10-25-10Apresentação Corporativa          2010
DisclaimerEsta apresentação contém algumas afirmações e informações prospectivas relacionadas a Companhia que refletem aat...
Desde a última Execuçãopública... de Negócios Indicadores de reunião do Plano                                 3T09        ...
Destaques MPX 3T10 Concluída a perfuração do primeiro poço exploratório na Bacia do Parnaíba, o OGX-16, no Bloco PN-T-68. ...
Demanda crescente de Energia no Brasil                A forte recuperação da economia em 2010 está trazendo a curva de dem...
E demanda crescente por térmicas     Novas usinas hidrelétricas tem reservatórios que são insignificantes em tamanho, dess...
MPX: Posicionada para o crescimento  Administração Experiente, com provada capacidade de execução  Sinergias com as empres...
Administração Experiente e Capacitada      Eduardo Karrer                     Presidente da El Paso Brasil Ltda. e Rio Pol...
MPX: Histórico de metas alcançadas                                                                                        ...
Portfólio MPXA MPX está desenvolvendo 8 GW em novos projetos de geração de energia em todo oBrasil, que lhe permitirá bene...
MPX – Apresentação CorporativaPROJETOS CONTRATADOS                                    11
MPX: Empreendimentos Contratados             3 empreendimentos da MPX estão com suas obras bem avançadas, vão iniciar sua ...
Projetos Contratados: Capex e Desembolso de Dívida Financiamentos na modalidade Project Finance, com relação de equity/deb...
Energia Pecém e MPX Pecém II                               14
Energia Pecém e MPX Pecém II                               15
MPX Itaqui             16
MPX – Apresentação CorporativaDESENVOLVIMENTO DE ATIVOS DE CLASSE            MUNDIAL     Gás Natural e Carvão Mineral     ...
Bacia do Parnaíba: Alto Potencial de Gás A MPX possui participação em 7 blocos onshore em bacia ainda não explorada e com ...
Projeto do Parnaíba: Integração Gás & Energia    A MPX irá desenvolver usinas a gás natural que, somadas, podem chegar a 1...
MPX Colombia   A MPX está desenvolvendo um sistema integrado de mineração de carvão na Colombia. Umaprimeira avaliação apo...
Principais pontos: MPX Colombia   A MPX está atualmente trabalhando no licenciamento e em planos de engenharia para as min...
MPX – Apresentação CorporativaPROJETOS EM DESENVOLVIMENTO                                       22
MPX Sul + Mina de Seival Mina de Seival (carvão)      Parceira 70/30: MPX e Copelmi      Licença de Operação Ambiental Emi...
MPX AçuMPX Açu Fase I                                      MPX Açu 1 e 2        Carvão importado: 2.100 MW                ...
MPX ChileProjeto IntegradoUTE + Porto + DesalinizadoraCarvão Importado: 6 x 350 MW (2.100 MW)Desalinizadora : 800 l/sPPA: ...
MPX Tauá – Energia Solar  Primeira planta solar comercial na América Latina Tecnologia fotovoltaica Início de projeto: 1 M...
MPX – Apresentação Corporativa PENSANDO O FUTURO:ESTRATÉGIA & EXECUÇÃO                                   27
O Modelo de Negócios MPX               Criando e sustentando performance diferenciada através de um modelo                ...
Catalisadores 2010-2012          Catalisadores de curto prazo irão destravar o valor das opcionalidades no Portfólio de   ...
MPX – Apresentação CorporativaSUSTENTABILIDADE Prêmio ECO 2010                                 30
Vila Residencial Nova Canaã - Prêmio ECO 2010 Novo domicílio, em melhores condições através de mudança satisfatória e pró-...
