SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 106
•   The hidden power of social networks - Rob Cross e Andrew Parker
•   A sabedoria das multidões - James Suroweicki (ed. Record)
•   Comunidades virtuais - Howard Rheingold
•   Informe Forbes - Vinton Cerf
•   Wikinomics - Don Tapscott (ed. Nova Fronteira)
•   We are smarter than me - Barry Libert
•   The wealth of networks: how social production transforms markets and freedon -
    Yochai Benkler (ed. Yale University)
Que o futuro (presente) será (é) livre e colaborativo não tenho
         dúvidas. A questão agora é quão rápido essas tecnologias de
         compartilhamento e administração da inteligência coletiva se
         incorporarão ao cotidiano das Empresas.




        Tecnologias open source e colaborativas
        chegam as empresas de vários modos.
        Quer sejam CMS - sistemas de gerenciamento
        de conteúdo (Zope, Drupal, B2evolution,
        Wordpress, etc..), quer sejam LMS - sistemas
        de gerenciamento de aprendizagens (Moodle,
        Dokeos, etc…) ou mesmo ferramentas focadas
        no gerenciamento da inteligência coletiva
        como o ICOX.


Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Se refere à nova geração da WEB incluindo sua arquitetura e aplicações , se
   caracterizando por uma transição de websites isolados de informação, para uma
   plataforma computacional em Web para os usuários finais.
   Um fenômeno social de criação e distribuição de conteúdo, caracterizado pela
   comunicação aberta, descentralização de autoridade e liberdade para compartilhar
   e reutilizar.
   Serviços P2P como o BitTorrent demonstram um outro princípio da Web 2.0: todo
   cliente também é um servidor, logo o serviço se torna melhor quando mais usuários
   o utilizam.
Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
quot;O movimento não é baseado
                  em tecnologia, mas sim em         Exige e se utiliza da
                  um processo cultural              inteligência coletiva à
                  desencadeado pela                 medida que mais e mais
                  tecnologia . A convergência       pessoas compartilham e
                  cultural já chegou. Histórias e   combinam informações. Esta
                  conteúdo agora são                inteligência coletiva permite
                  distribuídas através do           também que as informações
                  máximo de plataformas e           sejam processadas com
                  mídia, de forma legal ou          mais rapidez. Um número
                  ilegal, de cima para baixo e      cada vez maior de pessoas
                  de baixo para cima. É um          participa e contribui com
                  processo trans-mídia,             esta crescente ad-hocracia.quot;
                  participativo e experimental.




Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
...aumentar o valor de uma empresa mineradora de
US$ 100 milhões para US$ 9 bilhões
em menos de 10 anos usando a inteligência
coletiva?
http://www.goldcorpchallenge.
    com/challenge1/homepage_sta
    tic.html




• Desafio organizado pela empresa em 2000 aberto para qualquer
pessoa no mundo
• Os participantes recebiam um kit com as informações sobre
terreno sendo explorado
• A empresa recebeu estimativas e métodos para se encontrar
jazidas de ouro
• Resultou em 44 novos pontos de exploração com quantidades
substanciais de ouro
www.goldcorp.com/
Fonte: Bloomberg
Desafio:
Aumentar em 15% a rapidez dos procedimentos de segurança nos aeroportos
http://www.netflix.com




                         Desafio:
                         Melhorar em 10%
                         a precisão do
                         programa de
                         computador que
                         calcula a
                         probabilidade de
                         um consumidor
                         gastar ou não em
                         determinado filme
                         baseado em suas
                         escolhas
                         anteriores
http://code.google.com/android/




O projeto Android foi feito em parceria com a Open Handset
Alliance, que soma mais de 30 tecnologias e lideres em vendas
de dispositivos móveis (incluindo motorola, Qualcomm, HTC…),
que juntos prometem com o Android gerar um experiencia de
interatividade entre o usuário e seu celular que jamais foi
imaginada, além de uma padronização aberta, longe da grande
zona de padrões de desenvolvimento
proprietários que é hoje em dia.
https://secure3.verticali.net/pg-connection-   • Canal para compra e venda de
portal/ctx/noauth/PortalHome.do
                                               conceito de produtos inovadores
                                               e tecnologias com a P&G
                                               • Desde do início do programa em
                                               2000, o número de produtos
                                               originado externamente subiu de
                                               20% para 35% em 2006
                                               • Em 2006, cerca de 45% dos
                                               produtos lançados incorporam
                                               algum tipo de tecnologia
                                               descoberto fora da P&G
                                               • Diminuição dos gastos de P&D de
                                               4,8% das receitas (2000) para
                                               3,4% (2006) com aumento de 60%
                                               da produtividade do P&D no
                                               mesmo período
                                               • Duplicação do valor das ações no
                                               período de 2000 ~ 2006
• Mudanças de paradigma implicam em deslocamento, conflito, confusão,
     incerteza.
   • Novos paradigmas são quase sempre recebidos friamente, até mesmo
     com escárnio e hostilidade.
   • Aqueles com interesses ocultos lutam contra a mudança.
   • A mudança requer uma visão tão diferente das coisas que aqueles que
     ocupam posições de líder costumam ser os últimos a ser convertidos, se
     é que o são.

Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
deste
                                      Temos dimensão
                                             fenômeno?
                                                Estamos
80 Milhões de blog
                                             preparados
                                                  para ele ?
100 mil novos blogs por dia
15 novos posts por segundo
1,3 milhões de posts por dia
Bilhões de links inter-relacionados

Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
A Era do Conhecimento Global




Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
http://www.shell.com/home/content/   • Iniciativa existente desde de 1996
gamechanger-en
                                     • Na época, uma Equipe da Shell
                                     recebeu US$ 20 milhões para
                                     alocar em tecnologias inovadoras
                                     • Qualquer funcionário tem 25
                                     minutos para apresentar e
                                     defender sua idéia para a
                                     equipe do GameChanger
                                     • Idéias bem avaliadas recebem
                                     de US$ 100.000 ~ US$ 600.000
                                     • Desde 1999, 4 das 5 iniciativas
                                     com
                                     maior crescimento surgiram do
                                     GameChanger
                                     • Cerca de 30% do orçamento de
                                     P&D para exploração e produção
                                     são destinados a iniciativas
                                     começadas pelo Gamechanger
http://www.natura.net/




Linha de produtos para      Sob a co-liderança de marketing e      O envolvimento e
os cabelos necessitava      O&L (operações e logística), P&D e     colaboração das
ter se tornar mais          relacionamento com terceiros, foi      pessoas do time e
competitiva. No entanto     incentivado a olhar para cada etapa    dos fornecedores
essa mudança não            da cadeia de valor em parceria com     (parceiros
poderia diminuir a          os seus principais fornecedores para   estratégicos da
rentabilidade dos           trazer soluções criativas capazes de   Natura), atingimos
produtos.                   recuperar a rentabilidade perdida      o objetivo.
                            com a redução de preço de venda.
http://www.lifunggroup.com/front.html




          O MITO DA INTEGRAÇÃO VERTICAL
                           Costura
                          Tinturaria

                         Tecelagem
                           Fiação                        10 mil fornecedores em
                                                          40 países
                Plantação de Algodão                     Orgulham em nunca
                                                          repetir a mesma cadeia
          Capacidade excedente deve ser vendida           de produção
                                                         Vendas globais de US$
                                                          8,7 bilhões
Escala ideal para cada atividade em cada estágio da      Lucro de US$ 2,3 bilhões
       Cadeia de suprimentos de manufatura               Clientes: Levi Strauss,
                                                          Reebok, Canon, Disney
Topper the Trick Terrier is a
                                       robotic dog that can talk and
                                       stand on its head. But the
 Olhos de plástico: Shenzhen, China   made by Qualiman Industrial
                                       Co. in Nanhai, China for a Li &
 Parte elétrica: Dongguan, China      Fung American customer, the
 Tecido de microfibra para a pele:    Original San Francisco
                                       Toymakers. Its sells for
  Coréia                               $29.99 in the U.S.
 Embalagem: Hong Kong
 Alto-falante: Dongguan, China
 Chips: Taiwan
 Corpo de plástico: Malásia
 Programação do reconhecimento de
  voz: Taiwan
 Motor para mover as pernas:
  Shaoguan, China
 Parâmetros para o reconhecimento
  de voz: São Francisco                O Cachorro Globalizado
 Pernas de plástico: Taiwan           Onde o brinquedo Topper the Trick Terrier,
 Transistores: Shenzhen, China        encomendado pela Li & Fung, foi produzido
http://www.jnjbrasil.com.br/canal.asp?canal=1
Conteúdo: comentários de livros, blogs, comunidades, P2P
Negócio: arranjos produtivos, portais eletrônicos
Inovação: novos produtos, soluções, pesquisa
Entre as grandes empresas, 30% experimentam a inovação aberta
com redes entre funcionários, parceiros e clientes, mas poucas já
dominam o processo. Veja cinco exemplos da elite pioneira:
Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Na inovação fechada, uma empresa gera, desenvolve e
    comercializa as suas próprias idéias. Esta filosofia de
    autoconfiança dominava o P&D da maior parte das empresas
    no século XX.

Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Na inovação aberta, uma empresa comercializa tanto as suas próprias idéias
    quanto inovações deuma empresa gera, desenvolve maneiras de levar próprias
       Na inovação fechada, outras firmas, buscando e comercializa as suas suas idéias
    ao mercado através de caminhosdominava o P&Dseumaior parte das empresas no
       idéias. Esta filosofia de autoconfiança externos ao da negócio atual. A fronteira
       século XX.
    entre a organização e ambiente a sua volta é porosa, habilitando uma maior
    mobilidade das inovações entre os dois.


Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Benefícios “Inovação Aberta”
   • adquire conhecimento a partir de todas as propostas
   • expande notavelmente o alcance da investigação e a
   inovação global
   • encontram soluções não evidentes e se criam novas
   alianças
   • acelera o ciclo da inovação
   • reduz o risco evitando “reinventar a roda”
   • potencializa a inovação interna através do conhecimento
   adquirido
   • responde mais rapidamente aos desafios da competência


Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
...receber mais de 5000 idéias em
 menos de 1 ano de todo o mundo com propostas para melhorar seus
 produtos e serviços?
http://www.dellideastorm.com/




 • Site onde qualquer pessoa pode:
 - Mandar idéias (8.941 idéias)
 - Comentar as idéias (69.423 comentários)
 - Votar nas mais interessante (615.671 votos)
 • A Dell estuda como e quando implementar as idéias mais votadas
 • Utilizado para discutir conceitos inovadores com o consumidor
   (“Ter duas opções de Atendimento - Geeks ou Iniciantes”)
http://www.dellideastorm.com/




Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
http://www.bmw.com/




 As inovações concentram-se no         A Magna International é responsável por
 aperfeiçoamento da arte de dirigir,   toda a linha de produção e inovações de
 design, softwares e marketing.        engenharia mecânica.
Uma ferramenta de investimentos em que cerca de
http://www.marketocracy.com/
                                70.000 pessoas criam carteiras de ações virtuais.
                                Servem de referencia para um fundo mútuo real .
The Corporate Office of Science and Technology (COSAT) was created in 1978 to foster our
company's long-standing focus on innovation and entrepreneurship. It was formed by assembling a
team of senior scientists and clinicians whose primary objective is to identify, nurture, and guide
emerging technologies and products, ensuring that Johnson & Johnson's long history of
success continues well into the future.
O HP Labs consiste de 23 laboratórios distintos em sete locais
          HP Labs                  espalhados pelo mundo. Um grande número de projetos em
                                   desenvolvimento inclui iniciativas de colaboração




                                   Um serviço baseado na web onde podemos olhar algumas
          HP Idea Lab              inovações, oriundas do HP Labs, atualmente nos estágios iniciais.
          www.hp.com/idealab       Projetada para encorajar o feedback aberto dos consumidores e a
                                   comunidade de desenvolvedores, o HP Idea Lab fornece um rico
                                   fórum na Internet que envolve ativamente e imerge os usuários no
                                   desenvolvimento de tecnologia.



                                    Iniciativa que coordena e realiza colaborações em pesquisas
          Open Innovation Office    com cientistas renomados e empreendedores governamentais,
                                    acadêmicos e comerciais por todo o mundo. O HP Labs convida
                                    universidades de todo o mundo a participar e enviar propostas
                                    para pesquisa conjunta com cientistas líderes de seus
                                    laboratórios.


Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
http://www.coinfar.com.br/


                                                                        O COINFAR é uma joint venture
                                                                        entre as empresas Aché,
                                                                        Biolab Sanus e União
                                                                        Química dedicada à
                                                                        descoberta e desenvolvimento
                                                                        de novos compostos de alto
                                                                        potencial terapêutico derivados
                                                                        da biodiversidade brasileira.




         Em cooperação com os grupos acadêmicos, a busca nessa etapa inicial é pela “prova de
         princípio” (PoP), ou seja, os testes necessários que comprovem a ação terapêutica da nova
         molécula e seus análogos. A partir da prova de princípio, o COINFAR prepara os projetos para
         investimentos mais robustos. Os projetos avançam para as fases de otimização dos
         compostos, ensaios pré-clínicos e ensaios clínicos. Durante os últimos anos, o COINFAR
         estabeleceu uma rede de colaboradores e fornecedores no Brasil e exterior .



Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
...que os principais executivos da sua empresa conversem informalmente
            sem a interferência da
com toda a sociedade,

área de Relações Públicas?
http://fastlane.gmblogs.com/




• Canal aberto dos principais executivos com o público para:
- Falar sobre os produtos atuais
- Discutir novas idéias e conceitos
- Colocar suas opiniões sobre assuntos relevantes para a GM
• O Fastlane existe desde 2005
• Um case de referência de blogs corporativos
• Já foi matéria de capa da revista Business Week
• A maioria dos posts chegam a ter mais de 50 comentários espontâneos
...liberar de forma totalmente gratuita
acesso aos conteúdos, palestras e ementas da maioria dos cursos das mais
renomadas universidades do mundo para qualquer pessoa?
http://ocw.mit.edu/OcwWeb/




• OCW Consortium é composto por mais de 100 universidades no
mundo inteiro
• Já existem mais de 2000 cursos disponíveis
• O site recebe cerca de 1 milhão de visitas mensais com o
crescimento de 56% ao ano
• O OCW já foi citado em mais de 300 artigos em veículos como
Forbes e CNN
• O Global Development Learning Network é um site para estimular o
  aprendizado colaborativo sobre desenvolvimento em escala global
• Conta com:
- Mais de 90,000 pessoas em 80 países
- Articula mais de 120 centros de aprendizado
- Organiza mais de 1000 videoconferência para troca de conhecimento por ano
http://www.worldbank.org/




Grupo internacional de colaboração formado por associações médicas e
científicas, grupos de pacientes e organizações comerciais dedicadas a
melhorar a vida de todos pacientes com doenças lisossômicas.
http://mitworld.mit.edu/




• Site com 428 palestras online gratuitas dos principais pensadores e
 lideres empresariais da atualidade
• São lançados mais de 75 vídeos por ano de palestras realizadas
  em todas as 5 escolas do MIT
• Algumas das palestrantes disponíveis: Michael Dell, Bill Gates, Jack
  Welch, Steve Wozniak, Thomas Friedman
http://www.worldbank.org/




 • Compartilhar Conhecimento é um dos pilares estratégicos do
   World Bank desde 1996
 • Algumas práticas adotadas:
            - Comunidades de Prática:
            - Grupos temáticos de discussão e troca de conhecimento
            - Storrytelling: Captura de narrativas para explicitar conhecimento tácito
            - Knowledge Brokering
            - Compartilhamento de conhecimento com clientes e Parceiros
http://fab.cba.mit.edu/central/




Em Gana, estudantes trabalham em projetos de baixo custo de refrigeração móvel que
possam ser fabricados em outras aldeias através de um FabLab, um laboratório de
fabricação móvel com US$ 25mil em financiamento pelo MIT. O projeto é do Prof. Neil
Gershenfeld do MIT.
http://www.developmentgateway.org/




