Determinação de ácido fólico em comprimidos comerciais

1.528 visualizações

Publicada em

Publicada em: Saúde e medicina
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
1.528
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
13
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Determinação de ácido fólico em comprimidos comerciais

  1. 1. Determinação de ácido fólico em comprimidos comerciais (Determination of folic acid tablets in trade)Naser, S.1; Santos, M. O.N.’,Rosa, S. P.’; Santiago, C. A.’; Ribeiro, R. L. V.2.1- Acadêmicos da Faculdade de Farmácia do Planalto Central;2- Professor Tutor da Faculdade de Farmácia do Planalto Central RESUMO – O Ácido Fólico, o qual desempenha um papel chave no metabolismo nos grupos de um carbono, é essencial para a biossíntese de vários compostos. A deficiência do ácido fólico é provavelmente a deficiência vitamínica pode ocasionar defeitos na formação do tubo neural e anemia megaloblástica. O presente trabalho objetivou a análise de comprimidos e formulações contendo ácido fólico, uma vez que a determinação do princípio ativo é de extrema importância para assegurar a qualidade do medicamento e a eficácia do tratamento. Amostras de ácido fólico foram adquiridas em drogarias e farmácia de manipulação e analisadas por Espectrofotometria UV-VIS. Os resultados demonstraram que as concentrações do princípio ativo estão nos níveis informados pelos fabricantes. PALAVRAS-CHAVE – ácido fólico, princípio ativo, controle de qualidade. SUMMARY – The Acid Folio , that performance um paper key at the anabolism at the bands by one carbon , is basic for the biossíntese as of several compounds. The dearth from the acid folio is probably the dearth vitamínica can bring about defects at the formation from the conduit neural AND anaemia megaloblástica. The boon I work objetivou the analysis as of pills AND formulations containing acid folio , since the assignation from scratch ativo is as of extreme amount of money about to to secure peace air quality medically AND the efficacy from the handling. Samples as of acid folio have been acquired well into you would drug AND drug store as of handling AND evaluated By Espectrofotometria UV VIS. The results they demonstrated as the concentrations from scratch ativo they are at the classes aware by the fabricators. KEYWORDS – acid folio , base ativo , quality control
  2. 2. INTRODUÇÃO A deficiência de ácido fólico (figura 1) é uma das deficiências vitamínicas maiscomuns e sua carência no organismo humano pode produzir graves problemas de saúde,destacando-se defeitos na formação do tubo neural e anemia megaloblástica (BAYNES &DOMINICZAK, 2000). As causas de deficiência do ácido fólico podem incluir: ingestão inadequada,absorção insuficiente, metabolismo deficitário e demanda aumentada. A gestação e a lactaçãoincluem-se, ainda, como causa de deficiência aumentada. A necessidade de ácido fólico peloorganismo aumenta devido ao aumento do volume sanguíneo e do número de células, demodo que, no terceiro trimestre da gestação as exigências de ácido fólico dobram (BAYNES& DOMINICZAK, 2000). No sentido de reduzir sua carência, o ácido fólico vem sendo adicionado emalimentos consumidos em grande escala pela população, compensando sua necessidadeatravés de uma dieta alimentar (AGUIAR et al, 2003). Outra forma de suprir a necessidade deácido fólico é a sua prescrição médica, sendo encontrado facilmente, em drograrias,comprimidos contendo ácido fólico como princípio ativo. O O HN C COOHFigura 1 – Estrutura N O N C química do ácido N H OH fólico. H2N N N Neste trabalho foram analisados comprimidos de ácido fólico de forma a avaliar a qualidade dos mesmos em termos do teor do princípio ativo na formulação. DESENVOLVIMENTO Amostras de comprimidos comerciais de ácido fólico de 5 mg/comprimido foramadquiridas em drogarias (três amostras de três laboratórios farmacêuticos diferentes) e emuma farmácia de manipulação (uma amostra). O padrão analítico foi adquirido junto à DEGImportação de Produtos Químicos Ltda, de pureza 97,8% (m/m).