MPX - Apresentação Corporativa                                 32
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Apresentação corporativa apimec 2010

563 visualizações

Publicada em

Publicada em: Tecnologia
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
563
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
40
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
4
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apresentação corporativa apimec 2010

  1. 1. 10-25-10Apresentação Corporativa 2010
  2. 2. DisclaimerEsta apresentação contém algumas afirmações e informações prospectivas relacionadas a Companhia que refletem aatual visão e/ou expectativas da Companhia e de sua administração a respeito de seu plano de negócios. Afirmaçõesprospectivas incluem, entre outras, todas as afirmações que denotam previsão, projeção, indicam ou implicamresultados, performance ou realizações futuras, podendo conter palavras como "acreditar", "prever", "esperar","contemplar", "provavelmente resultará" ou outras palavras ou expressões de acepção semelhante.Tais afirmações estão sujeitas a uma série de expressivos riscos, incertezas e premissas. Advertimos que diversosfatores importantes podem fazer com que os resultados reais divirjam de maneira relevante dos planos, objetivos,expectativas, estimativas e intenções expressos nesta apresentação.Em nenhuma hipótese a Companhia ou suas subsidiárias, seus conselheiros, diretores, representantes ou empregadosserão responsáveis perante quaisquer terceiros (inclusive investidores) por decisões ou atos de investimento ounegócios tomados com base nas informações e afirmações constantes desta apresentação, e tampouco por danosconseqüentes, indiretos ou semelhantes.A Companhia não tem intenção de fornecer aos eventuais detentores de ações uma revisão das afirmaçõesprospectivas ou análise das diferenças entre as afirmações prospectivas e os resultados reais.Esta apresentação e seu teor constituem informação de propriedade da Companhia, não podendo ser reproduzidos oudivulgados no todo ou em parte sem a sua prévia anuência por escrito. 2
  3. 3. Desde a última Execuçãopública... de Negócios Indicadores de reunião do Plano 3T09 3T10 Nº de 2900 diretos e indiretos 7400 diretos e indiretos empregosInvestimento R$ 1,2 bilhão investidos e R$ 2,5 bilhões investidos e Realizado evolução dos EPCs em 35% evolução dos EPCs em 80%Desembolso de R$ 1,1 bilhão R$ 2,1 bilhõesFinanciamentos MW 3571 MW 6035 MW Licenciados Recursos Mineração de Carvão + Naturais Mineração de Carvão Exploração de Gás Onshore A MPX executa de maneira focada e eficiente o seu plano de negócios, criando opcionalidades e gerando valor para os seus acionistas 3
  4. 4. Destaques MPX 3T10 Concluída a perfuração do primeiro poço exploratório na Bacia do Parnaíba, o OGX-16, no Bloco PN-T-68. Foram detectados indícios de volumes significativos de gás, indicando o grande potencial desta bacia; Iniciada em 23 de outubro a perfuração do segundo poço na Bacia do Parnaíba, o OGX-22, no Bloco PN-T-68; Protocolados o Estudo de Impacto Ambiental (EIA) e o Plano de Trabalho e Obras (PTO) da Mina de Cañaverales junto ao Ministério do Meio Ambiente colombiano (MAVDT); Definido o plano de perfuração para a certificação de recursos subterrâneos na Colômbia; Em outubro, foi desembolsada a primeira parcela do financiamento de longo prazo do BNDES para a MPX Pecém II, no valor de R$ 464 milhões. 4
