SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
DEPRESSA + AÇÃO
DEPRESSÃO
Depressão será 2ª maior questão de
saúde pública em 2020
REVISTA EXAME- MARÇO-2013
• Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), a
enfermidade afeta cerca de 340 milhões de pessoas e causa 850 mil
suicídios por ano em todo o mundo. Somente no Brasil, são cerca
de 13 milhões de depressivos. Atualmente, a depressão é apontada
como a quinta maior questão de saúde pública pela OMS, sendo
que até 2020 deverá estar em segundo lugar.
• “O mais perigoso desses números são os dados da própria OMS, os
quais refletem que cerca de 75% das pessoas com depressão não
recebem tratamentos adequados e específicos. É diante de uma
questão complicada como esta que precisamos especializar
profissionais da grande área da saúde na prática clínica, mediante a
avaliação crítica da eficácia e segurança dos medicamentos”, afirma
o Prof. Dr. Carlos Eduardo Pulz Araujo, Coordenador do Programa
de Pós-Graduação Lato sensu em Farmacologia Clínica da USF
(Universidade São Francisco).
Derrame
cerebral
Diabetes
Depressão =
Doença
incompreendida
Ouve-se:
Você não tem nada!
O que você tem é frescura!
Faça uma viagem que passa!
Você tem é falta de força de vontade!
Você tem tudo... E fica com esta frescura!
Isto é falta do que fazer!
Vá ao shopping que passa!
Depressão Reativa ou Neurose Depressiva: Esta
depende de um fator externo desencadeante,
geralmente perdas ou frustrações, tais como
separação, perda de um ente querido, etc.
- Depressão Secundária a Doenças Orgânicas:
Acidente vascular cerebral ("derrame"), tumor
cerebral, doenças da tireoide, etc.
- Depressão Endógena: Por deficiência de
neurotransmissores. Exemplos: depressão do
velho, depressão familiar e psicose maníaco-
depressiva.
SINTOMAS PSÍQUICOS:
Sentimentos de tristeza
Negativismo
Desânimo
Autodesvalorização e culpa
Desprezo pela vida
Redução da concentração, da capacidade de
pensar e tomar decisões.
SINTOMAS FISIOLÓGICOS
Perda de energia
Alterações no sono
Alterações do apetite
Redução do interesse sexual
Somatizações
SINTOMAS COMPORTAMENTAIS
Afastamento Social
Crises de choro
Alterações psicomotoras
Comportamentos suicidas
• André Luiz cita nas suas obras que os
estados da mente são projetados sobre
o corpo através dos bióforos que são
unidades de força psicossomáticas que
se localizam nas mitocôndrias. A mente
transmite seus estados felizes ou
infelizes a todas as células do nosso
organismo através dos bióforos. Ela
funciona ora como um sol irradiando
calor e luz, equilibrando e
harmonizando todas as células do
nosso organismo, e ora como
tempestades, gerando raios e faíscas
destruidoras que desequilibram o ser.
• Segundo Emmanuel, a depressão interfere na
mitose (divisão) celular, contribuindo para o
aparecimento do câncer e de outras doenças
imunológicas, sobretudo a deficiência
imunitária facilitando às infecções.
• Na depressão existe uma perda de energia
vital no organismo, num processo de
desvitalização.
O indivíduo perde energia por dois
mecanismos principais:
• 1º) Perde sintonia com a Fonte Divina de
Energia Vital: O indivíduo não se amando
como deve, com sentimento de autoestima
em baixa, afasta de si mesmo, da sua natureza
divina, elo de ligação com a fonte inesgotável
do Amor Divino. Além do mais, o indivíduo ao
se fechar em seus problemas e suas mágoas,
cria um ambiente vibracional negativo que
dificulta o acesso da Espiritualidade Maior em
seu benefício.
• 2) Gasto Energético Improdutivo: O indivíduo
ao invés de utilizar o seu potencial energético
para desenvolver potencialidades evolutivas,
vivendo intensamente as experiências e os
desafios que a vida lhe apresenta, desperdiça
energia nos sentimentos de autocompaixão,
tristeza e lamentações. Sofre e não evolui.
CAUSAS DA DEPRESSÃO
• A depressão está frequentemente associada a
dois sentimentos básicos: a tristeza e culpa
degenerada em remorso. Quando por algum
motivo infringimos a lei natural, ao tomarmos
