SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 10
OBESIDADE INFANTIL 
O DOCE SABOR DA INFÂNCIA
OBESIDADE NA INFÂNCIA 
Ver os netos gordinhos era a alegria das avós do passado. Criança 
rechonchuda era sinônimo de criança saudável. De certa forma, 
havia lógica nesse conceito. Numa época em que não existiam 
antibióticos, crianças mais nutridas resistiam melhor aos 
processos infecciosos na infância. 
Hoje, a obesidade infantil transformou-se num problema sério de 
saúde, numa epidemia que se alastra e já atinge parte expressiva 
da população nessa faixa de idade. As causas são muitas, mas 
pesam os hábitos alimentares baseados no fast food, salgadinhos e 
guloseimas e as horas passadas em frente da televisão ou jogando 
videogame.
NO BRASIL 
Hoje a obesidade, no Brasil, mata 
mais que o vírus da aids, da 
hepatite e da pneumonia! 
O Ministério da Saúde fez uma 
pesquisa que constatou que mais 
da metade da população brasileira 
sofre de obesidade. 
Com a correria do dia a dia, os 
alimentos rápidos são práticos e 
passaram a ser uma opção para 
as mães. 
Para piorar a situação, a gordura 
pode provocar a sensação de 
prazer no cérebro, e por isso, 
alimentos gordurosos se 
tornam muito mais atrativas e 
desejados.
AS CAUSAS DA OBESIDADE INFÂNTIL SÃO: 
▪ Hereditariedade; 
▪ Hábitos inadequados; 
▪ Alimentação rica em gordura e 
açúcar; 
▪ Sedentarismo; 
▪ Periodo curto de amamentação; 
▪ Ingestão de alimentos inadequados 
muito cedo.
Efeitos da obesidade infantil na saúde da 
criança 
Efeitos imediatos: 
• Doença cardiovascular; 
• Diabetes; 
• Apneia do sono; 
• Depressão; 
• Efeitos a longo prazo: 
• Derrame; 
• Infarto; 
• Diversos tipos de câncer.
COMO MUDAR OS HÁBITOS ALIMENTARES DA 
CRIANÇA COM OBESIDADE INFANTIL? 
A CRIANÇA JÁ SE ACOSTUMOU A COMER DE TUDO E NÃO QUER MAIS COMER 
DIREITO, ENTÃO O QUE FAZER? A DICA É FAZER SUBSTITUIÇÕES!
Exemplos: 
• Substitua a batata frita por batata cozida. 
• Bolinhos gordurosos podem ser substituídos por bife de frango grelhado, ou peixe, 
com purê de batata cozida. Intercale com beterraba, cenoura ou espinafre. 
• Prefira o molho de tomate feito da fruta pura sem extrato. 
• Diminua o sal na comida e troque os salgadinhos artificiais por iogurte e salada de 
frutas, as crianças adoram. 
• No lugar das balas e doces, prefira sobremesas caseiras como, frutas com mel , aveia 
e sorvete, gelatinas e pudim de claras ou suspiro.
Dicas para não passar fome durante a mudança de hábitos 
• Permita que a criança alimente-se de 3 em 3 horas; 
• Ofereça sempre uma fruta, barrinha de cereal ou iogurte de 3 em 3 horas; 
• Ofereça água o dia todo e aos poucos; 
• Para reduzir a ansiedade pratique exercícios físicos; 
• Mude os hábitos alimentares da família toda para dar apoio.
Instituto Estadual de Educação Deputado Ruy Ramos 
Nomes: Beatris Santos, Cheron Severo 
Turma 101 
Pesquisa sobre Obesidade 
Rosário do Sul - RS 
2014

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Resenha muito além do peso
Resenha   muito além do pesoResenha   muito além do peso
Resenha muito além do peso
Deiciane Araújo
 
Obesidade Infantil
Obesidade InfantilObesidade Infantil
Obesidade Infantil
guest2fcfae
 

Mais procurados (18)

Obesidade infantil
Obesidade infantilObesidade infantil
Obesidade infantil
 
Documentário: Muito Além do Peso
Documentário: Muito Além do PesoDocumentário: Muito Além do Peso
Documentário: Muito Além do Peso
 
Obesidade infantil
Obesidade infantilObesidade infantil
Obesidade infantil
 
Muito Além do Peso: Obesidade Infantil
Muito Além do Peso: Obesidade InfantilMuito Além do Peso: Obesidade Infantil
Muito Além do Peso: Obesidade Infantil
 
