Decreto de Criação Nº 34.462/92 Data: 11/09/92 Diário Oficial: 14/09/92                                     Port. De Aut. ...
7- Prova classificatória:      Prova objetiva com 25 questões de Conhecimentos Específicos da Área da Saúde.8- Data da Pro...
- Procuração Simples- com poderes para efetivação da matrícula e com assinaturaautenticada em cartório.INÍCIO DAS AULAS:  ...
2º Maior Idade.      Caso necessitar de maiores informações favor contatar pelos fones (0xx) 55-3781-1815 ou 9967-3461 e 9...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Urgência e Emergência

2.412 visualizações

Publicada em

Edital do Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Urgência e Emergência

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Urgência e Emergência

  1. 1. Decreto de Criação Nº 34.462/92 Data: 11/09/92 Diário Oficial: 14/09/92 Port. De Aut. Func. Nº 01261/93 Data: 02/08/93 Diário Oficial: 04/08/93 Parecer de Aut. Cur. Supl. Ens. Médio Nº 256/00 Data: 28/01/00 Diário Oficial: 07/02/00 Decreto de Transformação Nº 41.286/01 Data: 18/12/01 Diário Oficial: 19/12/01 Portaria de Alt. Designação Nº 331/00 Data: 21/12/00 Diário Oficial: 22/12/00 Par. Aut. Func. EJA Ens. Médio Nº 1.470/02 Data: 18/12/02 Diário Oficial: 30/12/02 Par. Aut. Func. Ensino Médio Nº 1.374/03 Data: 10/12/03 Diário Oficial: 17/12/03 Par. Aut. Func. Curso Téc. De Enfermagem em Saúde Pública Nº 507/2006 Data: 19/07/06 D.O.E. 26/07/0621ª CRE EDITAL Nº 01/2011 INSCRIÇÃO PARA PROVA DE CLASSIFICAÇÃO A Direção da Escola Estadual de Ensino Médio Senador Alberto Pasqualini deSanto Augusto torna público para conhecimento dos interessados que estarão abertas asinscrições para a prova de classificação ao ingresso no Curso de Especialização Técnicade Nível Médio em Urgência e Emergência de acordo com a Parecer 562/2011publicada no Diário Oficial do Estado do Rio Grande do Sul em 15 de junho de 2011.1- Curso: Especialização Técnica de Nível Médio em Urgência e Emergência2- Vagas: 40 vagas intensivo (sexta-feira à noite e sábado manhã e tarde).3- Carga Horária do Curso: 360 horas.4- Requisitos: Ter concluído o Curso Técnico em habilitação vinculada.5- Período das inscrições: 05 de setembro 2011 a 30 de setembro de 2011. naSecretaria de segunda à sexta-feira nos seguintes horários:-Manhã: 08:00 às 11:30 horas.-Tarde: 13:30 às 17:15 horas.- Noite: 19:30 às 22:15 horas.6- Documentos para inscrição:-Diploma de Conclusão do Curso Técnico em habilitação vinculada.- Carteira de Identidade.- Certidão de Nascimento ou de casamento.Observação:Na impossibilidade de comparecimento do candidato enviar procurador portando:- Documentos anteriormente citados;- Procuração Simples- com poderes para efetivação da inscrição e com assinaturaautenticada em cartório. 1
  2. 2. 7- Prova classificatória: Prova objetiva com 25 questões de Conhecimentos Específicos da Área da Saúde.8- Data da Prova Classificatória: 29 de outubro de 2011 (sábado). Horário: 14 horas às 17 horas, duração máxima 03 horas, não podendo ocandidato entregar a prova antes de 1hora e 30 minutos de seu início. Local: Escola Estadual de Ensino Médio Senador Alberto Pasqualini, RuaFrancisco Alves Teixeira, nº, 571 Bairro Santo Antônio. Fechamento dos Portões de acesso às 13h 45min. Após este horário não serápermitido o acesso de candidatos. Divulgação do gabarito: 29 de outubro, no mural (saguão da escola) e no blog daEscola http://ciepsa.blogspot.com. Divulgação dos classificados 04 de novembro. A lista será afixada no mural eno blog da escola http://ciepsa.blogspot.com. A divulgação ocorrerá em ordemdecrescente de classificação. Trazer consigo: lápis preto nº. 2, caneta azul ou preta, comprovante de inscriçãoe Carteira de Identidade.CLASSIFICAÇÃO: As vagas serão preenchidas pelos 40 primeiros classificados. No caso dedesistência será chamado o suplente por ordem de classificação.MATRÍCULA: O aluno classificado deverá fazer a matrícula na Secretaria da escola. O períodopara a efetivação é de 05 a 20 de dezembro de 2011. Se o número de matriculados forinferior a 70% das vagas não será autorizado à abertura da turma. O candidato que nãofizer matrícula até o fim do período das matrículas (20 de dezembro) perderá a vaga,sendo substituído pelo suplente. No ato da matrícula devem ser apresentados os seguintes documentos:- Diploma de Conclusão do Curso Técnico em habilitação vinculada;- Carteira de Identidade (original e fotocópia);- CPF (original e fotocópia);- Comprovante de endereço;- Certidão de Nascimento ou Casamento (original e fotocópia);- Comprovante de Quitação Militar, quando for o caso (original e fotocópia).Observação:Na impossibilidade de comparecimento do candidato enviar procurador portando:- Documentos anteriormente citados; 2
