O programa das nações unidas para o desenvolvimento

193 visualizações

Publicada em

O programa das nações unidas para o desenvolvimento

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
193
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
3
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
0
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

O programa das nações unidas para o desenvolvimento

  1. 1. O Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), órgão vinculado à Organização das Nações Unidas (ONU), é responsável por analisar o Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) dos países. Esse dado expressa a qualidade de vida de uma determinada população, e utiliza como critério para o cálculo os seguintes aspectos: - Grau de escolaridade: média de anos de estudo da população adulta e expectativa de vida escolar, ou tempo que uma criança ficará matriculada. - Renda: Renda Nacional Bruta (RNB) per capita, baseada na paridade de poder de compra dos habitantes. Esse item tinha por base o PIB (Produto Interno Bruto) per capita, no entanto, a partir de 2010, ele foi substituído pela Renda Nacional Bruta (RNB) per capita, que avalia praticamente os mesmos aspectos que o PIB, no entanto, a RNB também considera os recursos financeiros oriundos do exterior. - Nível de saúde: baseia-se na expectativa de vida da população; reflete as condições de saúde e dos serviços de saneamento ambiental. Esses três itens eram somados e o resultado final era dividido por três. Porém, a partir de 2010, um novo método passou a ser utilizado, onde o resultado final do IDH é obtido através da média geométrica dos três itens analisados, ou seja, multiplicam-se os três itens e calcula-se a raiz cúbica do resultado. As médias variam de 0 a 1, sendo que quanto mais próximas de 0, menor o IDH de um determinado país. Países que estão entre as 25% piores médias são considerados de baixo IDH. Conforme o ranking mundial divulgado em 2014 pela ONU, 33 nações possuem baixo Índice de Desenvolvimento Humano. Confira a lista com os países que apresentam baixo IDH: É importante destacar que os dez piores IDH do mundo são de países africanos
  2. 2. 153. Madagascar: 0,498 (África) 154. Zimbábue: 0,492 (África) 155. Ilhas Salomão: 0,491 (Oceania) 156. Papua Nova Guiné: 0,491 (Oceania) 157. Comores: 0,488 (África) 158. Tanzânia: 0,488 (África) 159. Mauritânia: 0,487 (África) 160. Lesoto: 0,486 (África) 161. Senegal: 0,485 (África) 162. Uganda: 0,484 (África) 163. Benin: 0,476 (África) 164. Sudão: 0,473 (África) 165. Togo: 0,473 (África) 166. Haiti: 0,471 (América Central) 167. Afeganistão: 0,468 (Ásia) 168. Djibuti: 0,467 (África) 169. Costa do Marfim: 0,452 (África) 170. Gâmbia: 0,441 (África) 171. Etiópia: 0,435 (África) 172. Malawi: 0,414 (África) 173. Libéria: 0,412 (África) 174. Mali: 0,407 (África) 175. Guiné-Bissau: 0,396 (África) 176. Moçambique: 0,393 (África) 177. Guiné: 0,392 (África) 178. Burundi: 0,389 (África) 179. Burkina Faso: 0,388 (África) 180. Eritreia: 0,381 (África) 181. Serra Leoa: 0,374 (África) 182. Chade: 0,372 (África) 183. República Centro Africana: 0,341 (África) 184. República Democrática do Congo: 0,338 (África) 185. Níger: 0,337 (África)
  3. 3. Tabela com o senso feito em 2013. Houve variações quanto a posição mas não foram grandes.

×