Apostila pdms

19.771 visualizações

Publicada em

8 comentários
8 gostaram
Estatísticas
Notas
Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
19.771
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
10
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
870
Comentários
8
Gostaram
8
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Apostila pdms

  1. 1. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.VANTAGE PDMSAVEVA VANTAGE Plant Design Management System Manual de Treinamento em
  2. 2. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Reservados todos os direitos. É proibida a duplicação ou reprodução desse volume, no todo em parte, sobquaisquer formas ou por quaisquer meios (eletrônico, mecânico, gravação, fotocópia, distribuição na Web ououtros) sem permissão expressa da
  3. 3. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações For Evaluation Only.Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Índice !1 Introdução .......................................................................................... 11.1 O VANTAGE PDMS e seu funcionamento............................................................ 1 1.1.1 Módulos do VANTAGE PDMS................................................................... 1 1.1.2 Database (DB) e Multiple Database (MDB) ............................................... 21.2 Módulo Design ...................................................................................................... 3 1.2.1 Entradas e saídas (Inputs & Output).......................................................... 3 1.2.2 Hierarquia básica....................................................................................... 4 1.2.3 Acessando o módulo Design ..................................................................... 5 1.2.4 Layout do módulo Design .......................................................................... 61.3 Adicionando elementos do banco de dados na janela 3D View............................ 9 1.3.1 Janela Design Explorer.............................................................................. 9 1.3.2 Janela Members ...................................................................................... 12 1.3.3 Adicionando ou removendo elementos ao Drawlist utilizado a barra de Ícones ............................................................................................................... 151.4 Manipulação do módulo Design .......................................................................... 15 1.4.1 Janela 3D View........................................................................................ 15 1.4.2 Manipulando o Design Model View.......................................................... 16 1.4.3 O Menu View ........................................................................................... 16 1.4.4 Manipulação direta utilizando o teclado................................................... 221.5 Configurações ..................................................................................................... 23 1.5.1 3D Views...................................................................................................... 23 1.5.2 Cores ....................................................................................................... 24 1.5.3 Representação......................................................................................... 25 1.5.4 Unidades ................................................................................................. 271.6 Posicionamento................................................................................................... 271.7 Medidas............................................................................................................... 28 1.7.1 Funções dos ícones e campos da janela Positioning Control.................. 29 1.7.2 Janela Measure ....................................................................................... 32 1.7.3 Exemplos de como efetuar uma medida ................................................. 32 1.7.3.1 Medida centro-a-centro entre elementos .............................................. 32 1.7.3.2 Medida utilizando os p-points de elementos......................................... 331.8 Criação de Elementos Administrativos................................................................ 34 1.8.1 Criação do elemento administrativo SITE................................................ 34 1.8.2 Criação do elemento administrativo ZONE.............................................. 35 1.8.3 Criação de elementos administrativos utilizando a janela de comandos (Command Line) ............................................................................................... 351.9 Comandos Modify e Delete ................................................................................. 35 1.9.1 Comando para modificar os elementos criados....................................... 35 1.9.2 Comando para apagar os elementos criados .......................................... 371.10 Disciplinas do módulo Design ........................................................................... 38 ndpoint Soluções Integradas Ltda. Índice − 1Proibida a reprodução sem prévia autorização
  4. 4. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Índice For Evaluation Only. Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP21.11 Salvando e atualizando o trabalho no banco de dados, salvando as suas últimas configurações e saindo do módulo Design .................................................. 39 1.11.1 Salvando o trabalho............................................................................... 39 1.11.2 Atualizando o trabalho ........................................................................... 39 1.11.3 Salvando as configurações de menus, janelas e do modelo visível ...... 39 1.11.4 Restaurando as configurações de menus, janelas e do modelo visível. 41 1.11.5 Saindo do módulo Design...................................................................... 412 Introdução à disciplina Civil no módulo Design ............................ 432.1 Hierarquia da base de dados para a disciplina Civil............................................ 432.2 Criação do elemento administrativo Structure..................................................... 44 2.2.1 Exercício .................................................................................................. 452.3 Criação de primitivos........................................................................................... 45 2.3.1 Criação do primitivo Box .......................................................................... 46 2.3.2 P-Points .............................................................................................................................. 48 2.3.3 Exercício ............................................................................................................................. 483 Modelagem de Equipamentos......................................................... 493.1 Hierarquia da base de dados para a disciplina Equipamentos............................ 493.2 Disciplina de equipamento .................................................................................. 503.3 Modelagem de equipamento por primitivo .......................................................... 51 3.3.1 Exercício .................................................................................................. 51 3.3.2 Criação dos primitivos para o equipamento 1201.................................... 51 3.3.2.1 Criação do Cilindro (Cyli) ...................................................................... 52 3.3.2.2 Criação do Dish (calota) ....................................................................... 52 3.3.2.3 Criação das bases (BOX) ..................................................................... 55 3.3.2.4 Criação dos bocais (NOZZ) .................................................................. 59 3.3.3 Exercícios ................................................................................................ 633.4 Criação de equipamento padrões (Standard) ..................................................... 63 3.4.1 Exemplo de criação de equipamentos Standard ..................................... 64 3.4.1.1 Criação de listas ................................................................................... 