  3. 3. - Procuração Simples- com poderes para efetivação da matrícula e com assinaturaautenticada em cartório.INÍCIO DAS AULAS: As aulas do Curso terão início no dia 03 de fevereiro de 2012, às 19 horas.ORIENTAÇÕES GERAIS: 1- É de inteira responsabilidade do candidato o preenchimento correto da fichade inscrição, conforme orientações no ato da mesma. 2- Os candidatos de nacionalidade estrangeira deverão apresentar o original dacédula de identidade estrangeira e um documento que comprove sua condiçãotemporária ou permanente no país. 3- Os candidatos portadores de necessidades especiais deverão comunicar talfato no ato da inscrição. 4- É de responsabilidade exclusiva do candidato, informar-se acerca de Editais eNormas Complementares, avisos e chamada oficiais do Processo de Seleção. 5- A conferência do cartão-resposta será realizada por uma comissão deprofessores dos diferentes componentes curriculares, sendo que o preenchimentoadequado do cartão-resposta é de inteira responsabilidade do candidato. 6- O prazo para entrar com requerimento para recurso se extingue 48 horas apósa divulgação do gabarito, considerando dia útil. A escola manterá o material referenteao processo de seleção até 90 dias. Após será incinerado. 7- Os resultados do Processo de seleção terão validade para ingresso na 1ªTurma do Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Urgência e Emergência. 8- O candidato não poderá portar qualquer tipo de aparelho eletrônico(calculadora, celular, agenda...) e outros materiais para consulta durante a realização daprova. 9- A constatação de qualquer tipo de fraude na realização da prova sujeita ocandidato à perda da vaga e às penalidades da lei, em qualquer época, mesmo após amatrícula. 10- Terão direito à matrícula os candidatos classificados até o limite de vagas docurso. É condição legal para a realização da matrícula a apresentação dos documentosexigidos neste edital. 11- Os casos omissos serão resolvidos pela Equipe Diretiva da Escola Estadualde Ensino Médio Senador Alberto Pasqualini.CRITÉRIO DE DESEMPATE Com o objetivo de elucidar dúvidas, informamos a todos os interessados que noscasos de empate, quando o número de acertos entre os candidatos for o mesmo na provade classificação para o Curso de Especialização Técnica de Nível Médio em Urgência eEmergência da Escola Estadual de Ensino Médio Senador Alberto Pasqualini , o critériopara desempate fica estabelecido da seguinte maneira:1º Maior grau de formação dos candidatos; 3
  4. 4. 2º Maior Idade. Caso necessitar de maiores informações favor contatar pelos fones (0xx) 55-3781-1815 ou 9967-3461 e 9641-5709. . Santo Augusto, RS 09 de agosto de 2011 CONTEÚDO PROGRAMÁTICO • Primeiros Socorros; • Saúde Pública – Lei 8080/90 e 8142/90; • Infarto Agudo do Miocárdio; • Parada Cardiorespiratória; • Choques; • Fraturas; • Traumas e Ferimentos; • American Heath Association/2010 • Problemas Respiratórios; • Funções Psíquicas; • Álcool e Drogas. REFERÊNCIAS:ANDRADE, Maria Teresa Soy. Cuidados Intensivos. -1º. ed.- MC Graw Hill, 2001.BRASIL, Ministério da Saúde. Manual de Primeiros Socorros. - Fiocruz. - Rio deJaneiro: 2003.FIGUEIREDO; N. M. A; VIANA; D. L; MACHADO; W. C. A. Tratado Prático deEnfermagem. – 2º ed. –Yendis, 2010.KAPLAN; H. I. ; SADOCK; B. J. ;GREBB; J. A,. Compêndio de Psiquiatria. – 7ª ed.– Porto Alegre: Artmed, 1997.NETTINA; Sandra M. Brunner. Práticas de Enfermagem. – 7ª Ed. – GuanabaraKoogan, 2001.SMELTZER, Suzane C. Brunner & Suddarth. Tratado de Enfermagem Médico-Cirúrgico. – 10ª Ed. – Guanabara Koogan, 2004.Lei 8.142 de 1990.Lei nº. 8.080 de 1990, Lei Orgânica do Sistema Único de Saúde – SUS.Primeiros Socorros. Disponível em: http://primeirossocorros.com 4

×