SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 13
Baixar para ler offline
V- BEM-AVENTURADOS
                               OS AFLITOS...                        SLIDES
                                                                                  REFERÊNCIA
                                                                                    BÍBLICA
*         BEM-AVENTURADOS OS QUE CHORAM...                                    MATEUS V: 5,6 a 10
*         BEM-AVENTURADOS VÓS, OS POBRES...                                   LUCAS VI: 20 e 21
*         AI DE VÓS RICOS...                                                  LUCAS VI: 24 e 25
**        JUSTIÇA DAS AFLIÇÕES                                        1
**        CAUSAS ATUAIS DAS AFLIÇÕES                                2, 3, 4
**        CAUSAS ANTERIORES DAS AFLIÇÕES                             5, 6
**        ESQUECIMENTO DO PASSADO                                     7
**        MOTIVOS DE RESIGNAÇÃO                                       8
**        O SUICÍDIO E A LOUCURA                                      9        OBJETO:
***       BEM E MAL SOFRER / O MAL E O REMÉDIO/A FELICIDADE NÃO É              AS CAUSAS DO
***       DESTE MUNDO/PERDA DE PESSOAS AMADAS/ SE FOSSE UM HO-        10       SOFRIMENTO
***       MEM DE BEM/ OS TORMENTOS VOLUNTÁRIOS/ A DESGRAÇA                         E SUAS
***       REAL/ A MELANCOLIA/ PROVAS VOLUNTÁRIAS/ DEVERSE-Á         11, 12    RELAÇÕES COM
***       PÔR TÊRMO ÀS PROVAS DO PRÓXIMO? PERGUNTAS À S. LUIZ                    A JUSTIÇA
                                                                                  DIVINA...
      *   MÁXIMAS               ** COMENTÁRIOS DE KARDEC        *** INSTRUÇÕES DOS ESPÍRITOS
POR QUE SE SOFRE?                                 1


       DEUS                                 JUSTA HÁ DE SER
     É JUSTO                                  ESTA CAUSA


                         CAUSA

OS ENSINOS DE JESUS                      A CAUSA É REVELADA
 POEM OS HOMENS
                                          COMPLETAMENTE
    NA DIREÇÃO
    DESTA CAUSA                           PELO ESPIRITISMO


“(...) JULGANDO-OS SUFICIENTEMENTE MADUROS PARA COMPREENDÊ-LA,
(DEUS) LHES REVELA COMPLETAMENTE A ALUDIDA CAUSA, POR MEIO DO
                       ESPIRITISMO. (...) ” AK - § 3
CAUSAS                                    2

                       DAS AFLIÇÕES


              CAUSAS                             CAUSAS
              ATUAIS                           ANTERIORES


            EVITÁVEIS                          INEVITÁVEIS




“(...) UMAS TEM SUA CAUSA NA VIDA PRESENTE; OUTRAS, FORA DESTA VIDA” (...)
                                   AK-§ 4
EXEMPLOS DE CAUSAS ATUAIS                                3
                  (AFLIÇÕES EVITÁVEIS)
                            AMBIÇÃO
                            ORGULHO
                         IMPREVIDÊNCIA
                         FALTA DE ORDEM
                       DESEJOS SEM LIMITES
                      MAU COMPORTAMENTO
                     FALTA DE PERSEVERANÇA
              UNIÕES SEM PARTICIPAÇÃO DO CORAÇÃO
          MÁS TENDÊNCIAS NÃO COMBATIDAS NA INFÂNCIA
        DISPUTAS FUNESTAS POR EXCESSO DE SUSCETIBILIDADE
      DOENÇAS E ALEIJÕES POR EXCESSOS DE INTEMPERANÇA
CORAÇÃO FERIDO - CAUSAS: - O QUE FIZEMOS - O QUE DEIXAMOS DE FAZER
  “(...) O HOMEM AS EVITARÁ QUANDO TRABALHAR POR SE MELHORAR
     MORALMENTE, TANTO QUANTO INTELECTUALMENTE .” AK - § 4
EXEMPLOS DE CAUSAS ANTERIORES                                4
                (AFLIÇÕES INEVITÁVEIS)
MODO: GOLPES POR FATALIDADE
CAUSAS: O MAL QUE FIZEMOS NOUTRA VIDA (NA MAIORIA DAS VEZES)
                    PERDA DE ENTES QUERIDOS
                  PERDA DO ARRIMO DE FAMÍLIA
                 ACIDENTES FORA DA PREVIDÊNCIA
                      REVEZES DA FORTUNA
                       FLAGELOS NATURAIS
                     DOENÇAS DE NASCENÇA
                         DEFORMIDADES
                             IDIOTIA
                          IMBECILIDADE
     FOI ORGULHOSO: PODE NASCER EM CONDIÇÃO HUMILHAMTE
         FOI MAU FILHO: PODERÁ SOFRER COM SEUS FILHOS
  EMPREGOU MAL A FORTUNA: PODE VER-SE PRIVADO DO NECESSÁRIO
“(...) AQUELE QUE SE ENCONTRA EM SOFRIMENTO PODE SEMPRE DIZER:
            “PERDOA-ME SENHOR, PORQUE PEQUEI” . AK - § 6
5
                         PUNIÇÃO
                              FALTAS?