67 3.4.1.2 Criação de copia espelho (Copy Mirror) utilizando uma lista ................ 69 3.4.1.3 Prolongando ou cortando primitivos ..................................................... 713.5 Criação de equipamento padrão(Novo método, desenvolvido a partir da versão 11.3)............................................... 744 Introdução a Estrutura Metálica...................................................... 794.1 Hierarquia da base de dados para a disciplina Estrutura Metálica...................... 79 4.1.1 Representação de elementos estruturais no PDMS ................................ 814.2 Criação de Estruturas ......................................................................................... 82 4.2.1 Definindo a área de armazenagem.......................................................... 82 4.2.2 Definindo a criação automática dos Profiles (Perfis) e Primary Nodes.... 82 4.2.3 Seleção do perfil a ser utilizado ............................................................... 83 4.2.4 Criação de colunas .................................................................................. 84 4.2.5 Criação de vigas ...................................................................................... 87 4.2.6 Criação de contraventamento.................................................................. 92 4.2.7 Criação de Pnodes .................................................................................. 94 4.2.8 Inserção de juntas e bases ...................................................................... 94 4.2.9 Criação de cópia...................................................................................... 95 4.2.10 Prolongando ou diminuindo um perfil .................................................... 95 4.2.11 Interrompendo vigas .............................................................................. 97Índice – 2 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  5. 5. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações For Evaluation Only.Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Índice5 Módulo Datal .................................................................................. 1015.1 Criação do Datal ............................................................................................... 1015.2 Executando a macro criada no projeto destino ................................................. 1025.3 Manipulação de possíveis erros........................................................................ 1035.4 Criação do arquivo (Datal) utilizando as customizações Endpoint.................... 1036 Modelagem de Tubulações............................................................ 1056.1 Hierarquia da base de dados para a disciplina Tubulações.............................. 105 6.1.1 Alguns atributos do Início (Head) e Final (Tail) do Branch..................... 1066.2 Disciplina de Tubulação .................................................................................... 106 6.2.1 Criação de uma nova linha de tubulação (novo PIPE) .......................... 107 6.2.2 Criação de um novo Branch .................................................................. 108 6.2.3 Conectando as extremidades (Head/Tail) de um branch aos bocais..... 110 6.2.4 Criação de componentes de tubulação ................................................. 111 6.2.5 Verificação de consistência da linha...................................................... 116 6.2.6 Verificação de interferências.................................................................. 117 6.2.7 Recurso de pré-visualização de isométricos ......................................... 117 6.2.8 Alinhamento entre componentes ........................................................... 119 6.2.9 Orientando a saída de componentes..................................................... 120 6.2.10 Movendo componente por coordenada ............................................... 122 6.2.11 Movendo componentes por Distance ou Spool ................................... 122 6.2.12 Mudando a rota (sentido de fluxo) de um Tê ....................................... 123 6.2.13 Criação de novos branchs em uma mesma linha ................................ 126 6.2.14 Comando BOP/TOP ............................................................................ 127 6.2.15 Término de linha aberta ....................................................................... 128 6.2.16 Inserindo suportes na linha (ATTA) ..................................................... 129 6.2.17 Criação de Assemblies (Conjuntos)..................................................... 130 6.2.18 Criação de instrumentos na linha ........................................................ 130 6.2.19 Movimentando componentes por planos ............................................. 1356.3 Complemento.................................................................................................... 137 6.3.1 Atualizando o Mapa Espacial................................................................. 137 6.3.2 Explicação complementar do comando BOP/TOP ................................ 137 6.3.3 Posicionando componentes sem perder conexão ................................. 141 6.3.4 Caimentos.............................................................................................. 1417 Extração de Relatórios .................................................................. 1437.1 Buscando um Template para extrair um relatório ............................................. 1438 Geração de Isométricos................................................................. 1478.1 Isométricos de linhas simples ........................................................................... 1488.2 Isométricos de linhas conectadas (Sistemas) ................................................... 1508.3 Relatório de Parafusos (Bolt Report) ................................................................ 1519 Introdução ao módulo Clash (Design).......................................... 1539.1 Obstruções........................................................................................................ 1539.2 Modo de verificar as interferências ................................................................... 153 9.2.1 Verificação automática de interferência................................................. 154 9.2.2 Verificação manual de interferência....................................................... 154 Índice − 3Proibida a reprodução sem prévia autorização
  6. 6. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Índice For Evaluation Only. Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 9.2.2.1 Barra de menus da janela Clash Display ............................................ 155 9.2.2.2 Funções do botão direito do mouse quando clicado sobre o campo Clash Display............................................................................................................ 1569.3 Configurando os parâmetros das interferências................................................ 158Apêndice A ........................................................................................ 161 Caixa (BOX).................................................................................................... 161 Cilindro (CYLI) ................................................................................................ 161 Cone (CONE) ................................................................................................. 161 Cilindro com fundo inclinado (SLCY) .............................................................. 162 Cone Inclinada (SNOU) .................................................................................. 162 Bocal (NOZZ).................................................................................................. 162 Calota (DISH) ................................................................................................. 163 Pirâmide (PYRA) ............................................................................................ 163 Torus circular (CTOR) .................................................................................... 163 Torus retangular (RTOR)................................................................................ 163 Superfície de revolução (REVO)..................................................................... 