Resenha muito além do peso
Resenha   muito além do pesoResenha   muito além do peso
Resenha muito além do peso
 
Obesidade infantil.pdf
Obesidade infantil.pdfObesidade infantil.pdf
Obesidade infantil.pdf
 
Obesidade infantil
Obesidade infantil Obesidade infantil
Obesidade infantil
 
Obesidade Infantil
Obesidade InfantilObesidade Infantil
Obesidade Infantil
 
Trabalho obesidade esmeralda
Trabalho obesidade esmeraldaTrabalho obesidade esmeralda
Trabalho obesidade esmeralda
 
Obesidade na infância
Obesidade na  infânciaObesidade na  infância
Obesidade na infância
 
Obesidade Infantil
Obesidade InfantilObesidade Infantil
Obesidade Infantil
 
Obesidade infantil - Muito Além do Peso
Obesidade infantil - Muito Além do PesoObesidade infantil - Muito Além do Peso
Obesidade infantil - Muito Além do Peso
 
Obesidade infantil: um problema sério de saúde
Obesidade infantil: um problema sério de saúdeObesidade infantil: um problema sério de saúde
Obesidade infantil: um problema sério de saúde
 
Muito além do peso
Muito além do pesoMuito além do peso
Muito além do peso
 
Obesidade actual
Obesidade actualObesidade actual
Obesidade actual
 
Muito além do peso: o que estamos servindo às nossas crianças
Muito além do peso: o que estamos servindo às nossas criançasMuito além do peso: o que estamos servindo às nossas crianças
Muito além do peso: o que estamos servindo às nossas crianças
 
Obesidade infantil -1 c
Obesidade infantil -1 cObesidade infantil -1 c
Obesidade infantil -1 c
 
Publicidade infantil e obesidade
Publicidade infantil e obesidadePublicidade infantil e obesidade
Publicidade infantil e obesidade
 

Semelhante a OBESIDADE NA INFANCIA

Cartilha do Lanche Gostoso e Saudável
Cartilha do Lanche Gostoso e SaudávelCartilha do Lanche Gostoso e Saudável
Cartilha do Lanche Gostoso e Saudável
Ana Paula Penzo
 
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02
tsunamidaiquiri
 
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03
tsunamidaiquiri
 
Cartilha Lanche Gostoso
Cartilha Lanche GostosoCartilha Lanche Gostoso
Cartilha Lanche Gostoso
MaisVitamina
 

Semelhante a OBESIDADE NA INFANCIA (20)

Alimentois Saudavies X NãO SaudáVeis1
Alimentois Saudavies X NãO SaudáVeis1Alimentois Saudavies X NãO SaudáVeis1
Alimentois Saudavies X NãO SaudáVeis1
 
Trabalho obesidade esmeralda
Trabalho obesidade esmeraldaTrabalho obesidade esmeralda
Trabalho obesidade esmeralda
 
Muito além do peso
Muito além do pesoMuito além do peso
Muito além do peso
 
Famílias que apresentam crianças com problemas de peso e obesidade.
Famílias que apresentam crianças com problemas de peso e obesidade.Famílias que apresentam crianças com problemas de peso e obesidade.
Famílias que apresentam crianças com problemas de peso e obesidade.
 
Muito além do peso
Muito além do pesoMuito além do peso
Muito além do peso
 
Nova Faculdade : Trabalho de português sobre a obesidade infantil
Nova Faculdade : Trabalho de português sobre a obesidade infantilNova Faculdade : Trabalho de português sobre a obesidade infantil
Nova Faculdade : Trabalho de português sobre a obesidade infantil
 
Cartilha do Lanche Gostoso e Saudável
Cartilha do Lanche Gostoso e SaudávelCartilha do Lanche Gostoso e Saudável
Cartilha do Lanche Gostoso e Saudável
 
Obesidade Infantil
Obesidade InfantilObesidade Infantil
Obesidade Infantil
 
Juventude & obesidade
Juventude & obesidadeJuventude & obesidade
Juventude & obesidade
 
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 02
 
Obesidade - a obesidade infantil
Obesidade - a obesidade infantil Obesidade - a obesidade infantil
Obesidade - a obesidade infantil
 
Diferentes analfabetos finalizado
Diferentes analfabetos finalizadoDiferentes analfabetos finalizado
Diferentes analfabetos finalizado
 