  3. 3. As amostras foram tratadas dissolvendo 1 comprimido em 25 mL de NaOH 0,5 mol/L, filtrando em seguida diretamente para um balão volumétrico de 100 mL. O volume foicompletado com água destilada. Para a construção da curva analítica por adição padrão, dissolveu-se 25 mg do ácidofólico (padrão analítico) em 25 mL de NaOH 0,5 mol/L, filtrando em seguida diretamentepara um balão volumétrico de 100 mL, completando o volume com água destilada. Destasolução padrão foram pipetados, para tubos de ensaio diferentes, 1 mL, 2 mL e 3 mL,adicionando, em cada tubo, 5 mL da amostra. A leitura das amostras foi realizada no Espectrofotômetro UV-VIS marcaSpectrumlab, modelo 22PC, com comprimento de onda em 362 nm. RESULTADOS Os resultados das leituras das amostras no Espectrofotômetro, para construção dascurvas analíticas, foram colocados nas Tabelas 1, 2, 3 e 4. Os gráficos 1, 2, 3 e 4 apresentamas curvas analíticas para cada amostra.Tabela 1 – Curva analítica da amostra 1Ácido fólico (mg) Absorbância Equação da Curva0 0,1874,17 0,336 Y = 0,18951 + 0,03647X7,14 0,4735 R = 0,993729,375 0,516 0,60 0,55 0,50 0,45 0,40 Absorbância 0,35 0,30 0,25 0,20 0,15 0,10 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 ácido fólico (mg) Gráfico 1 – Curva analítica da amostra 1.Tabela 2 – Curva analítica da amostra 2
  4. 4. Ácido fólico (mg) Absorbância Equação da Curva0 0,164,17 0,3185 Y = 0,1694 + 0,0343X7,14 0,4395 R = 0,989459,375 0,469 0,60 0,55 0,50 0,45 0,40 Absorbância 0,35 0,30 0,25 0,20 0,15 0,10 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 ácido fólico (mg) Gráfico 2 – Curva analítica da amostra 2.Tabela 3 – Curva analítica da amostra 3Ácido fólico (mg) Absorbância Equação da Curva0 0,1524,17 0,308 Y = 0,15858 + 0,03479X7,14 0,4245 R = 0,9959,375 0,4695
  5. 5. 0,60 0,55 0,50 0,45 0,40 Absorbância 0,35 0,30 0,25 0,20 0,15 0,10 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 ácido fólico (mg) Gráfico 3 – Curva analítica da amostra 3.Tabela 4 – Curva analítica da amostra 4Ácido fólico (mg) Absorbância Equação da Curva0 0,1884,17 0,329 Y = 0,18905 + 0,03504X7,14 0,458 R = 0,9959,375 0,506 0,60 0,55 0,50 0,45 0,40 Absorbância 0,35 0,30 0,25 0,20 0,15 0,10 0 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 ácido fólico (mg) Gráfico 4 – Curva analítica da amostra 4. Na tabela 5 são apresentados os resultados da concentração de ácido fólico em cadacomprimido comercial.Tabela 5 – Concentração de ácido fólico nos comprimidos.Amostra [ácido fólico] (mg/comprimido)
  6. 6. 1 5,19 ± 0,022 4,93 ± 0,023 4,55 ± 0,024 5,39 ± 0,02 CONCLUSÕES A técnica apresentada neste artigo, executada nos controles de qualidade, tem suaimportância por diagnosticar a concentração do princípio ativo, confirmando a margem desegurança do mesmo. De acordo com os resultados obtidos comprovou-se que as amostras apresentaram aconcentração do princípio ativo próxima ao indicado pelos respectivos laboratórios,efetivando assim a sua confiabilidade, fato este de suma importância tanto para a segurançamedicamentosa, quanto a eficácia da medicação no tratamento dos pacientes que apresentamcarência deste. O teste possui valor notório, pois medicamentos sem princípio ativo não apresentamefetividade e sua concentração alterada pode colocar em risco a eficácia do tratamento econseqüentemente a saúde do paciente. REFERÊNCIASAGUIAR, M. J. B., CAMPOS, A. S., AGUIAR, R. A. L. P., LANA, A. M. A.,MAGALHÃES, R. L., BABETO, L. T. Defeitos de fechamento do tubo neural e fatoresassociados em recém-nascidos vivos e natimortos. Jornal de Pediatria – Vol. 79, N o 2, 2003, p129 a 134.Baynes, J. Bioquímica Médica. São Paulo: Manole, 2000. p 116 a 120.Grant, J. P. Nutrição Perenteral. 2ed. Rio de Janeiro: Revinter, 1996. p 318 e 319.Roskoski, R. Bioquímica. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1996. p 26 e 27.
  7. 7. 2

×