163 Superfície de extrusão (EXTR) ....................................................................... 164Apêndice – B ..................................................................................... 163Acessando o Vantage PDMS módulo Design pelo modo TTY (Prompt de comandos doVantage PDMS)...................................................................................................... 165 Abrindo um terminal Shell (tty)........................................................................ 165Navegação na Base de Dados Via Comandos ....................................................... 165 Navegação Horizontal .................................................................................... 165 Navegação Vertical ........................................................................................ 166 Navegações Diversas..................................................................................... 166Indagando a Base de Dados do DESIGN ............................................................... 167 Questões de hierarquia .................................................................................. 167 Questões do módulo DESIGN........................................................................ 167 Questões do módulo MONITOR..................................................................... 167Listas - Seleções Inteligentes.................................................................................. 168Apêndice – C ..................................................................................... 169Tabela de Diâmetros............................................................................................... 169Apêndice – D ..................................................................................... 171Tipos de Conexões ................................................................................................. 171Apêndice – E ..................................................................................... 173Funções de um ATTA (Attachament)...................................................................... 173Índice – 4 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  7. 7. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações For Evaluation Only.Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Introdução " Capítulo 1 Neste treinamento será apresentado o aplicativo AVEVA VANTAGE PDMS e algumas de suas ferramentas que estão dividas em módulos, de acordo com a aplicação. A sigla PDMS (Plant Design Management System) pode ser traduzida para o português como Sistema de Gerenciamento de Instalações Industriais. # $ $ % & ( O VANTAGE PDMS é um sistema integrado baseado em bancos de dados central de estrutura proprietária, ou seja, não havendo necessidade de acessar bancos de dados externos. O aplicativo é composto por vários módulos, sendo que alguns são produtivos e outros destinados apenas a tarefas administrativas. 1.1.1 Módulos do VANTAGE PDMS Nos itens abaixo é apresentada a descrição resumida de alguns módulos do VANTAGE PDMS. • MONITOR seleção de MDB, monitoramento e inicialização do VANTAGE PDMS. • DESIGN criação de modelos 3D: modelador de sólidos – maquete eletrônica. • DRAFT criação de desenho 2D: produção de plantas, cortes, lay-out, etc. • ISODRAFT criação automática de isométricos de tubulação e bandejas elétricos. • REPORTER elaboração de relatórios de compra (Take-Off) e verificações. Disponível em módulos com interface gráfica. • CLASHER verificação de interferências no modelo. Disponível apenas no módulo DESIGN. • LEXICON criação de atributos definidos pelo usuário (UDAs). • ADMIN administração de Times, Usuários, Banco de dados, etc. • DICE verificação de consistência de banco de dados fornecendo algumas estatísticas do projeto. Ferramenta disponível no módulo ADMIN. • RECONFIGURER manutenção e manipulação dos bancos de dados. Ferramenta disponível no módulo ADMIN. 1Proibida a reprodução sem prévia autorização
  8. 8. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Introdução For Evaluation Only. Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 • SPECON/PARAGON criação de especificações e catálogos de componentes parametrizados. • EXPORT exportação da maquete eletrônica para o VANTAGE Plant Design Review (visualizador de modelos criados no VANTAGE PDMS). • PROPCON implantação de dados de propriedades físicas dos materiais. Nota: Neste treinamento serão abordados os seguintes módulos: • MONITOR, DESIGN, CLASHER (introdução), REPORTER (introdução) e ISODRAFT (usuário). 1.1.2 Database (DB) e Multiple Database (MDB) Conforme citado no item 1.1, o VANTAGE PDMS é um aplicativo baseado em banco de dados (Database). Os bancos de dados são arquivos em disco gerenciados pelo PDMS de forma que, integrados, constituem todo o projeto, ou seja, o modelo 3D, os catálogos de componentes, especificações, desenhos, etc. Portanto, existem diferentes tipos de bancos de dados, cada qual com características particulares e finalidades específicas: Os principais bancos de dados do PDMS são: • DESIGN (DESI) este tipo de banco de dados é utilizado para armazenar os primitivos em escala da Maquete eletrônica 3D. • PADDLE (PADD) este tipo de banco de dados é utilizado para armazenar os desenhos 2D extraídos a partir da maquete eletrônica, tais como plantas, cortes, elevações, etc. • CATALOGUE (CATA) este tipo de banco de dados é utilizado para armazenar os componentes e especificações de tubulações, estruturas metálicas, bandejamento elétrico, etc. • DICTIONARY (DICT) este tipo de banco de dados é utilizado para armazenar os novos atributos criados pelo usuário, conhecidos no PDMS como UDA (User Defined Attribute). Nota: Existem outros tipos de bancos de dados que não serão abordados nesse treinamento. Para proporcionar a integração dos bancos de dados em um projeto, são utilizados os chamados Mutiple Data Base (MDB). Os MDB´s são elementos que têm a função de agrupar os bancos de dados. Portanto, ao utilizar um módulo de produção do PDMS será necessário selecionar previamente um MDB para que seja apontado um conjunto de banco de dados onde o usuário terá direitos a escrita e/ou leitura. Na realidade o MDB não contém os bancos de dados, somente os referenciam, através de ponteiros.2 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  9. 9. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações For Evaluation Only.Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Introdução ) O módulo Design será utilizado no desenvolvimento da maquete eletrônica, o qual é o foco principal deste treinamento. 1.2.1 Entradas e saídas (Inputs & Output) Na figura abaixo, é exemplificada algumas informações que se pode inserir nos bancos de dados do PDMS, bem como quais as informações que poderão ser extraídas a partir desses bancos de dados. Roteamento de Tubos Layout de Modelagem Prédios e Estruturas de Equipamentos Banco de dados de projeto no Vantage PDMS Ergonomia e Acesso Interferência s Visualização Estudos Listas Isométricos de Desenhos de de Materiais Plantas Tubulação Layouts 3Proibida a reprodução sem prévia autorização
