SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 40
Baixar para ler offline
COMPOSIÇÃO QUÍMICA
CELULAR
Biologia – prof. Marcia Marlise
Biologiaprofma.blogspot.com
INTRODUÇÃO
• 95% COMPOSIÇÃO QUÍMICA DOS SERES VIVOS:
CHONPS
• BIOLOGICAMENTE IMPORTANTES: sódio (Na),
potássio (K), cálcio (Ca), fósforo (P), enxofre (S), entre
outros.
• SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS E ORGÂNICAS
Nesta representação, a freqüência dos elementos que ocorrem na crosta de terra é indicada pela altura do bloco. Os elementos
encontrados em quantidades significativas em organismos vivos são protegidos no azul.
ELEMENTOS QUÍMICOS NA NATUREZA
Bioquímica:
Composição dos Seres Vivos
Substâncias Inorgânicas:
moléculas pequenas.
• Água
• Sais Minerais
Substâncias Orgânicas:
moléculas complexas,
formadas por cadeias
carbônicas.
• Glícídios (carboidratos)
• Lipídios
• Proteínas
• Vitaminas
• Ácidos Nucleicos
Lipídios
• Possuem função energética e estrutural.
• Apresentam maior quantidade de energia que os
carboidratos.
• São a 2ª fonte de energia do organismo.
• São formados por C, H e O (uma molécula de glicerol ligada a
três cadeias de ácidos graxos).
• São insolúveis em água, e solúveis em subst. Orgânicas
apolares como, éter e álcool.
Lipídios
• SÃO OS ÓLEOS E AS GORDURAS;
• FORMADOS POR ÁC. GRAXO E GLICEROL;
• FUNÇÃO ESTRUTURAL E ENERGÉTICA;
• À TEMPERATURA AMBIENTE OS ÓLEOS SÃO LÍQUIDOS E AS GORDURAS SÃO
SÓLIDAS.
ÁCIDOS GRAXOS
Saturados – sólidos a
temperatura ambiente
GORDURA ANIMAL/TECIDO
ADIPOSO
Insaturados - líquidos a
temperatura ambiente
ÓLEOS/SEMENTES
Lipídios - GLICERÍDIOS
• FORMADOS POR ÁCIDOS GRAXOS COM ÁLCOOL DE CADEIA
LONGA (ATÉ 16 C).
• SÃO ALTAMENTE INSOLÚVEIS NA ÁGUA.
• NOS VEGETAIS IMPERMEABILIZAM EVITANDO A
TRANSPIRAÇÃO EXCESSIVA E PROTEÇÃO = FOLHAS E
FRUTOS.
• CERAS DE ABELHA, CERA DE OUVIDO (CERÚMEN),
GLÂNDULA SEBÁCEA E URUPIGIANA... SÃO CERAS ANIMAIS.
Lipídios – CERÍDIOS / CERAS
Lipídios -
fosfolipídios
• APRESENTAM 4 ANÉIS DE C
INTERLIGADOS.
• FORMADOS POR ÁC. GRAXO E ÁLCOOL;
• O COLESTEROL É O PRINCIPAL: SERVE DE
MATÉRIA PRIMA PARA OS DEMAIS.
• ALÉM DE FORMAR HORMÔNIOS ENTRAM
NA COMPOSIÇÃO DAS MEMBRANAS
CELULARES E DA BILE.
• ♂ TESTOSTERONA
• ♀ PROGESTERONA E ESTRÓGENO
Lipídios - ESTERÓIDES
COMPONENTES QUÍMICOS DA S CÉLULAS – LIPÍDIOS
O colesterol forma um complexo com os
lipídeos e proteínas, chamado
lipoproteína - LDL
A LDL (Low-Density Lipoproteins) acaba
sendo oxidada por radicais livres
presentes na célula.
O COLESTEROL NO SANGUE
COMPONENTES QUÍMICOS DA S CÉLULAS – LIPÍDIOS
Esta oxidação aciona um
mecanismo de defesa e,
imediatamente,
glóbulos brancos juntam-se ao sítio,
e este fica inflamado
Cria-se uma placa no meio do
vaso sanguíneo; ocorre uma
deposição lenta de cálcio =
ATEROSCLEROSE,
numa tentativa de isolar a área
afetada.
COMPONENTES QUÍMICOS DAS CÉLULAS – LIPÍDIOS
Isto pode interromper o
fluxo sanguíneo normal
e vir a provocar inúmeras
doenças cardíacas. De fato,
a concentração elevada de
LDL no sangue é a
principal
causa de cardiopatias.
COMPONENTES QUÍMICOS DAS CÉLULAS – LIPÍDIOS
Plantas – produzem fitoalexínas
RESVERATROL - nas cascas da uva
High-Density Lipoproteins - HDL
É responsável pelo transporte
reverso do colesterol - carrega o
colesterol em excesso de volta
para o fígado = BILE.
HDL sanguíneo
Vitis sp.
• Colesterol, quando em excesso o LDL pode se
depositar nas artérias causando a aterosclerose
ou infarto do miocárdio.
Lipídios - ESTERÓIDES
• PIGMENTOS vermelhos, laranja ou amarelo;
• São insolúveis em água e solúveis em solventes
orgânicos;
• Importantes na fotossíntese;
• Importante para os animais vertebrados, ex.
caroteno laranja é precursor da vit. A,
importante para a visão.
Lipídios – CAROTENÓIDES
Proteínas
• Substâncias orgânicas mais abundantes nos seres vivos.
• Possuem função estrutural, enzimática, hormonal,
imunológica etc.
• São formadas por átomos de C, H, O e, às vezes, S.
• Os aminoácidos são as unidades proteicas.
• Unem-se em n° de dezenas, centenas ou milhares =
cadeia polipeptídica.
Proteínas
