SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 18
1) (Mack)1) (Mack) É um homem calmo numa terra de esquentados. UmÉ um homem calmo numa terra de esquentados. Um
disciplinador numa terra de indisciplinados. Um prudentedisciplinador numa terra de indisciplinados. Um prudente numa terra denuma terra de
imprudentes. Um sóbrio numa terra de esbanjadores. (imprudentes. Um sóbrio numa terra de esbanjadores. (Érico Veríssimo)Érico Veríssimo)
A descrição refere-se ao líder da Revolução de 1930, Getúlio Vargas, queA descrição refere-se ao líder da Revolução de 1930, Getúlio Vargas, que
chegou ao poder através:chegou ao poder através:
a) da vitória nas urnas sobre o candidato oficial Júlio Prestes.a) da vitória nas urnas sobre o candidato oficial Júlio Prestes.
b) do movimento armado que se seguiu à derrota da Aliança Liberal nasb) do movimento armado que se seguiu à derrota da Aliança Liberal nas
eleições, agravada pelo assassinato de João Pessoa.eleições, agravada pelo assassinato de João Pessoa.
c) da coluna Prestes e do apoio incondicional à liderança tenentista.c) da coluna Prestes e do apoio incondicional à liderança tenentista.
d) da formação de um grupo homogêneo, composto de novas liderançasd) da formação de um grupo homogêneo, composto de novas lideranças
políticas e sem vínculos com as velhas oligarquias.políticas e sem vínculos com as velhas oligarquias.
e) da definição de uma política voltada exclusivamente para o setor agrário,e) da definição de uma política voltada exclusivamente para o setor agrário,
atingido pela crise do café.atingido pela crise do café.
2) (UERJ)2) (UERJ)
Paulistas em guerra contra VargasPaulistas em guerra contra Vargas
Na década de 30, para combater o governo Vargas, os paulistasNa década de 30, para combater o governo Vargas, os paulistas
pegaram em armas.Os cartazes acima fazem parte da sua propaganda,pegaram em armas.Os cartazes acima fazem parte da sua propaganda,
pedindo a colaboração da população no esforço de guerra. A Revoluçãopedindo a colaboração da população no esforço de guerra. A Revolução
de 1932 ocorre na seguinte conjuntura política nacional:de 1932 ocorre na seguinte conjuntura política nacional:
a) aprovação do novo Código Eleitoral sem o voto secreto.a) aprovação do novo Código Eleitoral sem o voto secreto.
b) perda da hegemonia política pela oligarquia paulista em nívelb) perda da hegemonia política pela oligarquia paulista em nível
federal.federal.
c) intervenção do poder federal no governo de São Paulo por meio dac) intervenção do poder federal no governo de São Paulo por meio da
política dos governadores.política dos governadores.
d) aliança entre o Partido Popular Progressista e produtores ruraisd) aliança entre o Partido Popular Progressista e produtores rurais
intermediada por militares tenentistas.intermediada por militares tenentistas.
3)3) Eles usavam uniforme verde-oliva e se comportavam com certaEles usavam uniforme verde-oliva e se comportavam com certa
histeria. Por isso, seus inimigos os apelidaram de “galinhas verdes”.histeria. Por isso, seus inimigos os apelidaram de “galinhas verdes”.
Durante cinco anos, porém, cantaram de galo no Brasil. EspecialmenteDurante cinco anos, porém, cantaram de galo no Brasil. Especialmente
depois que o próprio presidente Getúlio Vargas – cujas recaídasdepois que o próprio presidente Getúlio Vargas – cujas recaídas
autoritárias se tornavam cada vez mais freqüentes – saudouautoritárias se tornavam cada vez mais freqüentes – saudou
calorosamente o surgimento dessa organização que unia todos oscalorosamente o surgimento dessa organização que unia todos os
partidos brasileiros de tendências fascistas.partidos brasileiros de tendências fascistas. (BUENO, E.(BUENO, E. Brasil – Uma história)Brasil – Uma história)
O texto anterior refere-se:O texto anterior refere-se:
a) ao Partido Comunista e aos comunistas.a) ao Partido Comunista e aos comunistas.
b) a Aliança Nacional Libertadora e aos liberais.b) a Aliança Nacional Libertadora e aos liberais.
c) a Ação Integralista Brasileira e aos integralistas.c) a Ação Integralista Brasileira e aos integralistas.
d) a Aliança Liberal e aos liberais.d) a Aliança Liberal e aos liberais.
4) (Ibmecrj) Em 1937, com o apoio de setores das Forças Armadas,4) (Ibmecrj) Em 1937, com o apoio de setores das Forças Armadas,
Vargas anunciou ao país a suspensão das eleições, o fechamento doVargas anunciou ao país a suspensão das eleições, o fechamento do
Congresso, a outorga da constituição conhecida como "Polaca", tudoCongresso, a outorga da constituição conhecida como "Polaca", tudo
isso em função de um certo "Plano Cohen" que previa:isso em função de um certo "Plano Cohen" que previa:
a) Atentados contra importantes figuras da República, para facilitar a tomadaa) Atentados contra importantes figuras da República, para facilitar a tomada
do poder pelos comunistas.do poder pelos comunistas.
b) Uma tentativa golpista por parte dos integralistas, insatisfeitos com ab) Uma tentativa golpista por parte dos integralistas, insatisfeitos com a
administração getulista que eles apoiaram desde o início do governo.administração getulista que eles apoiaram desde o início do governo.
c) O estabelecimento de um "estado de exceção" por parte de setoresc) O estabelecimento de um "estado de exceção" por parte de setores
militares fortemente inspirados no nazismo.militares fortemente inspirados no nazismo.
d) A antecipação das eleições presidenciais para 1937, como forma ded) A antecipação das eleições presidenciais para 1937, como forma de
abreviar a permanência de Getúlio no poder.abreviar a permanência de Getúlio no poder.
e) A criação de um estado sindicalista, modelo que seria implantado nae) A criação de um estado sindicalista, modelo que seria implantado na
Argentina por Perón a partir de 1946.Argentina por Perón a partir de 1946.
5) (ENEM)5) (ENEM)
- Haverá ainda quem ainda resista a poderosa influência do- Haverá ainda quem ainda resista a poderosa influência do
partido mulheristapartido mulherista
Na imagem, da década de 1930, há uma crítica à conquista de umNa imagem, da década de 1930, há uma crítica à conquista de um
direito pelas mulheres, relacionado com adireito pelas mulheres, relacionado com a
a) redivisão do trabalho doméstico.a) redivisão do trabalho doméstico.
b) liberdade de orientação sexual.b) liberdade de orientação sexual.
c) garantia da equiparação salarial.c) garantia da equiparação salarial.
d) aprovação do direito ao divórcio.d) aprovação do direito ao divórcio.
e) obtenção da participação eleitoral.e) obtenção da participação eleitoral.
6) (Enem6) (Enem) A partir de 1942 e estendendo-se até o final do) A partir de 1942 e estendendo-se até o final do
Estado Novo, o Ministro do Trabalho, Indústria e Comércio deEstado Novo, o Ministro do Trabalho, Indústria e Comércio de
Getúlio Vargas falou aos ouvintes da Rádio NacionalGetúlio Vargas falou aos ouvintes da Rádio Nacional
semanalmente, por dez minutos, no programa “Hora do Brasil”.semanalmente, por dez minutos, no programa “Hora do Brasil”.
O objetivo declarado do governo era esclarecer osO objetivo declarado do governo era esclarecer os
trabalhadores acerca das inovações na legislação de proteçãotrabalhadores acerca das inovações na legislação de proteção
ao trabalho.ao trabalho.
Os programas “Hora do Brasil” contribuíram paraOs programas “Hora do Brasil” contribuíram para
a) conscientizar os trabalhadores de que os direitos sociais forama) conscientizar os trabalhadores de que os direitos sociais foram
conquistados por seu esforço, após anos de lutas sindicais.conquistados por seu esforço, após anos de lutas sindicais.
b) promover a autonomia dos grupos sociais, por meio de umab) promover a autonomia dos grupos sociais, por meio de uma
linguagem simples e de fácil entendimento.linguagem simples e de fácil entendimento.
c) estimular os movimentos grevistas, que reivindicavam umc) estimular os movimentos grevistas, que reivindicavam um
aprofundamento dos direitos trabalhistas.aprofundamento dos direitos trabalhistas.
d) consolidar a imagem de Vargas como um governante protetord) consolidar a imagem de Vargas como um governante protetor
das massas.das massas.
e) aumentar os grupos de discussão política dos trabalhadores,e) aumentar os grupos de discussão política dos trabalhadores,
estimulados pelas palavras do ministro.estimulados pelas palavras do ministro.
7) (Ufpr) Com relação ao Estado Novo, de 1937 a 1945, é CORRETO7) (Ufpr) Com relação ao Estado Novo, de 1937 a 1945, é CORRETO
afirmar:afirmar:
a) Foi um período de desenvolvimento do liberalismo democrático no país,a) Foi um período de desenvolvimento do liberalismo democrático no país,
permitindo com isso a consolidação da liderança política de Vargas.permitindo com isso a consolidação da liderança política de Vargas.
b) Ampliou os conflitos oligárquicos e a pressão do capital internacional,b) Ampliou os conflitos oligárquicos e a pressão do capital internacional,
culminando com o suicídio de Vargas.culminando com o suicídio de Vargas.
c) A política desenvolvimentista de abertura ao capital estrangeiro permitiuc) A política desenvolvimentista de abertura ao capital estrangeiro permitiu
o crescimento das alianças políticas e comerciais entre Brasil e EUA.o crescimento das alianças políticas e comerciais entre Brasil e EUA.
d) A proximidade política de Vargas com os regimes totalitários nazi-d) A proximidade política de Vargas com os regimes totalitários nazi-
fascistas levou o Brasil a apoiar militarmente os países do Eixo nafascistas levou o Brasil a apoiar militarmente os países do Eixo na
Segunda Guerra.Segunda Guerra.
e) Foi marcado pela crítica à democracia liberal e pela organização de ume) Foi marcado pela crítica à democracia liberal e pela organização de um
estado autoritário, encarregado de promover o progresso dentro daestado autoritário, encarregado de promover o progresso dentro da
ordem.ordem.
8) (Enem) O autor da constituição de 1937, Francisco Campos, afirma no seu8) (Enem) O autor da constituição de 1937, Francisco Campos, afirma no seu
livro, O Estado Nacional, que o eleitor seria apático; a democracia de partidoslivro, O Estado Nacional, que o eleitor seria apático; a democracia de partidos
conduziria à desordem; a independência do Poder Judiciário acabaria emconduziria à desordem; a independência do Poder Judiciário acabaria em
injustiça e ineficiência; e que apenas o Poder Executivo, centralizado eminjustiça e ineficiência; e que apenas o Poder Executivo, centralizado em
Vargas, seria capaz de dar racionalidade imparcial ao Estado, pois Vargas teriaVargas, seria capaz de dar racionalidade imparcial ao Estado, pois Vargas teria
providencial intuição do bem e da verdade, além de ser um gênio político.providencial intuição do bem e da verdade, além de ser um gênio político.
Segundo as ideias de Francisco Campos,Segundo as ideias de Francisco Campos,
a) os eleitores, políticos e juízes seriam malintencionados.a) os eleitores, políticos e juízes seriam malintencionados.
b) o governo Vargas seria um mal necessário, mas transitório.b) o governo Vargas seria um mal necessário, mas transitório.
c) Vargas seria o homem adequado para implantar a democracia.c) Vargas seria o homem adequado para implantar a democracia.
d) a Constituição de 1937 seria a preparação para uma futura democraciad) a Constituição de 1937 seria a preparação para uma futura democracia
liberal.liberal.
e) Vargas seria o homem capaz de exercer o poder de modo inteligente ee) Vargas seria o homem capaz de exercer o poder de modo inteligente e
correto.correto.
9) (Fgv)  Em muitos aspectos, a Era Vargas (1930-1945) implementou9) (Fgv)  Em muitos aspectos, a Era Vargas (1930-1945) implementou
mudanças no país em relação à Primeira República (1889- 1930), pois:mudanças no país em relação à Primeira República (1889- 1930), pois:
a) promoveu as bases da industrialização, ao empreender uma política econômicaa) promoveu as bases da industrialização, ao empreender uma política econômica
intervencionista e protecionista, além de orientar sua política externa na busca deintervencionista e protecionista, além de orientar sua política externa na busca de
recursos para implantar empresas nacionais.recursos para implantar empresas nacionais.
b) passou a tratar a questão social como "caso de polícia", reprimindo asb) passou a tratar a questão social como "caso de polícia", reprimindo as
organizações da classe operária com o fechamento de jornais, associações eorganizações da classe operária com o fechamento de jornais, associações e
sindicatos, embora permitisse sua representação no Congresso.sindicatos, embora permitisse sua representação no Congresso.
c) estabeleceu um Estado federativo, conferindo aos estados bastante autonomia aoc) estabeleceu um Estado federativo, conferindo aos estados bastante autonomia ao
permitir que contraíssem empréstimos no exterior e estabelecessem impostos, sempermitir que contraíssem empréstimos no exterior e estabelecessem impostos, sem
necessidade de consulta ao governo federal.necessidade de consulta ao governo federal.
d) desenvolveu uma nova política de valorização do café, por meio da compra ed) desenvolveu uma nova política de valorização do café, por meio da compra e
estocagem dos excedentes pelos governos estaduais e por constantesestocagem dos excedentes pelos governos estaduais e por constantes
desvalorizações cambiais para favorecer os exportadores.desvalorizações cambiais para favorecer os exportadores.
e) autorizou a pluralidade sindical, porém os sindicatos ficaram atrelados ao Ministérioe) autorizou a pluralidade sindical, porém os sindicatos ficaram atrelados ao Ministério
do Trabalho, graças ao imposto de seus associados, e reuniam patrões edo Trabalho, graças ao imposto de seus associados, e reuniam patrões e
empregados, à semelhança do corporativismo fascista.empregados, à semelhança do corporativismo fascista.
10) Getúlio é considerado o grande mito político da nossa história .10) Getúlio é considerado o grande mito político da nossa história .
Seu suicídio, ocorrido há cinqüenta anos, foi um acontecimentoSeu suicídio, ocorrido há cinqüenta anos, foi um acontecimento
trágico e único na História do Brasil, razão pela qual vem sendotrágico e único na História do Brasil, razão pela qual vem sendo
recordado e reforçado por múltiplos mecanismos da memóriarecordado e reforçado por múltiplos mecanismos da memória..
A política desenvolvida por Getúlio Vargas no Brasil é caracterizadaA política desenvolvida por Getúlio Vargas no Brasil é caracterizada
pela (o)pela (o)
a) alinhamento político incondicional à Alemanha nazista.a) alinhamento político incondicional à Alemanha nazista.
b) adoção da reforma agrária em todo o território nacional.b) adoção da reforma agrária em todo o território nacional.
c) extensão dos direitos trabalhistas para os trabalhadores rurais.c) extensão dos direitos trabalhistas para os trabalhadores rurais.
d) presença do Estado como agente do desenvolvimento econômico.d) presença do Estado como agente do desenvolvimento econômico.
11) (Ufrn) Observe a charge a seguir.11) (Ufrn) Observe a charge a seguir.
No contexto da evolução do cenário político mundial, esta charge fazNo contexto da evolução do cenário político mundial, esta charge faz
alusãoalusão
a) à radicalização integralista do estado Novo.a) à radicalização integralista do estado Novo.
b) ao processo de esquerdização de Getúlio Vargas.b) ao processo de esquerdização de Getúlio Vargas.
c) ao dogmatismo político de Getúlio Vargas.c) ao dogmatismo político de Getúlio Vargas.
d) à inflexibilidade ideológica do Estado Novo.d) à inflexibilidade ideológica do Estado Novo.
e) ao pragmatismo político de Getúlio Vargas.e) ao pragmatismo político de Getúlio Vargas.
12) Durante a Era Vargas, o processo de industrialização do12) Durante a Era Vargas, o processo de industrialização do
Brasil caracterizou-se pela (o) Brasil caracterizou-se pela (o) 
a) expansão da indústria de bens de capital e pela retração dos bensa) expansão da indústria de bens de capital e pela retração dos bens
intermediários através do planejamento da economia estatal.intermediários através do planejamento da economia estatal.
b) aproveitamento mais intenso da capacidade produtiva existente, comb) aproveitamento mais intenso da capacidade produtiva existente, com
transferência de capitais do setor agrícola para o industrial.transferência de capitais do setor agrícola para o industrial.
c) aumento da participação do Governo nos investimentos econômicosc) aumento da participação do Governo nos investimentos econômicos
em setores estratégicos para o desenvolvimento nacional.em setores estratégicos para o desenvolvimento nacional.
d) política de substituição de importações de bens de consumo, com od) política de substituição de importações de bens de consumo, com o
crescimento das indústrias alimentícias e as de equipamentos agrícolas.crescimento das indústrias alimentícias e as de equipamentos agrícolas.
13) (Enem) Fugindo à luta de classes, a nossa organização sindical tem13) (Enem) Fugindo à luta de classes, a nossa organização sindical tem
sido um instrumento de harmonia e de cooperação entre o capital e osido um instrumento de harmonia e de cooperação entre o capital e o
trabalho. Não se limitou a um sindicalismo puramente ‘’operário’’, quetrabalho. Não se limitou a um sindicalismo puramente ‘’operário’’, que
conduziria certamente a luta contra o ‘’patrão’’, como aconteceu comconduziria certamente a luta contra o ‘’patrão’’, como aconteceu com
outros povosoutros povos
Nesse documento oficial, à época do Estado Novo (1937-1945), éNesse documento oficial, à época do Estado Novo (1937-1945), é
apresentada uma concepção de organização sindical queapresentada uma concepção de organização sindical que
a) elimina conflitos no ambiente das fábricas.a) elimina conflitos no ambiente das fábricas.
b) limita os direitos associativos do segmento patronal.b) limita os direitos associativos do segmento patronal.
c) orienta a busca do consenso entre trabalhadores e patrões.c) orienta a busca do consenso entre trabalhadores e patrões.
d) proíbe o registro de estrangeiros nas entidades profissionais do país.d) proíbe o registro de estrangeiros nas entidades profissionais do país.
e) desobriga o Estado quanto aos direitos trabalhistas.e) desobriga o Estado quanto aos direitos trabalhistas.
14) (Ufrs) Com a instituição do Estado Novo em 1937, Getúlio Vargas14) (Ufrs) Com a instituição do Estado Novo em 1937, Getúlio Vargas
inaugurou um novo regime político no Brasil, marcado peloinaugurou um novo regime político no Brasil, marcado pelo
autoritarismo. Entre as características e mecanismos de controle daautoritarismo. Entre as características e mecanismos de controle da
ditadura varguista, pode-se citar.ditadura varguista, pode-se citar.
a) a mobilização das massas em grande escala através da atuação de uma) a mobilização das massas em grande escala através da atuação de um
partido único controlado pelo líder do governo.partido único controlado pelo líder do governo.
b) a opção pelo modelo de desenvolvimento econômico liberal, com ab) a opção pelo modelo de desenvolvimento econômico liberal, com a
privatização dos meios de produção e a abertura do mercado ao capitalprivatização dos meios de produção e a abertura do mercado ao capital
internacional.internacional.
c) a difusão e veiculação de propagandas e ideais do novo regime atravésc) a difusão e veiculação de propagandas e ideais do novo regime através
de programas de rádio como o "Repórter Esso" e a "Hora do Brasil".de programas de rádio como o "Repórter Esso" e a "Hora do Brasil".
d) o alinhamento contínuo e incondicional da política externa do país àsd) o alinhamento contínuo e incondicional da política externa do país às
diretrizes norte-americanas.diretrizes norte-americanas.
e) o reforço das unidades federativas, que passaram a dispor de amplae) o reforço das unidades federativas, que passaram a dispor de ampla
autonomia político-econômica e administrativa.autonomia político-econômica e administrativa.

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Governo constitucional e estado novo
Governo constitucional e estado novoGoverno constitucional e estado novo
Governo constitucional e estado novoDilermando12
 
Estado novo vargas
Estado novo vargasEstado novo vargas
Estado novo vargasDilermando12
 
O Estado Novo
O Estado NovoO Estado Novo
O Estado Novoliea
 
História 2013 3ºe 4º bim (5º ano)
História 2013   3ºe 4º bim (5º ano)História 2013   3ºe 4º bim (5º ano)
História 2013 3ºe 4º bim (5º ano)smece4e5
 
Getúlio Vargas - Governo Provisório e Estado Novo
Getúlio Vargas - Governo Provisório e Estado NovoGetúlio Vargas - Governo Provisório e Estado Novo
Getúlio Vargas - Governo Provisório e Estado NovoIrene Tozzi
 
Roteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo Dilma
Roteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo DilmaRoteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo Dilma
Roteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo Dilmajosafaslima
 
ERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASIL
ERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASILERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASIL
ERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASILIsabel Aguiar
 
Era Vargas (1930-1945)
Era Vargas (1930-1945)Era Vargas (1930-1945)
Era Vargas (1930-1945)Elton Zanoni
 

Mais procurados (17)

Governo constitucional e estado novo
Governo constitucional e estado novoGoverno constitucional e estado novo
Governo constitucional e estado novo
 
A Era Vargas
A Era Vargas A Era Vargas
A Era Vargas
 
a era vargas (1930-1945)
a era vargas  (1930-1945) a era vargas  (1930-1945)
a era vargas (1930-1945)
 
Estado novo vargas
Estado novo vargasEstado novo vargas
Estado novo vargas
 
O Estado Novo
O Estado NovoO Estado Novo
O Estado Novo
 
5º ano Getúlio e a Era do Rádio
5º ano   Getúlio e a Era do Rádio5º ano   Getúlio e a Era do Rádio
5º ano Getúlio e a Era do Rádio
 
História 2013 3ºe 4º bim (5º ano)
História 2013   3ºe 4º bim (5º ano)História 2013   3ºe 4º bim (5º ano)
História 2013 3ºe 4º bim (5º ano)
 
Getúlio Vargas - Governo Provisório e Estado Novo
Getúlio Vargas - Governo Provisório e Estado NovoGetúlio Vargas - Governo Provisório e Estado Novo
Getúlio Vargas - Governo Provisório e Estado Novo
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
Roteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo Dilma
Roteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo DilmaRoteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo Dilma
Roteiro de Aula - Da Era Vargas ao Governo Dilma
 
Era vargas
Era vargasEra vargas
Era vargas
 
ERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASIL
ERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASILERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASIL
ERA VARGAS E O POPULISMO NO BRASIL
 
Era Vargas (1930-1945)
Era Vargas (1930-1945)Era Vargas (1930-1945)
Era Vargas (1930-1945)
 
A Era Vargas
A Era VargasA Era Vargas
A Era Vargas
 
3º ano - Era Vargas 1930-1945
3º ano  - Era Vargas 1930-19453º ano  - Era Vargas 1930-1945
3º ano - Era Vargas 1930-1945
 
Era Vargas (1930-1945)
Era Vargas (1930-1945)Era Vargas (1930-1945)
Era Vargas (1930-1945)
 
3º ano - Brasil de 1945 a 1964.
3º ano - Brasil de 1945 a 1964.3º ano - Brasil de 1945 a 1964.
3º ano - Brasil de 1945 a 1964.
 

Destaque

Imperialismo do século xix
Imperialismo do século xixImperialismo do século xix
Imperialismo do século xixRodrigo Luiz
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrialRodrigo Luiz
 
Independência da américa portuguesa
Independência da américa portuguesaIndependência da américa portuguesa
Independência da américa portuguesaRodrigo Luiz
 
Grandes navegações
Grandes navegaçõesGrandes navegações
Grandes navegaçõesRodrigo Luiz
 
A américa pré colombiana
A américa pré colombianaA américa pré colombiana
A américa pré colombianaRodrigo Luiz
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução ChinesaRodrigo Luiz
 
Descolonizaçao da África e da Ásia
Descolonizaçao da  África e da ÁsiaDescolonizaçao da  África e da Ásia
Descolonizaçao da África e da ÁsiaRodrigo Luiz
 
A Era Vargas (1930 1945)-aulão
A Era Vargas (1930 1945)-aulãoA Era Vargas (1930 1945)-aulão
A Era Vargas (1930 1945)-aulãoRodrigo Luiz
 
Revolucao industrial.filé
Revolucao industrial.filéRevolucao industrial.filé
Revolucao industrial.filémundica broda
 
Imperialismo do século XIX
Imperialismo do século XIXImperialismo do século XIX
Imperialismo do século XIXRodrigo Luiz
 
PPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIX
PPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIXPPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIX
PPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIXjosafaslima
 

Destaque (20)

Renascimento
RenascimentoRenascimento
Renascimento
 
A contracultura
A contraculturaA contracultura
A contracultura
 
Imperialismo do século xix
Imperialismo do século xixImperialismo do século xix
Imperialismo do século xix
 
Revolução industrial
Revolução industrialRevolução industrial
Revolução industrial
 
Independência da américa portuguesa
Independência da américa portuguesaIndependência da américa portuguesa
Independência da américa portuguesa
 
Mesopotâmia
MesopotâmiaMesopotâmia
Mesopotâmia
 
Grandes navegações
Grandes navegaçõesGrandes navegações
Grandes navegações
 
Egito antigo
Egito antigoEgito antigo
Egito antigo
 
A américa pré colombiana
A américa pré colombianaA américa pré colombiana
A américa pré colombiana
 
Hebreus
HebreusHebreus
Hebreus
 
Revolução Chinesa
Revolução ChinesaRevolução Chinesa
Revolução Chinesa
 
Descolonizaçao da África e da Ásia
Descolonizaçao da  África e da ÁsiaDescolonizaçao da  África e da Ásia
Descolonizaçao da África e da Ásia
 
Primeira Guerra
Primeira GuerraPrimeira Guerra
Primeira Guerra
 
A Era Vargas (1930 1945)-aulão
A Era Vargas (1930 1945)-aulãoA Era Vargas (1930 1945)-aulão
A Era Vargas (1930 1945)-aulão
 
Apresentação
ApresentaçãoApresentação
Apresentação
 
Apresentação
ApresentaçãoApresentação
Apresentação
 
Revolucao industrial.filé
Revolucao industrial.filéRevolucao industrial.filé
Revolucao industrial.filé
 
A escrita egípcia
A escrita egípciaA escrita egípcia
A escrita egípcia
 
Imperialismo do século XIX
Imperialismo do século XIXImperialismo do século XIX
Imperialismo do século XIX
 
PPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIX
PPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIXPPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIX
PPT - Imperialismo ou Neocolonialismo do Séc. XIX
 

Semelhante a Atividades de revisão: a Era Vargas

Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01
Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01
Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01WILLISON ARAUJO
 
Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.
Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.
Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.DaiseRocha6
 
eravargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdf
eravargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdferavargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdf
eravargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdfFaustoBartole1
 
www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...
www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...
www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...Patrícia Morais
 
www.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novo
www.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novowww.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novo
www.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado NovoCris Santos Tutores
 
Ditadura militar brasileira 1964 1985
Ditadura militar brasileira 1964   1985Ditadura militar brasileira 1964   1985
Ditadura militar brasileira 1964 1985Ócio do Ofício
 
Aula do estagiario Eduardo
Aula do estagiario EduardoAula do estagiario Eduardo
Aula do estagiario EduardoZeze Silva
 

Semelhante a Atividades de revisão: a Era Vargas (20)

Aula Era vargas
Aula Era vargasAula Era vargas
Aula Era vargas
 
Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01
Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01
Ditaduramilitar1964 1985trabalho-100608211232-phpapp01
 
QUIZ REP VELHA.pptx
QUIZ REP VELHA.pptxQUIZ REP VELHA.pptx
QUIZ REP VELHA.pptx
 
A era vargas
A era vargasA era vargas
A era vargas
 
Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.
Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.
Era-Vargas-periodo de 15 anos de mandato, causas e consequências.
 
BRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASIL
BRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASILBRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASIL
BRASIL 07- DITADURA MILITAR NO BRASIL
 
Atividade era vargas
Atividade era vargasAtividade era vargas
Atividade era vargas
 
Era Vargas e segundo governo.pdf
Era Vargas e segundo governo.pdfEra Vargas e segundo governo.pdf
Era Vargas e segundo governo.pdf
 
Avaliação Era Vargas
Avaliação Era VargasAvaliação Era Vargas
Avaliação Era Vargas
 
Revisão história
Revisão    história Revisão    história
Revisão história
 
Era vargas 2016
Era vargas 2016Era vargas 2016
Era vargas 2016
 
eravargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdf
eravargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdferavargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdf
eravargas-muitobom-110721135032-phpapp02 (2).pdf
 
Resumo Estado Novo
Resumo Estado NovoResumo Estado Novo
Resumo Estado Novo
 
www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...
www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...
www.professoraparticularapoio.com.br - História – Ideologia e Propaganda no E...
 
www.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novo
www.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novowww.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novo
www.TutoresNaWebCom.Br - História – Ideologia e Propaganda no Estado Novo
 
1321536720144
13215367201441321536720144
1321536720144
 
Estado novo
Estado novoEstado novo
Estado novo
 
Ditadura militar brasileira 1964 1985
Ditadura militar brasileira 1964   1985Ditadura militar brasileira 1964   1985
Ditadura militar brasileira 1964 1985
 
Regime militar2
Regime militar2Regime militar2
Regime militar2
 
Aula do estagiario Eduardo
Aula do estagiario EduardoAula do estagiario Eduardo
Aula do estagiario Eduardo
 

Mais de Rodrigo Luiz

Cultura, religião e arte na grécia
Cultura, religião e arte na gréciaCultura, religião e arte na grécia
Cultura, religião e arte na gréciaRodrigo Luiz
 
As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2
As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2
As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2Rodrigo Luiz
 
Governos militares
Governos militaresGovernos militares
Governos militaresRodrigo Luiz
 
Crise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaCrise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaRodrigo Luiz
 
A era vargas (1930 1945)-2
A era vargas (1930 1945)-2A era vargas (1930 1945)-2
A era vargas (1930 1945)-2Rodrigo Luiz
 
Da origem do homem aos primeiros estados
Da origem do homem aos primeiros estadosDa origem do homem aos primeiros estados
Da origem do homem aos primeiros estadosRodrigo Luiz
 

Mais de Rodrigo Luiz (11)

Roma antiga
Roma antigaRoma antiga
Roma antiga
 
Cultura, religião e arte na grécia
Cultura, religião e arte na gréciaCultura, religião e arte na grécia
Cultura, religião e arte na grécia
 
Hebreus
HebreusHebreus
Hebreus
 
As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2
As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2
As lutas de libertação nacional na áfrica e da ásia 2
 
Guerra Fria
Guerra FriaGuerra Fria
Guerra Fria
 
Governos militares
Governos militaresGovernos militares
Governos militares
 
Segunda guerra
Segunda guerraSegunda guerra
Segunda guerra
 
Crise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da repúblicaCrise do império e proclamação da república
Crise do império e proclamação da república
 
A era vargas (1930 1945)-2
A era vargas (1930 1945)-2A era vargas (1930 1945)-2
A era vargas (1930 1945)-2
 
Da origem do homem aos primeiros estados
Da origem do homem aos primeiros estadosDa origem do homem aos primeiros estados
Da origem do homem aos primeiros estados
 
O mundo árabe 2
O mundo árabe 2O mundo árabe 2
O mundo árabe 2
 

Último

Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...LuizHenriquedeAlmeid6
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfangelicass1
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosAntnyoAllysson
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbyasminlarissa371
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxBiancaNogueira42
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasCassio Meira Jr.
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfEditoraEnovus
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfEyshilaKelly1
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024Jeanoliveira597523
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdfProfGleide
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasCassio Meira Jr.
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundonialb
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaFernanda Ledesma
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 

Último (20)

Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
Slides Lição 3, Betel, Ordenança para congregar e prestar culto racional, 2Tr...
 
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdfMapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
Mapas Mentais - Português - Principais Tópicos.pdf
 
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteirosBingo da potenciação e radiciação de números inteiros
Bingo da potenciação e radiciação de números inteiros
 
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbv19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
v19n2s3a25.pdfgcbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbbb
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA      -
XI OLIMPÍADAS DA LÍNGUA PORTUGUESA -
 
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptxAula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
Aula 13 8º Ano Cap.04 Revolução Francesa.pptx
 
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades MotorasPrograma de Intervenção com Habilidades Motoras
Programa de Intervenção com Habilidades Motoras
 
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdfSimulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
Simulado 1 Etapa - 2024 Proximo Passo.pdf
 
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdfGuia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
Guia completo da Previdênci a - Reforma .pdf
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
ABRIL VERDE.pptx Slide sobre abril ver 2024
 
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdfPLANEJAMENTO anual do  3ANO fundamental 1 MG.pdf
PLANEJAMENTO anual do 3ANO fundamental 1 MG.pdf
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO4_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e EspecíficasHabilidades Motoras Básicas e Específicas
Habilidades Motoras Básicas e Específicas
 
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundogeografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
geografia 7 ano - relevo, altitude, topos do mundo
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão LinguísticaA Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
A Inteligência Artificial na Educação e a Inclusão Linguística
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 

Atividades de revisão: a Era Vargas

  • 1. 1) (Mack)1) (Mack) É um homem calmo numa terra de esquentados. UmÉ um homem calmo numa terra de esquentados. Um disciplinador numa terra de indisciplinados. Um prudentedisciplinador numa terra de indisciplinados. Um prudente numa terra denuma terra de imprudentes. Um sóbrio numa terra de esbanjadores. (imprudentes. Um sóbrio numa terra de esbanjadores. (Érico Veríssimo)Érico Veríssimo) A descrição refere-se ao líder da Revolução de 1930, Getúlio Vargas, queA descrição refere-se ao líder da Revolução de 1930, Getúlio Vargas, que chegou ao poder através:chegou ao poder através: a) da vitória nas urnas sobre o candidato oficial Júlio Prestes.a) da vitória nas urnas sobre o candidato oficial Júlio Prestes. b) do movimento armado que se seguiu à derrota da Aliança Liberal nasb) do movimento armado que se seguiu à derrota da Aliança Liberal nas eleições, agravada pelo assassinato de João Pessoa.eleições, agravada pelo assassinato de João Pessoa. c) da coluna Prestes e do apoio incondicional à liderança tenentista.c) da coluna Prestes e do apoio incondicional à liderança tenentista. d) da formação de um grupo homogêneo, composto de novas liderançasd) da formação de um grupo homogêneo, composto de novas lideranças políticas e sem vínculos com as velhas oligarquias.políticas e sem vínculos com as velhas oligarquias. e) da definição de uma política voltada exclusivamente para o setor agrário,e) da definição de uma política voltada exclusivamente para o setor agrário, atingido pela crise do café.atingido pela crise do café.
  • 2. 2) (UERJ)2) (UERJ) Paulistas em guerra contra VargasPaulistas em guerra contra Vargas
  • 3. Na década de 30, para combater o governo Vargas, os paulistasNa década de 30, para combater o governo Vargas, os paulistas pegaram em armas.Os cartazes acima fazem parte da sua propaganda,pegaram em armas.Os cartazes acima fazem parte da sua propaganda, pedindo a colaboração da população no esforço de guerra. A Revoluçãopedindo a colaboração da população no esforço de guerra. A Revolução de 1932 ocorre na seguinte conjuntura política nacional:de 1932 ocorre na seguinte conjuntura política nacional: a) aprovação do novo Código Eleitoral sem o voto secreto.a) aprovação do novo Código Eleitoral sem o voto secreto. b) perda da hegemonia política pela oligarquia paulista em nívelb) perda da hegemonia política pela oligarquia paulista em nível federal.federal. c) intervenção do poder federal no governo de São Paulo por meio dac) intervenção do poder federal no governo de São Paulo por meio da política dos governadores.política dos governadores. d) aliança entre o Partido Popular Progressista e produtores ruraisd) aliança entre o Partido Popular Progressista e produtores rurais intermediada por militares tenentistas.intermediada por militares tenentistas.
  • 4. 3)3) Eles usavam uniforme verde-oliva e se comportavam com certaEles usavam uniforme verde-oliva e se comportavam com certa histeria. Por isso, seus inimigos os apelidaram de “galinhas verdes”.histeria. Por isso, seus inimigos os apelidaram de “galinhas verdes”. Durante cinco anos, porém, cantaram de galo no Brasil. EspecialmenteDurante cinco anos, porém, cantaram de galo no Brasil. Especialmente depois que o próprio presidente Getúlio Vargas – cujas recaídasdepois que o próprio presidente Getúlio Vargas – cujas recaídas autoritárias se tornavam cada vez mais freqüentes – saudouautoritárias se tornavam cada vez mais freqüentes – saudou calorosamente o surgimento dessa organização que unia todos oscalorosamente o surgimento dessa organização que unia todos os partidos brasileiros de tendências fascistas.partidos brasileiros de tendências fascistas. (BUENO, E.(BUENO, E. Brasil – Uma história)Brasil – Uma história) O texto anterior refere-se:O texto anterior refere-se: a) ao Partido Comunista e aos comunistas.a) ao Partido Comunista e aos comunistas. b) a Aliança Nacional Libertadora e aos liberais.b) a Aliança Nacional Libertadora e aos liberais. c) a Ação Integralista Brasileira e aos integralistas.c) a Ação Integralista Brasileira e aos integralistas. d) a Aliança Liberal e aos liberais.d) a Aliança Liberal e aos liberais.
  • 5. 4) (Ibmecrj) Em 1937, com o apoio de setores das Forças Armadas,4) (Ibmecrj) Em 1937, com o apoio de setores das Forças Armadas, Vargas anunciou ao país a suspensão das eleições, o fechamento doVargas anunciou ao país a suspensão das eleições, o fechamento do Congresso, a outorga da constituição conhecida como "Polaca", tudoCongresso, a outorga da constituição conhecida como "Polaca", tudo isso em função de um certo "Plano Cohen" que previa:isso em função de um certo "Plano Cohen" que previa: a) Atentados contra importantes figuras da República, para facilitar a tomadaa) Atentados contra importantes figuras da República, para facilitar a tomada do poder pelos comunistas.do poder pelos comunistas. b) Uma tentativa golpista por parte dos integralistas, insatisfeitos com ab) Uma tentativa golpista por parte dos integralistas, insatisfeitos com a administração getulista que eles apoiaram desde o início do governo.administração getulista que eles apoiaram desde o início do governo. c) O estabelecimento de um "estado de exceção" por parte de setoresc) O estabelecimento de um "estado de exceção" por parte de setores militares fortemente inspirados no nazismo.militares fortemente inspirados no nazismo. d) A antecipação das eleições presidenciais para 1937, como forma ded) A antecipação das eleições presidenciais para 1937, como forma de abreviar a permanência de Getúlio no poder.abreviar a permanência de Getúlio no poder. e) A criação de um estado sindicalista, modelo que seria implantado nae) A criação de um estado sindicalista, modelo que seria implantado na Argentina por Perón a partir de 1946.Argentina por Perón a partir de 1946.
  • 6. 5) (ENEM)5) (ENEM) - Haverá ainda quem ainda resista a poderosa influência do- Haverá ainda quem ainda resista a poderosa influência do partido mulheristapartido mulherista
  • 7. Na imagem, da década de 1930, há uma crítica à conquista de umNa imagem, da década de 1930, há uma crítica à conquista de um direito pelas mulheres, relacionado com adireito pelas mulheres, relacionado com a a) redivisão do trabalho doméstico.a) redivisão do trabalho doméstico. b) liberdade de orientação sexual.b) liberdade de orientação sexual. c) garantia da equiparação salarial.c) garantia da equiparação salarial. d) aprovação do direito ao divórcio.d) aprovação do direito ao divórcio. e) obtenção da participação eleitoral.e) obtenção da participação eleitoral.
  • 8. 6) (Enem6) (Enem) A partir de 1942 e estendendo-se até o final do) A partir de 1942 e estendendo-se até o final do Estado Novo, o Ministro do Trabalho, Indústria e Comércio deEstado Novo, o Ministro do Trabalho, Indústria e Comércio de Getúlio Vargas falou aos ouvintes da Rádio NacionalGetúlio Vargas falou aos ouvintes da Rádio Nacional semanalmente, por dez minutos, no programa “Hora do Brasil”.semanalmente, por dez minutos, no programa “Hora do Brasil”. O objetivo declarado do governo era esclarecer osO objetivo declarado do governo era esclarecer os trabalhadores acerca das inovações na legislação de proteçãotrabalhadores acerca das inovações na legislação de proteção ao trabalho.ao trabalho. Os programas “Hora do Brasil” contribuíram paraOs programas “Hora do Brasil” contribuíram para
  • 9. a) conscientizar os trabalhadores de que os direitos sociais forama) conscientizar os trabalhadores de que os direitos sociais foram conquistados por seu esforço, após anos de lutas sindicais.conquistados por seu esforço, após anos de lutas sindicais. b) promover a autonomia dos grupos sociais, por meio de umab) promover a autonomia dos grupos sociais, por meio de uma linguagem simples e de fácil entendimento.linguagem simples e de fácil entendimento. c) estimular os movimentos grevistas, que reivindicavam umc) estimular os movimentos grevistas, que reivindicavam um aprofundamento dos direitos trabalhistas.aprofundamento dos direitos trabalhistas. d) consolidar a imagem de Vargas como um governante protetord) consolidar a imagem de Vargas como um governante protetor das massas.das massas. e) aumentar os grupos de discussão política dos trabalhadores,e) aumentar os grupos de discussão política dos trabalhadores, estimulados pelas palavras do ministro.estimulados pelas palavras do ministro.
  • 10. 7) (Ufpr) Com relação ao Estado Novo, de 1937 a 1945, é CORRETO7) (Ufpr) Com relação ao Estado Novo, de 1937 a 1945, é CORRETO afirmar:afirmar: a) Foi um período de desenvolvimento do liberalismo democrático no país,a) Foi um período de desenvolvimento do liberalismo democrático no país, permitindo com isso a consolidação da liderança política de Vargas.permitindo com isso a consolidação da liderança política de Vargas. b) Ampliou os conflitos oligárquicos e a pressão do capital internacional,b) Ampliou os conflitos oligárquicos e a pressão do capital internacional, culminando com o suicídio de Vargas.culminando com o suicídio de Vargas. c) A política desenvolvimentista de abertura ao capital estrangeiro permitiuc) A política desenvolvimentista de abertura ao capital estrangeiro permitiu o crescimento das alianças políticas e comerciais entre Brasil e EUA.o crescimento das alianças políticas e comerciais entre Brasil e EUA. d) A proximidade política de Vargas com os regimes totalitários nazi-d) A proximidade política de Vargas com os regimes totalitários nazi- fascistas levou o Brasil a apoiar militarmente os países do Eixo nafascistas levou o Brasil a apoiar militarmente os países do Eixo na Segunda Guerra.Segunda Guerra. e) Foi marcado pela crítica à democracia liberal e pela organização de ume) Foi marcado pela crítica à democracia liberal e pela organização de um estado autoritário, encarregado de promover o progresso dentro daestado autoritário, encarregado de promover o progresso dentro da ordem.ordem.
  • 11. 8) (Enem) O autor da constituição de 1937, Francisco Campos, afirma no seu8) (Enem) O autor da constituição de 1937, Francisco Campos, afirma no seu livro, O Estado Nacional, que o eleitor seria apático; a democracia de partidoslivro, O Estado Nacional, que o eleitor seria apático; a democracia de partidos conduziria à desordem; a independência do Poder Judiciário acabaria emconduziria à desordem; a independência do Poder Judiciário acabaria em injustiça e ineficiência; e que apenas o Poder Executivo, centralizado eminjustiça e ineficiência; e que apenas o Poder Executivo, centralizado em Vargas, seria capaz de dar racionalidade imparcial ao Estado, pois Vargas teriaVargas, seria capaz de dar racionalidade imparcial ao Estado, pois Vargas teria providencial intuição do bem e da verdade, além de ser um gênio político.providencial intuição do bem e da verdade, além de ser um gênio político. Segundo as ideias de Francisco Campos,Segundo as ideias de Francisco Campos, a) os eleitores, políticos e juízes seriam malintencionados.a) os eleitores, políticos e juízes seriam malintencionados. b) o governo Vargas seria um mal necessário, mas transitório.b) o governo Vargas seria um mal necessário, mas transitório. c) Vargas seria o homem adequado para implantar a democracia.c) Vargas seria o homem adequado para implantar a democracia. d) a Constituição de 1937 seria a preparação para uma futura democraciad) a Constituição de 1937 seria a preparação para uma futura democracia liberal.liberal. e) Vargas seria o homem capaz de exercer o poder de modo inteligente ee) Vargas seria o homem capaz de exercer o poder de modo inteligente e correto.correto.
  • 12. 9) (Fgv)  Em muitos aspectos, a Era Vargas (1930-1945) implementou9) (Fgv)  Em muitos aspectos, a Era Vargas (1930-1945) implementou mudanças no país em relação à Primeira República (1889- 1930), pois:mudanças no país em relação à Primeira República (1889- 1930), pois: a) promoveu as bases da industrialização, ao empreender uma política econômicaa) promoveu as bases da industrialização, ao empreender uma política econômica intervencionista e protecionista, além de orientar sua política externa na busca deintervencionista e protecionista, além de orientar sua política externa na busca de recursos para implantar empresas nacionais.recursos para implantar empresas nacionais. b) passou a tratar a questão social como "caso de polícia", reprimindo asb) passou a tratar a questão social como "caso de polícia", reprimindo as organizações da classe operária com o fechamento de jornais, associações eorganizações da classe operária com o fechamento de jornais, associações e sindicatos, embora permitisse sua representação no Congresso.sindicatos, embora permitisse sua representação no Congresso. c) estabeleceu um Estado federativo, conferindo aos estados bastante autonomia aoc) estabeleceu um Estado federativo, conferindo aos estados bastante autonomia ao permitir que contraíssem empréstimos no exterior e estabelecessem impostos, sempermitir que contraíssem empréstimos no exterior e estabelecessem impostos, sem necessidade de consulta ao governo federal.necessidade de consulta ao governo federal. d) desenvolveu uma nova política de valorização do café, por meio da compra ed) desenvolveu uma nova política de valorização do café, por meio da compra e estocagem dos excedentes pelos governos estaduais e por constantesestocagem dos excedentes pelos governos estaduais e por constantes desvalorizações cambiais para favorecer os exportadores.desvalorizações cambiais para favorecer os exportadores. e) autorizou a pluralidade sindical, porém os sindicatos ficaram atrelados ao Ministérioe) autorizou a pluralidade sindical, porém os sindicatos ficaram atrelados ao Ministério do Trabalho, graças ao imposto de seus associados, e reuniam patrões edo Trabalho, graças ao imposto de seus associados, e reuniam patrões e empregados, à semelhança do corporativismo fascista.empregados, à semelhança do corporativismo fascista.
  • 13. 10) Getúlio é considerado o grande mito político da nossa história .10) Getúlio é considerado o grande mito político da nossa história . Seu suicídio, ocorrido há cinqüenta anos, foi um acontecimentoSeu suicídio, ocorrido há cinqüenta anos, foi um acontecimento trágico e único na História do Brasil, razão pela qual vem sendotrágico e único na História do Brasil, razão pela qual vem sendo recordado e reforçado por múltiplos mecanismos da memóriarecordado e reforçado por múltiplos mecanismos da memória.. A política desenvolvida por Getúlio Vargas no Brasil é caracterizadaA política desenvolvida por Getúlio Vargas no Brasil é caracterizada pela (o)pela (o) a) alinhamento político incondicional à Alemanha nazista.a) alinhamento político incondicional à Alemanha nazista. b) adoção da reforma agrária em todo o território nacional.b) adoção da reforma agrária em todo o território nacional. c) extensão dos direitos trabalhistas para os trabalhadores rurais.c) extensão dos direitos trabalhistas para os trabalhadores rurais. d) presença do Estado como agente do desenvolvimento econômico.d) presença do Estado como agente do desenvolvimento econômico.
  • 14. 11) (Ufrn) Observe a charge a seguir.11) (Ufrn) Observe a charge a seguir.
  • 15. No contexto da evolução do cenário político mundial, esta charge fazNo contexto da evolução do cenário político mundial, esta charge faz alusãoalusão a) à radicalização integralista do estado Novo.a) à radicalização integralista do estado Novo. b) ao processo de esquerdização de Getúlio Vargas.b) ao processo de esquerdização de Getúlio Vargas. c) ao dogmatismo político de Getúlio Vargas.c) ao dogmatismo político de Getúlio Vargas. d) à inflexibilidade ideológica do Estado Novo.d) à inflexibilidade ideológica do Estado Novo. e) ao pragmatismo político de Getúlio Vargas.e) ao pragmatismo político de Getúlio Vargas.
  • 16. 12) Durante a Era Vargas, o processo de industrialização do12) Durante a Era Vargas, o processo de industrialização do Brasil caracterizou-se pela (o) Brasil caracterizou-se pela (o)  a) expansão da indústria de bens de capital e pela retração dos bensa) expansão da indústria de bens de capital e pela retração dos bens intermediários através do planejamento da economia estatal.intermediários através do planejamento da economia estatal. b) aproveitamento mais intenso da capacidade produtiva existente, comb) aproveitamento mais intenso da capacidade produtiva existente, com transferência de capitais do setor agrícola para o industrial.transferência de capitais do setor agrícola para o industrial. c) aumento da participação do Governo nos investimentos econômicosc) aumento da participação do Governo nos investimentos econômicos em setores estratégicos para o desenvolvimento nacional.em setores estratégicos para o desenvolvimento nacional. d) política de substituição de importações de bens de consumo, com od) política de substituição de importações de bens de consumo, com o crescimento das indústrias alimentícias e as de equipamentos agrícolas.crescimento das indústrias alimentícias e as de equipamentos agrícolas.
  • 17. 13) (Enem) Fugindo à luta de classes, a nossa organização sindical tem13) (Enem) Fugindo à luta de classes, a nossa organização sindical tem sido um instrumento de harmonia e de cooperação entre o capital e osido um instrumento de harmonia e de cooperação entre o capital e o trabalho. Não se limitou a um sindicalismo puramente ‘’operário’’, quetrabalho. Não se limitou a um sindicalismo puramente ‘’operário’’, que conduziria certamente a luta contra o ‘’patrão’’, como aconteceu comconduziria certamente a luta contra o ‘’patrão’’, como aconteceu com outros povosoutros povos Nesse documento oficial, à época do Estado Novo (1937-1945), éNesse documento oficial, à época do Estado Novo (1937-1945), é apresentada uma concepção de organização sindical queapresentada uma concepção de organização sindical que a) elimina conflitos no ambiente das fábricas.a) elimina conflitos no ambiente das fábricas. b) limita os direitos associativos do segmento patronal.b) limita os direitos associativos do segmento patronal. c) orienta a busca do consenso entre trabalhadores e patrões.c) orienta a busca do consenso entre trabalhadores e patrões. d) proíbe o registro de estrangeiros nas entidades profissionais do país.d) proíbe o registro de estrangeiros nas entidades profissionais do país. e) desobriga o Estado quanto aos direitos trabalhistas.e) desobriga o Estado quanto aos direitos trabalhistas.
  • 18. 14) (Ufrs) Com a instituição do Estado Novo em 1937, Getúlio Vargas14) (Ufrs) Com a instituição do Estado Novo em 1937, Getúlio Vargas inaugurou um novo regime político no Brasil, marcado peloinaugurou um novo regime político no Brasil, marcado pelo autoritarismo. Entre as características e mecanismos de controle daautoritarismo. Entre as características e mecanismos de controle da ditadura varguista, pode-se citar.ditadura varguista, pode-se citar. a) a mobilização das massas em grande escala através da atuação de uma) a mobilização das massas em grande escala através da atuação de um partido único controlado pelo líder do governo.partido único controlado pelo líder do governo. b) a opção pelo modelo de desenvolvimento econômico liberal, com ab) a opção pelo modelo de desenvolvimento econômico liberal, com a privatização dos meios de produção e a abertura do mercado ao capitalprivatização dos meios de produção e a abertura do mercado ao capital internacional.internacional. c) a difusão e veiculação de propagandas e ideais do novo regime atravésc) a difusão e veiculação de propagandas e ideais do novo regime através de programas de rádio como o "Repórter Esso" e a "Hora do Brasil".de programas de rádio como o "Repórter Esso" e a "Hora do Brasil". d) o alinhamento contínuo e incondicional da política externa do país àsd) o alinhamento contínuo e incondicional da política externa do país às diretrizes norte-americanas.diretrizes norte-americanas. e) o reforço das unidades federativas, que passaram a dispor de amplae) o reforço das unidades federativas, que passaram a dispor de ampla autonomia político-econômica e administrativa.autonomia político-econômica e administrativa.