SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 1
Nome: ______________________________________________________

                                 Turma: ____________ N.º: _________ Data: _______/_________/_______


      Lê o texto com atenção e ordena-o correctamente, através de números.


        - Eu caio, eu caio!

        Todos os que o ouviam por onde ele passava, diziam:

        - Ele agora diz que é o Dom Caio; já temos homem.

      O cavalo, que andava habituado a escaramuças, correu para o sítio em que andava a guerreia, e o alfaiate,
com medo de cair, ia agarrado às crinas, a gritar como um desesperado:

        - Eu caio, eu caio!


       - É verdade que matas sete de uma vez?

       - Saberá Vossa Majestade que sim.

       - Então, nesse caso, vai comandar as minhas tropas e atacar os inimigos que me estão cercando.




        E botaram a fugir em debandada. Os soldados do rei foram-lhe no encalço e mataram neles, e o alfaiate
ganhou assim a batalha só a agarrar-se ao pescoço do animal e em gritar: «Eu caio». O rei ficou muito contente com
ele, e em paga da vitória deu-lhe a princesa em casamento, e ninguém fazia senão louvar o sucessor de Dom Caio pela
sua coragem.




       Mandou vir o fardamento de Dom Caio e fê-lo vestir ao alfaiate, que era muito baixinho, e que ficou com o
chapéu de bicos enterrado até às orelhas; depois disse que trouxessem o cavalo branco de Dom Caio para o alfaiate
montar. Ajudaram-no a subir para o cavalo, e ele já estava a tremer como varas verdes. Assim que o cavalo sentiu as
esporas botou à desfilada, e o alfaiate a gritar:




        Era um alfaiate muito poltrão, que estava trabalhando à porta da rua; como ele tinha medo de tudo, o seu
gosto era fingir de valente. Vai de uma vez viu muitas moscas juntas, deu uma pancada e matou sete.

       Daí em diante não fazia senão gabar-se:
                -Eu cá mato sete de cada vez!



        Ora o rei andava muito aparvalhado, porque tinha morrido na guerra o seu general Dom Caio, que era o maior
valente que havia. As tropas do inimigo já vinham contra ele, porque sabiam que o rei não tinha quem comandasse as
suas tropas. Os que ouviram o alfaiate a andar a dizer por toda a parte que matava sete de cada vez, foram logo metê-
lo nos ouvidos do rei, que se lembrou de que quem era assim tão valente seria capaz de ocupar o posto de Dom Caio.
Veio, então, o alfaiate à presença do rei, que lhe perguntou:

Mais conteúdo relacionado

Mais de A. Simoes

Family Tree: Presentation
Family Tree: PresentationFamily Tree: Presentation
Family Tree: PresentationA. Simoes
 
Halloween: cards
Halloween: cardsHalloween: cards
Halloween: cardsA. Simoes
 
physical description.docx
physical  description.docxphysical  description.docx
physical description.docxA. Simoes
 
PRESENT CONTINUOUS.pptx
PRESENT CONTINUOUS.pptxPRESENT CONTINUOUS.pptx
PRESENT CONTINUOUS.pptxA. Simoes
 
Animals / Prepositions of place
Animals / Prepositions of placeAnimals / Prepositions of place
Animals / Prepositions of placeA. Simoes
 
Possessive Determiners.pptx
Possessive Determiners.pptxPossessive Determiners.pptx
Possessive Determiners.pptxA. Simoes
 
Greetings and Goodbyes.pptx
Greetings and Goodbyes.pptxGreetings and Goodbyes.pptx
Greetings and Goodbyes.pptxA. Simoes
 
Question words
Question words Question words
Question words A. Simoes
 
The Passive voice: English Language
The Passive voice: English LanguageThe Passive voice: English Language
The Passive voice: English LanguageA. Simoes
 
Prepositions of time: at, in, on
Prepositions of time: at, in, onPrepositions of time: at, in, on
Prepositions of time: at, in, onA. Simoes
 
Verb have got - Present Simple
Verb have got - Present SimpleVerb have got - Present Simple
Verb have got - Present SimpleA. Simoes
 
Plural Nouns: English Language
Plural Nouns: English LanguagePlural Nouns: English Language
Plural Nouns: English LanguageA. Simoes
 