                            AFLIÇÕES!
                   SIGNIFICADO DAS AFLIÇÕES
              -MEIO DE PROGRESSO
              -ADVERTÊNCIA DE QUE SE PROCEDEU MAL
              -DÁ EXPERIÊNCIA
              -FAZ SENTIR A DIFERENÇA ENTRE O BEM E O MAL
              -FAZ VER A NECESSIDADE DE SE MELHORAR
              -SÃO BENÇÃOS DE DEUS!

            OBS: NEM TODA AFLIÇÃO DECORRE DE UMA FALTA.
            PODE SER UMA PROVA BUSCADA POR UM ESPÍRITO.
                   EX: O CEGO DE NASCENÇA (JOÃO IX)
   “ ... DEUS, PORÉM, QUER QUE TODAS AS SUAS CRIATURAS PROGRIDAM E,
PORTANTO, NÃO DEIXA IMPUNE QUALQUER DESVIO DO CAMINHO RETO (...)” - § 6
6
                  ARREPENDIMENTO
                    OU REVOLTA
       O ARREPENDIDO                       O REVOLTADO
        ACEITA AS PROVAS                  NÃO ACEITA AS PROVAS
     PODE ESCOLHER AS PROVAS                AS TRIBULAÇÕES
       QUER REPARAR O MAL                  LHES SÃO IMPOSTAS
       SEUS SOFRIMENTOS:                  SEUS SOFRIMENTOS:
   SÃO EXPIAÇÕES DO PASSADO E          SÃO EXPIAÇÕES DO PASSADO
     PROVAS PARA O FUTURO                    QUE RESULTAM
                                       NUMA REVOLTA CONTRA DEUS
           RESULTADO:                        RESULTADO:
    AS PROVAS DA VIDA O FAZEM        TEM QUE RECOMEÇAR AS PROVAS
           PROGREDIR


“(...) PODE-SE, AO CONTRÁRIO, CONSIDERAR COMO EXPIAÇÃO, AS AFLIÇÕES QUE
PROVOCAM QUEIXAS E IMPELEM O HOMEM À REVOLTA CONTRA DEUS .” AK - § 9
O ESQUECIMENTO DO PASSADO                                   7



         NÃO SE FAZ:                               SE FAZ:


 COMO RECORDAÇÃO                       COMO VOZ DA CONSCIÊNCIA
 -PODERIA NOS HUMILHAR                               OU
 -EXALTAR NOSSO ORGULHO                    -COMO BOAS TENDÊNCIAS
 -ENTRAVAR NOSSO LIVRE ARBÍTRIO                      OU
 -PERTURBAR AS RELAÇÕES SOCIAIS             -COMO MÁS TENDÊNCIAS

                 AS LEMBRANÇAS DO PASSADO RETORNAM:
                   COMPLETAMENTE...............NA MORTE
                     PARCIALMENTE.................NO SONO


“(...)HAVENDO DEUS ENTENDIDO DE LANÇAR UM VÉU SOBRE O PASSADO, É QUE
                    HÁ NISSO VANTAGEM (...) .” AK - § 11
MOTIVOS DE                                  8

