Frase - Oração - Período (MRA)

29.777 visualizações

Publicada em

Saiba um pouco mais sobre sobre a diferença entre frase, oração e período.

Publicada em: Educação, Espiritual, Tecnologia
1 comentário
13 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
29.777
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
656
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
1
Gostaram
13
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide
  • <number>25 de Mai de 2009
  • <number>25 de Mai de 2009
  • <number>25 de Mai de 2009
  • Frase - Oração - Período (MRA)

    1. 1. FRASES ? Frases são palavras que transmitem uma mensagem. 5ª SÉRIE – Prof.ª MIRIAN ROSSI 1
    2. 2. 1-Frases verbais são aquelas que possuem verbo. Ex.: A 5ª série está atenciosa! 2
    3. 3. 2- Frases nominais são aquelas que não possuem verbo. Ex.: Parabéns hoje, felicidade sempre! 3
    4. 4. As frases podem ser classificadas em: • FRASES AFIRMATIVAS O macaco chupa picolé. 4
    5. 5. As frases podem ser classificadas em: • FRASES NEGATIVAS O GATO NÃO TOMA BANHO. 5
    6. 6. As frases podem ser classificadas em: • FRASES EXCLAMATIVAS (!!!!!) Que lugar lindo! 6
    7. 7. As frases podem ser classificadas em: • FRASES INTERROGATIVAS (?????) O bebê está dormindo ou acordado? 7
    8. 8. As frases podem ser classificadas em: • FRASES DECLARATIVAS (! .) Amanhã, não poderei vir à aula de Português. 8
    9. 9. EXERCÍCIO DE APLICAÇÃO Classifique, quanto ao tipo, as frases sublinhadas. A vida de Mariano Paulo não pedia grandes festas. (...) E foi estendendo a mão: – A blusa é de seda? Pode-se apalpar? A rapariga nem pestanejou: – Apalpe a que o pariu. (...) Deixou-se cair numa cadeira, exagerando a viagem: – Irra, que estopada. (...) O velho Paulo veio receber o Dr. Seabra à porta da rua: – Suba, tente serená-lo. Carlos de Oliveira - Casa na Duna 9
    10. 10. As frases podem ser classificadas em: • FRASE IMPERATIVA (.) Fora! Sai da minha frente! 10
    11. 11. • A vida de Mariano Paulo não pedia grandes festas. Trata-se, obviamente, de uma frase de tipo declarativo, visto que é utilizada pelo narrador para fornecer informação sobre a personagem. 2) – A blusa é de seda? Pode-se apalpar? Olhando à estrutura das frases, teremos que as classificar como sendo do tipo interrogativo. No entanto, o contexto mostra-nos que estas duas frases têm um conteúdo expressivo. O emissor pertence à burguesia rural e depara-se com uma rapariga do povo, jovem e atraente. O desejo que sente por ela manifesta-se sob a forma dessa dupla interrogação. Portanto, a linguagem reveste aqui uma função claramente expressiva. Por outro lado, é evidente igualmente a intenção de obter da jovem, se não a aquiescência, pelo menos a submissão às intimidades do senhor. Por esse motivo, é possível atribuir-lhe uma função apelativa. O fragmento é interessante, entre outras coisas, porque permite perceber que é demasiado simplista estabelecer uma relação unívoca entre determinado tipo de frase e uma certa função da linguagem. No caso concreto da frase interrogativa, tanto pode relacionar-se com a função informativa da linguagem (obtenção de dados em falta), como com a expressiva, ou mesmo a apelativa. É isso, aliás, que fundamenta a noção de quot;interrogativa retóricaquot;, tão freqüente nos textos literários, em geral, e nos discursos argumentativos, em particular. 11
    12. 12. 3) – Apalpe a que o pariu. A forma verbal no imperativo, não permite dúvidas. Trata-se de uma frase do tipo imperativo. Mas. também aqui, a função da linguagem é dupla: exprimir a indignação da emissora (função expressiva), por um lado, e controlar o comportamento do receptor, impedindo a intimidade (função apelativa), por outro. 4) – Irra, que estopada. Trata-se de uma frase de tipo exclamativo. Note-se a interjeição inicial (quot;Irraquot;) e a entoação típica que o contexto sugere, se bem que o autor não a tenha expresso pelo recurso ao ponto de exclamação. 5) – Suba, tente serená-lo. Também aqui estamos perante uma frase do tipo imperativo, com uma função claramente apelativa, embora seja também possível vislumbrar um toque da função expressiva da linguagem, na medida em que a personagem, com esta frase, manifesta uma certa preocupação. 12
    13. 13. Classifique os tipos de frases a seguir: 13
    14. 14. Ter muitos amigos é não ter quot; nenhum.quot; ( Aristóteles ) Frase ... 14
    15. 15. 1-frase ... 2-frase ... 3-frase ... 15
    16. 16. 1- frase ... 2- frase ... 3- frase ... 16
    17. 17. a- Detesto esta comida! b- Oh, que maravilha de criança! c- Que belo presente! d- Que horror de guerra! A- frase ... B- frase... C- frase ... D- frase... 17
    18. 18. Começa a trabalhar! Compre-me este livro! Vai, antes que seja tarde! A- frase ... B- frase... C- frase ... 18
    19. 19. Parabéns! Seu sucesso é do tamanho de seu esforço! Profª Mirian Rossi Afonso Fim 19

    ×