  10. 10. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Introdução For Evaluation Only. Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações 1.2.2 Hierarquia básica Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Para criação de elementos nos bancos de dados do VANTAGE PDMS é necessário que seja respeitada uma hierarquia específica para cada módulo que esteja sendo utilizado. Na figura abaixo é exemplificado a hierarquia básica do módulo Design. WORLD /* SITE GROUP WORLD ZONE GROUP STRUCTURE EQUIPMENT PIPE FRAMEWORK BRANCH Sub-Equipment Cylinder Nozzle Box Pyramid Elbo SUB-FRAM Cylinder... Snout Bend etc. Tee Cone etc. (as for Dish Section Equipment) Circular Torus Rectangular Torus Slope-bottomed Cylinder World – Item principal da hierarquia do PDMS e presente em todos os projetos. Esse elemento não pode ser criado ou apagado pelo usuário. É simbolizado na hierarquia por /*, como será mostrado posteriormente. Site – A SITE é um elemento administrativo sempre criado abaixo do nível World. Trata-se do elemento mais importante que pode ser criado, apagado, copiado ou movido. Cada SITE pode representar uma divisão geométrica ou administrativa da planta, dependendo dos critérios estabelecidos no projeto. Zone – A ZONE é o terceiro elemento administrativo da hierarquia. Pode representar uma divisão geométrica ou administrativa da planta e poderá armazenar os elementos construtivos, ou seja, equipamentos, tubulação, estruturas, etc. Group World – Elemento auxiliar (opcional) para promover o agrupamento de elementos abaixo do nível World. Group – Utilizado para agrupar diferentes conjuntos de dados existentes no mesmo banco de dados.4 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  11. 11. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações For Evaluation Only.Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Introdução 1.2.3 Acessando o módulo Design Para acessar o módulo Design, é necessário iniciar o PDMS utilizando uma das opções detalhadas abaixo: • Iniciar>Aveva>VANTAGE PDMS 11.6.SP2>Run PDMS (para empresas que utilizam as customização Endpoint). • Iniciar>Programas>Aveva>VANTAGE PDMS 11.6.SP2>Run PDMS (para empresas sem customização Endpoint). Nota: A instalação das customizações Endpoint é opcional. Serão executados os scripts para carregar o PDMS e em seguida a janela abaixo será mostrada: Nesta janela existem alguns campos que deverão ser preenchidos para possibilitar o acesso ao projeto desejado. O campos são os seguintes: Project Selecionar o projeto o qual o usuário deseja trabalhar. Username Selecionar o usuário que irá acessar o projeto. Password Digitar a senha correspondente ao usuário selecionado no campo anterior. MDB Selecionar o conjunto de bancos de dados que serão acessados pelo usuário. Modules Selecionar o módulo para trabalho. Load from Define o modo com que o usuário irá carregar o projeto. As opções são: • Macro Files: Carregará o VANTAGE PDMS no modo padrão de instalação. • Binários: Carregará o VANTAGE PDMS com o modo definido pelo usuário em sua última atualização. Neste caso existem três possibilidades: o User’s Binary – Binário definido pelo usuário. Possui um nome padrão formado pelo nome do módulo + nome do usuário. Usualmente possuem as extensões “.bin” e “.disp”. Exemplo: DESIGNTRAINA.BIN e DESIGNTRAINA.DISP. 5Proibida a reprodução sem prévia autorização
  12. 12. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004Introdução For Evaluation Only. Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 o Default Binary – Binário definido pelo administrador do sistema. o Select Binary – Utilizado quando o usuário possui mais de um binário salvo e deseja-se selecionar qual deverá ser carregado. Nota: O arquivo “.bin” armazena as definições da estação de trabalho que está sendo utilizada, portanto caso o usuário tente abrir um arquivo “.bin” salvo em Windows XP em uma estação com Windows 2000 pode ocasionar erros no VANTAGE PDMS. O arquivo “.disp” armazena as informações do display do VANTAGE PDMS e não depende da estação onde foi salvo, ou seja, poderá ser aberto em qualquer máquina que esteja acessando o projeto em questão. Após preencher todos os campos da janela de login do PDMS o usuário deverá clicar em Ok para carregar o VANTAGE PDMS. 1.2.4 Layout do módulo Design Abaixo é mostrado o layout do módulo Design quando é carregado utilizando a opção Macro Files (padrão). Barra de menu principal A barra de menu principal possibilita o acesso aos principais comandos e ferramentas do módulo Design. Barra de ícones A barra de ícones contêm alguns dos comandos mais utilizados da barra de menu principal de maneira a facilitar o trabalho do usuário.6 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  13. 13. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Janela 3D View A janela 3D View é o local onde serão visualizados os elementos salvos no banco de dados do VANTAGE PDMS. As funções e uso desta janela será detalhado no item 1.4 deste capítulo. Janelas de navegação O módulo Design possui duas janelas de navegação para visualização dos elementos da hierarquia salvos no banco de dados. São elas: • Design Explorer Esta janela pode ser aberta selecionando a opção Display>Design Explorer a partir do menu principal. 7Proibida a reprodução sem prévia autorização
  14. 14. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Esta janela utiliza ícones para representar os elementos da hierarquia e trabalha no sistema de pastas similar ao Windows Explorer. Maiores detalhes sobre seu funcionamento serão vistos no próximo item. • Members Esta janela poderá ser aberta pelo usuário utilizando a opção Display>Members a partir do menu principal. Diferentemente da janela Explorer, a janela Members utiliza apenas o nome do elemento como identificação, não possuindo um ícone correspondente ao elemento. Maiores detalhes sobre seu funcionamento serão vistos no próximo item. Janela de comandos A janela de comandos, mais conhecida como Command Line, é a interface onde é possível manipular o módulo Design através de sintaxe. Ao longo do treinamento serão apresentadas algumas sintaxes (comandos e linhas de comandos) que poderão auxiliar o usuário em tarefas específicas do PDMS. Esta janela pode ser aberta utilizando a opção Display>Command Line a partir do menu principal. Nota: Há outra janela de comandos que pode ser aberta em Utilities>Endpoint> Utilitários Endpoint. Esta janela e sua ferramentas somente está disponível para clientes que tenham instaladas as customizações da Endpoint. Nesta janela existem alguma ferramentas para facilitar o trabalho do usuário.8 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  15. 15. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 * $ ( ( + * , Neste tópico serão apresentadas as maneiras as quais poderão ser utilizadas para adicionar um elemento do banco de dados para a visualização na janela 3D View. Serão detalhadas também as duas janelas de navegação mencionadas no item anterior. 1.3.1 Janela Design Explorer Ao clicar com o botão direito do mouse sobre algum elemento da hierarquia na janela Design Explorer será aberto um menu de atalho com as seguintes opções: 3D View >Add Adiciona o elemento corrente (current element – CE) ao Drawlist. O elemento corrente é o elemento posicionado abaixo do cursor do mouse no momento da seleção. >Add Connected Adiciona o elemento corrente e os elementos que estejam conectados ao mesmo. Por exemplo, caso adicione um equipamento, todas as tubulações conectadas a este equipamento também serão adicionadas. >Add Within Vol. Adiciona todos os elementos que estejam compreendidos dentro de um determinado volume pré-estabelecido através de coordenadas. Remove Remove o elemento corrente do Drawlist. Show Attributes Exibe os atributos do elemento selecionado Rename Permite renomear o elemento corrente. 9Proibida a reprodução sem prévia autorização
  16. 16. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Delete Apaga o elemento corrente do banco de dados. O usuário será questionado se deseja realmente excluir o item selecionado. Add To My Data Permite adicionar os elementos selecionados como um grupo para posterior operações em conjunto. Acessando a opção Display>Draw List será possível visualizar todos os elementos que estão adicionados à janela gráfica. Caso o usuário clique com o botão direito do mouse sobre qualquer um destes elementos, será exibido um menu de atalho com algumas funções. São elas: Navigate To Navega até o elemento no banco de dados, tornando-o o elemento corrente (CE). Remove Remove o elemento do Drawlist e conseqüentemente da janela 3D View. Show Exibe o elemento na janela 3D View caso tenha sido removido anteriormente através do comando Hide. Hide Remove o elemento da janela 3D View, mas não o retira do Drawlist. As demais opções da janela permitem editar algumas propriedades visuais dos elementos, tais como: cor, atribuição de transparência e visualização do contorno do elemento. Tais mudanças podem ser efetuadas nas caixas exemplificadas a seguir:10 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  17. 17. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Permite alterar algumas propriedades visuais dos elementos tais como cor e nível de transparência. Reference List (Display>Reference List) O Reference List, exibe todas as referências de um determinado elemento. Por exemplo, ao clicar em um equipamento serão exibidas todas as linhas que estão conectadas ao mesmo. De maneira similar, ao clicar em uma linha, serão exibidos os bocais onde tal linha está conectada e assim sucessivamente. Caso o usuário clique com o botão direito do mouse sobre um determinado elemento da lista de referências será aberto um menu de atalho com algumas funções. São elas: Navigate To Navega até o elemento no banco de dados, deixando-o como elemento corrente (CE). 3D View> Adiciona o elemento da lista de referência selecionado ao Drawlist. Add Adiciona o elemento da lista de referência selecionado bem como os elementos conectados ao mesmo. 11Proibida a reprodução sem prévia autorização