consciência do erro cometido, temos dois
caminhos a seguir:
1 - Erro>Consciência> >Tristeza>
2 - Erro>Consciência> (ideia fixa)>
CAUSAS DA DEPRESSÃO
• CAUSAS PERISPIRITUAIS – FLUIDICO-
ENERGÉTICAS
• CAUSAS ESPIRITUAIS
• CAUSAS FISICAS
• Cura Espiritual da Depressão
Alírio de Cerqueira Filho
CAUSAS PERISPIRITUAIS – FLUIDICO-
ENERGÉTICAS
Quando praticamos o MAL - não encolhe, mas fica arquivado sob a
forma de MANCHA ( mácula energética – interrupção de fluxo de
energia)
Quando praticamos o BEM – Espírito se expande
Nós somos em essência AMOR
• A pessoa deprimida, pelas atitudes sistemáticas de
rebeldia, por questões de orgulho, egoísmo e vaidade
pessoal consolida esses sentimentos egoicos negativos
formando em torno de sua essência de amor uma
barreira energética, bloqueando o fluxo de amor, de
alegria e de felicidade próprios do Ser Essencial, reflexo
de DEUS em nós.
• Essas ações realizadas pela própria pessoa podem ser
estimuladas e agravadas por espíritos desencarnados,
que se aproveitam das MATRIZES existentes na pessoa,
para agravar o seu problema. Gerando processos
OBSSESIVOS.
Fatores Genéticos
- Como a depressão é uma doença do Espírito, O
Espírito traz em si mesmo antes de reencarnar, e
estará atraindo um espermatozoide cujos genes
contêm as alterações condizentes com o seu
psiquismo.
Fatores Neuroquímicos e cerebrais-
Todo processo começa no Espírito que gera
alterações energéticas no perispírito que vai
produzir a diminuição dos neurotransmissores
nas células cerebrais.
ACEITAÇÃO
NÃO
ACEITAÇÃO
A PESSOA SE
RECUSA A
APRENDER A
LIÇÃO:
“DESAPEGO”
• A pessoa sente a CULPA e se PUNE
pelo fato cometido consciente ou
subconscientemente. A autopunição a
leva a achar que não merece ser feliz,
que tem de sofrer para pagar o delito
cometido. Esse pensamento leva à
depressão, que funciona como uma
sentença, cuja pena a própria pessoa se
impõe. Ela se vitima e sofre.
Autojulgamento
Autocondenação
Autopunição
autopiedade
• A pessoa DEPRIMIDA tem um movimento
OPOSTO ao amor e à felicidade. Ela entra em
antítese do movimento natural do amor e da
busca da felicidade, e tenta subtrair dos
outros, consciente ou subconscientemente, o
prazer de ser FELIZ.
• Ela chama a atenção pelo negativismo e, ao
mesmo tempo, gera culpa nos familiares para
ganhar alguma coisa baseada nessa culpa.
• É importante estar de prontidão para ajudá-lo
a se ajudar, mas sem entrar nos esquemas de
sofrimento criados por ele mesmo.
• Estar de PRONTIDÃO é estar a postos para
atender às necessidades profundas das
criatura. Significa estar pronto a AJUDÁ-LA A
SE AJUDAR
TRATAMENTO ESPIRITUAL DA
DEPRESSÃO
• O processo de amadurecimento psicológico
como diz Joanna de Angelis é “uma larga
gestação, cujo parto doloroso propicia
especial plenificação”.
• É dolorosa porque vai mexer com conteúdos
que tocam fundo no orgulho, no egoísmo e no
egocentrismo, atributos do ego, que fica
abalado nesse processo de autoconsciência.
• A aceitação é uma virtude proativa que requer
uma atitude de HUMILDADE para reconhecer
as nossas limitações.
• É preciso aceitar que somos pessoas ainda
imperfeitas.
• Conciliação com adversários interiores.
Preparando as condições para a mudança.
PRECE:
Queremos que a oração seja um instrumento
para acabar com os nossos problemas, e não
ferramenta que nos utilizamos para entrar em
contato com Ele, para nos abastecermos de
Força e Amor.
 Tratamento psicológico e psiquiátrico
 Ver a vida como dádiva divina, até mesmo a dor e
dificuldades.
 Autoeducação – Amar a Deus e ao próximo
 Mudança de hábitos – ouvir música, observar a natureza...
 Pequenas tarefas: cuidar de uma planta, animal, bordar,
pintar, modelar, cozinhar, consertos...
 Terapias energéticas: acupuntura, homeopatia, psicoterapia
transpessoal.
 Passe, água magnetizada, tratamento desobsessivo.
 Fazer o BEM ... Todas as atividades são registradas pela
Essência por uma questão de afinidade, por causa da
frequência energética.
Depressão

