The Financial Crisis of 2007-08

220 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
220
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
9
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

The Financial Crisis of 2007-08

  1. 1. A CRISE FINANCEIRA DE 2007 Luigi Cenatti Gianni
  2. 2. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  3. 3. A “dot-com bubble” • Especulação e aumento exagerado do valor das ações de empresas de tecnologia • Empresas quebraram ou foram absorvidas por outras • Pânico financeiro Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 • Atentado terrorista
  4. 4. Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  5. 5. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  6. 6. Incentivos ao crédito • Resposta do governo americano: diminuição dos juros e desregulamentação • Sociedade dependente do crédito • Dívida doméstica americana = 100% do PIB Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 A última vez que isso havia ocorrido foi em 1929
  7. 7. Taxas de juros americanos Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  8. 8. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  9. 9. Securitização • Transformação dos riscos de empréstimos em derivativos de crédito • Permitiam que um segundo empréstimo fosse concedido antes que o primeiro tivesse sido pago • Esses títulos eram considerados investimentos seguros, e acabaram criando alta demanda por eles Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  10. 10. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  11. 11. Empréstimos subprime • Mercado Saturado! • Agora pessoas com baixa renda podiam financiar sua casa própria • A securitização permitia a transferência do risco • Demanda por imóveis cresce, empurrando o valor das casas para cima Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  12. 12. Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  13. 13. Derivativos de crédito Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  14. 14. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  15. 15. A crise dos subprime • Demanda por casas diminui • Apesar disso, imóveis novos continuam a ser construídos • Milhares de pessoas não conseguem pagar seus empréstimos e são expulsas de suas casas, que são colocadas à venda pelos bancos Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  16. 16. A crise dos subprime Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 • Ofertas de casas se torna muito maior que a procura, derrubando o preço dos imóveis • Hipotecas tornam-se mais caras que o valor real do imóvel • E derivativos de crédito tornam-se “ativos tóxicos”
  17. 17. Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  18. 18. A crise dos subprime Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 • Bancos descobrem “buracos” gigantes em seus cofres, causados principalmente por essses “ativos tóxicos” • Os bancos não sabem mais quanto dinheiro possuem em caixa, e param de emprestar • “Crise de confiança”!!! • Empresas que dependiam de crédito começam a cortar custos desesperadamente; pessoas são demitidas e o consumo diminui, impactando a produção • RECESSÃO!!!
  19. 19. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  20. 20. Efeitos da crise nos EUA Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 Governo Bush • Fannie Mac e Freddie Mac anunciam que possuem quase US$ 6 trilhões em empréstimos para habitação • Lehman Brothers pede ajuda ao governo e vai à falência • Governo desembolsa US$ 85 bilhões para a seguradora AIG • Renúncia fiscal de US$ 96 bilhões • Quedas nas bolsas mundiais e no preço dos imóveis liquida quase US$ 30 trilhões até o final de 2008
  21. 21. Efeitos da crise nos EUA Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 Governo Obama • Lei de Recuperação e Reinvestimentos Americanos: gastos na ordem de US$ 787 bilhões US$ 288 bilhões em renúncia fiscal US$ 144 bilhões para estados e municípios US$ 111 bilhões para infraestrutura US$ 81 bilhões para segmentos sociais vulneráveis US$ 58 bilhões para saúde US$ 53 bilhões para educação US$ 43 bilhões para energia • Déficit fiscal dos EUA em 2009 = US$ 1.7 trilhões • Protestos contra as medidas Barack Obama, Presidente dos EUA
  22. 22. Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  23. 23. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  24. 24. Efeitos da crise no Brasil • Grandes empresas dependiam de capital externo Projetos de construção, que gerariam empregos e renda, ficam comprometidos • Diminuição das exportações • Bancos nacionais não conseguem mais captar recursos no exterior Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 Empréstimos mais caros e difíceis Desaceleração do PIB causado pela diminuição da produção • Preço do dólar encarece os importados Aumento da inflação e redução do poder de compra
  25. 25. Efeitos da crise no Brasil • Redução do depósito compulsório pelo Banco Central • Linhas especiais de financiamento para impulsionar o mercado interno (setores de construção civil e automotivo, junto com eletrodomésticos da linha branca) Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007
  26. 26. O sucesso do Brasil • Bancos competentes, regulados, com baixa exposição a riscos • Ausência de bolhas de crédito e imobiliária Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 • Juros muito altos, excesso de tributação de operações financeiras e direcionamento artificial do crédito • Mercado interno forte • Maior exportador de alimentos do mundo • Mercado externo diversificado “O país deixou de ser o patinho feio e passou a ser um dos líderes dos emergentes”, Guido Mantega, Ministro da Fazenda
  27. 27. AGENDA • A “dot-com bubble” • Incentivos ao crédito • Securitização ou Mortgage Based Securities • Empréstimos subprime • A crise dos subprimes • Efeitos da crise nos EUA • Efeitos da crise no Brasil • Por que o Brasil sofreu menos com a crise financeira? • Considerações finais
  28. 28. Considerações finais • Durante o “boom” das ações em 1920, diversas pessoas compraram mansões com hipotecas caríssimas • Porém, após a quebra da bolsa em 1929, empresas faliram e o desemprego chegou ao recorde de 25% Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 • Muitas pessoas não conseguiram mais pagar suas hipotecas • E diversos bancos entraram em colapso e foram à falência
  29. 29. Considerações finais Dominique Strauss-Kahn, diretor do Fundo Monetário Internacional • “Mesmo uma economia de livre mercado precisa de regulamentação” Luigi Cenatti Gianni A Crise Financeira de 2007 • “Risco moral” • Quem tomará o papel do consumidor americano? • “Desacelerar, diminuir o capitalismo. Crescer sustentavelmente.”
  30. 30. A CRISE FINANCEIRA DE 2007 lcg@neo.ufsc.br www.neo.ufsc.br

×