  18. 18. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Add Connected Adiciona o elemento corrente e os elementos que estejam conectados ao mesmo. Por exemplo, caso adicione um equipamento, todas as tubulações conectadas a este equipamento também serão adicionadas. Add Within Vol. Adiciona todos os elementos que estejam compreendidos dentro de um determinado volume pré-estabelecido através de coordenadas. Remove Remove o elemento do Drawlist e conseqüentemente da janela 3D View. Add To My Data Permite adicionar os elementos selecionados como um grupo para posterior operações em conjunto. 1.3.2 Janela Members Na janela Members, o elemento que estiver selecionado e realçado em azul é o chamado Elemento Corrente ou Current Element (CE). Esta janela possui um menu próprio, do qual veremos alguns itens:12 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  19. 19. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 C ontrol > Resize: possibilita alterar as dimensões da janela. Existem limitações quanto a largura (Width) e a altura (Height) da janela. A faixa de valores para largura varia de 16 a 60 e a faixa de valores para altura varia 5 a 30. Porém a janela pode ser redimensionada clicando e arrastando uma de suas extremidades, sem restrição para as dimensões Drawlist: possibilita a abertura da janela Members+Draw. 13Proibida a reprodução sem prévia autorização
  20. 20. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Para adicionar os elementos ao Drawlist utilizamos as funções do campo Add To Drawlist. Onde: Caso a opção esteja habilitada o PDMS respeitará as cores definidas na regra do AutoColor para adicionar o elemento corrente ao Drawlist. Permite selecionar a cor na qual o elemento corrente será adicionado ao Drawlist. Para utilizar esta função a opção deverá estar desabilitada. Permite atribuir um nível de transparência ao elemento que será adicionado. O usuário poderá optar por adicionar o elemento sem transparência, ou seja, sólido. Habilita a exibição das linhas de contorno do elemento quando o mesmo estiver adicionado com transparência. Adiciona o elemento corrente ao Drawlist, utilizando as configurações feitas nos itens anteriores. Pode ser definido um volume para adicionar ao Drawlist. Neste caso, todos os elementos que estiverem dentro deste volume serão adicionados ao Drawlist utilizando as configurações adotadas nos itens anteriores. Para remover os elementos do Drawlist pode-se utilizar as funções do Remove From Drawlist. Onde: Utilizado para remover o elemento selecionado no campo Drawlist.14 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  21. 21. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Utilizado para remover o elemento selecionado na área gráfica. Ao selecionar essa opção será solicitado que o usuário clique com o cursor do mouse sobre o elemento que deseja remover. O PDMS aceita seleção múltipla nesse caso. Para confirmar a seleção e encerrar o comando será necessário pressionar a tecla Esc. Utilizado para remover o elemento corrente. Utilizado para remover todos os elementos do Drawlist. > Close: fecha a janela Members. 1.3.3 Adicionando ou removendo elementos ao Drawlist utilizado a barra de Ícones. Adiciona o elemento corrente da Janela Design Explorer ou Janela Members ao Drawlist utilizando as cores definidas na regra do Auto Color. Remove o elemento corrente da Janela Design Explorer ou Janela Members do Drawlist. - ) 1.4.1 Janela 3D View A janela 3D View pode ser utilizada em um dos três modos de operação: • Navigate mode • Event Driven Graphics mode (EDG Mode) • Model Editor mode (não abordado neste treinamento) A janela 3D View pode ser utilizada para exibir todo o modelo ou apenas partes específicas. Nenhuma imagem gráfica será mostrada no display da janela 3D View até que elementos sejam adicionados ao Drawlist e o os limites da janela seja ajustado. No Navigate Mode (default) a janela 3D View permite a seleção de um elemento simplesmente clicando sobre o mesmo, o qual se tornará o elemento corrente no banco de dados. Neste modo, a barra no topo da área de visualização apresenta o prompt Navigate: No modo Event-Driven Graphics (EDG), a ação do clique do mouse é utilizada como parte de uma rotina gráfica. Será solicitada a ação de selecionar (clicar) um elemento gráfico do modelo exibido. A barra do prompt contém instruções as quais orientam na seleção gráfica. Não é possível entrar no modo Model Editor enquanto estiver no modo EDG (vice e versa). 15Proibida a reprodução sem prévia autorização
  22. 22. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 1.4.2 Manipulando o Design Model View Operações de manipulação da vista podem ser acessadas utilizando diversos caminhos, dentre eles: • O menu View na barra de menu principal. • O atalho para o menu 3D view, obtido clicando na tela de fundo (background) de uma janela 3D View com o botão direito do mouse. • Botões localizados ao lado esquerdo de uma janela 3D View. • Teclas de funções no teclado (F1, F2, etc.) • Ícones de atalho no Design. • Manipulação direta da 3D View usando o mouse. No item a seguir serão descritas as operações de manipulação da janela 3D View. Muitas dessas operações podem ser acessadas utilizando mais de um método. 1.4.3 O Menu View Middle Button Drag O menu Middle Button Drag é utilizado para especificar a função da operação de clique e arraste (drag) do botão central do mouse em uma janela 3D View.16 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  23. 23. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 A janela 3D View exibida pode ser ampliada, reduzida, rotacionada ou deslocada de acordo com a opção selecionada no menu mencionado acima e posterior operação de clique e arraste do botão central do mouse. A operação de drag&drop do botão central do mouse pode ser configurada também usando teclas funções e botões na 3D View: F2 para Zoom In/Out, F3 para Pan, F5 para Rotate e F6 para Walk (caso esteja habilitado). NOTA: O modo Walk é inativo, a menos que a janela 3D View seja exibida em perspectiva. >Zoom Rectangle Permite ampliar a imagem através da operação de drag&drop na forma de um retângulo ao redor da área a qual se deseja ampliar. A janela 3D View será preenchida com a imagem ampliada da área compreendida pelo retângulo. >Zoom In/Out Permite ao usuário aumentar ou reduzir a imagem, utilizando o botão central do mouse e movimentando o mesmo. Movendo o mouse em direção ao corpo, a imagem é reduzida, já na direção contrária a imagem é ampliada. O botão central do mouse pode ser configurado para o modo Zoom In/Out usando o menu View, o atalho para o menu View, o ícone existente ao lado esquerdo da janela 3D View e/ou com o botão F2 no teclado. >Rotate Neste modo, é possível pressionar o botão central e mover o mouse para cima e para baixo para rotacionar a vista verticalmente ou mover para a esquerda e para a direita para rotacionar a vista horizontalmente. O movimento inicial determina o eixo de rotação; para rotacionar em outro eixo, deve-se interromper a operação e iniciá-la novamente na direção desejada. O botão central do mouse pode ser configurado para o modo Rotate usando o menu View, o atalho para o menu View, o ícone existente ao lado esquerdo da janela 3D View e/ou com o botão F5 no teclado. >Pan Possibilita deslocar a imagem em um plano qualquer. O botão central do mouse pode ser configurado para o modo Pan usando o menu View, o atalho para o menu View, o ícone existente ao lado esquerdo da janela 3D View e/ou com o botão F3 no teclado. 17Proibida a reprodução sem prévia autorização
