Fitoterapiasenac 130505162957-phpapp01

316 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
316
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fitoterapiasenac 130505162957-phpapp01

  1. 1. Márcio FITOTERAPIA HISTÓRICO MÁRCIO RAVAZOLI
  2. 2. Márcio DEFINIÇÃO Fitoterápicos são medicamentos obtidos a partir de plantas medicinais. Eles são obtidos empregando-se exclusivamente derivados de droga vegetal. (ANVISA)  Fitoterapia (Grego) therapeia = tratamento phyton = vegetal http://www.hierbaluisa.info/var/ba/53155/480723-herbolario-hierba-luisa-productos-biologicos.jpg
  3. 3. Márcio A utilização de plantas medicinais é tão antiga quanto a raça humana e a preparação de medicamentos fitoterápicos sempre fez parte da prática farmacêutica. http://3.bp.blogspot.com/_NuCQ6mVrWyo/SxUDj_ZEAVI/AAAAAAAAADA/WZk9O4kUhrs/s1600/farmacia_antiga.jpg
  4. 4. Márcio  A descoberta das propriedades curativas das plantas foi, no início, meramente intuitiva ou dada pela observação dos animais que buscavam nas ervas cura para suas afecções. http://www.agendapet.com.br/Content/images/uploads/artigos/m_1.jpeg Brasil Índios - rituais de curas Africanos – rituais religiosos Importante influencias de imigrantes (europeus, japoneses e chineses)
  5. 5. Márcio DE 3000 A 2000 a.C.  Mesopotâmia (3000 a.C.) – o homem a serviço dos deuses, doenças eram castigos pelos pecados – Táboas (meimendro, papoula, cânhamo, canela, salgueiro, figo, tâmara e outras 250 plantas)  Egito (2980 a.C.) – mumificação com banhos de ervas e sais. Imhotep – 1º médico que utilizava plantas medicinais.  China (2900 a.C.) – Início dos estudos com plantas e acupuntura.
  6. 6. Márcio  China (2900 a.C.) – Início dos estudos com plantas e acupuntura. Pen T’asso (2000 a.C.) – primeira obra sobre plantas medicinais escrita pelo legendário imperador chinês Shen-Nung. http://commons.wikimedia.org/wiki/File:Pen_ts'ao,_woodblock_book_1249-ce.png
  7. 7. Márcio DE 1999 A 1 a.C.  Papiro de Ebers (1500 a.C.) – Resquícios da antiga civilização egípcia (faraó Ramsés I) – 800 fórmulas  Papoula, ginseng, rícino, romã, coentro, alho, linho, sene http://deficienciavisual14.com.sapo.pt/r-Papiro_Ebers.htm
  8. 8. Márcio  Índia (1000 a.C.) – medicina Ayurveda (cura do espírito, corpo e mente)  Hipócrates (460-377 a.C.) – pai da medicina  Consagra a terapia com os vegetais e substâncias químicas extraídas dos vegetais (quinino, cafeína, colchicina, codeína, teobromina, cocaína, efedrina, teofilina, morfina, estricnina e emetina)  Para cada doença descreve um remédio vegetal e o tratamento correspondente.  “Que o teu alimento seja teu remédio” http://www.palavrademedico.c om.br/hipocrates2.gif
  9. 9. Márcio  Theophrastus (370-286 a.C.) – Pai da Botânica, filósofo e cientista, foi sucessor de Aristóteles.  Historia plantarum: descreveu inúmeras plantas medicinais que conheceu nas campanhas juntamente com o exército de Alexandre.  Observou a diferença ente Mono e Dicotiledônia (Angiospermas);  Observou aspectos farmacológicos da mirra, cássia, beladona ... http://www.blogger.com/profile/04981876713019298465
  10. 10. Márcio A PARTIR DO ANO 1 d.C.  Dioscórides (40-90) – Pai da Farmacognosia  Tratado De Materia Medica que representa um marco histórico no conhecimento de numerosos fármacos, muitos dos quais ainda hoje são usados, são descritos cerca de 600 produtos de origem vegetal, sua obra passa a ser usada como guia de ensino no mundo romano e no árabe até o século XV. http://www.cienciahoje.pt/index.php?oid=45102&op=all
  11. 11. Márcio  Idade Média (idade negra) 476-1453  Privação do saber;  Somente igreja tinha acesso ao conhecimento;  Santa inquisição (plantas diabólicas), caça as bruxas;  Estagnada na arte de curar; http://pastoraldamulherbh.blogspot.com.b r/2012_03_04_archive.html
  12. 12. Márcio  Renascimento (1453-1789)  Valorização da experimentação e observação direta;  Grandes viagens para as Índias e para a América;  Paracelso (1493) – Médico alquimista, Pai da Farmacoquímica - Teoria das assinaturas, relacionou as propriedades das plantas de acordo com a forma, cor e morfologia. http://pt.wikipedia.org/wiki/ Ficheiro:Paracelsus.jpg
  13. 13. Márcio A FITOTERAPIA NOS TEMPOS ATUAIS  Século XX – produtos de síntese e Fitoterapia considerada “prática médica menor”;  Talidomida – dúvidas dos critérios de avaliação de segurança (Farmacovigilância) – 1982-1990 + 200 drogas sintéticas retiradas devido graves casos de intoxicação entre a população.  Fitoterapia silenciosa, publicação de estudos envolvendo plantas medicinais em revistas especializadas e revistas médicas, inclusive em círculos médicos ortodoxos.
  14. 14. Márcio  Modernos métodos de extração, identificação e padronização das substâncias provenientes das plantas, somados à moderna investigação cientifica, permite gerar margens de segurança na prescrição de fitoterápicos.  A Fitoterapia não deve ser considerada uma prática inócua, nem ser apresentada como um substituto à farmacologia de síntese.
  15. 15. Márcio “Um veneno pode ser um remédio e um remédio pode ser um veneno” Paracelso “Não existe plantas tóxicas e sim o uso indevido de plantas” Alonso
  16. 16. Márcio REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS ALONSO, J. Fitomedicina: curso para profissionais da área da saúde. São Paulo: Pharmabooks, 2008. 195 p. FERRO, D. Fitoterapia – conceitos clínicos. São Paulo: Editora Atheneu, 2006.

×