Avaliação da acidez e alcanilidade da água

12.030 visualizações

Publicada em

0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
12.030
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
142
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Avaliação da acidez e alcanilidade da água

  1. 1. AVALIAÇÃO DA ACIDEZ E ALCANILIDADE DA ÁGUA ALUNA (S): CAROLINA A. SANTIAGO
  2. 2. SAFIA NASER SYNTIA POLICENA ROSA1. INTRODUÇÃO A água é uma necessidade vital para qualquer ser vivo e é utilizada parainúmeras finalidades. Em função do uso a que se destina deve apresentardeterminadas características. A potabilidade de uma água é definida através de umconjunto de parâmetros e padrões estabelecidos por normas e legislaçõessanitárias. Estabelecer um padrão de potabilidade é definir, para cada parâmetro, umvalor ou concentração a partir do qual seu consumo pode induzir a riscos à saúde.As analises de acidez são de grande importância para indicar o lançamento dealguns resíduos industriais nos esgotos domésticos. Sendo determinada pelapresença de CO2, ácidos minerais e sais hidrolisados. A alcalinidade (teor de CA2+ e Mg2+) dissolvida na maioria das águas são consideradas alcalinas emborapossam conter CO2 que combinado com água formam o (H2CO3). Reações de neutralização, ou acidimetria e alcalimetria incluem a titulaçãode bases livres, ou de bases formadas pela hidrolise de sais de ácidos fracos, poruma solução padrão de ácidos (acimetria) e a titulação de ácidos livres, ou deácidos formados pela hidrolise de sais de bases fracas, por uma base padrão(alcalimetria). Essas reações se combinam dois íons hidrogênio e hidróxido paraformar água. O pH é o método utilizado para medir a acidez ou alcalinidade da água ou dequalquer outra solução. Neste conceito, existe uma escala conhecida e aplicadapara identificar e caracterizar as soluções. Essa escala vai de 0 a 14 tendo comoneutro o 7. A determinação do pH é um dos mais importante e freqüêntes testes usadosem química. Praticamente todas as fases do tratamento de águas de abastecimentose do tratamento de efluentes industriais, por exemplo, neutralização,abrandamento, precipitação, coagulação, desinfecção, controle de corrosão,
  3. 3. dependem do pH. Ele é usado na determinação da alcalinidade, CO2 e muitosoutros equilíbrios ácido-base. Na dependência do tipo de água, as estações detratamento da rede pública devem efetuar a correção de pH, com produtosquímicos seguros, de forma a atender as exigências da legislação visando obter boadesinfecção e evitar problemas de incrustação na canalização.2. OBJETIVOS Esta prática teve como propósito analisar os parâmetros de duas amostras deágua (água mineral e da torneira da Faculdade FACIPLAC), determinando ascondições de alcalinidade e acidez das mesmas, utilizando o método de titulação ephmetro. Determinando com isto a qualidade para o consumo sem induzir riscos àsaúde e o verificação do cumprimento dos padrões estabelecidos por normas elegislações sanitárias.
  4. 4. 3. REAGENTES E MATERIAIS3.1 ReagentesAmostras de águaSolução alcoólica de fenolftaneinaHidróxido de sódio 0,01NAcido sulfúrico 0,02N3.2 MateriaisBéquer 100MLErlenmeyer de 300MLProveta graduada de 100mLBureta3.3 AparelhoPhmetro
  5. 5. 4. PROCEDIMENTO4.1. Determinação da acidez:Colocou-se no erlenmeyer 100ml de água de cada amostra (mineral e de torneira).Adicionou-se 3-4gotas de fenolftaléina. Em seguida foi titulado NaOH até obteruma solução de coloração rósea. Manteve-se a coloração por tempo superior a 30segundos. Calculou-se o volume de NaOH necessário para provocar esse mudançade cor. Anotou-se o resultado.4.2. Determinação da alcanilidade:Colocou-se no erlenmeyer 100ml de água das amostras. Adicionou-se 3-4gotas defenolftaléina. Logo após a solução atingir uma coloração rósea, foi titulado comácido sulfúrico 0,02N até descoloramento total da solução. Anotou-se o resultado.4.3 Determinação do PHColocou-se no béquer um pouco das amostras de água (mineral e torneira). Emseguida foi verificado o Ph das amostras. Anotou-se o resultado. Repetiu-se oprocedimento4.4 Calculo acidez e alcanilidade
  6. 6. I acides total (ppm).Vx51,4x 5 = 7/1,5x5=7,5II Acidez em gás carbônico V x 4,4,sendo V o volume em ml do NaOH gasto1,4x4,4=6,16/1,5x4,4=6,6III.Alcanilidade parcial em ppm : V x 10,sendo V o volume em ml de acido gasto.
  7. 7. 5. RESULTADOS Determinação da acidezÁgua da torneira 1,4 NaOHÁgua mineral 1,5 NaOH Determinação da AlcanilidadeNula Determinação do pH pH TemperaturapH torneira 6,28 ???pHmineral 5,5 23,3°CCalculo acidez e alcanilidadeI acides total (ppm).Vx51,4x 5 = 7/1,5x5=7,5II Acidez em gás carbônico V x 4,4,sendo V o volume em ml do NaOH gasto1,4x4,4=6,16/1,5x4,4=6,6
  8. 8. 6. DISCUSSÃO A realização deste trabalho laboratorial teve como intuito a determinaçãoda alcalinidade, acidez e pH da água. Conforme mencionado ao longo do trabalho, o teste da alcalinidade temcomo objetivo determinar a presença dos íons Ca2+ e Mg2+ que são osresponsáveis por caracterizar a água como alcalina, que em concentraçõesmoderadas estão liberadas para o consumo humano, sendo que níveis elevadospoderão conferir um sabor desagradável à mesma. Logo os resultados obtidos emambas as amostras foram nulos, pois ambas obtiveram pH ácido, conferindo à estasa alcalinidade nula. Já o teste referente ao ph cujo é realizado a medição conforme a escala de 1a 14, sendo classificado em ácido de 1 a 5, alcalino de 10 a 14 e entre 6 a 9considera-se neutro, observamos que as amostras são classificadas como neutrasuma vez que os resultados obtidos foram maiores que cinco e menores que nove,que é a concentração ideal para o consumo humano.7. CONCLUSÃO Ao decorrer desta prática obtivemos resultados das amostras que asconferem qualidade para o consumo humano. Uma vez que o pH é neutro e aalcalinidade é nula. Concluímos que as amostras estão de acordo com os conjuntos deparâmetros e padrões estabelecidos por normas e legislações sanitárias, podendoser distribuídas com qualidade para a população.

×