  24. 24. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 >Walk No modo walkthrough o ponto de referência (eye point) move-se em direção ao modelo ou afasta-se do modelo (esse modo é habilitado apenas em vistas em perspectiva). Neste modo, deve-se pressionar o botão central do mouse e mover para cima para que o “observador” caminhe em direção ao modelo ou mover para baixo para que o “observador’ afaste-se do modelo. O botão central do mouse pode ser configurado para o modo Walk usando o menu View, o atalho para o menu View, o ícone existente ao lado esquerdo da janela 3D View e/ou com o botão F6 no teclado. Imprimindo uma vista 3D (Janela 3D View) O conteúdo de uma janela ativa pode ser enviado para uma impressora clicando no menu: View>Print Graphics... Um formulário padrão de impressora será aberto, possibilitando ao usuário selecionar a impressora desejada, ajustar o número de cópias e configurar as propriedades de impressão. Copiando uma vista 3D (Janela 3D View) para a área de transferência O conteúdo de uma janela ativa pode ser copiado para a área de transferência do Windows clicando em uma das opções do menu: View>Copy Image. As opções 640x480 até 1600x1200 referem-se à resolução da imagem a ser copiada para a área de transferência. A imagem copiada pode ser colada em outros aplicativos Windows que suportem imagens, tais como em um editor de textos ou pacotes de edição de imagens.18 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  25. 25. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Zoom To O recurso Zoom To amplia ou reduz a imagem, além de deslocar o objeto requerido da janela 3D View de modo a preencher a janela. >Selection O elemento corrente, ou a seleção gráfica preenche a janela 3D View. >Identify Element Permite ao usuário centralizar a vista em um elemento identificado no gráfico, além de ampliar a imagem de maneira a preencher a vista com tal elemento. Nota: Identificando um elemento com o clique do mouse nesse modo, não irá torná-lo o elemento corrente. >Entire Draw List Este recurso centraliza a vista à partir do ponto central dos elementos contidos no Drawlist, além de ampliar ou reduzir a imagem de maneira que todos os elementos preencham a janela. Walk To O recurso Walk To amplia ou reduz a imagem, além de deslocar o objeto requerido da janela 3D View de modo a preencher a janela. O comando Walk To é diferente de Zoom To, pois “remove” itens existentes entre o ponto de referência (eye position) e o item selecionado, que não estão nas proximidades do item selecionado, ou seja, fora do campo de visão do observador.. Já os itens que estão próximos ao selecionado, continuarão a serem exibidos, porém pode haver a necessidade de remover alguns itens do Drawlist para facilitar a visualização do item selecionado. Save View e Restore View Save View armazena a condição atual da vista, de maneira que possibilita a restauração da direção e escala quando necessário. Quatro vistas diferentes podem ser armazenadas. 19Proibida a reprodução sem prévia autorização
  26. 26. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Restore View permite a restauração de cada uma das quatro vistas salvas. Quando não houver imagem salva as 4 vistas para restauração estarão desabilitadas. As vistas podem ser recuperadas através dos botões Restore View localizados no lado esquerdo da janela 3D View. Look, Plan e Isometric Look: permite ao usuário selecionar uma vista à partir de um conjunto de vistas ortogonais (Up, Down, North, South, East, West). A direção em que o usuário visualizará a maquete será exatamente a direção selecionada à partir do menu. Plan permite ao usuário visualizar o modelo em planta. As opções são North, South, East e West. A direção selecionada corresponderá a direção adotada para a parte superior da vista. Isometric possibilita a seleção de uma das quatro vistas isométricas. Cada uma das vistas representa uma direção do Norte como exemplificado na figura abaixo: 3 2 ISO 4 1 Set Centre of View permite selecionar o elemento ou objeto gráfico que será utilizado como referência em operações tais como Pan e Rotate. >Selection Esta opção irá utilizar como eixo de referência e centralizar na janela 3D View o elemento corrente ou o elemento gráfico selecionado, se existente. >Identified Element Permite centralizar na Janela 3D View um elemento selecionado através do clique com o mouse. Nota: Identificando um elemento com o clique do mouse nesse modo, não irá torná-lo o elemento corrente. >Screen Pick... Permite centralizar a vista de acordo com um ponto qualquer da tela, mesmo que não seja um elemento modelado no PDMS. Este resultado também pode ser obtido com um clique simples do botão central do mouse sobre um ponto qualquer da janela 3D View.20 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  27. 27. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Settings Nota: O menu View>Settings está disponível apenas no menu principal. Este menu não possui um atalho. >Eye, >Shaded, >Borders, e >Perspective Estes menus habilitam os controles dos modos Eye, Shaded, Borders e Perspective. Estes modos também podem ser habilitados através da tecla F7 para o modo Eye, F8 para o modo Shade, F9 para o modo Borders e F4 para o modo Perspective. • Eye Fixa o observador como ponto de referência para a rotação do modelo. • Shaded Ativa a visualização no modo 3D dos primitivos. • Borders Ativa as bordas auxiliares para rotação. • Perspective Ativa o modo de visualização em perspectiva para realização da operação de Walkthrough. >Black Background e White Background Permite ajustar o fundo de tela (background) da janela 3D View ativa para as cores preto ou branco. O preto é recomendado como a cor padrão de trabalho para o fundo de tela. Outras cores para o background podem ser selecionadas usando o formulário acessado em Display>View Control. >High Quality Este recurso pode ser utilizado para alternar a definição dos elementos entre um padrão mais elevado de qualidade (high) e um nível menos elevado (standard) das imagens do modelo do DESIGN. Uma imagem de alta qualidade torna-se mais lenta para ser carregada e consequentemente de ser manipulada se comparada a uma imagem com qualidade padrão. Esta opção não altera as propriedades do Arc Tolerance. Esta é uma propriedade independente que permite o controle da qualidade de exibição de alguns elementos complexos do PDMS. 21Proibida a reprodução sem prévia autorização
  28. 28. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 >Show Tooltips Caso esta opção esteja habilitada o nome do elemento posicionado sob o ponteiro do mouse será exibido. >Animations Este recurso possibilita operações suaves de pan e zoom na janela View 3D quando as opções Zoom To e Walk To são utilizadas. A operação de Zoom possibilita a visualização da transição de qualidade à partir da vista original até a definição da vista final. Este recurso somente funciona se o hardware for capaz de suportar suave pan ou zoom para o tamanho do modelo exibido na janela. Mouse wheel zoom (Scroll) Girando o scroll do mouse para frente a imagem ativa é ampliada e para trás a imagem ativa é reduzida. Em ambos os casos, mantendo-se pressionadas as teclas Shift ou Ctrl e ao mesmo tempo girando o scroll do mouse, possibilitará o controle da velocidade da operação. Pressionando a tecla Ctrl o efeito da operação é aumentado, já a tecla Shift irá ocasionar uma redução da velocidade. 1.4.4 Manipulação direta utilizando o teclado O usuário poderá manipular a vista gráfica através da utilização de teclas específicas. O tipo da operação (Zoom, Rotate ou Pan) dependerá da tecla utilizada.. Zoom In/Out Pressionar as teclas que possuem a indicação In (Page Up) para ampliar a imagem e as teclas que possuem a indicação Out para reduzir a imagem. Rotate Pressionando as teclas direcionais (para cima e para baixo) ocasionará o rotacionamento vertical da maquete. No caso da utilização das teclas direcionais (para esquerda e para direita) ocasionará o rotacionamento horizontal da maquete.22 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  29. 29. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Pan Possibilita o deslocamento do modelo em um plano qualquer. Esse recurso deve ser utilizado pressionando simultaneamente as teclas direcionais e a tecla , caso contrário o usuário realizará a operação de rotação. Se utilizar à tecla Shift pressionada, ocasionará uma redução no efeito da ação (desacelera a ação) ou se utilizar à tecla Ctrl ocasionará um aumento no efeito da ação (acelera a ação). Todos os efeitos iniciados através do pressionamento de alguma tecla são independentes da posição do ponteiro do mouse na janela 3D View. . Antes de iniciar o processo de modelagem no módulo Design cada usuário poderá configurar sua área de trabalho de acordo com suas preferências. Neste tópico serão mostradas algumas das configurações que podem ser realizadas pelo usuário bem como pelo administrador do projeto. Selecionar no menu principal o comando Settings>Graphics, a janela abaixo será exibida: 1.5.1 3D Views Title> possibilita adicionar um título para a vista ativa. View Type> Parallel: Trabalha com a vista no modo paralelo. Perspective: Trabalha com a vista em perspectiva. Rotate> About Model: Fixa o modelo como referência para a rotação da maquete. 23Proibida a reprodução sem prévia autorização