 O Knowledge Brokering conta com um portal estruturado chamado
  Development Gateway , a missão dele é: “The tools on this website
  bring together people and organizations around the globe who are
  working to improve life in developing countries”.
 Conta com comunidades virtuais com 36,000 membros de mais de 200
  países.
 A base de documentos e melhores práticas conta com mais de 60,000
  itens criados pelas comunidades. O Portal articula informações de
  países, projetos de apoio ao desenvolvimento
http://www.ted.com/
http://pt.wikipedia.org/




                                • Cinco milhões de artigos Wiki
• 7.5 Milhões de verbetes
                                • Tão precisa quanto a Britânica
• 75.000 voluntários
                                • Democrática
• 15 x Enciclopédia Britânica
                                • Várias versões de um mesmo tema
mercado aberto
... usar o                         da Internet
para receber propostas de novos produtos e serviços?
http://kluster.com/
                      Os participantes da kluster trabalham em uma
                      variedade de iniciativas, inclusive no desenvolvimen-
                      to, marketing e publicidade de produtos, planejamento
                      de eventos e praticamente qualquer atividade de
                      tomada de decisão que seja melhor servida se
                      perguntar a um grupo. Os membros da comunidade
                      contribuirão com base em suas respectivas
                      experiências e interesses. As decisões no site são
                      tomadas de maneira algorítmica avaliando-se o peso
                      do voto de cada membro da comunidade com base em
                      sua participação, êxitos anteriores e riscos.
http://www.basf-fb.de/en.html




• Subsidiária da BASF com total autonomia para
escolher tecnologias relacionadas com:
    - Qualidade de vida,
    - Gestão energética
    - Bioeletrônica
• Utiliza conceito de stage gates para escolher aquelas
tecnologias que serão incorporadas pela BASF
http://www.worldbank.org/




• Compartilhar Conhecimento é um dos pilares estratégicos do
  World Bank desde de 1996
• Uma das principais práticas do World Bank está vinculada as
  Comunidades de Prática ou TGs
• Existem mais de 70 comunidades ativas com temas estratégicos
  para o World Bank
• Alguns dos temas discutidos: transporte, meio ambiente,
  desenvolvimento rural, desenvolvimento da iniciativa privada,
  mineração, desenvolvimento urbano, água e saneamento
  básico.
... utilizar o conhecimento de pesquisadores, universidades e instituições de
pesquisa do mundo inteiro para resolver   grandes desafios
científicos?
http://www.innocentive.com/
InnoCentive currently has 130,000+ Solvers in 175 countries and 44 scientific disciplines


• Site onde empresas enviam grandes desafios científicos (Química, Ciências Aplicadas e
Ciências da Vida)
• Algumas empresas participantes: Basf, DuPont, Eli Lilly e Sygenta
• Existem desafios com premio de até US$ 1 Milhão
• 80 desafios já foram solucionados desde 2001
• Mais de 70,000 pesquisadores em mais de 170 países
• Parceria com mais de 50 Universidades do mundo inteiro
1. Formulação do desafio                  2. Acesso à informação            3. Submissão e recompensa

•   Empresas confiáveis                   • Detalhes restritos              • Verificação dos
•   Posições de PI estabelecidas          • Acordos de sigilo/PI              solucionadores
                                                                            • A InnoCentive administra a
•   Anonimato                             • Salas de projeto seguras          apresentação e o pagamento
•   Informações apropriadas                 e particulares                  • Os premiados transferem o
•   Sigiloso                                                                  PI.



                                   A InnoCentive facilita o processo todo
http://www.yourencore.com/
http://www.ninesigma.com/
http://www.sociale.com.br/




Sociale é a primeira ferramenta de propaganda colaborativa do mundo.
Através dela, empresas de todos os tipos e tamanhos podem solicitar
materiais de comunicação como folhetos, outdoors, logomarcas, sites.
E o melhor, escolhendo o valor a pagar pela criação.
http://www.ixc.com.au/
http://www.oceantomo.com
http://www.ssipex.com/
... poder encontrar e licenciar o conhecimento acumulado em um   mercado
online de patentes das empresas responsáveis por 40% do
investimento de P&D do mundo?
http://www.yet2.com/




• Mercado com 8 anos de existência para compra e venda de
  patentes de empresas
• As patentes depositados no site valem mais US$ 10 bilhões
• Mais de 90% da Fortune 500 usam ativamente o site
• Alguns dos participantes: Bayer, Microsoft, Panasonic, Philips,Rhodia,
  Samsung, Siemens, Sony
• Alguns dos parceiros: DuPont, P&G e Honeywell
http://www.newideatrade.com/
http://www.oceantomo.com
setor público, política e
... é possível no

meio-ambiente.
http://www.citix.net




Citix é inovação totalmente baseada em conceitos
Web 2.0. Um mashup (aplicações web que usam conteúdo
de mais de uma fonte para criar um novo serviço completo)
entre ferramentas de georeferenciamento e redes sociais,
oferecendo arquitetura de participação para a coletividade na
geração do conteúdo, na própria execução do projeto e para
o ambiente de negócios
http://www.oceantomo.com
   http://www.ssipex.com/
   www.chicagocrime.org




Adiciona estatísticas sobre crimes em Chicago aos mapas do Google,
para criar um novo, e único, serviço público. O processo é colaborativo.
O usuário pode especificar o tipo de crime.
http://www.scorecard.org/




Site que fornece listas das empresas mais poluidoras,
comparação e busca por cidades mais poluídas. Abrange
tóxicos, químicos, ar, água, agricultura, dentre outros.
http://www.govtrack.us/




Rastreia as discussões, votos e projetos do governo americano. Mantido
por uma organização sem laços políticos e coordenados por Joshua
Tauberer, um estudante de linguística. Apresenta gráficos, estatísticas e
relatórios combinados com mapas.
http://www.ama.pt/
.... um produto sendo constantemente aperfeiçoado
pela rede de usuários?
http://mindstorms.lego.com/




• Divisão da Lego com sistema robótico e código aberto)
• Cem projetistas internos. Trezentos mil colaboradores dispersos.
http://www.linux.com/             http://www.apache.org/




• Concorrente do Windows        • Servidor Web
• 100.000 pessoas colaboraram   • 60% do mercado de servidores web
• Massive Multiplayer Online Games          • Ambientes 3D criados pelos usuários.
• Jogos on-line maciçamente multijogador.   • Futuro da televisão e do entretenimento
http://digg.com/