                      RESIGNAÇÃO
    DÍVIDAS COM ACEITAÇÃO                 DÍVIDAS SEM
            DA DOR                     ACEITAÇÃO DA DOR




           DÍVIDAS
          REDUZIDAS                      DÍVIDAS
   (AFLITOS CONSOLADOS)
                                       AUMENTADAS

                                         (PERDEDORES)



“ ...SE ACUSARMOS DEUS DE SER INJUSTO, NOVA DÍVIDA CONTRAÍMOS, QUE NOS
 FAZ PERDER O FRUTO QUE DEVÍAMOS COLHER DO SOFRIMENTO” (...) AK- § 12
O SUICÍDIO                                   9

                   E A LOUCURA
         A FÉ NA                         A DÚVIDA NA
       VIDA FUTURA                       VIDA FUTURA


       REFORÇO :                            BASE :
  O TESTEMUNHO DOS                         A OPINIÃO
ESPÍRITOS DOS SUICIDAS                    DE HOMENS



  CORAGEM MORAL                      COVARDIA MORAL
“(...)NADA ESPERANDO, ACHA MUITO NATURAL, MUITO LÓGICO MESMO,
        ABREVIAR PELO SUICÍDIO AS SUAS MISÉRIAS.” (...) AK-§ 15
NAS PERDAS DE PESSOAS AMADAS...                                   10




                       CONSIDERAR:


             -AS RAZÕES DIVINAS
             -OS INTERESSES ESPIRITUAIS
             -AS ESPERANÇAS DA VIDA FUTURA
             -A PRESENÇA ESPIRITUAL
             -A OBEDIÊNCIA A DEUS

                           SANSON


 “ ... NADA SE FAZ SEM UM FIM INTELIGENTE, E SEJA O QUE FOR QUE
         ACONTECER, TUDO TEM SUA RAZÃO DE SER. ” (...) - § 21
É PERMITIDO VOLUNTARIAMENTE      11
 ABRANDAR OU AGRAVAR AS PRÓPRIAS PROVAS?

        ABRANDAR                               AGRAVAR
             SIM                                   SIM
                                     SE OBJETIVA O BEM DO PRÓXIMO
        EXEMPLO:                  EXEMPLOS: -PASSAR FRIO E FOME PARA
 O DOENTE BUSCAR O MÉDICO         AGASALHAR E ALIMENTAR OS OUTROS
                                    -FUSTIGAR O PRÓPRIO ORGULHO
             NÃO                                   NÃO
                                       SE OBJETIVA O BEM PRÓPRIO
         EXEMPLO:                         (EGOISMO/FANATISMO)
   VIVER NO INSULAMENTO              EXEMPLOS: AUTOFLAGELAÇÕES E
                                           PRIVAÇÕES INÚTEIS


“(...) MORTIFICAI O VOSSO ESPÍRITO E NÃO A VOSSA CARNE; FUSTIGAI O VOSSO
        ORGULHO, RECEBEI SEM MURMURAR AS HUMILHAÇÕES ” (...) - § 26
DEVER-SE-Á POR TERMO                                12
              ÀS PROVAS DO PRÓXIMO?
                  NOSSO ESTADO ÍNTIMO
       RELATIVAMENTE AOS SOFRIMENTOS DO PRÓXIMO:

      NÃO DEVE SER                            DEVE SER
                                          -COMO VOU AJUDÁ-LO?
    -TORNAR AS PROVAS MAIS        - QUE MEIOS POSSUO PARA FAZER CESSAR
  PROVEITOSAS, AGRAVANDO-AS                 ESTE SOFRIMENTO?

 -ACUSAR: -É A JUSTIÇA DE DEUS!    - NÃO SERÁ PARA MIM UMA PROVA OU
   QUE ELA SIGA O SEU CURSO!            EXPIAÇÃO, CORTAR O MAL?

                           BERNARDINO
  “(...) TODOS ESTAIS NA TERRA PARA EXPIAR; SEM EXCEÇÃO, DEVEIS FAZER
TODOS OS ESFORÇOS PARA ALIVIAR A EXPIAÇÃO DE VOSSOS IRMÃOS, SEGUNDO A
                     LEI DE AMOR E CARIDADE ” (...) - § 27

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitosCap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitosEduardo Ottonelli Pithan
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoDivulgador do Espiritismo
 
Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Clair Bianchini
 
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VIIBem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VIINatyMadeira
 
Ajuda te que o céu te ajudará
Ajuda te que o céu te ajudaráAjuda te que o céu te ajudará
Ajuda te que o céu te ajudaráLisete B.
 