  30. 30. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 About Eye: Fixa o observador como ponto de referência para a rotação da maquete. Shaded: Ativa a visualização no modo 3D dos primitivos. Borders: Ativa as bordas auxiliares para rotação. Walkthroug: Ativa o comando de “passeio”pela maquete caso esteja no modo em perspectiva. 1.5.2 Colour O usuário tem a possibilidade de configurar as cores para representação dos elementos na janela 3D View. CE possibilita definir a cor que será utilizada para representar o elemento corrente. Alguns elementos podem não aparecer na tela quando é o elemento corrente, pois em alguns não possuem geometria definida. Exemplo: Gasket. Active possibilitar definir a cor dos elementos ativos, isto é, elemento proprietário do elemento corrente. Somente alguns tipos de elementos podem ser ativo ou visível, tais elementos são conhecidos como Significant Elements. Normalmente estão um nível acima do componente ou primitivo que está como elemento corrente. Exemplo: Bocais (CE) e o equipamento será o elemento ativo Visible possibilita definir a cor do elemento visível, isto é, a cor que os elementos serão adicionados quando carregados no Drawlist quando a opção Auto Colour esteja desabilitada. Aid possibilita definir a cor utilizada para representar as ferramentas auxiliares. Exemplo: grades de construção, linhas de medidas. Highlight possibilita definir a cor utilizada para realçar elementos que forem selecionados para uma posterior operação. Exemplo: apagar um conjunto de elementos.24 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  31. 31. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 1.5.3 Representation Pode-se configurar o modo de representação dos elementos visualizados na janela 3D View acessando o menu Settings>Graphics à partir da barra de menu principal e em seguida Representation na janela resultante. • Tube – caso esteja habilitada esta opção as linhas de tubulação serão representadas no modo bifilar. • Centerline – caso esteja habilitada esta opção as linhas de tubulação serão representadas no modo unifilar. • Holes Drawn − caso esteja habilitada esta opção todos os elementos negativos serão representados, ou seja, haverá representação de furos nos primitivos. • Insulation – representa o isolamento térmicos das linhas de tubulação conforme definido em catálogo (espessura e diâmetro). O nível de representação varia de Off (desligado) a Solid (ligado) passando pelos diferentes níveis de transparência (87%, 75%, 50%, 25% e 12%). • Obstruction – representa todos os volumes de obstrução definidos na maquete. O nível de representação varia de Off (desligado) a Solid (ligado) passando pelos diferentes níveis de transparência (87%, 75%, 50%, 25% e 12%). Level Para cada categoria de elementos pode-se definir o nível de visualização que o usuário deseja utilizar, variando entre 1 e 99. Tais intervalos de valores são definidos na criação do catálogo pelo administrador do projeto. Por definição o VANTAGE PDMS utiliza a faixa de 1 a 10 para os seus catálogos, mas o valor padrão usado no módulo Design é 6. 25Proibida a reprodução sem prévia autorização
  32. 32. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Abaixo é mostrado um exemplo da utilização de diferentes valores de representação para uma escada marinheiro. Neste caso específico foi alterado o valor do Level no campo Others). Level = 2 Level = 4 Level = 6 Arc Tolerance Permite alterar a definição da qualidade de representação de arcos. Por padrão é utilizado o valor 10. Quanto menor o valor melhor será a definição do arco. Em contrapartida quanto menor o valor mais lento poderá ser a atualização gráfica após alguma operação de manipulação da maquete. O usuário deverá clicar em Apply para que as mudanças sejam aceitas. Para salvar as alterações realizadas de maneira que possam ser adotadas quando o PDMS for reiniciado o usuário deverá pressionar o ícone Save. Nota: para maiores informações sobre esta janela consultar a ajuda do VANTAGE PDMS pressionando a tecla F1 com o cursor do mouse posicionado sobre a janela.26 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  33. 33. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 1.5.4 Unidades O usuário pode selecionar as unidades que irá utilizar ao longo do trabalho no projeto. Para tanto, deverá acessar a opção Settings>Units à partir da barra de menu principal. A janela exemplificada abaixo será aberta. O usuário poderá definir a unidade de trabalho para distâncias e também para diâmetros separadamente. No campo superior são definidas as unidades de trabalho para distâncias e no campo inferior são definidas as unidades de trabalho dos diâmetros. Para alterar as unidades, basta clicar sobre a unidade desejada e em seguida fechar a janela. ( No VANTAGE PDMS pode-se posicionar elementos utilizando coordenadas absolutas ou relativas. Em todos os comandos onde seja necessário especificar uma posição haverá um campo denominado WRT (with relation to – com relação a). Sempre que este campo estiver preenchido com World ou /*, tem-se a posição absoluta. Em contrapartida, neste campo pode-se, por exemplo, o nome de um determinado componente de maneira que a posição seria adotada em relação ao mesmo (posição relativa). 27Proibida a reprodução sem prévia autorização
  34. 34. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 2000 A – Origem do Cilindro 5000 1000 B – Origem do Equipamento 1500 C - Origem da Site 20000 D – Origem do Projeto N 40000 Utilizando a figura acima como exemplo, pode-se verificar a posição do cilindro em relação a diversos pontos na planta: Posição do Cilindro: em relação a A E0 N0 WRT CE em relação a B E0 N 1000 WRT OWNER em relação a C E 2000 N 2500 WRT SITE em relação a D W 38000 N 22500 WRT / * / Para efetuar medidas no módulo Design do PDMS, deve-se utilizar uma das duas opções existentes para carregar a ferramenta que poderá auxiliar nesse processo. As duas maneiras existentes para carregar a ferramenta são: • Na barra de menu principal acessar a opção Query>Measure Distance. • A segunda opção seria acessar o ícone localizado na barra principal de ícones do PDMS.28 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  35. 35. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Em ambos os casos, as janelas Positioning Control e Measure serão mostradas automaticamente. As janelas estão exemplificadas abaixo: 1.7.1 Funções dos ícones e campos da janela Positioning Control O ícone Working Plane possibilita uma maneira rápida de ativar ou desativar o Working Plane (grade linear 2D utilizada para auxiliar no posicionamento de elementos). Caso esta opção esteja habilitada, todas as posições selecionadas serão projetadas sobre o plano corrente. O campo possibilita ao usuário selecionar o tipo de elemento que o VANTAGE PDMS irá atuar ao efetuar uma seleção. Ao mover o cursor sobre a 3D View, apenas itens do tipo selecionado serão destacados quando o mouse passar sobre os mesmos. O nome dos elementos destacados é mostrado na barra de prompt localizada imediatamente abaixo da tela gráfica. As opções são: Any poderá ser selecionado qualquer elemento, pline, p-point, etc. Element a seleção é restrita a elementos significantes. Aid a seleção é restrita a elementos específicos criados estritamente para auxiliar na modelagem, como por exemplo, um grid. Pline a seleção é restrita a Plines de estruturas. Ppoint a seleção é restrita a p-points. Screen permite ao usuário selecionar qualquer item da vista gráfica, identificando duas coordenadas. A terceira coordenada é tomada a partir do Working Plane corrente. Graphics permite ao usuário selecionar qualquer elemento gráfico (incluindo as marcas de construção) que é mostrado na vista. 29Proibida a reprodução sem prévia autorização
