesquisador durante sua inserção nas comunidades Com a inserção do pesquisador e/ou grupos pesquisados. na CMC, troca-se o campo por um território contíguo ao off-line que tanto constitui um meio de comunicação, um ambiente de relacionamento e um artefato cultural.www.projetoilhadosmarinheiros.blogspot.com.br“O pesquisador, quando vestido de netnógrafo, se transforma num experimentador do campo, engajado na utilização do objeto pesquisado enquanto o pesquisa” (KOZINETS, 2007).
  5. 5. NETNOGRAFIA Vantagens DesvantagensMenor consumo de tempo; Exige conhecimento técnico;Menor consumo de recursos; Exige o domínio dos artefatos culturais e suas apropriações.Menos invasiva;Menos subjetiva;Facilita o acesso aos dados. “
  6. 6. De onde olhar? As análises netnográficas “podem variar ao longo de um espectroque vai desde ser intensamente participativa até ser completamente não-obstrutiva e observacional” (KOZINETS,2007:15). Seja qual for o nível de inserção do pesquisador na comunidade a ser estudada, é fundamental que ele deixe claro seu ponto de observação ao tecer as considerações sobre o objeto, pois seu posicionamento pode interferir na maneira como os dados são compilados e analisados. “O etnógrafo habita numa espécie de mundo intermediário, sendo simultaneamente um estranho e um nativo, tendo que cercar-se suficientemente tanto da cultura que estuda para entender seu funcionamento, como manter a distância necessária para dar conta de seu estudo” (HINE, 2000)
  7. 7. Para onde olhar? […] as novas tecnologias ampliam a questão da multiplexidade metodológica por transpor a discussão da evolução tecnológica em si para as questões de sociabilidade e apropriação, já que “o agente de mudança não é a tecnologia em si, e sim os usos e as construções de sentido ao redor dela” (HINE, 2005:13). Como olhar?A netnografia mantém as premissas básicas da pesquisaetnográfica:-Estranhamento em relação ao objeto;-Considerar os dados como resulltantes de interpretações de segunda eterceira mão;- considerar a subjetividade;
  8. 8. Por se tratar de uma transposição de metodologia, do espaço físico ao espaço on-line, a netnografia exige alguns procedimentos específicos: Critérios de confiabilidade frente à filtragem dos informantes dentro das comunidades virtuais: (1) indivíduos familiarizados entre eles, (2) comunicações que sejam especificamente identificadas e não-anônimas, (3) grupos com linguagens, símbolos, e normas específicas e, (4) comportamentos de manutenção do enquadramento dentro das fronteiras de dentro e fora do grupo; Entrée cultural (preparação para trabalho de campo); Coleta e análise dos dados (dados diretos, dados oriundos da observação e/ou participação dos processos comunicacionais, dados levantados em entrevistas com os indivíduos) Ética de pesquisa (ideia de público e privado no ciberespaço, clareza do pesquisador, confidencialidade). Feedback e checagem das informações com os membros do grupo. Considerações Finais

×