Extensão territorial: 103.000 km².
Localização: Europa.
População: 322.691 habitantes. (Homens: 165.242; Mulheres: 157.449...
Domicílios com acesso à água potável: 100%.
Domicílios com acesso à rede sanitária: 100%.
Índice de Desenvolvimento Humano...
A culinária islandesa é conhecida pela utilização de produtos frescos,
livres de agrotóxicos e de outras substâncias quími...
HISTÓRIA
Islândia é um país nórdico insular europeu situado no Oceano
Atlântico Norte. O seu território abrange a ilha hom...
Ingólfur Arnarson se tornou o primeiro morador norueguês permanente
da ilha. Outros exploradores, como Naddoddr já a tinha...
Em 2008, entretanto, o sistema bancário do país falhou, causando contração
econômica significativa, que fez com que o país...
A língua oficial da Islândia é o islandês (Íslenska), um idioma descendente
da língua nórdica antiga que, por sua vez, é u...
A Islândia é uma república democrática representativa parlamentar
independente que possui um sistema multipartidário. O po...
Por muitos anos, a Islândia teve um dos mais altos padrões de vida no
mundo. Essa prosperidade tinha origem principalmente...
O turismo está entre os setores que mais crescem na economia islandesa.
Sendo eles:
- Museu Folclórico de Arbaer
- Jardim ...
Na Islândia são vários os esportes praticados pela população. Os mais
comuns são o futebol, handebol e golfe. O futebol é ...
Islandia
Islandia
Islandia
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Islandia

602 visualizações

Publicada em

trabalho sobre islândia

Publicada em: Educação
0 comentários
1 gostou
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
602
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
3
Comentários
0
Gostaram
1
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Islandia