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)Jorge Luiz dos Santos
 
Os tormentos voluntários
Os tormentos voluntáriosOs tormentos voluntários
Os tormentos voluntáriosbalsense
 
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuProgressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuEduardo Ottonelli Pithan
 
Da Lei de Liberdade
Da Lei de LiberdadeDa Lei de Liberdade
Da Lei de Liberdadehome
 

Mais procurados (20)

O cristo consolador
O cristo consoladorO cristo consolador
O cristo consolador
 
Objetivo da encarnação
Objetivo da encarnaçãoObjetivo da encarnação
Objetivo da encarnação
 
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitosCap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
Cap 5 do Evangelho Segundo o Espiritismo, bem aventurados os aflitos aflitos
 
Palestra Espírita - A paciência
Palestra Espírita - A paciênciaPalestra Espírita - A paciência
Palestra Espírita - A paciência
 
Motivos de Resignação
Motivos de ResignaçãoMotivos de Resignação
Motivos de Resignação
 
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educaçãoPalestra Espírita - O espiritismo como educação
Palestra Espírita - O espiritismo como educação
 
Livre arbítrio na ótica espírita
Livre arbítrio na ótica espíritaLivre arbítrio na ótica espírita
Livre arbítrio na ótica espírita
 
Os sofrimentos voluntarios
Os sofrimentos voluntariosOs sofrimentos voluntarios
Os sofrimentos voluntarios
 
Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos Bem-aventurados os aflitos
Bem-aventurados os aflitos
 
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VIIBem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
Bem aventurados os pobres de espirito - Cap VII
 
Causas das aflições
Causas das afliçõesCausas das aflições
Causas das aflições
 
Palestra Espírita - Suicidio e loucura
Palestra Espírita - Suicidio e loucuraPalestra Espírita - Suicidio e loucura
Palestra Espírita - Suicidio e loucura
 
Duelo
DueloDuelo
Duelo
 
Ajuda te que o céu te ajudará
Ajuda te que o céu te ajudaráAjuda te que o céu te ajudará
Ajuda te que o céu te ajudará
 
Bem aventurados os mansos e pacíficos
Bem aventurados os mansos e pacíficosBem aventurados os mansos e pacíficos
Bem aventurados os mansos e pacíficos
 
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
DOLOROSO REMÉDIO (O MAL E O REMÉDIO)
 
Caridade na ótica espirita
Caridade na ótica espiritaCaridade na ótica espirita
Caridade na ótica espirita
 
Os tormentos voluntários
Os tormentos voluntáriosOs tormentos voluntários
Os tormentos voluntários
 
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meuProgressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
Progressão dos Mundos e dos Espíritos: Há muitas moradas na casa de meu
 
Da Lei de Liberdade
Da Lei de LiberdadeDa Lei de Liberdade
Da Lei de Liberdade
 

Semelhante a Causas das aflições

Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...
Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...
Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...Marcelo Bomfim de Aguiar
 
No mundo tereis aflição
No mundo tereis afliçãoNo mundo tereis aflição
No mundo tereis afliçãoGraça Maciel
 
Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...
Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...
Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...Marcelo Bomfim de Aguiar
 
Sermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdfSermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdfM.R.L
 
Evangelho secap14
Evangelho secap14Evangelho secap14
Evangelho secap14consinha
 
Nao Julgues Compreenda
Nao Julgues CompreendaNao Julgues Compreenda
Nao Julgues CompreendaGraça Maciel
 
É Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаем
É Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаемÉ Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаем
É Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаемMarcelo Eugenio Bomfim de Aguiar
 
STNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do PecadoSTNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do PecadoMilton JB Sobreiro
 
STNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do PecadoSTNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do PecadoSTNB
 
Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...
Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...
Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...Claudio Macedo
 
Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5
Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5
Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5Patricia Farias
 
Obsessao _Divida agravada
Obsessao _Divida agravada Obsessao _Divida agravada
Obsessao _Divida agravada Claudio Macedo
 
Evangeliza - Desgraça Real
Evangeliza - Desgraça RealEvangeliza - Desgraça Real
Evangeliza - Desgraça RealAntonino Silva
 