Site de notícias mantido pelos usuários. Jornalismo Colaborativo.
As matérias mais interessantes permanecem na primeira página e
ganha “diggs”, que representam o seu ranking no portal.
... ter um super computador em rede
mundial, aproveitando a capacidade ociosa de processamento
http://fightaidsathome.scripps.edu/
http://www.wikirus.com.br/Wikirus
http://www.peabirus.com.br/redes/form/inicio
Conceito: Atuar como um roteador de Informações e transações comerciais e
institucionais para seus clientes.
Redes de Colaboração – Saúde 2.0
Redes de Colaboração – Já começam a se multiplicar
1.    ANA NursingWorld:                             20. Health Informatics Forum:
      http://www.nursingworld.org                       http://healthinformaticsforum.ning.com/
2.    NurseLinkUP: http://nurselinkup.com           21. Hospital Impact: http://hospitalimpact.ning.com/
3.    Ozmosis: http://www.ozmosis.com               22. Illness-Disability-Healthcare-Caregiver Ministry
4.    Sermo: http://www.sermo.com                       Network: http://illnessministry.ning.com/
5.    SocialMD: http://www.socialmd.com             23. iMed Exchange: http://imedexchange.ning.com
6.    TiroMED: http://www.tiromed.com               24. Assessment for Health Sciences Libraries:
7.    Within3: http://www.within3.com/ -                http://libassess.ning.com/
8.    Café Chronique:                               25. Library 2.0: Medical and Health Science
      http://cafechronique.ning.com/                    Libraries:
9.    Chiro Connector:                                  http://library20.ning.com/group/medicalandhealt
      http://chiroconnector.ning.com/                   hsciencelibraries
10.   ChiroShare: http://chirostop.ning.com/        26. Medical Writing: http://medicalwriting.ning.com/
11.   Diabetes TalkFest:                            27. Meharry Medical College: Alumni:
      http://diabetestalkfest.ning.com/                 http://meharryalum.ning.com/
12.   Disability Resource Exchange:                 28. MLA 09: http://mla09.wetpaint.com/
      http://www.disabilityresourceexchange.com/    29. My Irritable Bowel Syndrome:
13.   DoctorsHangout:                                   http://myirritablebowelsyndrome.com/ -
      http://doctorshangout.ning.com/               30. NaBloPoMo: Nurses United:
14.   Epidermolysis Bullosa Friends:                    http://nablopomo.ning.com/group/nursesunited
      http://ebfriends.ning.com/                    31. PlanetCancer: http://myplanetcancer.ning.com/
15.   Fibromyalgia: http://fibromyalgia.ning.com/   32. Research & Media:
16.   Gastric Bypass:
                                                        http://researchandmedia.ning.com/
      http://gastricbypass.ning.com/
17.   Healthcare Marketing:                         33. Kosmix RightHealth: http://righthealth.ning.com/
      http://healthcaremarketing.ning.com/          34. Student Dentist: http://studentdentist.ning.com/
18.   Healthcare with a Heart:                      35. Tu Diabetes: http://tudiabetes.ning.com/
      http://healthcarewithaheart.ning.com/
O New York Times descreveu o site como
                                   uma espécie de MySpace para os aflitos. Os
Selfcare Management - Health 2.0   participantes falam sobre tratamentos, que
                                   funciona e o que não funciona, dão nota
patientslikeme                     para os medicamentos e contam o quanto
http://www.patientslikeme.com/
                                   eles aliviaram seus sintomas.
Health Networks - Médicos
Ozmosis - knowledge sharing
https://www.ozmosis.com/home
Physician Social Networks
sermo
http://www.sermo.com/
Health Networks - Médicos
SocialMD
http://www.socialmd.com/
Health networks - for research
BioMedExperts
http://www.biomedexperts.com/
Health networks - Enfermagem
American Nurses Association - Nursing World
http://www.nursingworld.org/
Health networks - Enfermagem
NaBloPoMo - Nurses United
http://www.nablopomo.com/
Health networks - Estudantes
Tiromed
http://www.tiromed.com/
O que mais temos?
Davidrothman.net
http://davidrothman.net/2007/05/07/more-social-networks-for-clinicians/
Health Care Blogs - Patients
Diabetes Mine
http://www.diabetesmine.com/
Health Care Blogs - Physicians
Clinical Cases and Images - Blog
http://casesblog.blogspot.com/
Health-specific Search Engines

                                 •   Focus on vetted
                                     healthcare content
                                 •   Try to address the
                                     problem of a Google
                                     search results of
                                     37,500,000 or more
                                 •   Have extra tools
                                     which add value
                                      – Health content
                                      – Blogs
                                      – News
                                      – Drug lookup
Search – Healthline.com
Healthline..com
http://www.healthline.com/
Consumer Genomics
23andme
https://www.23andme.com/
VIDEO AND PODCAST
icyou
http://icyou.com/
Cleveland Clinic Healthedge
http://my.clevelandclinic.org/default.aspx
Participar de uma Rede
           Organizacional envolve algo mais do
           que apenas trocar informações a
           respeito dos trabalhos que um grupo
           de organizações realiza
           isoladamente. Estar em rede significa
           realizar conjuntamente ações
           concretas que modificam as
           organizações para melhor e as
           ajudam a chegar mais rapidamente a
           seus objetivos.

                                  Segundo Bruno Ayres




Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Processo e
                                  Meta                 fluxo de
                                  comum                trabalho           Confiança




                                  Regras de            Benefício           Apoio de
                                  participação          mútuo               gestão




                                  Recom-
                                  pensas                Treina-         Massa crítica
                                  da equipe             mento



                                                 Cultura de compartilhamento




Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
Fundação Dom Cabral (www.fdc.org.br)
lobao@fdc.org.br
(31) 3589-7200




                 OBRIGADO!!!

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Criando bases para o futuro - Lobão
Criando bases para o futuro - LobãoCriando bases para o futuro - Lobão
Criando bases para o futuro - LobãoLuis Lobão
 
Aneel A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio Giosa
Aneel   A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio GiosaAneel   A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio Giosa
Aneel A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio Giosataniamaciel
 
Estratégia de Crescimento Acelerado
Estratégia de Crescimento AceleradoEstratégia de Crescimento Acelerado
Estratégia de Crescimento AceleradoLuis Lobão
 
Crescimento E Longevidade - Lobão
Crescimento E Longevidade -    LobãoCrescimento E Longevidade -    Lobão
Crescimento E Longevidade - LobãoLuis Lobão
 
A Execução como Estratégia - Revista DOM
A Execução como Estratégia - Revista DOMA Execução como Estratégia - Revista DOM
A Execução como Estratégia - Revista DOMLuis Lobão
 
Exemplo Negócios Sustentáveis - Prof. Luis Lobão
Exemplo Negócios Sustentáveis - Prof.  Luis LobãoExemplo Negócios Sustentáveis - Prof.  Luis Lobão
Exemplo Negócios Sustentáveis - Prof. Luis LobãoLuis Lobão
 
Competitividade responsável Prof. Luis Lobão
Competitividade responsável   Prof. Luis LobãoCompetitividade responsável   Prof. Luis Lobão
Competitividade responsável Prof. Luis LobãoLuis Lobão
 

Destaque (7)

Criando bases para o futuro - Lobão
Criando bases para o futuro - LobãoCriando bases para o futuro - Lobão
Criando bases para o futuro - Lobão
 
Aneel A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio Giosa
Aneel   A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio GiosaAneel   A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio Giosa
Aneel A Realidade Brasileira No Caminho Da Sustentabilidade E Rs Livio Giosa
 
Estratégia de Crescimento Acelerado
Estratégia de Crescimento AceleradoEstratégia de Crescimento Acelerado
Estratégia de Crescimento Acelerado
 
Crescimento E Longevidade - Lobão
Crescimento E Longevidade -    LobãoCrescimento E Longevidade -    Lobão
Crescimento E Longevidade - Lobão
 
A Execução como Estratégia - Revista DOM
A Execução como Estratégia - Revista DOMA Execução como Estratégia - Revista DOM
A Execução como Estratégia - Revista DOM
 
Exemplo Negócios Sustentáveis - Prof. Luis Lobão
Exemplo Negócios Sustentáveis - Prof.  Luis LobãoExemplo Negócios Sustentáveis - Prof.  Luis Lobão
Exemplo Negócios Sustentáveis - Prof. Luis Lobão
 
Competitividade responsável Prof. Luis Lobão
Competitividade responsável   Prof. Luis LobãoCompetitividade responsável   Prof. Luis Lobão
Competitividade responsável Prof. Luis Lobão
 

Semelhante a Tecnologias colaborativas e open source chegam às empresas

Fiemg simantob 20.10.11
Fiemg simantob 20.10.11Fiemg simantob 20.10.11
Fiemg simantob 20.10.11kleber.torres
 
Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01
Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01
Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01Teobaldo Rivas
 
Workshop Colaboração & Gestao do Conhecimento
Workshop Colaboração & Gestao do ConhecimentoWorkshop Colaboração & Gestao do Conhecimento
Workshop Colaboração & Gestao do ConhecimentoJose Claudio Terra
 
Open innovation-inovatec-1223314252269722-9
Open innovation-inovatec-1223314252269722-9Open innovation-inovatec-1223314252269722-9
Open innovation-inovatec-1223314252269722-9Manuel Fernandes
 
aula verde
aula verdeaula verde
aula verdeNeviows
 
1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade
1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade
1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de AndradeInstituto da Transformação Digital
 
Palestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no Brasil
Palestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no BrasilPalestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no Brasil
Palestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no BrasilAllagi Open Innovation Services
 
O poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digital
O poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digitalO poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digital
O poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digitalAndré Spínola
 
Crowdsourcing e empresas
Crowdsourcing e empresasCrowdsourcing e empresas
Crowdsourcing e empresasAndrei Scheiner
 
Aula gest corp 1104-final
Aula gest corp 1104-finalAula gest corp 1104-final
Aula gest corp 1104-finalselmasantacruz
 
Repensando a Comunicação no mundo em transe
Repensando a Comunicação no mundo em transeRepensando a Comunicação no mundo em transe
Repensando a Comunicação no mundo em transeGrupo TV1
 
Modelos de negocios Digitais
Modelos de negocios DigitaisModelos de negocios Digitais
Modelos de negocios DigitaisBruno Shimizu
 
Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010
 Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010 Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010
Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010E-Consulting Corp.
 
Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010
 Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010 Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010
Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010DOM Strategy Partners
 
2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 - abertura e base conceitual
2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 -  abertura e base conceitual2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 -  abertura e base conceitual
2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 - abertura e base conceitualGuilherme Tiezzi
 
ECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão final
ECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão finalECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão final
ECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão finalGib de Medeiros
 
Cria - Inovação
Cria - InovaçãoCria - Inovação
Cria - Inovaçãocriaglobal
 

Semelhante a Tecnologias colaborativas e open source chegam às empresas (20)

Fiemg simantob 20.10.11
Fiemg simantob 20.10.11Fiemg simantob 20.10.11
Fiemg simantob 20.10.11
 
Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01
Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01
Inclusao Digital Pequena Media Empresa V01
 
Workshop Colaboração & Gestao do Conhecimento
Workshop Colaboração & Gestao do ConhecimentoWorkshop Colaboração & Gestao do Conhecimento
Workshop Colaboração & Gestao do Conhecimento
 
Open innovation-inovatec-1223314252269722-9
Open innovation-inovatec-1223314252269722-9Open innovation-inovatec-1223314252269722-9
Open innovation-inovatec-1223314252269722-9
 
Open innovation
Open innovationOpen innovation
Open innovation
 
aula verde
aula verdeaula verde
aula verde
 
1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade
1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade
1º Congresso da Transformação Digital & ExpoTD - Anderson de Andrade
 
Palestra cemig divulgação
Palestra cemig   divulgaçãoPalestra cemig   divulgação
Palestra cemig divulgação
 
Palestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no Brasil
Palestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no BrasilPalestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no Brasil
Palestra Open Innovation - Allagi - Maio 2008 - Inovação Aberta no Brasil
 
O poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digital
O poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digitalO poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digital
O poder das plataformas:Elementos-chave da transformação digital
 
Crowdsourcing e empresas
Crowdsourcing e empresasCrowdsourcing e empresas
Crowdsourcing e empresas
 
Aula gest corp 1104-final
Aula gest corp 1104-finalAula gest corp 1104-final
Aula gest corp 1104-final
 
Ihub
IhubIhub
Ihub
 
Repensando a Comunicação no mundo em transe
Repensando a Comunicação no mundo em transeRepensando a Comunicação no mundo em transe
Repensando a Comunicação no mundo em transe
 
Modelos de negocios Digitais
Modelos de negocios DigitaisModelos de negocios Digitais
Modelos de negocios Digitais
 
Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010
 Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010 Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010
Apresentação Valor da Sustentabilidade E-Consulting Corp. 2010
 
Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010
 Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010 Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010
Apresentação Metodologias Valor da Sustentabilidade DOM Strategy Partners 2010
 
2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 - abertura e base conceitual
2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 -  abertura e base conceitual2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 -  abertura e base conceitual
2o. Forum Estratégico Matcon - Set 2014 - abertura e base conceitual
 
ECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão final
ECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão finalECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão final
ECO.TIC 2016 PALESTRA GIB DE MEDEIROS NOV 24 - versão final
 
Cria - Inovação
Cria - InovaçãoCria - Inovação
Cria - Inovação
 

Mais de Luis Lobão

Retomada crise Covid-19
Retomada crise Covid-19Retomada crise Covid-19
Retomada crise Covid-19Luis Lobão
 
CNDL NRF 2020 - Resumão
CNDL NRF 2020 - ResumãoCNDL NRF 2020 - Resumão
CNDL NRF 2020 - ResumãoLuis Lobão
 
Jornada da transformacao digital prof lobao 2019
Jornada da transformacao digital   prof lobao 2019Jornada da transformacao digital   prof lobao 2019
Jornada da transformacao digital prof lobao 2019Luis Lobão
 
Pesquisa organização empreendedora
Pesquisa organização empreendedoraPesquisa organização empreendedora
Pesquisa organização empreendedoraLuis Lobão
 
Gestão de Negócios na Complexidade
Gestão de Negócios na ComplexidadeGestão de Negócios na Complexidade
Gestão de Negócios na ComplexidadeLuis Lobão
 
O Poder Da Colaboração - Revista DOM FDC
O Poder Da Colaboração - Revista DOM FDCO Poder Da Colaboração - Revista DOM FDC
O Poder Da Colaboração - Revista DOM FDCLuis Lobão
 
A Formula Do Crescimento Revista DOM - FDC
A Formula Do Crescimento Revista DOM - FDCA Formula Do Crescimento Revista DOM - FDC
A Formula Do Crescimento Revista DOM - FDCLuis Lobão
 

Mais de Luis Lobão (7)

Retomada crise Covid-19
Retomada crise Covid-19Retomada crise Covid-19
Retomada crise Covid-19
 
CNDL NRF 2020 - Resumão
CNDL NRF 2020 - ResumãoCNDL NRF 2020 - Resumão
CNDL NRF 2020 - Resumão
 
Jornada da transformacao digital prof lobao 2019
Jornada da transformacao digital   prof lobao 2019Jornada da transformacao digital   prof lobao 2019
Jornada da transformacao digital prof lobao 2019
 
Pesquisa organização empreendedora
Pesquisa organização empreendedoraPesquisa organização empreendedora
Pesquisa organização empreendedora
 
Gestão de Negócios na Complexidade
Gestão de Negócios na ComplexidadeGestão de Negócios na Complexidade
Gestão de Negócios na Complexidade
 
O Poder Da Colaboração - Revista DOM FDC
O Poder Da Colaboração - Revista DOM FDCO Poder Da Colaboração - Revista DOM FDC
O Poder Da Colaboração - Revista DOM FDC
 
A Formula Do Crescimento Revista DOM - FDC
A Formula Do Crescimento Revista DOM - FDCA Formula Do Crescimento Revista DOM - FDC
A Formula Do Crescimento Revista DOM - FDC
 