  1. 1. Extensão territorial: 103.000 km². Localização: Europa. População: 322.691 habitantes. (Homens: 165.242; Mulheres: 157.449). Clima: Subpolar (maior parte) e temperado oceânico (na porção sul). Composição: Islandeses 99%, outros 1%. Densidade demográfica: 3,1 hab/km². Taxa média anual de crescimento populacional: 2,1%. População residente em área urbana: 92,28%. População residente em área rural: 7,72%. População subnutrida: menor que 5%. Esperança de vida ao nascer: 81,6 anos.
  2. 2. Domicílios com acesso à água potável: 100%. Domicílios com acesso à rede sanitária: 100%. Índice de Desenvolvimento Humano (IDH): 0,869 (muito alto).
  3. 3. A culinária islandesa é conhecida pela utilização de produtos frescos, livres de agrotóxicos e de outras substâncias químicas. Seus peixes são renomados pela pesca responsável e pelos elevados padrões de qualidade. Dentre alguns produtos populares no país se destacam a carne de cordeiro, famosa por ser macia e saborosa, e o Skyr, um laticínio parecido com iogurte. Como em diversos outros países, lanches rápidos se tornaram populares na Islândia e um dos pratos mais populares e baratos é o pylsa, uma espécie de cachorro quente. Alguns alimentos peculiares islandeses incluem salsichas feitas com fígado e sangue de carneiro e peixes desidratados que são usados em refeições leves.
  4. 4. HISTÓRIA Islândia é um país nórdico insular europeu situado no Oceano Atlântico Norte. O seu território abrange a ilha homônima e algumas pequenas ilhas no oceano Atlântico, localizadas entre a Europa continental e a Groenlândia. A sua capital e maior cidade é Reiquiavique, cuja área metropolitana abriga cerca de dois terços da população nacional. Devido à sua localização na dorsal meso-atlântica, a Islândia tem uma grande atividade vulcânica e um importante gradiente geotérmico, o que afeta muito a sua paisagem. O interior é constituído principalmente por um planalto caracterizado por campos de areia, montanhas e glaciares. Aquecida pela corrente do Golfo, a Islândia tem um clima temperado em relação à sua latitude e oferece um ambiente habitável. O povoamento da Islândia começou em 874, quando o chefe norueguês
  5. 5. Ingólfur Arnarson se tornou o primeiro morador norueguês permanente da ilha. Outros exploradores, como Naddoddr já a tinham visitado antes, mas ficaram lá apenas durante o inverno. Nos séculos seguintes, os povos de origem nórdica e céltica instalaram-se no território da Islândia. Até ao século XX, a população islandesa era fortemente dependente da pesca e da agricultura e o território do país era, entre 1262 e 1918, parte das monarquias norueguesa e, mais tarde, dinamarquesa. A economia e o sistema de proteção social da Islândia desenvolveram-se rapidamente e, nas últimas décadas, o país tem implementado o livre comércio no Espaço Econômico Europeu, acabando com a dependência da pesca e partindo para novos domínios econômicos no setor de serviços, finanças e de vários tipos de indústrias. A Islândia tem uma economia de livre mercado com baixos impostos. Nos últimos anos, a Islândia tornou-se uma das nações mais ricas e desenvolvidas do mundo, tendo sido classificada pela Organização das Nações Unidas como o terceiro país mais desenvolvido do mundo.
  6. 6. Em 2008, entretanto, o sistema bancário do país falhou, causando contração econômica significativa, que fez com que o país perdesse várias posições na lista dos países com maior PIB per capita, além de dar início a uma agitação política que levou à antecipação das eleições parlamentares, fazendo de Jóhanna Sigurðardóttir a nova primeira-ministra do país.
  7. 7. A língua oficial da Islândia é o islandês (Íslenska), um idioma descendente da língua nórdica antiga que, por sua vez, é uma das línguas germânicas. A principal religião é o Luteranismo, que pertence à doutrina protestante, cuja principal instituição no país é a Igreja Nacional da Islândia. Apesar dessa igreja ter ligações com o Estado, existe no país uma completa liberdade para todos os credos, sem discriminação. Toda a Islândia constitui uma única diocese que, por sua vez, é dividida em 281 paróquias, lideradas pelo bispo que reside na capital do país. Cristianismo 96,4% (protestantes 88,5%, outros 7,9%), sem religião e ateísmo 2,2%, outras 1,4%.
  8. 8. A Islândia é uma república democrática representativa parlamentar independente que possui um sistema multipartidário. O poder judiciário é independente dos poderes executivo e legislativo. A Constituição da Islândia é muito similar à Constituição dinamarquesa e alguns artigos foram, inclusive, copiados e traduzidos para o islandês. De acordo com essa Constituição, o parlamento islandês, chamado Alþingi (Althingi), e o presidente exercem a chefia do poder legislativo em conjunto. Todas os projetos aprovadas pelo parlamento precisam da aprovação do presidente para que se tornem leis. O presidente é eleito por voto popular direto para um mandato de quatro anos, mas sem limite máximo do número de mandatos. A Constituição dá ao presidente todo o poder sobre o governo, mas na realidade, ele tem mais um papel representativo do que administrativo. O poder executivo é exercido de fato pelo primeiro ministro islandês, que é escolhido pelo presidente.
  9. 9. Por muitos anos, a Islândia teve um dos mais altos padrões de vida no mundo. Essa prosperidade tinha origem principalmente na indústria de pescados. A partir dos anos de 1990, com o crescimento da população, a economia islandesa passou por uma fase de diversificação, passando a depender cada vez menos dos pescados. Com a expansão de crédito e a opção do governo de não interferir na economia (liberalismo econômico), os bancos islandeses se expandiram rapidamente e investimentos estrangeiros no país impulsionavam o excepcional crescimento econômico. Moeda: Coroa islandesa. Produto Interno Bruto (PIB): 16,7 bilhões de dólares. PIB per capita: 62.033 dólares.
  10. 10. O turismo está entre os setores que mais crescem na economia islandesa. Sendo eles: - Museu Folclórico de Arbaer - Jardim Botânico de Reikiavik - Edifício do Parlamento - Museu Nacional - Casa Nórdica - Catedral Velha - Museu de História Natural
  11. 11. Na Islândia são vários os esportes praticados pela população. Os mais comuns são o futebol, handebol e golfe. O futebol é o mais popular do país, graças ao desempenho da seleção islandesa nas competições internacionais. Além disso, muitos jogadores islandeses se mudam para outros países para jogar profissionalmente em outros clubes.

×