• Cada aminoácido é composto por um carbono alfa, um
grupamento amina e um grupamento carboxila e um
hidrogênio. Junto ao carbono alfa temos o radical, o qual
muda de aminoácido para aminoácido.
• Os aminoácidos são unidos
entre si pelas ligações
peptídicas.
• Podem ser classificados em
dipeptídeo, tripeptídeo,
oligopeptídeo e polipeptídeo.
Proteínas
Classificação dos aminoácidos:
• Os aminoácidos NATURAIS são os que um ser vivo pode
produzir.
• Os aminoácidos ESSENCIAIS são os que um ser vivo não
pode produzir, portanto devem ser obtidos via
alimentação.
A lista de aminoácidos naturais e essenciais muda de
espécie para espécie.
Proteínas
Classificação dos aminoácidos:
Naturais Essenciais
Glicina Histidina Fenilalanina
Alanina Asparagina Valina
Serina Glutamina Triptofano
Cisteína Prolina Treonina
Tirosina Lisina
Ácido Aspártico Leucina
Ácido Glutâmico Isoleucina
Arginina Metionina
Proteínas
• Os aminoácidos são unidos
entre si pelas ligações
peptídicas.
Proteínas
Estrutura das proteínas:
Proteínas
Estrutura das proteínas – FUNÇÃO E FORMA
• A FUNÇÃO DE CADA PROTEÍNA DEPENDE DE SUA FORMA.
• PROTEÍNAS PODEM SER MATERIAL DE CONSTRUÇÃO DOS
SERES VIVOS: FUNÇÃO ESTRUTURAL.
• PROTEÍNAS PODEM PROMOVER REAÇÕES QUÍMICAS
(CATALISADORES) E SÃO CHAMADAS ENZIMAS.
Proteínas
Estrutura das proteínas – FUNÇÃO E FORMA
• A FORMA DA PROTEÍNA É DETERMINADA PELA SUA
ESTRUTURA:
• PRIMÁRIA: É DADA PELA SEQÜÊNCIA DE AMINOÁCIDOS. É
FILAMENTOSA. A TROCA DE UM AMINOÁCIDO PODE ALTERAR
SUA FORMA.
• SECUNDÁRIA: É O FILAMENTO PRIMÁRIO ENROLADO EM
ESPIRAL.
• TERCIARIA: A ESPIRAL SECUNDÁRIA SE ENROLA FORMANDO
UMA ESFERA.
• QUATERNARIA: É O MODO COMO AS PROTEÍNAS TERCIÁRIAS
SE DISPÕEM (2 OU +).
Proteínas
Estrutura das proteínas:
Ordem dos
aminoácidos
Espiral da
estrutura
primária
A secundária
dobrada sobre
si em globo.
Várias proteínas
terciárias.
Desnaturação de
Proteínas:
• É A ALTERAÇÃO DA FORMA (ESTRUTURA) DA PROTEÍNA POR EFEITO
DA TEMPERATURA, PH, SALINIDADE. PODE SER IRREVERSÍVEL OU
REVERSÍVEL.
• CLARA DE OVO: NO OVO CRU É PROTEINA NATIVA. APÓS FRITA OU
COZIDA É PROTEÍNA É DESNATURADA.
• CASEÍNA (DO LEITE) ACRESCENTANDO ÁCIDO (LIMÃO OU VINAGRE)
COALHA, VIRA PARACASEÍNA (COALHADA – é a proteína desnaturada).
Proteínas:
enzimas
• Aceleram as reações
químicas;
• Diminuem o gasto de
energia na reação;
• Possuem alta especificidade
enzima-substrato (modelo
da chave-fechadura).
Proteínas:
enzimas
Proteínas:
atuam na imunização
• Anticorpos defendem o nosso corpo.
• Podemos classificar o processo de imunização em:
• Imunização ativa: organismo aprende a “fabricar”
anticorpos, ou pegando a doença ou através de
vacinas.
• Imunização passiva: quando o organismo recebe
pronto os anticorpos (amamentação, placenta,
soro).
Vitaminas
• Necessárias em pequenas quantidades.
• Indispensáveis para o funcionamento do corpo.
• Atuam como reguladoras das reações químicas.
Podem ser classificadas em:
• Lipossolúveis: se dissolvem em lipídios. Ex.:
vitaminas A, D, E e K.
• Hidrossolúveis: se dissolvem em água. Ex.: vitamina
C e vitaminas do complexo B.
V
I
T
A
M
I
N
A
S
Vitaminas - DOENÇAS
(O balancê,..., quero dançar com você)
Sem a vitamina C,
Escorburto pega você
E o raquitismo acontece, porquê?
Falta a vitamina D.
Quando há cegueira noturna,
Falta a vitamina A
Quando há hemorragia,
Falta a vitamina K
Sem a vitamina E,
Rato não vai ter nenê
E o beri-beri acontece porque,
Falta a vitamina B (um)
Ácidos Nucleicos
• Comandam as atividades celulares.
• São a base dos caracteres hereditários.
• São conhecidos por DNA ou ADN (ácido
desoxirribonucleico) e o RNA ou ARN (ácido
ribonucleico).
• São formados por unidades denominadas
nucleotídeos.
• Cada nucleotídeo é formado por um grupo fosfato,
uma pentose e uma base nitrogenada.
Ácidos Nucleicos
C G
T A
Ácidos Nucleicos
Para memorizar as bases
nitrogenadas e diferenciá-las,
guarde:
PUlGA (pulga): PU = púrica, G =
guanina, A = adenina;
PITUCa (pituca): PI = pirimidina, T =
timina, U = uracila e C = citosina;
Ácidos Nucleicos
Diferenças entre DNA e RNA:
Diferenças
entre
DNA
e
RNA