Obesidade Infantil
Obesidade InfantilObesidade Infantil
Obesidade Infantil
 
Web quest portugues
Web quest portugues Web quest portugues
Web quest portugues
 
Obesidade infantil
Obesidade infantilObesidade infantil
Obesidade infantil
 
Obesidade infantil
Obesidade infantilObesidade infantil
Obesidade infantil
 
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03
Receitas AlimentaçãO Escolar Lanche Gostoso 03
 
Cartilha Lanche Gostoso
Cartilha Lanche GostosoCartilha Lanche Gostoso
Cartilha Lanche Gostoso
 
Alimentacao saudavel
Alimentacao saudavelAlimentacao saudavel
Alimentacao saudavel
 
Síntese do Documentário Muito Além do Peso
Síntese do Documentário Muito Além do PesoSíntese do Documentário Muito Além do Peso
Síntese do Documentário Muito Além do Peso
 

Mais de Liany Avila

Mais de Liany Avila (9)

Temas Geradores na Educação Infantil Segundo Paulo Freire
Temas Geradores na Educação Infantil Segundo Paulo FreireTemas Geradores na Educação Infantil Segundo Paulo Freire
Temas Geradores na Educação Infantil Segundo Paulo Freire
 
Saci-pererê
Saci-pererêSaci-pererê
Saci-pererê
 
Métodos anticonceptivos ou anticoncepcionais
Métodos anticonceptivos ou anticoncepcionaisMétodos anticonceptivos ou anticoncepcionais
Métodos anticonceptivos ou anticoncepcionais
 
Adeus Infância - Educação
 Adeus Infância - Educação Adeus Infância - Educação
Adeus Infância - Educação
 
EDUCAÇÃO NA ANTIGUIDADE ROMANA
EDUCAÇÃO NA ANTIGUIDADE ROMANAEDUCAÇÃO NA ANTIGUIDADE ROMANA
EDUCAÇÃO NA ANTIGUIDADE ROMANA
 
Greenpeace
GreenpeaceGreenpeace
Greenpeace
 
DROGAS - CLOUD NINE
DROGAS - CLOUD NINEDROGAS - CLOUD NINE
DROGAS - CLOUD NINE
 
Pedagogia humanista - RENASCIMENTO
Pedagogia humanista - RENASCIMENTOPedagogia humanista - RENASCIMENTO
Pedagogia humanista - RENASCIMENTO
 
NÍVEL SILÁBICO - TRABALHO COM LETRAS
NÍVEL SILÁBICO - TRABALHO COM LETRASNÍVEL SILÁBICO - TRABALHO COM LETRAS
NÍVEL SILÁBICO - TRABALHO COM LETRAS
 

Último

SINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdf
SINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdfSINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdf
SINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdf
Jorge Filho
 
ATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdf
ATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdfATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdf
ATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdf
WendelldaLuz
 
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
wilkaccb
 

Último (12)

SINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdf
SINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdfSINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdf
SINAIS VITAIS guia prático do cuidador de idoso.pdf
 
Farmacologia do Sistema Nervoso Autonomo
Farmacologia do Sistema Nervoso AutonomoFarmacologia do Sistema Nervoso Autonomo
Farmacologia do Sistema Nervoso Autonomo
 
aula de Me enxergou na minha tormenta Me livrou em meus problemas Transformou...
aula de Me enxergou na minha tormenta Me livrou em meus problemas Transformou...aula de Me enxergou na minha tormenta Me livrou em meus problemas Transformou...
aula de Me enxergou na minha tormenta Me livrou em meus problemas Transformou...
 
ATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdf
ATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdfATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdf
ATLAS DE FOTOGRAMETRIA FORENSE - EEPHCFMUSP .pdf
 
AULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptx
AULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptxAULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptx
AULA 07 - PROTOZOARIO E PRINCIPAIS DOENÇAS.pptx
 
anemia ferropriva e megaloblástica FINAL.pptx
anemia ferropriva e megaloblástica FINAL.pptxanemia ferropriva e megaloblástica FINAL.pptx
anemia ferropriva e megaloblástica FINAL.pptx
 
Escala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismo
Escala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismoEscala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismo
Escala-CARS-1.pdf teste para crianças com autismo
 
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
CARL ROGERS E A ACPNascido em 1902, em Oak Park, Illinois, subúrbio de Chicag...
 