  5. 5. Demanda crescente de Energia no Brasil A forte recuperação da economia em 2010 está trazendo a curva de demanda para o mesmo nível de tendência antes da queda de 2009 Forte crescimento macroeconômico, com altos níveis de produção industrial, direcionando o forte aumento da demanda A geração térmica tem ainda pequena participação na Matriz energética brasileira Demanda Energética no Brasil Matriz Energética no Brasil 80000 Hidro 67% 70000 2010E: 8% YoY Gas Natural 10% 60000 Importação 7%MWméd Biomassa 6% 50000 Subprime Óleo 5% 40000 Crisis Nuclear 2% 30000 Power Rationing Carvão 1% 20000 Eólica 1% 1992 2006 1990 1994 1996 1998 2000 2002 2004 2008 2010 2012E 2014E 0% 10% 20% 30% 40% 50% 60% 70% 80% Fonte: ONS, EPE, MPX estimates Fonte: Aneel Oct. 2010 5
  6. 6. E demanda crescente por térmicas Novas usinas hidrelétricas tem reservatórios que são insignificantes em tamanho, desse modo, a confiabilidade do sistema depende do aumento da capacidade de geração térmica Autonomia do Sistema (meses) Energia Natural Afluente Máx capacidade de armazenamento / Max capacidade de armazenamento 350% 294,000 6.5 Sudeste 300% Sul 292,000 6.0 Nordeste %Média histórica 290,000 250% Norte EARmax (MWmed) % médiaHistórica (MW méd) EARmx/Carga 5.5 carga 288,000 200% 286,000 150% 5.0 284,000 100% 4.5 282,000 50% 280,000 4.0 2010 2011 2012 2013 2014 0% jan fev mar abr mai jun jul ago set 2010 Energia armazenada nos reservatórios (final de mês) Despacho térmico % do volume máximo armazenável 120% 10000 Sudeste Segurança Energética % Volume Máximo Armazenável 110% Sul Restrições Elétricas Nordeste 8000 100% Inflexibilidade Norte Ordem de Mérito 90% MWmédio MWavg 6000 80% 70% 4000 60% 2000 50% 40% jan fev mar abr mai jun jul ago set 0 jan fev mar abr mai jun jul ago setSource: ONS 2010 2010 6
  7. 7. MPX: Posicionada para o crescimento Administração Experiente, com provada capacidade de execução Sinergias com as empresas do Grupo EBX para criar vantagens competitivas Posicionada para a liderança no mercado brasileiro de energia – portfólio de projetos diversificado Diferencial competitivo através da integração entre geração e suprimento de combustível 7
  8. 8. Administração Experiente e Capacitada Eduardo Karrer Presidente da El Paso Brasil Ltda. e Rio Polímeros S.A.. Presidente e Diretor de RI 22 anos de experiência nas mais variadas operações de M&A e Corporate Finance ligadas ao setor de recursos naturais, energia, saneamento e logística. Gerente-Executivo da Divisão de Gás e Energia e de Mercado Internacional da Petrobrás Distribuidora. CFO da MMX Mineração e Metálicos S.A. Rudolph Ihns CFO da Unisys no Brasil e Alemanha Diretor Financeiiro Mais de 25 anos de experiência na área financeira em diversas Multinacionais Secretário Nacional de Energia Xisto Vieira Filho Coordenador do Comitê Coordenador do Planejamento do Sistema Interligado Brasileiro e Secretário Diretor de Comercialização e do Comitê Nacional de Política Energética (CNPE) Regulação Presidente dos Conselhos de Administração da CHESF e da Eletrosul, e membro dos Conselhos de Administração da Eletrobrás, Furnas, Cepel e Grupo Rede. Presidente do Comitê Nacional do Cigré (Conference Internationale des Grand Réseaux Électriques) Marcus Bernd Temke 22 anos de experiência em operações de empresas multinacionais Diretor de Operação e Diretor Industrial e Gerente de Implantação na Rio Polímeros S.A Implantação MBA Executivo na COPPEAD – UFRJ Bruno Chevalier Sócio do Villemor Amaral Advogados (2002-2004) e Tozzini Freire,Teixeira & Silva Advogados (2001-2002) Diretor Jurídico e de Gerente Jurídico na General Motors Corp. em Lisboa e na MMX Mineração e Metálicos S.A. Meio Ambiente Diretor Jurídico da Delphi Automotive Systems Mais de 25 anos de experiência na indústria de mineiração (Rio Tinto e BHP Billiton), funções Gustavo Gomes técnicas, operacionais e estratégicas Diretor de Mineração e de Recursos Naturais Vasta experiência Internacional; gerenciou projectos no Brasil, Índia, Austrália, EUA e Canadá MBA no MIT - Sloan School of Management 8
  9. 9. MPX: Histórico de metas alcançadas Presença de gás Histórico MPX: Confiança na execução de Parnaíba: 1,7 Tcf de no Parnaíba projetos de alta complexidade técnica, recursos contingentes de gás proporcionando altos níveis de retorno natural certificados Desembolso do financiamento LP Pecém e Itaqui 3T10 Assinado acordo com 2T10 a Evonik Parnaíba: Início da Início de perfuração. LP 276 MWmed 1T10 construção MPX Parnaíba de Pecém II em Pecém II MPX Colombia: contratados Plano de Negócios no leilão A-5 4T09 para sistema Início de 3T09 integrado deIPO: construção mineração deUSD 1.1 bilhão Aquisição de 20Mtpa Aquisição de em Pecém participação na623 MWmed direitos 2T09 Bacia do 1,7 bilhão tonsde Pecém e minerários Parnaíba de recursosItaqui na Colombia 1T09 potenciais decontratados 1º relatório de carvãono leilão A-5 recursos de 3T08 Início de carvão construção 1T08 em Itaqui MPX Sul e 4T07 MPX Açu: LI 9
  10. 10. Portfólio MPXA MPX está desenvolvendo 8 GW em novos projetos de geração de energia em todo oBrasil, que lhe permitirá beneficiar-se da crescente demanda por eletricidade do mercadonacional. A empresa também está em processo de licenciamento de 2GW no Chile. Projetos Contratados MPX Port Carvão Energia Pecém (720 MW) MPX Mines MPX Pecém II (360 MW) MPX Itaqui MPX Paracuru MPX Itaqui (360 MW) Energia Pecém Projetos em Desenvolvimento MPX Parnaíba MPX Pecém II Exploratory Blocks MPX Tauá Gás Natural MPX Parnaíba (1863 MW) MPX Açu Fase II (3300 MW) MPX Açu –Phase 1 Carvão MPX Açu Fase I (2100 MW) MPX Castilla MPX Açu –Phase 2 MPX Sul (600 MW) MPX Sul MPX Castilla (2100 MW) Renováveis Wind: MPX Paracuru (32 MW) Seival Mine Solar: MPX Solar (1 MW) 10 Projetos com Licença Ambiental
  11. 11. MPX – Apresentação CorporativaPROJETOS CONTRATADOS 11
  12. 12. MPX: Empreendimentos Contratados 3 empreendimentos da MPX estão com suas obras bem avançadas, vão iniciar sua operação em 2011 e 2012 e estão contratados por um período de 15 anos. Capacidade Energia Capex Instalada Contratada Vigência do PPA** Progresso EPC (MW) (R$ bilhão) (MWmed) Energia Pecém * 720 615 Jan 2012-Dez 2027 80% 1,29 MPX Pecém II 365 276 Jan 2013-Dez 2028 72% 1,28 MPX Itaqui 360 315 Jan 2012-Dez 2027 80% 1,62 Energia contratada no leilão A-5 de 2007 3T11 4T11 2012 3T12 2013 • Energia Pecém • MPX Itaqui Construção MPX Pecem II Spot¹ Receita Fixa Bruta: R$ 236,9 MM/y² 3T08 Construção MPX Itaqui Spot¹ Receita Fixa Bruta: R$ 263,8 MM/y² Construção Energia Pecem Spot ¹ Receita Fixa Bruta: R$ 249.5 MM/y²4T07 1T09 2T09 *Energia Pecém é uma parceria de 50/50 entre a MPX Energia e a EDP Energia contratada no leilão A-5 de 2008: **PPA – Power Purchase Agreement ¹ Energia vendida no mercado spot antes do início das PPAs • MPX Pecém II ² Em Set/2010 12