Diante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leve
Diante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leveDiante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leve
Diante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leveARMAZÉM DE ARTES TANIA PAUPITZ
 
Fixação mental slide1
Fixação mental  slide1Fixação mental  slide1
Fixação mental slide1bonattinho
 
Mistérios ocultos aos sábios e prudentes
Mistérios ocultos aos sábios e prudentesMistérios ocultos aos sábios e prudentes
Mistérios ocultos aos sábios e prudentesFatoze
 

Semelhante a Causas das aflições (20)

Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...
Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...
Parecenças físicas e morais. Todo aquele que se eleva será rebaixado. / Physi...
 
No mundo tereis aflição
No mundo tereis afliçãoNo mundo tereis aflição
No mundo tereis aflição
 
Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...
Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...
Bem aventurados os pobres de espírito / Blessed are the poor in spirit / Блаж...
 
Sermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdfSermão do Monte.pdf
Sermão do Monte.pdf
 
Evangelho secap14
Evangelho secap14Evangelho secap14
Evangelho secap14
 
Nao Julgues Compreenda
Nao Julgues CompreendaNao Julgues Compreenda
Nao Julgues Compreenda
 
É Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаем
É Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаемÉ Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаем
É Dando que se recebe / It is giving that we receive / Это дает, что мы получаем
 
STNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do PecadoSTNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB-TS2-M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
 
STNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do PecadoSTNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
STNB - TS2 - M1 - O Que Cremos Acerca do Pecado
 
Agrade+çamos sempre... 12
Agrade+çamos sempre...                    12Agrade+çamos sempre...                    12
Agrade+çamos sempre... 12
 
Agrade+çamos sempre... 12
Agrade+çamos sempre...                    12Agrade+çamos sempre...                    12
Agrade+çamos sempre... 12
 
Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...
Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...
Amai os Vossos Inimigos - ESE Cap. XII - CEPB_CEJB_CEFA-SEJA.CEHC_06-05-23. p...
 
Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5
Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5
Livro dos Espiritos 549 e ESE cap 5
 
Obsessao _Divida agravada
Obsessao _Divida agravada Obsessao _Divida agravada
Obsessao _Divida agravada
 
Evangeliza - Desgraça Real
Evangeliza - Desgraça RealEvangeliza - Desgraça Real
Evangeliza - Desgraça Real
 
Diante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leve
Diante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leveDiante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leve
Diante das Aflições todo fardo com Jesus fica mais leve
 
Bem aventurados os mansos
Bem aventurados os mansosBem aventurados os mansos
Bem aventurados os mansos
 
Fixação mental slide1
Fixação mental  slide1Fixação mental  slide1
Fixação mental slide1
 
Onde mora o inimigo?
Onde mora o inimigo?Onde mora o inimigo?
Onde mora o inimigo?
 
Mistérios ocultos aos sábios e prudentes
Mistérios ocultos aos sábios e prudentesMistérios ocultos aos sábios e prudentes
Mistérios ocultos aos sábios e prudentes
 

Mais de Luciane Belchior (20)

OS TRABALHADORES DA ULTIMA HORA 1.ppsx
OS TRABALHADORES DA ULTIMA HORA 1.ppsxOS TRABALHADORES DA ULTIMA HORA 1.ppsx
OS TRABALHADORES DA ULTIMA HORA 1.ppsx
 
A gratidão ensinada por Jesus!
A gratidão ensinada por Jesus!A gratidão ensinada por Jesus!
A gratidão ensinada por Jesus!
 
A parabola dos dois alicerces
A parabola dos dois alicercesA parabola dos dois alicerces
A parabola dos dois alicerces
 
Meu papel no mundo
Meu papel no mundoMeu papel no mundo
Meu papel no mundo
 
Espiritismo e pandemia
Espiritismo e pandemiaEspiritismo e pandemia
Espiritismo e pandemia
 
Desequilibrios Reais
Desequilibrios ReaisDesequilibrios Reais
Desequilibrios Reais
 
Falsos profetas
Falsos profetasFalsos profetas
Falsos profetas
 
Coragem da fé
Coragem da féCoragem da fé
Coragem da fé
 
Como os espíritos influenciam nossas vidas
Como os espíritos influenciam nossas vidasComo os espíritos influenciam nossas vidas
Como os espíritos influenciam nossas vidas
 