Present simple game: affirmative and negative
Present simple game: affirmative and negativePresent simple game: affirmative and negative
Present simple game: affirmative and negativeA. Simoes
 
Pronomes demonstrativos vs Determinantes Demonstrativos
Pronomes demonstrativos vs Determinantes DemonstrativosPronomes demonstrativos vs Determinantes Demonstrativos
Pronomes demonstrativos vs Determinantes DemonstrativosA. Simoes
 
Movements: English Vocabulary
Movements: English VocabularyMovements: English Vocabulary
Movements: English VocabularyA. Simoes
 
Household chores - English vocabulary
Household chores - English vocabularyHousehold chores - English vocabulary
Household chores - English vocabularyA. Simoes
 
Pronomes possessivos
Pronomes possessivosPronomes possessivos
Pronomes possessivosA. Simoes
 
Talking about Countries and nationalities
Talking about Countries and nationalitiesTalking about Countries and nationalities
Talking about Countries and nationalitiesA. Simoes
 
Months and birthdays: English Language
Months and birthdays: English LanguageMonths and birthdays: English Language
Months and birthdays: English LanguageA. Simoes
 
Ordinal numbers : English Language
Ordinal numbers : English LanguageOrdinal numbers : English Language
Ordinal numbers : English LanguageA. Simoes
 

Mais de A. Simoes (20)

Family Tree: Presentation
Family Tree: PresentationFamily Tree: Presentation
Family Tree: Presentation
 
Halloween: cards
Halloween: cardsHalloween: cards
Halloween: cards
 
physical description.docx
physical  description.docxphysical  description.docx
physical description.docx
 
PRESENT CONTINUOUS.pptx
PRESENT CONTINUOUS.pptxPRESENT CONTINUOUS.pptx
PRESENT CONTINUOUS.pptx
 
Animals / Prepositions of place
Animals / Prepositions of placeAnimals / Prepositions of place
Animals / Prepositions of place
 
Possessive Determiners.pptx
Possessive Determiners.pptxPossessive Determiners.pptx
Possessive Determiners.pptx
 
Greetings and Goodbyes.pptx
Greetings and Goodbyes.pptxGreetings and Goodbyes.pptx
Greetings and Goodbyes.pptx
 
Question words
Question words Question words
Question words
 
The Passive voice: English Language
The Passive voice: English LanguageThe Passive voice: English Language
The Passive voice: English Language
 
Prepositions of time: at, in, on
Prepositions of time: at, in, onPrepositions of time: at, in, on
Prepositions of time: at, in, on
 
Verb have got - Present Simple
Verb have got - Present SimpleVerb have got - Present Simple
Verb have got - Present Simple
 
Plural Nouns: English Language
Plural Nouns: English LanguagePlural Nouns: English Language
Plural Nouns: English Language
 
Present simple game: affirmative and negative
Present simple game: affirmative and negativePresent simple game: affirmative and negative
Present simple game: affirmative and negative
 
Pronomes demonstrativos vs Determinantes Demonstrativos
Pronomes demonstrativos vs Determinantes DemonstrativosPronomes demonstrativos vs Determinantes Demonstrativos
Pronomes demonstrativos vs Determinantes Demonstrativos
 
Movements: English Vocabulary
Movements: English VocabularyMovements: English Vocabulary
Movements: English Vocabulary
 
Household chores - English vocabulary
Household chores - English vocabularyHousehold chores - English vocabulary
Household chores - English vocabulary
 
Pronomes possessivos
Pronomes possessivosPronomes possessivos
Pronomes possessivos
 
Talking about Countries and nationalities
Talking about Countries and nationalitiesTalking about Countries and nationalities
Talking about Countries and nationalities
 
Months and birthdays: English Language
Months and birthdays: English LanguageMonths and birthdays: English Language
Months and birthdays: English Language
 
Ordinal numbers : English Language
Ordinal numbers : English LanguageOrdinal numbers : English Language
Ordinal numbers : English Language
 

Último

Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfmirandadudu08
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduraAdryan Luiz
 