  13. 13. Projetos Contratados: Capex e Desembolso de Dívida Financiamentos na modalidade Project Finance, com relação de equity/debt de 25%/75% Desembolso da Dívida MPX¹ 47% 53% Pecém II R$ 987 mm Desmb MPX 71% 29% Itaqui a Desemb R$ 1,241 mm Energia 76% 24% Pecém R$ 988 mm 0 500 1000 1500 ¹Desembolso efetuado em Out/2010 Capex Breakdown Uses & Sources UTEs Capex (R$ bilhão) 120% R$ 4,2 bi R$ 4,2 bi Energia Pecém* 1,29 100% 10,1% 6,6% 80% Total MPX Pecém II 1,28 BNB 60% Debt 56,7% BID MPX Itaqui 1,62 100,0% 40% BNDES Total 4,20 20% Equity 26,5% 0% *Considerando participação de 50% da MPX em Energia Pecém Uses Sources 13
  14. 14. Energia Pecém e MPX Pecém II 14
  15. 15. Energia Pecém e MPX Pecém II 15
  16. 16. MPX Itaqui 16
  17. 17. MPX – Apresentação CorporativaDESENVOLVIMENTO DE ATIVOS DE CLASSE MUNDIAL Gás Natural e Carvão Mineral 17
  18. 18. Bacia do Parnaíba: Alto Potencial de Gás A MPX possui participação em 7 blocos onshore em bacia ainda não explorada e com alto potencial de gás confirmado por um poço perfurado com indícios de hidrocarbonetos. Tcf boe Recursos Contingentes - Total * 1.7 303 MM Recursos Potenciais Riscados - Total * 0.2 37 MM * Certificado pela DeGolyer&MacNaughton Descoberta no poço OGX-16 Bacia do Parnaíba Estado do Maranhão 20 prospectos identificados Recursos potenciais de aproximadamente 15 Tcf Campanha exploratória de 15 poços até 2013 Capex exploratório estimado entre R$ 600 MM e R$ 700 MM 18
  19. 19. Projeto do Parnaíba: Integração Gás & Energia A MPX irá desenvolver usinas a gás natural que, somadas, podem chegar a 1.863 MW,estratégicamente localizadas no bloco PN-T-68 a 50 km de uma subestação de 500 kW e a 30 km do ponto de captação de água. Estrutura Acionária Licenciamento OGX LP concedida 1/3 2/3 PETRA OGX Maranhão MPX Parnaíba 70% 30% 30% 70% Rio 30 Km Blocos UTE Exploratórios Subestação 50 Km Site MPX 19
  20. 20. MPX Colombia A MPX está desenvolvendo um sistema integrado de mineração de carvão na Colombia. Umaprimeira avaliação aponta recursos suficientes para atingir uma produção de cerca de 15-20 Mtpa. Sistema de mineração integrado(Mina – Ferrovia – Porto) Minas a céu aberto: até 5 Mtpa, iniciando em 2012 Estudo de viabilidade das minas subterrâneas a ser concluído no 2º semestre de 2011 Em Março 2010 Capex estimado total: ~ USD 1,0 bi RECURSOS (IN SITU) Mt Category Céu Aberto1 143,9 Medidos/Indicados Subterrâneos 1.600,0 Potencial 1Certificado pela John T. Boyd Company (http://www.jtboyd.com) 20
  21. 21. Principais pontos: MPX Colombia A MPX está atualmente trabalhando no licenciamento e em planos de engenharia para as minas a céu aberto. Com base em recursos certificados e potenciais, a produção pode atingir 15 Mtpa em 2018Fase 1: Licenciamento/engenharia das minas a céu aberto + porto Certificação dos recursos subterrâneosFase 2: Licenciamento/engenharia das minas subterrâneas + ferrovia Production Ramp-up (*) 15.0 12.5 10.0 7.5 Mty 3.8 2.5 1.3 2012 2013 2014 2015 2016 2017 2018 Open-pit Underground (*)(*) Estimativas baseadas em recursos potenciais, sujeitos a variações conforme resultado das perfurações. 21
  22. 22. MPX – Apresentação CorporativaPROJETOS EM DESENVOLVIMENTO 22