Sacrifícios do amor
Sacrifícios do amorSacrifícios do amor
Sacrifícios do amor
 
Os laços de família são fortalecidos pela reencarnação
Os laços de família são fortalecidos pela reencarnaçãoOs laços de família são fortalecidos pela reencarnação
Os laços de família são fortalecidos pela reencarnação
 
Auta de souza
Auta de souzaAuta de souza
Auta de souza
 
O poder da língua
O poder da línguaO poder da língua
O poder da língua
 
Para refletir
Para refletirPara refletir
Para refletir
 
Mensagem para refletir
Mensagem para refletirMensagem para refletir
Mensagem para refletir
 
Mudar
MudarMudar
Mudar
 
Chico xavier
Chico xavierChico xavier
Chico xavier
 
Chico xavier e emmanuel
Chico xavier e emmanuelChico xavier e emmanuel
Chico xavier e emmanuel
 
Alqueire
AlqueireAlqueire
Alqueire
 
Penas e gozos futuros
Penas e gozos futurosPenas e gozos futuros
Penas e gozos futuros
 

Causas das aflições

  • 1. V- BEM-AVENTURADOS OS AFLITOS... SLIDES REFERÊNCIA BÍBLICA * BEM-AVENTURADOS OS QUE CHORAM... MATEUS V: 5,6 a 10 * BEM-AVENTURADOS VÓS, OS POBRES... LUCAS VI: 20 e 21 * AI DE VÓS RICOS... LUCAS VI: 24 e 25 ** JUSTIÇA DAS AFLIÇÕES 1 ** CAUSAS ATUAIS DAS AFLIÇÕES 2, 3, 4 ** CAUSAS ANTERIORES DAS AFLIÇÕES 5, 6 ** ESQUECIMENTO DO PASSADO 7 ** MOTIVOS DE RESIGNAÇÃO 8 ** O SUICÍDIO E A LOUCURA 9 OBJETO: *** BEM E MAL SOFRER / O MAL E O REMÉDIO/A FELICIDADE NÃO É AS CAUSAS DO *** DESTE MUNDO/PERDA DE PESSOAS AMADAS/ SE FOSSE UM HO- 10 SOFRIMENTO *** MEM DE BEM/ OS TORMENTOS VOLUNTÁRIOS/ A DESGRAÇA E SUAS *** REAL/ A MELANCOLIA/ PROVAS VOLUNTÁRIAS/ DEVERSE-Á 11, 12 RELAÇÕES COM *** PÔR TÊRMO ÀS PROVAS DO PRÓXIMO? PERGUNTAS À S. LUIZ A JUSTIÇA DIVINA... * MÁXIMAS ** COMENTÁRIOS DE KARDEC *** INSTRUÇÕES DOS ESPÍRITOS
  • 2. POR QUE SE SOFRE? 1 DEUS JUSTA HÁ DE SER É JUSTO ESTA CAUSA CAUSA OS ENSINOS DE JESUS A CAUSA É REVELADA POEM OS HOMENS COMPLETAMENTE NA DIREÇÃO DESTA CAUSA PELO ESPIRITISMO “(...) JULGANDO-OS SUFICIENTEMENTE MADUROS PARA COMPREENDÊ-LA, (DEUS) LHES REVELA COMPLETAMENTE A ALUDIDA CAUSA, POR MEIO DO ESPIRITISMO. (...) ” AK - § 3
  • 3. CAUSAS 2 DAS AFLIÇÕES CAUSAS CAUSAS ATUAIS ANTERIORES EVITÁVEIS INEVITÁVEIS “(...) UMAS TEM SUA CAUSA NA VIDA PRESENTE; OUTRAS, FORA DESTA VIDA” (...) AK-§ 4
  • 4. EXEMPLOS DE CAUSAS ATUAIS 3 (AFLIÇÕES EVITÁVEIS) AMBIÇÃO ORGULHO IMPREVIDÊNCIA FALTA DE ORDEM DESEJOS SEM LIMITES MAU COMPORTAMENTO FALTA DE PERSEVERANÇA UNIÕES SEM PARTICIPAÇÃO DO CORAÇÃO MÁS TENDÊNCIAS NÃO COMBATIDAS NA INFÂNCIA DISPUTAS FUNESTAS POR EXCESSO DE SUSCETIBILIDADE DOENÇAS E ALEIJÕES POR EXCESSOS DE INTEMPERANÇA CORAÇÃO FERIDO - CAUSAS: - O QUE FIZEMOS - O QUE DEIXAMOS DE FAZER “(...) O HOMEM AS EVITARÁ QUANDO TRABALHAR POR SE MELHORAR MORALMENTE, TANTO QUANTO INTELECTUALMENTE .” AK - § 4
  • 5. EXEMPLOS DE CAUSAS ANTERIORES 4 (AFLIÇÕES INEVITÁVEIS) MODO: GOLPES POR FATALIDADE CAUSAS: O MAL QUE FIZEMOS NOUTRA VIDA (NA MAIORIA DAS VEZES) PERDA DE ENTES QUERIDOS PERDA DO ARRIMO DE FAMÍLIA ACIDENTES FORA DA PREVIDÊNCIA REVEZES DA FORTUNA FLAGELOS NATURAIS DOENÇAS DE NASCENÇA DEFORMIDADES IDIOTIA IMBECILIDADE FOI ORGULHOSO: PODE NASCER EM CONDIÇÃO HUMILHAMTE FOI MAU FILHO: PODERÁ SOFRER COM SEUS FILHOS EMPREGOU MAL A FORTUNA: PODE VER-SE PRIVADO DO NECESSÁRIO “(...) AQUELE QUE SE ENCONTRA EM SOFRIMENTO PODE SEMPRE DIZER: “PERDOA-ME SENHOR, PORQUE PEQUEI” . AK - § 6
  • 6. 5 PUNIÇÃO FALTAS? AFLIÇÕES! SIGNIFICADO DAS AFLIÇÕES -MEIO DE PROGRESSO -ADVERTÊNCIA DE QUE SE PROCEDEU MAL -DÁ EXPERIÊNCIA -FAZ SENTIR A DIFERENÇA ENTRE O BEM E O MAL -FAZ VER A NECESSIDADE DE SE MELHORAR -SÃO BENÇÃOS DE DEUS! OBS: NEM TODA AFLIÇÃO DECORRE DE UMA FALTA. PODE SER UMA PROVA BUSCADA POR UM ESPÍRITO. EX: O CEGO DE NASCENÇA (JOÃO IX) “ ... DEUS, PORÉM, QUER QUE TODAS AS SUAS CRIATURAS PROGRIDAM E, PORTANTO, NÃO DEIXA IMPUNE QUALQUER DESVIO DO CAMINHO RETO (...)” - § 6
  • 7. 6 ARREPENDIMENTO OU REVOLTA O ARREPENDIDO O REVOLTADO ACEITA AS PROVAS NÃO ACEITA AS PROVAS PODE ESCOLHER AS PROVAS AS TRIBULAÇÕES QUER REPARAR O MAL LHES SÃO IMPOSTAS SEUS SOFRIMENTOS: SEUS SOFRIMENTOS: SÃO EXPIAÇÕES DO PASSADO E SÃO EXPIAÇÕES DO PASSADO PROVAS PARA O FUTURO QUE RESULTAM NUMA REVOLTA CONTRA DEUS RESULTADO: RESULTADO: AS PROVAS DA VIDA O FAZEM TEM QUE RECOMEÇAR AS PROVAS PROGREDIR “(...) PODE-SE, AO CONTRÁRIO, CONSIDERAR COMO EXPIAÇÃO, AS AFLIÇÕES QUE PROVOCAM QUEIXAS E IMPELEM O HOMEM À REVOLTA CONTRA DEUS .” AK - § 9