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosFatima Comiotto
 
Compostos inorgânicos e orgânicos [modo de compatibilidade]
Compostos inorgânicos e orgânicos  [modo de compatibilidade]Compostos inorgânicos e orgânicos  [modo de compatibilidade]
Compostos inorgânicos e orgânicos [modo de compatibilidade]César Milani
 
Citoplasma
CitoplasmaCitoplasma
Citoplasmaemanuel
 
Aula Citologia
Aula CitologiaAula Citologia
Aula Citologiabradok157
 
Aulão a origem da vida
Aulão a origem da vidaAulão a origem da vida
Aulão a origem da vidaCésar Milani
 
Metabolismo Energético
Metabolismo EnergéticoMetabolismo Energético
Metabolismo EnergéticoKiller Max
 
Proteínas
ProteínasProteínas
Proteínasemanuel
 
Introdução a citologia
Introdução a citologiaIntrodução a citologia
Introdução a citologiaemanuel
 
Caracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivosCaracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivosCésar Milani
 
Composição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser VivoComposição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser VivoKiller Max
 
Aula Introdução à Citologia
Aula Introdução à CitologiaAula Introdução à Citologia
Aula Introdução à CitologiaThiago Manchester
 
Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protistaNelson Costa
 
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humanaAula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humanaRonaldo Santana
 
Introducao histologia
Introducao histologia Introducao histologia
Introducao histologia Thais Benicio
 
Carboidratos slideshare
Carboidratos   slideshareCarboidratos   slideshare
Carboidratos slideshareSid Siqueira
 
Transformação da Materia
Transformação da MateriaTransformação da Materia
Transformação da MateriaPedro Monteiro
 

Mais procurados (20)

Aula sobre histologia
Aula sobre   histologiaAula sobre   histologia
Aula sobre histologia
 
Níveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivosNíveis de organização dos seres vivos
Níveis de organização dos seres vivos
 
Aula citologia
Aula citologiaAula citologia
Aula citologia
 
Proteinas
ProteinasProteinas
Proteinas
 
Compostos inorgânicos e orgânicos [modo de compatibilidade]
Compostos inorgânicos e orgânicos  [modo de compatibilidade]Compostos inorgânicos e orgânicos  [modo de compatibilidade]
Compostos inorgânicos e orgânicos [modo de compatibilidade]
 
Citoplasma
CitoplasmaCitoplasma
Citoplasma
 
Aula Citologia
Aula CitologiaAula Citologia
Aula Citologia
 
Aulão a origem da vida
Aulão a origem da vidaAulão a origem da vida
Aulão a origem da vida
 
Metabolismo Energético
Metabolismo EnergéticoMetabolismo Energético
Metabolismo Energético
 
Proteínas
ProteínasProteínas
Proteínas
 
Introdução a citologia
Introdução a citologiaIntrodução a citologia
Introdução a citologia
 
Caracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivosCaracteristicas gerais dos seres vivos
Caracteristicas gerais dos seres vivos
 
Composição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser VivoComposição Química do Ser Vivo
Composição Química do Ser Vivo
 
Aula Introdução à Citologia
Aula Introdução à CitologiaAula Introdução à Citologia
Aula Introdução à Citologia
 
Aula completa reino protista
Aula completa reino protistaAula completa reino protista
Aula completa reino protista
 
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humanaAula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
Aula 1º Ano Ensino Médio: Histologia animal/humana
 
Introducao histologia
Introducao histologia Introducao histologia
Introducao histologia
 
Carboidratos slideshare
Carboidratos   slideshareCarboidratos   slideshare
Carboidratos slideshare
 
Organelas Celulares I
Organelas Celulares IOrganelas Celulares I
Organelas Celulares I
 
Transformação da Materia
Transformação da MateriaTransformação da Materia
Transformação da Materia
 

