Nicodemos

2.003 visualizações

Publicada em

A vida e perguntas de Nicodemos.

Publicada em: Espiritual
1 comentário
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.003
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
52
Comentários
1
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Nicodemos

  1. 1. Nicodemos EADE – CEIA
  2. 2. • EADE -LIVRO II - Parte 1• MÓDULO II - ENSINOS DIRETOS DE JESUS Eade Ceia• ROTEIRO 4 - NICODEMOS• Objetivos: Identificar os ensinamentos existentes no diálogo ocorrido entre Jesus e Nicodemos 2
  3. 3. Quem foi Nicodemos?• Nicodemos era um Fariseu que, como “líder dos Judeus”, parece ter sido um membro do Sinédrio.• Nicodemos, nome grego que significa "homem do povo", Eade Ceia muito frequente entre os judeus. Nicodemos pertencia aos principais do judaísmo.• Nicodemos pertencia à casta dos fariseus, ordem religiosa e política, caracterizada pela intolerância, pelo apego às leis mosaicas e pelas manifestações de culto 3 externo.
  4. 4. Os fariseus apresentavam as seguintes características:Tomavam parte ativa nas controvérsias religiosas. Serviscumpridores das práticas exteriores do culto e dascerimônias; cheios de um zelo ardente de proselitismo,inimigos dos inovadores, afetavam grande severidade deprincípios; mas, sob as aparências de meticulosa devoção, Eade Ceiaocultavam costumes dissolutos, muito orgulho e, acima detudo, excessiva ânsia de dominação. Tinham a religião maiscomo meio de chegarem a seus fins, do que como objeto defé sincera. Da virtude nada possuíam, além dasexterioridades e da ostentação; entretanto, por uma e outras,exerciam grande influência sobre o povo, a cujos olhospassavam por santas criaturas. Daí o serem muito poderososem Jerusalém. 4
  5. 5. Jesus e Nicodemos: O Nascer de Novo e o Reino de Deus• "Jesus respondeu: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito, não pode Eade Ceia entrar no reino de Deus." João 3:5• Os fariseus não conseguiam ver que o reino de Deus não vinha de fora do corpo, mas o reino de Deus era e é algo interior, que deve estar no coração em primeiro lugar. 5
  6. 6. Nascer da Água e do Espírito• Jesus fala da necessidade do nascimento da água (do grego hudor) e do espírito (do grego pneuma). Aqui o mestre se refere ao simbolismo do batismo de João (que os fariseus não aceitavam), e da renovação pelo Espírito Santo. O batismo em água não era de todo desconhecido de Israel. Eade Ceia O batismo vinha já desde o exílio babilônico, porém professado aos prosélitos, cidadãos de outras nações que se convertiam ao judaísmo.• Os judeus porém achavam que eles não tinham necessidade nenhuma de aceitar um ato que simbolizava o nascer de novo. 6
  7. 7. • Nicodemos é mencionado novamente quando os Fariseus e os principais do sacerdotes procuram prender Jesus enquanto ele freqüenta a Festa do Tabernáculo em Jerusalém (João 7:45-53). Lembrando que ele era o mesmo homem que “de noite fora ter com Jesus” (João 7:50), João nota que Nicodemos foi reprovado quando lembrou a multidão que suas leis não condenavam homem algum Eade Ceia sem antes ouvir o que ele tinha a dizer.• Nicodemos é algumas vezes identificado como discípulo secreto de Jesus ou como um que representa aqueles que tinham falta de fé suficiente para o apoiar abertamente. Entretanto, em sua terceira aparição no Evangelho de João, no enterro de Jesus (João 19:38-42) 7
  8. 8. • O debate com Jesus é a fonte comum de várias manifestações do cristianismo contemporâneo, especificamente a frase descritiva do "nascer de novo", utilizada para descrever a experiência de crer em Jesus como o Salvador, e o versículo Eade Ceia "Porque Deus tanto amou o mundo que deu o seu Filho Unigênito, para que todo o que nele crer não pereça, mas tenha a vida eterna." João 3:16, frequentemente citado para descrever o plano de Deus a respeito 8 da salvação.
  9. 9. Diálogo ocorrido entre Jesus e NicodemosEste, foi ter de noite com Jesus e lhedisse: Rabi, bem sabemos que ésMestre vindo de Deus; porque ninguém Eade Ceiapode fazer estes sinais que tu fazes, seDeus não for com ele (Jo 3:2). 9
  10. 10. •Jesus respondeu, e disse-lhe: Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer de novo, Eade Ceia não pode ver o reino de Deus (Jo 3:3) 10
  11. 11. •Disse-lhe Nicodemos: Como pode um homem nascer, sendo velho? Por ventura, pode Eade Ceia tornar a entrar no ventre de sua mãe e nascer? (Jo 3:4) 11
  12. 12. • Na verdade, na verdade te digo que aquele que não nascer da água e do Espírito não pode entrar no reino de Eade Ceia Deus. O que é nascido da carne é carne, e o que é nascido do Espírito é espírito (Jo 3: 5- 6). 12
  13. 13. • A orientação de Jesus a Nicodemos de que “o que é nascido de carne é carne, e o que é nascido do Espírito é Eade Ceia espírito. «[...] indica claramente que só o corpo procede do corpo e que o Espírito independe deste. 13
  14. 14. A reencarnação e os benefícios decorrentesindicam, também, a manifestação da justiçae misericórdia divinas, as quais nãocondenam o Espírito infrator ao sofrimentoeterno. Trazendo em seus mecanismos, nãoapenas as propostas de aprendizado, mas, Eade Ceiatambém os impositivos da lei de causa eefeito, a reencarnação proporciona aoEspírito devedor, na maioria das vezes,condições de refazimento do seu destino,sobretudo se há empenho, deste, em se 14melhorar......(EADE, p.95)
  15. 15. Quando se trata de remontar dos efeitos àscausas, a reencarnação surge como denecessidade absoluta, como condiçãoinerente à Humanidade; numa palavra:como lei da Natureza. Pelos seus resultados,ela se evidencia, de modo, por assim dizer, Eade Ceiamaterial, da mesma forma que o motoroculto se revela pelo movimento. Só elapode dizer ao homem donde ele vem, paraonde vai, porque está na Terra, e justificartodas as anomalias e todas as aparentes 15injustiças que a vida apresenta...... (EADE, p.95)

×