Tecnologias colaborativas e open source chegam às empresas

  • 1.
  • 2. The hidden power of social networks - Rob Cross e Andrew Parker • A sabedoria das multidões - James Suroweicki (ed. Record) • Comunidades virtuais - Howard Rheingold • Informe Forbes - Vinton Cerf • Wikinomics - Don Tapscott (ed. Nova Fronteira) • We are smarter than me - Barry Libert • The wealth of networks: how social production transforms markets and freedon - Yochai Benkler (ed. Yale University)
  • 3. Que o futuro (presente) será (é) livre e colaborativo não tenho dúvidas. A questão agora é quão rápido essas tecnologias de compartilhamento e administração da inteligência coletiva se incorporarão ao cotidiano das Empresas. Tecnologias open source e colaborativas chegam as empresas de vários modos. Quer sejam CMS - sistemas de gerenciamento de conteúdo (Zope, Drupal, B2evolution, Wordpress, etc..), quer sejam LMS - sistemas de gerenciamento de aprendizagens (Moodle, Dokeos, etc…) ou mesmo ferramentas focadas no gerenciamento da inteligência coletiva como o ICOX. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 4. Se refere à nova geração da WEB incluindo sua arquitetura e aplicações , se caracterizando por uma transição de websites isolados de informação, para uma plataforma computacional em Web para os usuários finais. Um fenômeno social de criação e distribuição de conteúdo, caracterizado pela comunicação aberta, descentralização de autoridade e liberdade para compartilhar e reutilizar. Serviços P2P como o BitTorrent demonstram um outro princípio da Web 2.0: todo cliente também é um servidor, logo o serviço se torna melhor quando mais usuários o utilizam. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 5. quot;O movimento não é baseado em tecnologia, mas sim em Exige e se utiliza da um processo cultural inteligência coletiva à desencadeado pela medida que mais e mais tecnologia . A convergência pessoas compartilham e cultural já chegou. Histórias e combinam informações. Esta conteúdo agora são inteligência coletiva permite distribuídas através do também que as informações máximo de plataformas e sejam processadas com mídia, de forma legal ou mais rapidez. Um número ilegal, de cima para baixo e cada vez maior de pessoas de baixo para cima. É um participa e contribui com processo trans-mídia, esta crescente ad-hocracia.quot; participativo e experimental. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 6. ...aumentar o valor de uma empresa mineradora de US$ 100 milhões para US$ 9 bilhões em menos de 10 anos usando a inteligência coletiva?
  • 7. http://www.goldcorpchallenge. com/challenge1/homepage_sta tic.html • Desafio organizado pela empresa em 2000 aberto para qualquer pessoa no mundo • Os participantes recebiam um kit com as informações sobre terreno sendo explorado • A empresa recebeu estimativas e métodos para se encontrar jazidas de ouro • Resultou em 44 novos pontos de exploração com quantidades substanciais de ouro
  • 10. Desafio: Aumentar em 15% a rapidez dos procedimentos de segurança nos aeroportos
  • 11. http://www.netflix.com Desafio: Melhorar em 10% a precisão do programa de computador que calcula a probabilidade de um consumidor gastar ou não em determinado filme baseado em suas escolhas anteriores
  • 12. http://code.google.com/android/ O projeto Android foi feito em parceria com a Open Handset Alliance, que soma mais de 30 tecnologias e lideres em vendas de dispositivos móveis (incluindo motorola, Qualcomm, HTC…), que juntos prometem com o Android gerar um experiencia de interatividade entre o usuário e seu celular que jamais foi imaginada, além de uma padronização aberta, longe da grande zona de padrões de desenvolvimento proprietários que é hoje em dia.
  • 13. https://secure3.verticali.net/pg-connection- • Canal para compra e venda de portal/ctx/noauth/PortalHome.do conceito de produtos inovadores e tecnologias com a P&G • Desde do início do programa em 2000, o número de produtos originado externamente subiu de 20% para 35% em 2006 • Em 2006, cerca de 45% dos produtos lançados incorporam algum tipo de tecnologia descoberto fora da P&G • Diminuição dos gastos de P&D de 4,8% das receitas (2000) para 3,4% (2006) com aumento de 60% da produtividade do P&D no mesmo período • Duplicação do valor das ações no período de 2000 ~ 2006
  • 14. • Mudanças de paradigma implicam em deslocamento, conflito, confusão, incerteza. • Novos paradigmas são quase sempre recebidos friamente, até mesmo com escárnio e hostilidade. • Aqueles com interesses ocultos lutam contra a mudança. • A mudança requer uma visão tão diferente das coisas que aqueles que ocupam posições de líder costumam ser os últimos a ser convertidos, se é que o são. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 15. deste Temos dimensão fenômeno? Estamos 80 Milhões de blog preparados para ele ? 100 mil novos blogs por dia 15 novos posts por segundo 1,3 milhões de posts por dia Bilhões de links inter-relacionados Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 16. A Era do Conhecimento Global Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 17.
  • 18. http://www.shell.com/home/content/ • Iniciativa existente desde de 1996 gamechanger-en • Na época, uma Equipe da Shell recebeu US$ 20 milhões para alocar em tecnologias inovadoras • Qualquer funcionário tem 25 minutos para apresentar e defender sua idéia para a equipe do GameChanger • Idéias bem avaliadas recebem de US$ 100.000 ~ US$ 600.000 • Desde 1999, 4 das 5 iniciativas com maior crescimento surgiram do GameChanger • Cerca de 30% do orçamento de P&D para exploração e produção são destinados a iniciativas começadas pelo Gamechanger
  • 19. http://www.natura.net/ Linha de produtos para Sob a co-liderança de marketing e O envolvimento e os cabelos necessitava O&L (operações e logística), P&D e colaboração das ter se tornar mais relacionamento com terceiros, foi pessoas do time e competitiva. No entanto incentivado a olhar para cada etapa dos fornecedores essa mudança não da cadeia de valor em parceria com (parceiros poderia diminuir a os seus principais fornecedores para estratégicos da rentabilidade dos trazer soluções criativas capazes de Natura), atingimos produtos. recuperar a rentabilidade perdida o objetivo. com a redução de preço de venda.
  • 20. http://www.lifunggroup.com/front.html O MITO DA INTEGRAÇÃO VERTICAL Costura Tinturaria Tecelagem Fiação  10 mil fornecedores em 40 países Plantação de Algodão  Orgulham em nunca repetir a mesma cadeia Capacidade excedente deve ser vendida de produção  Vendas globais de US$ 8,7 bilhões Escala ideal para cada atividade em cada estágio da  Lucro de US$ 2,3 bilhões Cadeia de suprimentos de manufatura  Clientes: Levi Strauss, Reebok, Canon, Disney
  • 21. Topper the Trick Terrier is a robotic dog that can talk and stand on its head. But the  Olhos de plástico: Shenzhen, China made by Qualiman Industrial Co. in Nanhai, China for a Li &  Parte elétrica: Dongguan, China Fung American customer, the  Tecido de microfibra para a pele: Original San Francisco Toymakers. Its sells for Coréia $29.99 in the U.S.  Embalagem: Hong Kong  Alto-falante: Dongguan, China  Chips: Taiwan  Corpo de plástico: Malásia  Programação do reconhecimento de voz: Taiwan  Motor para mover as pernas: Shaoguan, China  Parâmetros para o reconhecimento de voz: São Francisco O Cachorro Globalizado  Pernas de plástico: Taiwan Onde o brinquedo Topper the Trick Terrier,  Transistores: Shenzhen, China encomendado pela Li & Fung, foi produzido
  • 22.
  • 23.
  • 25. Conteúdo: comentários de livros, blogs, comunidades, P2P Negócio: arranjos produtivos, portais eletrônicos Inovação: novos produtos, soluções, pesquisa
  • 26. Entre as grandes empresas, 30% experimentam a inovação aberta com redes entre funcionários, parceiros e clientes, mas poucas já dominam o processo. Veja cinco exemplos da elite pioneira:
  • 27. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 28. Na inovação fechada, uma empresa gera, desenvolve e comercializa as suas próprias idéias. Esta filosofia de autoconfiança dominava o P&D da maior parte das empresas no século XX. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 29. Na inovação aberta, uma empresa comercializa tanto as suas próprias idéias quanto inovações deuma empresa gera, desenvolve maneiras de levar próprias Na inovação fechada, outras firmas, buscando e comercializa as suas suas idéias ao mercado através de caminhosdominava o P&Dseumaior parte das empresas no idéias. Esta filosofia de autoconfiança externos ao da negócio atual. A fronteira século XX. entre a organização e ambiente a sua volta é porosa, habilitando uma maior mobilidade das inovações entre os dois. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 30. Benefícios “Inovação Aberta” • adquire conhecimento a partir de todas as propostas • expande notavelmente o alcance da investigação e a inovação global • encontram soluções não evidentes e se criam novas alianças • acelera o ciclo da inovação • reduz o risco evitando “reinventar a roda” • potencializa a inovação interna através do conhecimento adquirido • responde mais rapidamente aos desafios da competência Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 31. ...receber mais de 5000 idéias em menos de 1 ano de todo o mundo com propostas para melhorar seus produtos e serviços?
  • 32. http://www.dellideastorm.com/ • Site onde qualquer pessoa pode: - Mandar idéias (8.941 idéias) - Comentar as idéias (69.423 comentários) - Votar nas mais interessante (615.671 votos) • A Dell estuda como e quando implementar as idéias mais votadas • Utilizado para discutir conceitos inovadores com o consumidor (“Ter duas opções de Atendimento - Geeks ou Iniciantes”)
  • 34. http://www.bmw.com/ As inovações concentram-se no A Magna International é responsável por aperfeiçoamento da arte de dirigir, toda a linha de produção e inovações de design, softwares e marketing. engenharia mecânica.
  • 35. Uma ferramenta de investimentos em que cerca de http://www.marketocracy.com/ 70.000 pessoas criam carteiras de ações virtuais. Servem de referencia para um fundo mútuo real .
  • 36. The Corporate Office of Science and Technology (COSAT) was created in 1978 to foster our company's long-standing focus on innovation and entrepreneurship. It was formed by assembling a team of senior scientists and clinicians whose primary objective is to identify, nurture, and guide emerging technologies and products, ensuring that Johnson & Johnson's long history of success continues well into the future.
  • 37. O HP Labs consiste de 23 laboratórios distintos em sete locais HP Labs espalhados pelo mundo. Um grande número de projetos em desenvolvimento inclui iniciativas de colaboração Um serviço baseado na web onde podemos olhar algumas HP Idea Lab inovações, oriundas do HP Labs, atualmente nos estágios iniciais. www.hp.com/idealab Projetada para encorajar o feedback aberto dos consumidores e a comunidade de desenvolvedores, o HP Idea Lab fornece um rico fórum na Internet que envolve ativamente e imerge os usuários no desenvolvimento de tecnologia. Iniciativa que coordena e realiza colaborações em pesquisas Open Innovation Office com cientistas renomados e empreendedores governamentais, acadêmicos e comerciais por todo o mundo. O HP Labs convida universidades de todo o mundo a participar e enviar propostas para pesquisa conjunta com cientistas líderes de seus laboratórios. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 38. http://www.coinfar.com.br/ O COINFAR é uma joint venture entre as empresas Aché, Biolab Sanus e União Química dedicada à descoberta e desenvolvimento de novos compostos de alto potencial terapêutico derivados da biodiversidade brasileira. Em cooperação com os grupos acadêmicos, a busca nessa etapa inicial é pela “prova de princípio” (PoP), ou seja, os testes necessários que comprovem a ação terapêutica da nova molécula e seus análogos. A partir da prova de princípio, o COINFAR prepara os projetos para investimentos mais robustos. Os projetos avançam para as fases de otimização dos compostos, ensaios pré-clínicos e ensaios clínicos. Durante os últimos anos, o COINFAR estabeleceu uma rede de colaboradores e fornecedores no Brasil e exterior . Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 39. ...que os principais executivos da sua empresa conversem informalmente sem a interferência da com toda a sociedade, área de Relações Públicas?
  • 40. http://fastlane.gmblogs.com/ • Canal aberto dos principais executivos com o público para: - Falar sobre os produtos atuais - Discutir novas idéias e conceitos - Colocar suas opiniões sobre assuntos relevantes para a GM • O Fastlane existe desde 2005 • Um case de referência de blogs corporativos • Já foi matéria de capa da revista Business Week • A maioria dos posts chegam a ter mais de 50 comentários espontâneos
  • 41. ...liberar de forma totalmente gratuita acesso aos conteúdos, palestras e ementas da maioria dos cursos das mais renomadas universidades do mundo para qualquer pessoa?
  • 42. http://ocw.mit.edu/OcwWeb/ • OCW Consortium é composto por mais de 100 universidades no mundo inteiro • Já existem mais de 2000 cursos disponíveis • O site recebe cerca de 1 milhão de visitas mensais com o crescimento de 56% ao ano • O OCW já foi citado em mais de 300 artigos em veículos como Forbes e CNN
  • 43. • O Global Development Learning Network é um site para estimular o aprendizado colaborativo sobre desenvolvimento em escala global • Conta com: - Mais de 90,000 pessoas em 80 países - Articula mais de 120 centros de aprendizado - Organiza mais de 1000 videoconferência para troca de conhecimento por ano
  • 44. http://www.worldbank.org/ Grupo internacional de colaboração formado por associações médicas e científicas, grupos de pacientes e organizações comerciais dedicadas a melhorar a vida de todos pacientes com doenças lisossômicas.
  • 45. http://mitworld.mit.edu/ • Site com 428 palestras online gratuitas dos principais pensadores e lideres empresariais da atualidade • São lançados mais de 75 vídeos por ano de palestras realizadas em todas as 5 escolas do MIT • Algumas das palestrantes disponíveis: Michael Dell, Bill Gates, Jack Welch, Steve Wozniak, Thomas Friedman
  • 46. http://www.worldbank.org/ • Compartilhar Conhecimento é um dos pilares estratégicos do World Bank desde 1996 • Algumas práticas adotadas: - Comunidades de Prática: - Grupos temáticos de discussão e troca de conhecimento - Storrytelling: Captura de narrativas para explicitar conhecimento tácito - Knowledge Brokering - Compartilhamento de conhecimento com clientes e Parceiros
  • 47. http://fab.cba.mit.edu/central/ Em Gana, estudantes trabalham em projetos de baixo custo de refrigeração móvel que possam ser fabricados em outras aldeias através de um FabLab, um laboratório de fabricação móvel com US$ 25mil em financiamento pelo MIT. O projeto é do Prof. Neil Gershenfeld do MIT.
  • 48. http://www.developmentgateway.org/  O Knowledge Brokering conta com um portal estruturado chamado Development Gateway , a missão dele é: “The tools on this website bring together people and organizations around the globe who are working to improve life in developing countries”.  Conta com comunidades virtuais com 36,000 membros de mais de 200 países.  A base de documentos e melhores práticas conta com mais de 60,000 itens criados pelas comunidades. O Portal articula informações de países, projetos de apoio ao desenvolvimento
  • 50. http://pt.wikipedia.org/ • Cinco milhões de artigos Wiki • 7.5 Milhões de verbetes • Tão precisa quanto a Britânica • 75.000 voluntários • Democrática • 15 x Enciclopédia Britânica • Várias versões de um mesmo tema
  • 51. mercado aberto ... usar o da Internet para receber propostas de novos produtos e serviços?
  • 52. http://kluster.com/ Os participantes da kluster trabalham em uma variedade de iniciativas, inclusive no desenvolvimen- to, marketing e publicidade de produtos, planejamento de eventos e praticamente qualquer atividade de tomada de decisão que seja melhor servida se perguntar a um grupo. Os membros da comunidade contribuirão com base em suas respectivas experiências e interesses. As decisões no site são tomadas de maneira algorítmica avaliando-se o peso do voto de cada membro da comunidade com base em sua participação, êxitos anteriores e riscos.
  • 53. http://www.basf-fb.de/en.html • Subsidiária da BASF com total autonomia para escolher tecnologias relacionadas com: - Qualidade de vida, - Gestão energética - Bioeletrônica • Utiliza conceito de stage gates para escolher aquelas tecnologias que serão incorporadas pela BASF
  • 54. http://www.worldbank.org/ • Compartilhar Conhecimento é um dos pilares estratégicos do World Bank desde de 1996 • Uma das principais práticas do World Bank está vinculada as Comunidades de Prática ou TGs • Existem mais de 70 comunidades ativas com temas estratégicos para o World Bank • Alguns dos temas discutidos: transporte, meio ambiente, desenvolvimento rural, desenvolvimento da iniciativa privada, mineração, desenvolvimento urbano, água e saneamento básico.