  • 8. O ESQUECIMENTO DO PASSADO 7 NÃO SE FAZ: SE FAZ: COMO RECORDAÇÃO COMO VOZ DA CONSCIÊNCIA -PODERIA NOS HUMILHAR OU -EXALTAR NOSSO ORGULHO -COMO BOAS TENDÊNCIAS -ENTRAVAR NOSSO LIVRE ARBÍTRIO OU -PERTURBAR AS RELAÇÕES SOCIAIS -COMO MÁS TENDÊNCIAS AS LEMBRANÇAS DO PASSADO RETORNAM: COMPLETAMENTE...............NA MORTE PARCIALMENTE.................NO SONO “(...)HAVENDO DEUS ENTENDIDO DE LANÇAR UM VÉU SOBRE O PASSADO, É QUE HÁ NISSO VANTAGEM (...) .” AK - § 11
  • 9. MOTIVOS DE 8 RESIGNAÇÃO DÍVIDAS COM ACEITAÇÃO DÍVIDAS SEM DA DOR ACEITAÇÃO DA DOR DÍVIDAS REDUZIDAS DÍVIDAS (AFLITOS CONSOLADOS) AUMENTADAS (PERDEDORES) “ ...SE ACUSARMOS DEUS DE SER INJUSTO, NOVA DÍVIDA CONTRAÍMOS, QUE NOS FAZ PERDER O FRUTO QUE DEVÍAMOS COLHER DO SOFRIMENTO” (...) AK- § 12
  • 10. O SUICÍDIO 9 E A LOUCURA A FÉ NA A DÚVIDA NA VIDA FUTURA VIDA FUTURA REFORÇO : BASE : O TESTEMUNHO DOS A OPINIÃO ESPÍRITOS DOS SUICIDAS DE HOMENS CORAGEM MORAL COVARDIA MORAL “(...)NADA ESPERANDO, ACHA MUITO NATURAL, MUITO LÓGICO MESMO, ABREVIAR PELO SUICÍDIO AS SUAS MISÉRIAS.” (...) AK-§ 15
  • 11. NAS PERDAS DE PESSOAS AMADAS... 10 CONSIDERAR: -AS RAZÕES DIVINAS -OS INTERESSES ESPIRITUAIS -AS ESPERANÇAS DA VIDA FUTURA -A PRESENÇA ESPIRITUAL -A OBEDIÊNCIA A DEUS SANSON “ ... NADA SE FAZ SEM UM FIM INTELIGENTE, E SEJA O QUE FOR QUE ACONTECER, TUDO TEM SUA RAZÃO DE SER. ” (...) - § 21
  • 12. É PERMITIDO VOLUNTARIAMENTE 11 ABRANDAR OU AGRAVAR AS PRÓPRIAS PROVAS? ABRANDAR AGRAVAR SIM SIM SE OBJETIVA O BEM DO PRÓXIMO EXEMPLO: EXEMPLOS: -PASSAR FRIO E FOME PARA O DOENTE BUSCAR O MÉDICO AGASALHAR E ALIMENTAR OS OUTROS -FUSTIGAR O PRÓPRIO ORGULHO NÃO NÃO SE OBJETIVA O BEM PRÓPRIO EXEMPLO: (EGOISMO/FANATISMO) VIVER NO INSULAMENTO EXEMPLOS: AUTOFLAGELAÇÕES E PRIVAÇÕES INÚTEIS “(...) MORTIFICAI O VOSSO ESPÍRITO E NÃO A VOSSA CARNE; FUSTIGAI O VOSSO ORGULHO, RECEBEI SEM MURMURAR AS HUMILHAÇÕES ” (...) - § 26
  • 13. DEVER-SE-Á POR TERMO 12 ÀS PROVAS DO PRÓXIMO? NOSSO ESTADO ÍNTIMO RELATIVAMENTE AOS SOFRIMENTOS DO PRÓXIMO: NÃO DEVE SER DEVE SER -COMO VOU AJUDÁ-LO? -TORNAR AS PROVAS MAIS - QUE MEIOS POSSUO PARA FAZER CESSAR PROVEITOSAS, AGRAVANDO-AS ESTE SOFRIMENTO? -ACUSAR: -É A JUSTIÇA DE DEUS! - NÃO SERÁ PARA MIM UMA PROVA OU QUE ELA SIGA O SEU CURSO! EXPIAÇÃO, CORTAR O MAL? BERNARDINO “(...) TODOS ESTAIS NA TERRA PARA EXPIAR; SEM EXCEÇÃO, DEVEIS FAZER TODOS OS ESFORÇOS PARA ALIVIAR A EXPIAÇÃO DE VOSSOS IRMÃOS, SEGUNDO A LEI DE AMOR E CARIDADE ” (...) - § 27