Slides-trabalho-biossegurança em hospitais.pptx
Slides-trabalho-biossegurança em hospitais.pptxSlides-trabalho-biossegurança em hospitais.pptx
Slides-trabalho-biossegurança em hospitais.pptx
 
Protocolo Zero Rugas - formato digital01
Protocolo Zero Rugas - formato digital01Protocolo Zero Rugas - formato digital01
Protocolo Zero Rugas - formato digital01
 
Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...
Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...
Rowe_etal_2024Evidence for planning and motor subtypes of stuttering based on...
 
aula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptx
aula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptxaula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptx
aula sobre HELMINTOS E DOENÇAS CAUSADAS.pptx
 

OBESIDADE NA INFANCIA

  • 1. OBESIDADE INFANTIL O DOCE SABOR DA INFÂNCIA
  • 2. OBESIDADE NA INFÂNCIA Ver os netos gordinhos era a alegria das avós do passado. Criança rechonchuda era sinônimo de criança saudável. De certa forma, havia lógica nesse conceito. Numa época em que não existiam antibióticos, crianças mais nutridas resistiam melhor aos processos infecciosos na infância. Hoje, a obesidade infantil transformou-se num problema sério de saúde, numa epidemia que se alastra e já atinge parte expressiva da população nessa faixa de idade. As causas são muitas, mas pesam os hábitos alimentares baseados no fast food, salgadinhos e guloseimas e as horas passadas em frente da televisão ou jogando videogame.
  • 3. NO BRASIL Hoje a obesidade, no Brasil, mata mais que o vírus da aids, da hepatite e da pneumonia! O Ministério da Saúde fez uma pesquisa que constatou que mais da metade da população brasileira sofre de obesidade. Com a correria do dia a dia, os alimentos rápidos são práticos e passaram a ser uma opção para as mães. Para piorar a situação, a gordura pode provocar a sensação de prazer no cérebro, e por isso, alimentos gordurosos se tornam muito mais atrativas e desejados.
  • 4. AS CAUSAS DA OBESIDADE INFÂNTIL SÃO: ▪ Hereditariedade; ▪ Hábitos inadequados; ▪ Alimentação rica em gordura e açúcar; ▪ Sedentarismo; ▪ Periodo curto de amamentação; ▪ Ingestão de alimentos inadequados muito cedo.
  • 5.
  • 6. Efeitos da obesidade infantil na saúde da criança Efeitos imediatos: • Doença cardiovascular; • Diabetes; • Apneia do sono; • Depressão; • Efeitos a longo prazo: • Derrame; • Infarto; • Diversos tipos de câncer.
  • 7. COMO MUDAR OS HÁBITOS ALIMENTARES DA CRIANÇA COM OBESIDADE INFANTIL? A CRIANÇA JÁ SE ACOSTUMOU A COMER DE TUDO E NÃO QUER MAIS COMER DIREITO, ENTÃO O QUE FAZER? A DICA É FAZER SUBSTITUIÇÕES!
  • 8. Exemplos: • Substitua a batata frita por batata cozida. • Bolinhos gordurosos podem ser substituídos por bife de frango grelhado, ou peixe, com purê de batata cozida. Intercale com beterraba, cenoura ou espinafre. • Prefira o molho de tomate feito da fruta pura sem extrato. • Diminua o sal na comida e troque os salgadinhos artificiais por iogurte e salada de frutas, as crianças adoram. • No lugar das balas e doces, prefira sobremesas caseiras como, frutas com mel , aveia e sorvete, gelatinas e pudim de claras ou suspiro.
  • 9. Dicas para não passar fome durante a mudança de hábitos • Permita que a criança alimente-se de 3 em 3 horas; • Ofereça sempre uma fruta, barrinha de cereal ou iogurte de 3 em 3 horas; • Ofereça água o dia todo e aos poucos; • Para reduzir a ansiedade pratique exercícios físicos; • Mude os hábitos alimentares da família toda para dar apoio.
  • 10. Instituto Estadual de Educação Deputado Ruy Ramos Nomes: Beatris Santos, Cheron Severo Turma 101 Pesquisa sobre Obesidade Rosário do Sul - RS 2014

Notas do Editor

  1. NOTA: Para substituir uma imagem, basta selecionar e excluí-la. Em seguida, utilizar o ícone Inserir Imagem para substituí-la por uma imagem de sua preferência.