  • 55. ... utilizar o conhecimento de pesquisadores, universidades e instituições de pesquisa do mundo inteiro para resolver grandes desafios científicos?
  • 57. InnoCentive currently has 130,000+ Solvers in 175 countries and 44 scientific disciplines • Site onde empresas enviam grandes desafios científicos (Química, Ciências Aplicadas e Ciências da Vida) • Algumas empresas participantes: Basf, DuPont, Eli Lilly e Sygenta • Existem desafios com premio de até US$ 1 Milhão • 80 desafios já foram solucionados desde 2001 • Mais de 70,000 pesquisadores em mais de 170 países • Parceria com mais de 50 Universidades do mundo inteiro
  • 58. 1. Formulação do desafio 2. Acesso à informação 3. Submissão e recompensa • Empresas confiáveis • Detalhes restritos • Verificação dos • Posições de PI estabelecidas • Acordos de sigilo/PI solucionadores • A InnoCentive administra a • Anonimato • Salas de projeto seguras apresentação e o pagamento • Informações apropriadas e particulares • Os premiados transferem o • Sigiloso PI. A InnoCentive facilita o processo todo
  • 61. http://www.sociale.com.br/ Sociale é a primeira ferramenta de propaganda colaborativa do mundo. Através dela, empresas de todos os tipos e tamanhos podem solicitar materiais de comunicação como folhetos, outdoors, logomarcas, sites. E o melhor, escolhendo o valor a pagar pela criação.
  • 64. ... poder encontrar e licenciar o conhecimento acumulado em um mercado online de patentes das empresas responsáveis por 40% do investimento de P&D do mundo?
  • 65. http://www.yet2.com/ • Mercado com 8 anos de existência para compra e venda de patentes de empresas • As patentes depositados no site valem mais US$ 10 bilhões • Mais de 90% da Fortune 500 usam ativamente o site • Alguns dos participantes: Bayer, Microsoft, Panasonic, Philips,Rhodia, Samsung, Siemens, Sony • Alguns dos parceiros: DuPont, P&G e Honeywell
  • 68. setor público, política e ... é possível no meio-ambiente.
  • 69. http://www.citix.net Citix é inovação totalmente baseada em conceitos Web 2.0. Um mashup (aplicações web que usam conteúdo de mais de uma fonte para criar um novo serviço completo) entre ferramentas de georeferenciamento e redes sociais, oferecendo arquitetura de participação para a coletividade na geração do conteúdo, na própria execução do projeto e para o ambiente de negócios
  • 70. http://www.oceantomo.com http://www.ssipex.com/ www.chicagocrime.org Adiciona estatísticas sobre crimes em Chicago aos mapas do Google, para criar um novo, e único, serviço público. O processo é colaborativo. O usuário pode especificar o tipo de crime.
  • 71. http://www.scorecard.org/ Site que fornece listas das empresas mais poluidoras, comparação e busca por cidades mais poluídas. Abrange tóxicos, químicos, ar, água, agricultura, dentre outros.
  • 72. http://www.govtrack.us/ Rastreia as discussões, votos e projetos do governo americano. Mantido por uma organização sem laços políticos e coordenados por Joshua Tauberer, um estudante de linguística. Apresenta gráficos, estatísticas e relatórios combinados com mapas.
  • 74. .... um produto sendo constantemente aperfeiçoado pela rede de usuários?
  • 75. http://mindstorms.lego.com/ • Divisão da Lego com sistema robótico e código aberto) • Cem projetistas internos. Trezentos mil colaboradores dispersos.
  • 76. http://www.linux.com/ http://www.apache.org/ • Concorrente do Windows • Servidor Web • 100.000 pessoas colaboraram • 60% do mercado de servidores web
  • 77. • Massive Multiplayer Online Games • Ambientes 3D criados pelos usuários. • Jogos on-line maciçamente multijogador. • Futuro da televisão e do entretenimento
  • 78. http://digg.com/ Site de notícias mantido pelos usuários. Jornalismo Colaborativo. As matérias mais interessantes permanecem na primeira página e ganha “diggs”, que representam o seu ranking no portal.
  • 79. ... ter um super computador em rede mundial, aproveitando a capacidade ociosa de processamento
  • 81.
  • 84. Conceito: Atuar como um roteador de Informações e transações comerciais e institucionais para seus clientes.
  • 85. Redes de Colaboração – Saúde 2.0
  • 86. Redes de Colaboração – Já começam a se multiplicar 1. ANA NursingWorld: 20. Health Informatics Forum: http://www.nursingworld.org http://healthinformaticsforum.ning.com/ 2. NurseLinkUP: http://nurselinkup.com 21. Hospital Impact: http://hospitalimpact.ning.com/ 3. Ozmosis: http://www.ozmosis.com 22. Illness-Disability-Healthcare-Caregiver Ministry 4. Sermo: http://www.sermo.com Network: http://illnessministry.ning.com/ 5. SocialMD: http://www.socialmd.com 23. iMed Exchange: http://imedexchange.ning.com 6. TiroMED: http://www.tiromed.com 24. Assessment for Health Sciences Libraries: 7. Within3: http://www.within3.com/ - http://libassess.ning.com/ 8. Café Chronique: 25. Library 2.0: Medical and Health Science http://cafechronique.ning.com/ Libraries: 9. Chiro Connector: http://library20.ning.com/group/medicalandhealt http://chiroconnector.ning.com/ hsciencelibraries 10. ChiroShare: http://chirostop.ning.com/ 26. Medical Writing: http://medicalwriting.ning.com/ 11. Diabetes TalkFest: 27. Meharry Medical College: Alumni: http://diabetestalkfest.ning.com/ http://meharryalum.ning.com/ 12. Disability Resource Exchange: 28. MLA 09: http://mla09.wetpaint.com/ http://www.disabilityresourceexchange.com/ 29. My Irritable Bowel Syndrome: 13. DoctorsHangout: http://myirritablebowelsyndrome.com/ - http://doctorshangout.ning.com/ 30. NaBloPoMo: Nurses United: 14. Epidermolysis Bullosa Friends: http://nablopomo.ning.com/group/nursesunited http://ebfriends.ning.com/ 31. PlanetCancer: http://myplanetcancer.ning.com/ 15. Fibromyalgia: http://fibromyalgia.ning.com/ 32. Research & Media: 16. Gastric Bypass: http://researchandmedia.ning.com/ http://gastricbypass.ning.com/ 17. Healthcare Marketing: 33. Kosmix RightHealth: http://righthealth.ning.com/ http://healthcaremarketing.ning.com/ 34. Student Dentist: http://studentdentist.ning.com/ 18. Healthcare with a Heart: 35. Tu Diabetes: http://tudiabetes.ning.com/ http://healthcarewithaheart.ning.com/
  • 87. O New York Times descreveu o site como uma espécie de MySpace para os aflitos. Os Selfcare Management - Health 2.0 participantes falam sobre tratamentos, que funciona e o que não funciona, dão nota patientslikeme para os medicamentos e contam o quanto http://www.patientslikeme.com/ eles aliviaram seus sintomas.
  • 88. Health Networks - Médicos Ozmosis - knowledge sharing https://www.ozmosis.com/home
  • 90. Health Networks - Médicos SocialMD http://www.socialmd.com/
  • 91. Health networks - for research BioMedExperts http://www.biomedexperts.com/
  • 92. Health networks - Enfermagem American Nurses Association - Nursing World http://www.nursingworld.org/
  • 93. Health networks - Enfermagem NaBloPoMo - Nurses United http://www.nablopomo.com/
  • 94. Health networks - Estudantes Tiromed http://www.tiromed.com/
  • 95. O que mais temos? Davidrothman.net http://davidrothman.net/2007/05/07/more-social-networks-for-clinicians/
  • 96. Health Care Blogs - Patients Diabetes Mine http://www.diabetesmine.com/
  • 97. Health Care Blogs - Physicians Clinical Cases and Images - Blog http://casesblog.blogspot.com/
  • 98. Health-specific Search Engines • Focus on vetted healthcare content • Try to address the problem of a Google search results of 37,500,000 or more • Have extra tools which add value – Health content – Blogs – News – Drug lookup
  • 103. Participar de uma Rede Organizacional envolve algo mais do que apenas trocar informações a respeito dos trabalhos que um grupo de organizações realiza isoladamente. Estar em rede significa realizar conjuntamente ações concretas que modificam as organizações para melhor e as ajudam a chegar mais rapidamente a seus objetivos. Segundo Bruno Ayres Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 104. Processo e Meta fluxo de comum trabalho Confiança Regras de Benefício Apoio de participação mútuo gestão Recom- pensas Treina- Massa crítica da equipe mento Cultura de compartilhamento Prof. Luis Augusto Lobão Mendes
  • 105.
  • 106. Prof. Luis Augusto Lobão Mendes Fundação Dom Cabral (www.fdc.org.br) lobao@fdc.org.br (31) 3589-7200 OBRIGADO!!!