  23. 23. MPX Sul + Mina de Seival Mina de Seival (carvão) Parceira 70/30: MPX e Copelmi Licença de Operação Ambiental Emitida 152 milhões de toneladas de reserva provada 459 milhões de toneladas de recursos Capex: ≈ USD 20 MM MPX Sul Carvão Nacional: 600 MW Energia será vendida no ACR e ACL Capex Estimado: ≈ USD 2.400 / kW Assessor Financeiro: HSBC Status Status EPC Ambiental Contrato LP emitida assinado 23
  24. 24. MPX AçuMPX Açu Fase I MPX Açu 1 e 2 Carvão importado: 2.100 MW Estaleiro OSX MOU assinado com Hyundai para EPC Capex Estimado: USD 2.000 / kW Tecnologia Supercrítica: Clean Coal Tecnology LI EmitidaMPX Açu Fase II Gás natural Capex Estimado: USD 1.300 / kW GNL: 3.300 MW LP em processo Fase I + Fase II Localização no maior centro consumidor do Brasil Sinergias com o porto do Açu Venda de energia: ACR e ACL 24
  25. 25. MPX ChileProjeto IntegradoUTE + Porto + DesalinizadoraCarvão Importado: 6 x 350 MW (2.100 MW)Desalinizadora : 800 l/sPPA: fuel-cost pass-throughCapex Estimado: ≈ USD 1.800 / kWEPC: MoU assinado com INITEC Status Status EPC Ambiental MoU LI requerida assinado 25
  26. 26. MPX Tauá – Energia Solar Primeira planta solar comercial na América Latina Tecnologia fotovoltaica Início de projeto: 1 MWp (capex de R$ 10 MM) Registro na ANEEL e licenciamento ambiental para 5 MW Entrada em operação: Mar/11 Expectativa de expansão para 50 MW Status Status EPC Ambiental Fornecedores LI emitida contratados 26
  27. 27. MPX – Apresentação Corporativa PENSANDO O FUTURO:ESTRATÉGIA & EXECUÇÃO 27
  28. 28. O Modelo de Negócios MPX Criando e sustentando performance diferenciada através de um modelo de negócios integrado A Cadeia de Geração de Valor Logistica Geração de Energia E&P Mais de 1,4 GW em Logística para suprir nossas Exploração e production de gás, construção e um pipeline de plantas e exportar o excedente carvão e outras fontes de energia 10 GW em projetos de produção greenfield Comercialização de Comercialização de Energia Combustíveis Vantagem competitiva através da Suprir nossas plantas e vender os integração e auto-produção excedentes 28
  29. 29. Catalisadores 2010-2012 Catalisadores de curto prazo irão destravar o valor das opcionalidades no Portfólio de Projetos MPX 2S10 1S11 2S11 2012 Início de contratados Início de Operação: Energia Operação: MPX Projetos Pecém e Itaqui Pecém II EBITDA positivo resultante da geração de energia PPAs MPX Parnaíba: Licença de Instalação: PPAs MPX Parnaíba: Leilões A-3 e Mercado Livre MPX Parnaiba A-5 MPX Parnaiba CSG c/ OGX Relatório de recursos: D&M Maranhão Campanha de perfuração: Avaliação de recursos nos 7 blocos Campanha de perfuração: Avaliação dos recursos Estudo de Viabilidade da mina Início da operação: Minas a céu MPX Colombia subterrâneos subterrânea aberto Licença ambiental garantida: Minas a céu EBITDA positivo resultante da aberto e Porto MPX produção das minasCSG = Contrato de Suprimento de Gás 29
  30. 30. MPX – Apresentação CorporativaSUSTENTABILIDADE Prêmio ECO 2010 30
  31. 31. Vila Residencial Nova Canaã - Prêmio ECO 2010 Novo domicílio, em melhores condições através de mudança satisfatória e pró-ativa para todos; Promover a preservação do patrimônio ambiental; Incentivar alternativas econômicas centradas na produção agroecológica; Acompanhar e monitorar a ambientação das famílias na nova área. Blog X “Ajudar essas famílias já foi um presente. Ter a iniciativa reconhecida por um prêmio tão importante na área é ainda mais gratificante para o nosso grupo e é prova de que nossa energia transforma vidas” 31
  32. 32. MPX - Apresentação Corporativa 32

×