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxA experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxfabiolalopesmartins1
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxIsabelaRafael2
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOColégio Santa Teresinha
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxOsnilReis1
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOMarcosViniciusLemesL
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirIedaGoethe
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniCassio Meira Jr.
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPanandatss1
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfIedaGoethe
 

Último (20)

Regência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdfRegência Nominal e Verbal português .pdf
Regência Nominal e Verbal português .pdf
 
trabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditaduratrabalho wanda rocha ditadura
trabalho wanda rocha ditadura
 
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptxA experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
A experiência amorosa e a reflexão sobre o Amor.pptx
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptxApostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
Apostila da CONQUISTA_ para o 6ANO_LP_UNI1.pptx
 
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
Orientação Técnico-Pedagógica EMBcae Nº 001, de 16 de abril de 2024
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃOLEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
LEMBRANDO A MORTE E CELEBRANDO A RESSUREIÇÃO
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptxATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
ATIVIDADE AVALIATIVA VOZES VERBAIS 7º ano.pptx
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANOInvestimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
Investimentos. EDUCAÇÃO FINANCEIRA 8º ANO
 
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptxSlides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
Slides Lição 4, CPAD, Como se Conduzir na Caminhada, 2Tr24.pptx
 
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimirFCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
FCEE - Diretrizes - Autismo.pdf para imprimir
 
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
Em tempo de Quaresma .
Em tempo de Quaresma                            .Em tempo de Quaresma                            .
Em tempo de Quaresma .
 
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e TaniModelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
Modelos de Desenvolvimento Motor - Gallahue, Newell e Tani
 
Educação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SPEducação São Paulo centro de mídias da SP
Educação São Paulo centro de mídias da SP
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdfDIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
DIA DO INDIO - FLIPBOOK PARA IMPRIMIR.pdf
 

Conto Tradicional "D.Caio"-Texto desordenado

  • 1. Nome: ______________________________________________________ Turma: ____________ N.º: _________ Data: _______/_________/_______ Lê o texto com atenção e ordena-o correctamente, através de números. - Eu caio, eu caio! Todos os que o ouviam por onde ele passava, diziam: - Ele agora diz que é o Dom Caio; já temos homem. O cavalo, que andava habituado a escaramuças, correu para o sítio em que andava a guerreia, e o alfaiate, com medo de cair, ia agarrado às crinas, a gritar como um desesperado: - Eu caio, eu caio! - É verdade que matas sete de uma vez? - Saberá Vossa Majestade que sim. - Então, nesse caso, vai comandar as minhas tropas e atacar os inimigos que me estão cercando. E botaram a fugir em debandada. Os soldados do rei foram-lhe no encalço e mataram neles, e o alfaiate ganhou assim a batalha só a agarrar-se ao pescoço do animal e em gritar: «Eu caio». O rei ficou muito contente com ele, e em paga da vitória deu-lhe a princesa em casamento, e ninguém fazia senão louvar o sucessor de Dom Caio pela sua coragem. Mandou vir o fardamento de Dom Caio e fê-lo vestir ao alfaiate, que era muito baixinho, e que ficou com o chapéu de bicos enterrado até às orelhas; depois disse que trouxessem o cavalo branco de Dom Caio para o alfaiate montar. Ajudaram-no a subir para o cavalo, e ele já estava a tremer como varas verdes. Assim que o cavalo sentiu as esporas botou à desfilada, e o alfaiate a gritar: Era um alfaiate muito poltrão, que estava trabalhando à porta da rua; como ele tinha medo de tudo, o seu gosto era fingir de valente. Vai de uma vez viu muitas moscas juntas, deu uma pancada e matou sete. Daí em diante não fazia senão gabar-se: -Eu cá mato sete de cada vez! Ora o rei andava muito aparvalhado, porque tinha morrido na guerra o seu general Dom Caio, que era o maior valente que havia. As tropas do inimigo já vinham contra ele, porque sabiam que o rei não tinha quem comandasse as suas tropas. Os que ouviram o alfaiate a andar a dizer por toda a parte que matava sete de cada vez, foram logo metê- lo nos ouvidos do rei, que se lembrou de que quem era assim tão valente seria capaz de ocupar o posto de Dom Caio. Veio, então, o alfaiate à presença do rei, que lhe perguntou: