Crise do império e proclamação da república

583 visualizações

Publicada em

Crise do Império brasileiro e Proclamação da República

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
583
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
4
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
20
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Crise do império e proclamação da república

  1. 1. Brasil: crise do Império e Proclamação daBrasil: crise do Império e Proclamação da RepúblicaRepública As transformações ocorridas no Brasil, como o fim do tráfico negreiro,As transformações ocorridas no Brasil, como o fim do tráfico negreiro, imigração, industrialização e urbanização mudaram o país e derrubaram aimigração, industrialização e urbanização mudaram o país e derrubaram a monarquia. Os ideias de República, voto universal, abolicionismo emonarquia. Os ideias de República, voto universal, abolicionismo e progresso criaram a necessidade de mudanças políticas. Além disso, oprogresso criaram a necessidade de mudanças políticas. Além disso, o Brasil destoava do resto da América, pois ainda era uma monarquia.Brasil destoava do resto da América, pois ainda era uma monarquia.
  2. 2. Vejamos algumas transformações do século XIX:Vejamos algumas transformações do século XIX: •• o fim do tráfico negreiro (Lei Eusébio de Queirós-1850);o fim do tráfico negreiro (Lei Eusébio de Queirós-1850); •• a chegada dos imigrantes europeus;a chegada dos imigrantes europeus; •• o surto industrial do século XIX.o surto industrial do século XIX.
  3. 3. As transformações do final do séc. XIX fizeram emergir novos grupos sociaisAs transformações do final do séc. XIX fizeram emergir novos grupos sociais com novas demandas. Vejamos esses grupos e suas aspirações:com novas demandas. Vejamos esses grupos e suas aspirações: •• A nova aristocraciaA nova aristocracia →→ desde 1870 a região cafeicultora do oeste paulista era o centrodesde 1870 a região cafeicultora do oeste paulista era o centro econômica mais importante. São Paulo pagava mais impostos, mas tinha poucaeconômica mais importante. São Paulo pagava mais impostos, mas tinha pouca participação política. Os cafeicultores paulistas defendiam oparticipação política. Os cafeicultores paulistas defendiam o federalismofederalismo para que apara que a província pudesse se autogovernar. Para eles isso só seria possível com aprovíncia pudesse se autogovernar. Para eles isso só seria possível com a RepúblicaRepública..
  4. 4. •• Os setores urbanos →Os setores urbanos → as mudanças no país - industrialização e crescimento dasas mudanças no país - industrialização e crescimento das cidades – trouxeram novos grupos ao cenário político: industriais e profissionaiscidades – trouxeram novos grupos ao cenário político: industriais e profissionais liberais; todos contrários à monarquia.liberais; todos contrários à monarquia.
  5. 5. Os grupos urbanos viam a monarquia como um regime atrasado, incapaz deOs grupos urbanos viam a monarquia como um regime atrasado, incapaz de desenvolver o país. Essa visão era materializada na própria figura dodesenvolver o país. Essa visão era materializada na própria figura do imperadorimperador
  6. 6. Os jornais republicanos exploravam bem a decadência do imperadorOs jornais republicanos exploravam bem a decadência do imperador
  7. 7. O movimento republicanoO movimento republicano ►►As primeiras manifestações republicanas no Brasil surgiram no séc. XVIII, com asAs primeiras manifestações republicanas no Brasil surgiram no séc. XVIII, com as Inconfidências Mineira e Baiana. O ideal foi retomado depois em outras revoltas.Inconfidências Mineira e Baiana. O ideal foi retomado depois em outras revoltas. •• O Manifesto RepublicanoO Manifesto Republicano →→ em 1870 foi lançado, no Rio de Janeiro, o Manifestoem 1870 foi lançado, no Rio de Janeiro, o Manifesto RepublicanoRepublicano,, impresso nas páginas do jornalimpresso nas páginas do jornal A RepúblicaA República.. Somos da América e queremos ser americanos. Nossa forma de governo é hostil aos interesses dos Estados Americanos. A permanência dessa forma perpetua a hostilidade com os povos que nos rodeiam. Devemos suprimir esse estado de coisas, pondo-nos em solidariedade com o continente . (Trecho do Manifesto Republicano)
  8. 8. •• O Partido Republicano PaulistaO Partido Republicano Paulista →→ em 1873, um congresso de fazendeiros se reuniuem 1873, um congresso de fazendeiros se reuniu em Itu e anunciou a criação do Partido Republicano Paulista. A partir de então oem Itu e anunciou a criação do Partido Republicano Paulista. A partir de então o movimento republicano ganhou forca, apoiado no poder econômico dos cafeicultoresmovimento republicano ganhou forca, apoiado no poder econômico dos cafeicultores
  9. 9. As correntes republicanasAs correntes republicanas O movimento republicano era composto por três forças:O movimento republicano era composto por três forças: ExércitoExército,, fazendeiros do Oestefazendeiros do Oeste paulistapaulista e representantes dase representantes das classes médias urbanasclasses médias urbanas. Unidas pelo ideal republicano,. Unidas pelo ideal republicano, mas com algumas divergências.mas com algumas divergências. •• Os evolucionistasOs evolucionistas →→ inspiravam-se no liberalismo americano e defendiam a autonomiainspiravam-se no liberalismo americano e defendiam a autonomia para as províncias através do federalismo. Para eles a mudança deveria ser promovidapara as províncias através do federalismo. Para eles a mudança deveria ser promovida pelas elites sem participação popular.pelas elites sem participação popular.
  10. 10. •• Os republicanos positivistasOs republicanos positivistas →→ inspiravam-se no positivismo de Auguste Comte einspiravam-se no positivismo de Auguste Comte e defendiam um poder Executivo forte, centralizado, para impulsionar o progresso. Para elesdefendiam um poder Executivo forte, centralizado, para impulsionar o progresso. Para eles a administração pública precisava de cidadãos movidos pela razão e pelo amor a pátria.a administração pública precisava de cidadãos movidos pela razão e pelo amor a pátria. •• Os revolucionários (Os revolucionários (jacobinosjacobinos) →) → inspiravam-se na Revolução Francesa e seus ideaisinspiravam-se na Revolução Francesa e seus ideais de liberdade, igualdade e democracia. Queriam que a república triunfasse por meio dade liberdade, igualdade e democracia. Queriam que a república triunfasse por meio da revolução popular. Representavam as camadas médias urbanas: profissionais liberais,revolução popular. Representavam as camadas médias urbanas: profissionais liberais, funcionários públicos e pequenos comerciantesfuncionários públicos e pequenos comerciantes
  11. 11. A crise final do impérioA crise final do império ►►A partir de 1870 o Império brasileiro sofreu um desgaste político intenso, inclusive,A partir de 1870 o Império brasileiro sofreu um desgaste político intenso, inclusive, o que causou o fim da monarquia brasileira.o que causou o fim da monarquia brasileira. •• A Questão AbolicionistaA Questão Abolicionista → não tendo sido indenizada após a aprovação da Lei→ não tendo sido indenizada após a aprovação da Lei Áurea, a aristocracia escravista do Vale do Paraíba e do Nordeste, regiões em crise,Áurea, a aristocracia escravista do Vale do Paraíba e do Nordeste, regiões em crise, deixaram o Império à sua própria sorte.deixaram o Império à sua própria sorte. •• A Questão MilitarA Questão Militar → a→ a QuestãoQuestão MilitarMilitar envolveu o Império e o Exército. A punição deenvolveu o Império e o Exército. A punição de oficiais que se pronunciavam publicamente sobre assuntos políticos causou profundaoficiais que se pronunciavam publicamente sobre assuntos políticos causou profunda repercussão nos meios militares e foi mais um motivo de desgaste da monarquia.repercussão nos meios militares e foi mais um motivo de desgaste da monarquia.
  12. 12. •• A Questão ReligiosaA Questão Religiosa →→ em 1870 o Papa Pio IX, através daem 1870 o Papa Pio IX, através da Bula SyllabusBula Syllabus proibiu aproibiu a presença de maçons nas irmandades religiosas. No Brasil as bulas papais só valiampresença de maçons nas irmandades religiosas. No Brasil as bulas papais só valiam com a aprovação imperial. Os bispos de Olinda e Belém fecharam as irmandades comcom a aprovação imperial. Os bispos de Olinda e Belém fecharam as irmandades com membros maçons, contrariando D. Pedro II. O desacato custou-lhes a liberdade. Aomembros maçons, contrariando D. Pedro II. O desacato custou-lhes a liberdade. Ao Imperador custou o apoio da Igreja Católica .Imperador custou o apoio da Igreja Católica .
  13. 13. A Proclamação da RepúblicaA Proclamação da República A questão Militar colocou o Exército contra a Monarquia, que já tinha sido abandonada pelaA questão Militar colocou o Exército contra a Monarquia, que já tinha sido abandonada pela Igreja e a partir de 1888, peIos donos de escravos. A essa altura já estava em marcha umaIgreja e a partir de 1888, peIos donos de escravos. A essa altura já estava em marcha uma conspiração para depor o governo imperial e proclamar a Repúblicaconspiração para depor o governo imperial e proclamar a República.. •• A participação de Deodoro da Fonseca →A participação de Deodoro da Fonseca → no dia II, Benjamin Constant, Quintino Bocaiúvano dia II, Benjamin Constant, Quintino Bocaiúva e Rui Barbosa, procuraram Deodoro , para convencê-lo a aderir à conspiração. Amigo de D.e Rui Barbosa, procuraram Deodoro , para convencê-lo a aderir à conspiração. Amigo de D. Pedro II, Deodoro hesitou, mas surgiram boatos de que sua prisão tinha sido decretada.Pedro II, Deodoro hesitou, mas surgiram boatos de que sua prisão tinha sido decretada. Deodoro então liderou o movimento.Deodoro então liderou o movimento.
  14. 14. O 15 de NovembroO 15 de Novembro Na manhã do dia 15, tropas sob o comando de Deodoro prenderam o ministro Ouro Preto e seNa manhã do dia 15, tropas sob o comando de Deodoro prenderam o ministro Ouro Preto e se desfilaram pela cidade. A população foi surpreendida com a parada militar, sem saber odesfilaram pela cidade. A população foi surpreendida com a parada militar, sem saber o que estava acontecendo. Á tarde, proclamaram a República.que estava acontecendo. Á tarde, proclamaram a República.
  15. 15. Nascia, assim,Nascia, assim, sem participação popularsem participação popular, a República no Brasil. Um dos líderes, a República no Brasil. Um dos líderes da conspiração, Aristides Lobo, diria mais tarde que "da conspiração, Aristides Lobo, diria mais tarde que "o povo assistiu,o povo assistiu, bestializadobestializado, a Proclamação da República“, a Proclamação da República“

×