Destaque

Componentes químicos da célula
Componentes químicos da célulaComponentes químicos da célula
Componentes químicos da célulaFatima Comiotto
 
Química celular completo
Química celular completoQuímica celular completo
Química celular completoDalu Barreto
 
Introdução à composição química celular
Introdução à composição química celularIntrodução à composição química celular
Introdução à composição química celularHEGUEL_ALBUQUERQUE
 
A química da célula - Agua e sais minerais
A química da célula - Agua e sais mineraisA química da célula - Agua e sais minerais
A química da célula - Agua e sais mineraisMatheus de Paula Medeiros
 
Composição química da célula - Biologia
Composição química da célula - BiologiaComposição química da célula - Biologia
Composição química da célula - BiologiaAnauhe Gabriel
 
Aula de bioquímica celular
Aula de bioquímica celularAula de bioquímica celular
Aula de bioquímica celularluam1969
 
Bioquímica componentes inorgânicos e orgânicos
Bioquímica   componentes inorgânicos e orgânicosBioquímica   componentes inorgânicos e orgânicos
Bioquímica componentes inorgânicos e orgânicoscarreiralopes
 
Aula biologia celular
Aula   biologia celularAula   biologia celular
Aula biologia celularsanthdalcin
 
A Célula - Unidade básica da vida
A Célula - Unidade básica da vidaA Célula - Unidade básica da vida
A Célula - Unidade básica da vidaCatir
 
Estrutura química das células
Estrutura química das célulasEstrutura química das células
Estrutura química das célulasdenilsonbio
 
Compostos orgânicos das células
Compostos orgânicos das célulasCompostos orgânicos das células
Compostos orgânicos das célulasRita Cunha
 
Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais
Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais
Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais Fernando Mori Miyazawa
 
água e sais minerais
água e sais mineraiságua e sais minerais
água e sais mineraisNeuma Matos
 
Compostos organicos e inorganicos - Biologia
Compostos organicos e inorganicos - BiologiaCompostos organicos e inorganicos - Biologia
Compostos organicos e inorganicos - BiologiaMatheus César
 
A composição química dos seres vivos[1]
A composição química dos seres vivos[1]A composição química dos seres vivos[1]
A composição química dos seres vivos[1]Roberto Bagatini
 
Bioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídios
Bioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídiosBioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídios
Bioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídiosLarissa Garcia
 

Destaque (20)

Aula 1 Componentes químicos da célula
Aula 1  Componentes químicos da célulaAula 1  Componentes químicos da célula
Aula 1 Componentes químicos da célula
 
Componentes químicos da célula
Componentes químicos da célulaComponentes químicos da célula
Componentes químicos da célula
 
Química celular completo
Química celular completoQuímica celular completo
Química celular completo
 
Componentes quimicos das celulas
Componentes quimicos das celulasComponentes quimicos das celulas
Componentes quimicos das celulas
 
Introdução à composição química celular
Introdução à composição química celularIntrodução à composição química celular
Introdução à composição química celular
 
Composicão quimica das células
Composicão quimica das célulasComposicão quimica das células
Composicão quimica das células
 
A química da célula - Agua e sais minerais
A química da célula - Agua e sais mineraisA química da célula - Agua e sais minerais
A química da célula - Agua e sais minerais
 
Composição química da célula - Biologia
Composição química da célula - BiologiaComposição química da célula - Biologia
Composição química da célula - Biologia
 
Aula de bioquímica celular
Aula de bioquímica celularAula de bioquímica celular
Aula de bioquímica celular
 
Bioquímica componentes inorgânicos e orgânicos
Bioquímica   componentes inorgânicos e orgânicosBioquímica   componentes inorgânicos e orgânicos
Bioquímica componentes inorgânicos e orgânicos
 
Aula biologia celular
Aula   biologia celularAula   biologia celular
Aula biologia celular
 
Composição química dos seres vivos
Composição química dos seres vivosComposição química dos seres vivos
Composição química dos seres vivos
 
A Célula - Unidade básica da vida
A Célula - Unidade básica da vidaA Célula - Unidade básica da vida
A Célula - Unidade básica da vida
 
Estrutura química das células
Estrutura química das célulasEstrutura química das células
Estrutura química das células
 
Compostos orgânicos das células
Compostos orgânicos das célulasCompostos orgânicos das células
Compostos orgânicos das células
 
Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais
Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais
Aula 2 - Compostos Inorgânicos: Água e sais minerais
 
água e sais minerais
água e sais mineraiságua e sais minerais
água e sais minerais
 
Compostos organicos e inorganicos - Biologia
Compostos organicos e inorganicos - BiologiaCompostos organicos e inorganicos - Biologia
Compostos organicos e inorganicos - Biologia
 
A composição química dos seres vivos[1]
A composição química dos seres vivos[1]A composição química dos seres vivos[1]
A composição química dos seres vivos[1]
 
Bioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídios
Bioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídiosBioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídios
Bioquímica- Água, sais minerais, carboidratos e lipídios
 

Semelhante a Composição química da célula

Composição química da célula
Composição química da célulaComposição química da célula
Composição química da célulaMARCIAMP
 
Componentes biologia molecular
Componentes biologia molecularComponentes biologia molecular
Componentes biologia molecularAdriana Pereira
 
Composição química da célula
Composição química da célulaComposição química da célula
Composição química da célulaMarcia M Pedroso
 
Composição química da célula
Composição química da célulaComposição química da célula
Composição química da célulaMarcia M Pedroso
 
ESPECÍFICA COMP QUIM CEL
ESPECÍFICA COMP QUIM CELESPECÍFICA COMP QUIM CEL
ESPECÍFICA COMP QUIM CELMARCIAMP
 
Aulão vestibular inverno
Aulão vestibular invernoAulão vestibular inverno
Aulão vestibular invernoCésar Milani
 
Biologia molecular 1
Biologia molecular 1Biologia molecular 1
Biologia molecular 1César Milani
 
Capitulo 1 vida e composição química dos seres vivos
Capitulo 1 vida e composição química dos seres vivosCapitulo 1 vida e composição química dos seres vivos
Capitulo 1 vida e composição química dos seres vivosProfessora Raquel
 
Aula 2 composição química das células
Aula 2   composição química das célulasAula 2   composição química das células
Aula 2 composição química das célulasNayara de Queiroz
 
Bioquimica-Composicao Quimica da Celula.pdf
Bioquimica-Composicao Quimica  da Celula.pdfBioquimica-Composicao Quimica  da Celula.pdf
Bioquimica-Composicao Quimica da Celula.pdfFeridoZitoJonas
 
A4.1 comp.quimica da célula
A4.1 comp.quimica da célulaA4.1 comp.quimica da célula
A4.1 comp.quimica da célulaSimone Costa
 
Capitulo 1 características dos seres vivos
Capitulo 1 características dos seres vivosCapitulo 1 características dos seres vivos
Capitulo 1 características dos seres vivosProfessora Raquel
 
Slide biologia na ponta da lingua
Slide biologia na ponta da linguaSlide biologia na ponta da lingua
Slide biologia na ponta da linguaLetícia Oliveira
 
Composicao Quimica
Composicao QuimicaComposicao Quimica
Composicao Quimicalidypvh
 

Semelhante a Composição química da célula (20)

Composição química da célula
Composição química da célulaComposição química da célula
Composição química da célula
 
Componentes biologia molecular
Componentes biologia molecularComponentes biologia molecular
Componentes biologia molecular
 
Composição química da célula
Composição química da célulaComposição química da célula
Composição química da célula
 
Composição química da célula
Composição química da célulaComposição química da célula
Composição química da célula
 
ESPECÍFICA COMP QUIM CEL
ESPECÍFICA COMP QUIM CELESPECÍFICA COMP QUIM CEL
ESPECÍFICA COMP QUIM CEL
 
Bio01
Bio01Bio01
Bio01
 
Capitulo 1, 3, 4, 5 e 6
Capitulo 1, 3, 4, 5 e 6Capitulo 1, 3, 4, 5 e 6
Capitulo 1, 3, 4, 5 e 6
 
Aulão vestibular inverno
Aulão vestibular invernoAulão vestibular inverno
Aulão vestibular inverno
 
Biologia molecular 1
Biologia molecular 1Biologia molecular 1
Biologia molecular 1
 
Capitulo 1 vida e composição química dos seres vivos
Capitulo 1 vida e composição química dos seres vivosCapitulo 1 vida e composição química dos seres vivos
Capitulo 1 vida e composição química dos seres vivos
 
Aula 2 composição química das células
Aula 2   composição química das célulasAula 2   composição química das células
Aula 2 composição química das células
 
Bioquimica-Composicao Quimica da Celula.pdf
Bioquimica-Composicao Quimica  da Celula.pdfBioquimica-Composicao Quimica  da Celula.pdf
Bioquimica-Composicao Quimica da Celula.pdf
 
Quimica da vida
Quimica da vida   Quimica da vida
Quimica da vida
 
A4.1 comp.quimica da célula
A4.1 comp.quimica da célulaA4.1 comp.quimica da célula
A4.1 comp.quimica da célula
 
Capitulo 1 características dos seres vivos
Capitulo 1 características dos seres vivosCapitulo 1 características dos seres vivos
Capitulo 1 características dos seres vivos
 
Aminoácidos e proteínas
Aminoácidos e proteínasAminoácidos e proteínas
Aminoácidos e proteínas
 
Proteínas
ProteínasProteínas
Proteínas
 
Resumo pas 1 em
Resumo pas 1 emResumo pas 1 em
Resumo pas 1 em
 
Slide biologia na ponta da lingua
Slide biologia na ponta da linguaSlide biologia na ponta da lingua
Slide biologia na ponta da lingua
 
Composicao Quimica
Composicao QuimicaComposicao Quimica
Composicao Quimica
 

Mais de MARCIAMP

Histologia animal
Histologia animalHistologia animal
Histologia animalMARCIAMP
 
Aula RESPIRAÇÃO CELULAR
Aula RESPIRAÇÃO CELULARAula RESPIRAÇÃO CELULAR
Aula RESPIRAÇÃO CELULARMARCIAMP
 
Núcleo celular
Núcleo celularNúcleo celular
Núcleo celularMARCIAMP
 
Aula zoologia de vertebrados1
Aula zoologia de vertebrados1Aula zoologia de vertebrados1
Aula zoologia de vertebrados1MARCIAMP
 
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionáriosAula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionáriosMARCIAMP
 
Metabolismo energético
Metabolismo energéticoMetabolismo energético
Metabolismo energéticoMARCIAMP
 
Aula 8 ciclo celular mitose e meiose
Aula 8   ciclo celular mitose e meioseAula 8   ciclo celular mitose e meiose
Aula 8 ciclo celular mitose e meioseMARCIAMP
 
Código genético
Código genéticoCódigo genético
Código genéticoMARCIAMP
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vidaMARCIAMP
 
Aula 7 resp cel
Aula 7   resp celAula 7   resp cel
Aula 7 resp celMARCIAMP
 
Aula 5 secreção e digestão celular
Aula 5   secreção e digestão celularAula 5   secreção e digestão celular
Aula 5 secreção e digestão celularMARCIAMP
 
Aula 4 membrana celular e transporte
Aula 4   membrana celular e transporteAula 4   membrana celular e transporte
Aula 4 membrana celular e transporteMARCIAMP
 
MEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTE
MEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTEMEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTE
MEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTEMARCIAMP
 
Relaxe e curta - COISA DE BIÓLOGO
Relaxe e curta - COISA DE BIÓLOGORelaxe e curta - COISA DE BIÓLOGO
Relaxe e curta - COISA DE BIÓLOGOMARCIAMP
 
ESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRAD
ESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRADESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRAD
ESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRADMARCIAMP
 
Fotossíntese atualizado
Fotossíntese atualizadoFotossíntese atualizado
Fotossíntese atualizadoMARCIAMP
 
PROVA PAS UEM/2009
PROVA PAS UEM/2009PROVA PAS UEM/2009
PROVA PAS UEM/2009MARCIAMP
 

Mais de MARCIAMP (17)

Histologia animal
Histologia animalHistologia animal
Histologia animal
 
Aula RESPIRAÇÃO CELULAR
Aula RESPIRAÇÃO CELULARAula RESPIRAÇÃO CELULAR
Aula RESPIRAÇÃO CELULAR
 
Núcleo celular
Núcleo celularNúcleo celular
Núcleo celular
 
Aula zoologia de vertebrados1
Aula zoologia de vertebrados1Aula zoologia de vertebrados1
Aula zoologia de vertebrados1
 
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionáriosAula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
Aula 1° fecundação, embriologia e anexos embrionários
 
Metabolismo energético
Metabolismo energéticoMetabolismo energético
Metabolismo energético
 
Aula 8 ciclo celular mitose e meiose
Aula 8   ciclo celular mitose e meioseAula 8   ciclo celular mitose e meiose
Aula 8 ciclo celular mitose e meiose
 
Código genético
Código genéticoCódigo genético
Código genético
 
Origem da vida
Origem da vidaOrigem da vida
Origem da vida
 
Aula 7 resp cel
Aula 7   resp celAula 7   resp cel
Aula 7 resp cel
 
Aula 5 secreção e digestão celular
Aula 5   secreção e digestão celularAula 5   secreção e digestão celular
Aula 5 secreção e digestão celular
 
Aula 4 membrana celular e transporte
Aula 4   membrana celular e transporteAula 4   membrana celular e transporte
Aula 4 membrana celular e transporte
 
MEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTE
MEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTEMEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTE
MEMBRANA PLASMÁTICA E TRANSPORTE
 
Relaxe e curta - COISA DE BIÓLOGO
Relaxe e curta - COISA DE BIÓLOGORelaxe e curta - COISA DE BIÓLOGO
Relaxe e curta - COISA DE BIÓLOGO
 
ESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRAD
ESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRADESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRAD
ESPECÍFICA REPLIC TRANSC E TRAD
 
Fotossíntese atualizado
Fotossíntese atualizadoFotossíntese atualizado
Fotossíntese atualizado
 
PROVA PAS UEM/2009
PROVA PAS UEM/2009PROVA PAS UEM/2009
PROVA PAS UEM/2009
 

Composição química da célula

  • 1. COMPOSIÇÃO QUÍMICA CELULAR Biologia – prof. Marcia Marlise Biologiaprofma.blogspot.com
  • 2. INTRODUÇÃO • 95% COMPOSIÇÃO QUÍMICA DOS SERES VIVOS: CHONPS • BIOLOGICAMENTE IMPORTANTES: sódio (Na), potássio (K), cálcio (Ca), fósforo (P), enxofre (S), entre outros. • SUBSTÂNCIAS INORGÂNICAS E ORGÂNICAS
  • 3. Nesta representação, a freqüência dos elementos que ocorrem na crosta de terra é indicada pela altura do bloco. Os elementos encontrados em quantidades significativas em organismos vivos são protegidos no azul. ELEMENTOS QUÍMICOS NA NATUREZA
  • 4.
  • 5.
  • 6. Bioquímica: Composição dos Seres Vivos Substâncias Inorgânicas: moléculas pequenas. • Água • Sais Minerais Substâncias Orgânicas: moléculas complexas, formadas por cadeias carbônicas. • Glícídios (carboidratos) • Lipídios • Proteínas • Vitaminas • Ácidos Nucleicos
  • 7. Lipídios • Possuem função energética e estrutural. • Apresentam maior quantidade de energia que os carboidratos. • São a 2ª fonte de energia do organismo. • São formados por C, H e O (uma molécula de glicerol ligada a três cadeias de ácidos graxos). • São insolúveis em água, e solúveis em subst. Orgânicas apolares como, éter e álcool.
  • 9. • SÃO OS ÓLEOS E AS GORDURAS; • FORMADOS POR ÁC. GRAXO E GLICEROL; • FUNÇÃO ESTRUTURAL E ENERGÉTICA; • À TEMPERATURA AMBIENTE OS ÓLEOS SÃO LÍQUIDOS E AS GORDURAS SÃO SÓLIDAS. ÁCIDOS GRAXOS Saturados – sólidos a temperatura ambiente GORDURA ANIMAL/TECIDO ADIPOSO Insaturados - líquidos a temperatura ambiente ÓLEOS/SEMENTES Lipídios - GLICERÍDIOS
  • 10. • FORMADOS POR ÁCIDOS GRAXOS COM ÁLCOOL DE CADEIA LONGA (ATÉ 16 C). • SÃO ALTAMENTE INSOLÚVEIS NA ÁGUA. • NOS VEGETAIS IMPERMEABILIZAM EVITANDO A TRANSPIRAÇÃO EXCESSIVA E PROTEÇÃO = FOLHAS E FRUTOS. • CERAS DE ABELHA, CERA DE OUVIDO (CERÚMEN), GLÂNDULA SEBÁCEA E URUPIGIANA... SÃO CERAS ANIMAIS. Lipídios – CERÍDIOS / CERAS
  • 12. • APRESENTAM 4 ANÉIS DE C INTERLIGADOS. • FORMADOS POR ÁC. GRAXO E ÁLCOOL; • O COLESTEROL É O PRINCIPAL: SERVE DE MATÉRIA PRIMA PARA OS DEMAIS. • ALÉM DE FORMAR HORMÔNIOS ENTRAM NA COMPOSIÇÃO DAS MEMBRANAS CELULARES E DA BILE. • ♂ TESTOSTERONA • ♀ PROGESTERONA E ESTRÓGENO Lipídios - ESTERÓIDES
  • 13. COMPONENTES QUÍMICOS DA S CÉLULAS – LIPÍDIOS O colesterol forma um complexo com os lipídeos e proteínas, chamado lipoproteína - LDL A LDL (Low-Density Lipoproteins) acaba sendo oxidada por radicais livres presentes na célula. O COLESTEROL NO SANGUE
  • 14. COMPONENTES QUÍMICOS DA S CÉLULAS – LIPÍDIOS Esta oxidação aciona um mecanismo de defesa e, imediatamente, glóbulos brancos juntam-se ao sítio, e este fica inflamado Cria-se uma placa no meio do vaso sanguíneo; ocorre uma deposição lenta de cálcio = ATEROSCLEROSE, numa tentativa de isolar a área afetada.
  • 15. COMPONENTES QUÍMICOS DAS CÉLULAS – LIPÍDIOS Isto pode interromper o fluxo sanguíneo normal e vir a provocar inúmeras doenças cardíacas. De fato, a concentração elevada de LDL no sangue é a principal causa de cardiopatias.
  • 16. COMPONENTES QUÍMICOS DAS CÉLULAS – LIPÍDIOS Plantas – produzem fitoalexínas RESVERATROL - nas cascas da uva High-Density Lipoproteins - HDL É responsável pelo transporte reverso do colesterol - carrega o colesterol em excesso de volta para o fígado = BILE. HDL sanguíneo Vitis sp.
  • 17. • Colesterol, quando em excesso o LDL pode se depositar nas artérias causando a aterosclerose ou infarto do miocárdio. Lipídios - ESTERÓIDES
  • 18. • PIGMENTOS vermelhos, laranja ou amarelo; • São insolúveis em água e solúveis em solventes orgânicos; • Importantes na fotossíntese; • Importante para os animais vertebrados, ex. caroteno laranja é precursor da vit. A, importante para a visão. Lipídios – CAROTENÓIDES
  • 19. Proteínas • Substâncias orgânicas mais abundantes nos seres vivos. • Possuem função estrutural, enzimática, hormonal, imunológica etc. • São formadas por átomos de C, H, O e, às vezes, S. • Os aminoácidos são as unidades proteicas. • Unem-se em n° de dezenas, centenas ou milhares = cadeia polipeptídica.
  • 20. Proteínas • Cada aminoácido é composto por um carbono alfa, um grupamento amina e um grupamento carboxila e um hidrogênio. Junto ao carbono alfa temos o radical, o qual muda de aminoácido para aminoácido. • Os aminoácidos são unidos entre si pelas ligações peptídicas. • Podem ser classificados em dipeptídeo, tripeptídeo, oligopeptídeo e polipeptídeo.
  • 21. Proteínas Classificação dos aminoácidos: • Os aminoácidos NATURAIS são os que um ser vivo pode produzir. • Os aminoácidos ESSENCIAIS são os que um ser vivo não pode produzir, portanto devem ser obtidos via alimentação. A lista de aminoácidos naturais e essenciais muda de espécie para espécie.
  • 22. Proteínas Classificação dos aminoácidos: Naturais Essenciais Glicina Histidina Fenilalanina Alanina Asparagina Valina Serina Glutamina Triptofano Cisteína Prolina Treonina Tirosina Lisina Ácido Aspártico Leucina Ácido Glutâmico Isoleucina Arginina Metionina
  • 23. Proteínas • Os aminoácidos são unidos entre si pelas ligações peptídicas.
  • 25. Proteínas Estrutura das proteínas – FUNÇÃO E FORMA • A FUNÇÃO DE CADA PROTEÍNA DEPENDE DE SUA FORMA. • PROTEÍNAS PODEM SER MATERIAL DE CONSTRUÇÃO DOS SERES VIVOS: FUNÇÃO ESTRUTURAL. • PROTEÍNAS PODEM PROMOVER REAÇÕES QUÍMICAS (CATALISADORES) E SÃO CHAMADAS ENZIMAS.
  • 26. Proteínas Estrutura das proteínas – FUNÇÃO E FORMA • A FORMA DA PROTEÍNA É DETERMINADA PELA SUA ESTRUTURA: • PRIMÁRIA: É DADA PELA SEQÜÊNCIA DE AMINOÁCIDOS. É FILAMENTOSA. A TROCA DE UM AMINOÁCIDO PODE ALTERAR SUA FORMA. • SECUNDÁRIA: É O FILAMENTO PRIMÁRIO ENROLADO EM ESPIRAL. • TERCIARIA: A ESPIRAL SECUNDÁRIA SE ENROLA FORMANDO UMA ESFERA. • QUATERNARIA: É O MODO COMO AS PROTEÍNAS TERCIÁRIAS SE DISPÕEM (2 OU +).
  • 28. Ordem dos aminoácidos Espiral da estrutura primária A secundária dobrada sobre si em globo. Várias proteínas terciárias.
  • 29. Desnaturação de Proteínas: • É A ALTERAÇÃO DA FORMA (ESTRUTURA) DA PROTEÍNA POR EFEITO DA TEMPERATURA, PH, SALINIDADE. PODE SER IRREVERSÍVEL OU REVERSÍVEL. • CLARA DE OVO: NO OVO CRU É PROTEINA NATIVA. APÓS FRITA OU COZIDA É PROTEÍNA É DESNATURADA. • CASEÍNA (DO LEITE) ACRESCENTANDO ÁCIDO (LIMÃO OU VINAGRE) COALHA, VIRA PARACASEÍNA (COALHADA – é a proteína desnaturada).
  • 30. Proteínas: enzimas • Aceleram as reações químicas; • Diminuem o gasto de energia na reação; • Possuem alta especificidade enzima-substrato (modelo da chave-fechadura).
  • 32. Proteínas: atuam na imunização • Anticorpos defendem o nosso corpo. • Podemos classificar o processo de imunização em: • Imunização ativa: organismo aprende a “fabricar” anticorpos, ou pegando a doença ou através de vacinas. • Imunização passiva: quando o organismo recebe pronto os anticorpos (amamentação, placenta, soro).
  • 33. Vitaminas • Necessárias em pequenas quantidades. • Indispensáveis para o funcionamento do corpo. • Atuam como reguladoras das reações químicas. Podem ser classificadas em: • Lipossolúveis: se dissolvem em lipídios. Ex.: vitaminas A, D, E e K. • Hidrossolúveis: se dissolvem em água. Ex.: vitamina C e vitaminas do complexo B.
  • 35. Vitaminas - DOENÇAS (O balancê,..., quero dançar com você) Sem a vitamina C, Escorburto pega você E o raquitismo acontece, porquê? Falta a vitamina D. Quando há cegueira noturna, Falta a vitamina A Quando há hemorragia, Falta a vitamina K Sem a vitamina E, Rato não vai ter nenê E o beri-beri acontece porque, Falta a vitamina B (um)
  • 36. Ácidos Nucleicos • Comandam as atividades celulares. • São a base dos caracteres hereditários. • São conhecidos por DNA ou ADN (ácido desoxirribonucleico) e o RNA ou ARN (ácido ribonucleico). • São formados por unidades denominadas nucleotídeos. • Cada nucleotídeo é formado por um grupo fosfato, uma pentose e uma base nitrogenada.
  • 38. Ácidos Nucleicos Para memorizar as bases nitrogenadas e diferenciá-las, guarde: PUlGA (pulga): PU = púrica, G = guanina, A = adenina; PITUCa (pituca): PI = pirimidina, T = timina, U = uracila e C = citosina;