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados (20)

Depressão palestra
Depressão   palestraDepressão   palestra
Depressão palestra
 
Trabalho sobre depressão
Trabalho sobre depressãoTrabalho sobre depressão
Trabalho sobre depressão
 
Transtornos de ansiedade
Transtornos de ansiedadeTranstornos de ansiedade
Transtornos de ansiedade
 
Transtorno de ansiedade
Transtorno de ansiedadeTranstorno de ansiedade
Transtorno de ansiedade
 
A Depressão
A DepressãoA Depressão
A Depressão
 
Ansiedade, Depressão & superação
Ansiedade, Depressão & superaçãoAnsiedade, Depressão & superação
Ansiedade, Depressão & superação
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Palestra o suicidio
Palestra o suicidioPalestra o suicidio
Palestra o suicidio
 
Depressão palestra uniplac
Depressão   palestra uniplacDepressão   palestra uniplac
Depressão palestra uniplac
 
Como Manejar a Ansiedade?
Como Manejar a Ansiedade?Como Manejar a Ansiedade?
Como Manejar a Ansiedade?
 
Depressão
DepressãoDepressão
Depressão
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Ansiedade
AnsiedadeAnsiedade
Ansiedade
 
Depressão e Cura
Depressão e CuraDepressão e Cura
Depressão e Cura
 
Citologia - Depressao
Citologia - DepressaoCitologia - Depressao
Citologia - Depressao
 
Palestra stress, ansiedade, depressão e suicídio - dezembro 2014 - policia...
Palestra stress, ansiedade, depressão e suicídio -  dezembro 2014 - policia...Palestra stress, ansiedade, depressão e suicídio -  dezembro 2014 - policia...
Palestra stress, ansiedade, depressão e suicídio - dezembro 2014 - policia...
 
Transtornos ansiosos na infância e adolescência
Transtornos ansiosos na infância e adolescênciaTranstornos ansiosos na infância e adolescência
Transtornos ansiosos na infância e adolescência
 
Pregação 16.07.17 depressão 1
Pregação 16.07.17 depressão 1Pregação 16.07.17 depressão 1
Pregação 16.07.17 depressão 1
 
Transtornos ansiosos
Transtornos ansiososTranstornos ansiosos
Transtornos ansiosos
 
Setembro Amarelo.pptx
Setembro Amarelo.pptxSetembro Amarelo.pptx
Setembro Amarelo.pptx
 

Semelhante a Depressão

Depressão na visão espírita
Depressão na visão espíritaDepressão na visão espírita
Depressão na visão espíritagrupodepaisceb
 
Visão medico e espirita da depressão
Visão medico e espirita da depressãoVisão medico e espirita da depressão
Visão medico e espirita da depressãoMarcelo Monteiro
 
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?Marcelo Suster
 
Psicologia na vida adulta
Psicologia na vida adultaPsicologia na vida adulta
Psicologia na vida adultaedi
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocionalDalila Melo
 
Depressão e obsessão.
Depressão e obsessão.Depressão e obsessão.
Depressão e obsessão.jane rustiguel
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocionalJosi Borges
 
DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...
DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...
DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...JoiceLima69
 
Doenças do mundo moderno!
Doenças do mundo moderno!Doenças do mundo moderno!
Doenças do mundo moderno!Leonardo Pereira
 
Palestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E MelancoliaPalestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E Melancoliaguestaa6f1b
 
Palestra depressoemelancolia
Palestra depressoemelancoliaPalestra depressoemelancolia
Palestra depressoemelancoliamoreneninha
 
Palestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E MelancoliaPalestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E Melancoliaguestaa6f1b
 
CONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar
CONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção EscolarCONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar
CONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção EscolarGustavo Vallim
 

Semelhante a Depressão (20)

Depressão na visão espírita
Depressão na visão espíritaDepressão na visão espírita
Depressão na visão espírita
 
Doenças da alma
Doenças da alma Doenças da alma
Doenças da alma
 
Doenças da alma
Doenças da almaDoenças da alma
Doenças da alma
 
Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
Por que algumas pessoas sofrem de depressão? Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
Por que algumas pessoas sofrem de depressão?
 
Visão medico e espirita da depressão
Visão medico e espirita da depressãoVisão medico e espirita da depressão
Visão medico e espirita da depressão
 
Cura espiritual da depressão
Cura espiritual da depressãoCura espiritual da depressão
Cura espiritual da depressão
 
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
Palestra Depressão: Doença Física ou Espiritual?
 
Psicologia na vida adulta
Psicologia na vida adultaPsicologia na vida adulta
Psicologia na vida adulta
 
DEPRESSÃO E ESPIRITUALIDADE
DEPRESSÃO E ESPIRITUALIDADEDEPRESSÃO E ESPIRITUALIDADE
DEPRESSÃO E ESPIRITUALIDADE
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
Depressão e obsessão.
Depressão e obsessão.Depressão e obsessão.
Depressão e obsessão.
 
E-book bem-estar .pdf
E-book bem-estar .pdfE-book bem-estar .pdf
E-book bem-estar .pdf
 
Saúde emocional
Saúde emocionalSaúde emocional
Saúde emocional
 
DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...
DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...
DISTÚRBIOS MENTAIS E SUAS MEDIDAS DE PREVENÇÃO, VISÃO HOLÍSTICA DO SER HUMANO...
 
Doenças do mundo moderno!
Doenças do mundo moderno!Doenças do mundo moderno!
Doenças do mundo moderno!
 
Palestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E MelancoliaPalestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E Melancolia
 
Palestra depressoemelancolia
Palestra depressoemelancoliaPalestra depressoemelancolia
Palestra depressoemelancolia
 
Palestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E MelancoliaPalestra Depress O E Melancolia
Palestra Depress O E Melancolia
 
CONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar
CONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção EscolarCONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar
CONVIVA SP - Programa de Melhoria da Convivência e Proteção Escolar
 
DEPRESSAO X ATUALIDADE VISÃO ESPIRITUALISTA
DEPRESSAO X ATUALIDADE VISÃO ESPIRITUALISTADEPRESSAO X ATUALIDADE VISÃO ESPIRITUALISTA
DEPRESSAO X ATUALIDADE VISÃO ESPIRITUALISTA
 

Mais de Lisete B.

Porque melindramos
Porque melindramos Porque melindramos
Porque melindramos Lisete B.
 
Suicidio na visão espirita
Suicidio  na visão espiritaSuicidio  na visão espirita
Suicidio na visão espiritaLisete B.
 
Anjo da guarda
Anjo da guardaAnjo da guarda
Anjo da guardaLisete B.
 
Educacao sentimento
Educacao sentimentoEducacao sentimento
Educacao sentimentoLisete B.
 
Problemas do mundo
Problemas do mundoProblemas do mundo
Problemas do mundoLisete B.
 
Reencarnação Existe?
Reencarnação Existe?Reencarnação Existe?
Reencarnação Existe?Lisete B.
 
Por que comigo
Por que comigoPor que comigo
Por que comigoLisete B.
 
A intolerancia em nossas vidas
A intolerancia em nossas vidasA intolerancia em nossas vidas
A intolerancia em nossas vidasLisete B.
 
Conhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmoConhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmoLisete B.
 
Para que serve a dor
Para que serve a dorPara que serve a dor
Para que serve a dorLisete B.
 
Influencias espirituais
Influencias espirituaisInfluencias espirituais
Influencias espirituaisLisete B.
 
Vida a dois - visão espirita
Vida a dois - visão espiritaVida a dois - visão espirita
Vida a dois - visão espiritaLisete B.
 
Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita Lisete B.
 
As curas de jesus
As curas de jesusAs curas de jesus
As curas de jesusLisete B.
 
Missão dos pais
Missão dos paisMissão dos pais
Missão dos paisLisete B.
 
Casamento na visão espirita
Casamento na visão espiritaCasamento na visão espirita
Casamento na visão espiritaLisete B.
 
Achamos que sabemos.ppszt
Achamos que sabemos.ppsztAchamos que sabemos.ppszt
Achamos que sabemos.ppsztLisete B.
 

Mais de Lisete B. (20)

Porque melindramos
Porque melindramos Porque melindramos
Porque melindramos
 
Suicidio na visão espirita
Suicidio  na visão espiritaSuicidio  na visão espirita
Suicidio na visão espirita
 
Anjo da guarda
Anjo da guardaAnjo da guarda
Anjo da guarda
 
Educacao sentimento
Educacao sentimentoEducacao sentimento
Educacao sentimento
 
Problemas do mundo
Problemas do mundoProblemas do mundo
Problemas do mundo
 
Reencarnação Existe?
Reencarnação Existe?Reencarnação Existe?
Reencarnação Existe?
 
Gratidao
Gratidao  Gratidao
Gratidao
 
Por que comigo
Por que comigoPor que comigo
Por que comigo
 
A intolerancia em nossas vidas
A intolerancia em nossas vidasA intolerancia em nossas vidas
A intolerancia em nossas vidas
 
Conhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmoConhece te a ti mesmo
Conhece te a ti mesmo
 
Para que serve a dor
Para que serve a dorPara que serve a dor
Para que serve a dor
 
Influencias espirituais
Influencias espirituaisInfluencias espirituais
Influencias espirituais
 
Vida a dois - visão espirita
Vida a dois - visão espiritaVida a dois - visão espirita
Vida a dois - visão espirita
 
Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita Ansiedade na visão espirita
Ansiedade na visão espirita
 
As curas de jesus
As curas de jesusAs curas de jesus
As curas de jesus
 
Raiva
RaivaRaiva
Raiva
 
Egoismo
EgoismoEgoismo
Egoismo
 
Missão dos pais
Missão dos paisMissão dos pais
Missão dos pais
 
Casamento na visão espirita
Casamento na visão espiritaCasamento na visão espirita
Casamento na visão espirita
 
Achamos que sabemos.ppszt
Achamos que sabemos.ppsztAchamos que sabemos.ppszt
Achamos que sabemos.ppszt
 

Último

Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaRicardo Azevedo
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxIgreja Jesus é o Verbo
 
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Nilson Almeida
 
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdfESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdfDaddizinhaRodrigues
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxManoel Candido Pires Junior
 
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdfLeandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdfFrancisco Baptista
 

Último (7)

Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Daniel - slide powerpoint.pptx
 
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da ProvidênciaSérie Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
Série Evangelho no Lar - Pão Nosso - Cap. 133 - Lógica da Providência
 
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptxBíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
Bíblia Sagrada - Ezequiel - slides powerpoint.pptx
 
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
Coletânea De Orações Cristãs Parte 2
 
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdfESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
ESPECIALIDADES ARQUEOLOGIA BIBLICA DBV.pdf
 
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docxCulto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
Culto esboço de Pregação expositiva sermão em João.docx
 
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdfLeandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
Leandro Pires - O Eu Superior Nosso Verdadeiro Mestre.pdf
 

Depressão

  • 2.
  • 3. Depressão será 2ª maior questão de saúde pública em 2020 REVISTA EXAME- MARÇO-2013 • Segundo dados da OMS (Organização Mundial da Saúde), a enfermidade afeta cerca de 340 milhões de pessoas e causa 850 mil suicídios por ano em todo o mundo. Somente no Brasil, são cerca de 13 milhões de depressivos. Atualmente, a depressão é apontada como a quinta maior questão de saúde pública pela OMS, sendo que até 2020 deverá estar em segundo lugar. • “O mais perigoso desses números são os dados da própria OMS, os quais refletem que cerca de 75% das pessoas com depressão não recebem tratamentos adequados e específicos. É diante de uma questão complicada como esta que precisamos especializar profissionais da grande área da saúde na prática clínica, mediante a avaliação crítica da eficácia e segurança dos medicamentos”, afirma o Prof. Dr. Carlos Eduardo Pulz Araujo, Coordenador do Programa de Pós-Graduação Lato sensu em Farmacologia Clínica da USF (Universidade São Francisco).
  • 4.
  • 6. Ouve-se: Você não tem nada! O que você tem é frescura! Faça uma viagem que passa! Você tem é falta de força de vontade! Você tem tudo... E fica com esta frescura! Isto é falta do que fazer! Vá ao shopping que passa!
  • 7. Depressão Reativa ou Neurose Depressiva: Esta depende de um fator externo desencadeante, geralmente perdas ou frustrações, tais como separação, perda de um ente querido, etc. - Depressão Secundária a Doenças Orgânicas: Acidente vascular cerebral ("derrame"), tumor cerebral, doenças da tireoide, etc. - Depressão Endógena: Por deficiência de neurotransmissores. Exemplos: depressão do velho, depressão familiar e psicose maníaco- depressiva.
  • 8. SINTOMAS PSÍQUICOS: Sentimentos de tristeza Negativismo Desânimo Autodesvalorização e culpa Desprezo pela vida Redução da concentração, da capacidade de pensar e tomar decisões.
  • 9. SINTOMAS FISIOLÓGICOS Perda de energia Alterações no sono Alterações do apetite Redução do interesse sexual Somatizações
  • 10. SINTOMAS COMPORTAMENTAIS Afastamento Social Crises de choro Alterações psicomotoras Comportamentos suicidas
  • 11. • André Luiz cita nas suas obras que os estados da mente são projetados sobre o corpo através dos bióforos que são unidades de força psicossomáticas que se localizam nas mitocôndrias. A mente transmite seus estados felizes ou infelizes a todas as células do nosso organismo através dos bióforos. Ela funciona ora como um sol irradiando calor e luz, equilibrando e harmonizando todas as células do nosso organismo, e ora como tempestades, gerando raios e faíscas destruidoras que desequilibram o ser.
  • 12. • Segundo Emmanuel, a depressão interfere na mitose (divisão) celular, contribuindo para o aparecimento do câncer e de outras doenças imunológicas, sobretudo a deficiência imunitária facilitando às infecções. • Na depressão existe uma perda de energia vital no organismo, num processo de desvitalização.
  • 13. O indivíduo perde energia por dois mecanismos principais: • 1º) Perde sintonia com a Fonte Divina de Energia Vital: O indivíduo não se amando como deve, com sentimento de autoestima em baixa, afasta de si mesmo, da sua natureza divina, elo de ligação com a fonte inesgotável do Amor Divino. Além do mais, o indivíduo ao se fechar em seus problemas e suas mágoas, cria um ambiente vibracional negativo que dificulta o acesso da Espiritualidade Maior em seu benefício.
  • 14. • 2) Gasto Energético Improdutivo: O indivíduo ao invés de utilizar o seu potencial energético para desenvolver potencialidades evolutivas, vivendo intensamente as experiências e os desafios que a vida lhe apresenta, desperdiça energia nos sentimentos de autocompaixão, tristeza e lamentações. Sofre e não evolui.
  • 15. CAUSAS DA DEPRESSÃO • A depressão está frequentemente associada a dois sentimentos básicos: a tristeza e culpa degenerada em remorso. Quando por algum motivo infringimos a lei natural, ao tomarmos consciência do erro cometido, temos dois caminhos a seguir:
  • 16. 1 - Erro>Consciência> >Tristeza> 2 - Erro>Consciência> (ideia fixa)>
  • 17. CAUSAS DA DEPRESSÃO • CAUSAS PERISPIRITUAIS – FLUIDICO- ENERGÉTICAS • CAUSAS ESPIRITUAIS • CAUSAS FISICAS • Cura Espiritual da Depressão Alírio de Cerqueira Filho
  • 18. CAUSAS PERISPIRITUAIS – FLUIDICO- ENERGÉTICAS Quando praticamos o MAL - não encolhe, mas fica arquivado sob a forma de MANCHA ( mácula energética – interrupção de fluxo de energia) Quando praticamos o BEM – Espírito se expande Nós somos em essência AMOR
  • 19. • A pessoa deprimida, pelas atitudes sistemáticas de rebeldia, por questões de orgulho, egoísmo e vaidade pessoal consolida esses sentimentos egoicos negativos formando em torno de sua essência de amor uma barreira energética, bloqueando o fluxo de amor, de alegria e de felicidade próprios do Ser Essencial, reflexo de DEUS em nós. • Essas ações realizadas pela própria pessoa podem ser estimuladas e agravadas por espíritos desencarnados, que se aproveitam das MATRIZES existentes na pessoa, para agravar o seu problema. Gerando processos OBSSESIVOS.
  • 20. Fatores Genéticos - Como a depressão é uma doença do Espírito, O Espírito traz em si mesmo antes de reencarnar, e estará atraindo um espermatozoide cujos genes contêm as alterações condizentes com o seu psiquismo. Fatores Neuroquímicos e cerebrais- Todo processo começa no Espírito que gera alterações energéticas no perispírito que vai produzir a diminuição dos neurotransmissores nas células cerebrais.
  • 21. ACEITAÇÃO NÃO ACEITAÇÃO A PESSOA SE RECUSA A APRENDER A LIÇÃO: “DESAPEGO”
  • 22. • A pessoa sente a CULPA e se PUNE pelo fato cometido consciente ou subconscientemente. A autopunição a leva a achar que não merece ser feliz, que tem de sofrer para pagar o delito cometido. Esse pensamento leva à depressão, que funciona como uma sentença, cuja pena a própria pessoa se impõe. Ela se vitima e sofre.
  • 24. • A pessoa DEPRIMIDA tem um movimento OPOSTO ao amor e à felicidade. Ela entra em antítese do movimento natural do amor e da busca da felicidade, e tenta subtrair dos outros, consciente ou subconscientemente, o prazer de ser FELIZ. • Ela chama a atenção pelo negativismo e, ao mesmo tempo, gera culpa nos familiares para ganhar alguma coisa baseada nessa culpa.
  • 25. • É importante estar de prontidão para ajudá-lo a se ajudar, mas sem entrar nos esquemas de sofrimento criados por ele mesmo. • Estar de PRONTIDÃO é estar a postos para atender às necessidades profundas das criatura. Significa estar pronto a AJUDÁ-LA A SE AJUDAR
  • 27. • O processo de amadurecimento psicológico como diz Joanna de Angelis é “uma larga gestação, cujo parto doloroso propicia especial plenificação”. • É dolorosa porque vai mexer com conteúdos que tocam fundo no orgulho, no egoísmo e no egocentrismo, atributos do ego, que fica abalado nesse processo de autoconsciência.
  • 28. • A aceitação é uma virtude proativa que requer uma atitude de HUMILDADE para reconhecer as nossas limitações. • É preciso aceitar que somos pessoas ainda imperfeitas. • Conciliação com adversários interiores.
  • 29. Preparando as condições para a mudança. PRECE: Queremos que a oração seja um instrumento para acabar com os nossos problemas, e não ferramenta que nos utilizamos para entrar em contato com Ele, para nos abastecermos de Força e Amor.
  • 30.
  • 31.  Tratamento psicológico e psiquiátrico  Ver a vida como dádiva divina, até mesmo a dor e dificuldades.  Autoeducação – Amar a Deus e ao próximo  Mudança de hábitos – ouvir música, observar a natureza...  Pequenas tarefas: cuidar de uma planta, animal, bordar, pintar, modelar, cozinhar, consertos...  Terapias energéticas: acupuntura, homeopatia, psicoterapia transpessoal.  Passe, água magnetizada, tratamento desobsessivo.  Fazer o BEM ... Todas as atividades são registradas pela Essência por uma questão de afinidade, por causa da frequência energética.