  36. 36. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 O campo definirá como a posição será tomada à partir de subseqüentes cliques com o cursor. O modo selecionado é mostrado na barra de prompt. As opções são: Snap seleciona a extremidade mais próxima da posição onde foi clicado com o cursor. Distance aplicará a distância especificada no campo adjacente para a escolha do ponto (por exemplo, ao estipular um valor de 500 fará com que o ponto selecionado seja um ponto localizado a 500 mm da extremidade/ponto mais próximo do clique do mouse, medido depois da posição do cursor: - 500 irá fazer com que o ponto selecionado seja um ponto localizado a 500 mm do ponto mais próximo do clique do mouse, medido antes da posição do cursor). Mid-Point assumirá o ponto médio entre dois pontos entre os quais o clique foi efetuado.30 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  37. 37. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Fraction Subdivide a distância entre dois pontos na quantidade de partes especificadas na caixa de texto adjacente e então adota a posição fracionada mais próxima do clique do cursor. Proportion Adota o ponto de acordo com o valor (percentual) especificado na caixa de texto adjacente, tomando-se dois pontos adjacentes. Intersect Permite ao usuário clicar em duas linhas (em qualquer direção) ou três planos e então é selecionado o ponto de interseção. Cursor Posiciona o ponto exatamente onde o cursor é clicado no elemento. O botão Explicit Position permite ao usuário ignorar qualquer operação de escolha gráfica através da entrada com uma posição explicita. Clicando nesse botão será possível entrar com as coordenadas no formulário. 31Proibida a reprodução sem prévia autorização
  38. 38. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 1.7.2 Janela Measure Ao efetuar uma medida, o resultado obtido é apresentado na janela Measure, conforme exemplificado abaixo. A seguir há uma pequena descrição de cada um dos campos existentes na janela: Distance Exibe a distância absoluta entre os pontos selecionados. Offset Exibe a distância em coordenadas relativas (coordenadas X, Y e Z). Direction Exibe a direção na qual a medida foi efetuada. Wrt Permite ao usuário especificar um item ao qual deseja ter como referência para efetuar a medida. Por exemplo, SITE, ZONE ou o nome de um elemento. 1.7.3 Exemplos de como efetuar uma medida 1.7.3.1 Medida centro-a-centro entre elementos. Primeiramente deve-se selecionar as opções conforme exemplificado na janela Positioning Control: Em seguida, deve-se efetuar um clique simples nos itens os quais se deseja efetuar a medida. A figura abaixo exemplifica a medida entre duas curvas de uma tubulação.32 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  39. 39. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e TubulaçõesAveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Introdução Os valores obtidos poderão ser observados e interpretados na janela Measure conforme exemplificado abaixo: Neste caso a distância obtida no campo Distance (2536,54 mm) representa a distância absoluta entre os centros das curvas. Nos campos abaixo são descritas as distâncias relativas obtidas em relação a cada uma dos eixos cartesianos. Notar que a medida obtida foi tomada com relação ao World. 1.7.3.2 Medida utilizando os p-points de elementos Em primeiro lugar deve-se escolher as opções como mostrado abaixo para a janela Positioning Control: Em seguida, clicar com o botão direito do mouse e o mantê-lo pressionado e então selecionar o p-point desejado de maneira que o cursor altere seu formato de para . Nesse momento deve-se liberar o botão do mouse e o p-point será selecionado. Repetir o mesmo procedimento para o próximo p-point e então interpretar os resultados obtidos na janela Measure. A figura abaixo exemplifica a medida entre dois bocais de um equipamento. As demais opções da Janela Positioning Control também podem ser utilizadas para efetuarem medidas de acordo com a necessidade de cada caso. Nota: Para maiores detalhes de como utilizar cada uma das opções disponíveis é possível consultar o Help do PDMS. 33Proibida a reprodução sem prévia autorização
  40. 40. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 0 $ 1 Para criar qualquer elemento no módulo Design o usuário deverá acessar a opção Create na barra de menu principal, como exemplificado abaixo: 1.8.1 Criação do elemento administrativo SITE Selecionar a opção Create>Site. A janela abaixo será aberta: Nesta janela, coloque um nome e escolha um Purpose para sua SITE. Caso não tenha o Purpose desejado deixe a opção unset. Nome Neste campo você pode atribuir qualquer nome para seu elemento, mas é importante saber que o VANTAGE PDMS não aceita nomes repetidos em seus bancos de dados, por este motivo, toda vez que você preencher este campo, confirme com a tecla enter do teclado, se este nome já existir, o VANTAGE PDMS, dará uma mensagem de erro e permitirá que você troque de nome. Caso você clique em Ok sem antes confirmar com a tecla enter do teclado, o VANTAGE PDMS também avisará, mas criará o elemento sem nome, fechando a janela de criação. Purpose Define o propósito do elemento criado. O atributo purpose é definido com no máximo 4 caracteres. Attributes Neste ícone você encontrará alguns atributos que são atribuídos a SITE, caso desejar eles podem ser preenchidos. Nem sempre os atributos padrões do VANTAGE PDMS correspondem a realidade de trabalho da empresa e por isso o Administrador do sistema pode acrescentar mais atributos conforme a necessidade. Nota: O elemento administrativo SITE, deve ser criado exclusivamente pelo administrador do sistema.34 Proibida a reprodução sem prévia autorização
  41. 41. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações IntroduçãoAveva Vantage PDMS 11 6 SP2 . 1.8.2 Criação do elemento administrativo ZONE Escolha a opção Create>Zone..., a janela abaixo será aberta: Preencher os campos necessários e clicar em Ok para criar. 1.8.3 Criação de elementos administrativos utilizando a janela de comandos (Command Line) Qualquer elemento do VANTAGE PDMS pode ser criado pela janela de comandos (Command Line). Para abrir a janela, acesse Display>Command Line ou Utilities> Endpoint> Utilitários Endpoint, na barra de menu principal. Command Line Utilitários Endpoint Se posicione no nível correto da hierarquia e digite o comando: NEW SITE /<NOME> ou NEW ZONE /<NOME> Nota: com o decorrer do treinamento estaremos apresentando mais comandos assim que eles forem necessários. 2 3 Depois que os elementos estiverem criados, eles poderão ser modificados ou apagados do banco de dados. 1.9.1 Comando para modificar os elementos criados Existem vários comandos de modificação dos elementos criados no banco de dados do VANTAGE PDMS. Os comandos variam de acordo com a aplicação que está sendo utilizada bem como de acordo com o tipo de elemento criado. Os comando de modificação mais usados são: Modify>Name Modifica o nome do elemento corrente. 35Proibida a reprodução sem prévia autorização
  42. 42. Edited by Foxit PDF Editor Copyright (c) by Foxit Software Company, 2004 For Evaluation Only.Introdução Treinamento em Modelagem de Equipamentos e Tubulações Aveva Vantage PDMS 11.6 SP2 Nesta janela, temos também um campo onde podemos escolher as seguintes opções Only, Re-name all e Un-name. • Only Modifica somente o nome do elemento corrente. • Re-name all Modifica o nome do elemento corrente e de todos os elementos abaixo dele na hierarquia. • Un-name retira o nome do elemento corrente. Este comando também pode ser executado à partir da janela de comandos. Para tanto o usuário deverá selecionar o elemento que deseja modificar o nome e digitar NAME /<NOVO NOME>. Modify> Attributes Modifica os atributos do elemento corrente. Para modificar algum atributo, basta clicar sobre o mesmo e na janela que se abrirá preencher o atributo conforme desejado. A modificação de atributos também pode ser feita na janela de comando. Nesse caso o usuário deverá selecionar o elemento que deseja modificar o atributos e digite Q ATT. Em seguida, selecionar o atributo que deseja modificar e dar um clique sobre o mesmo e então modificar o atributo e pressionar Enter para completar a alteração. Nota: Alguns atributos, que tem o formato de texto, devem estar entre aspas para ser modificado pela janela de comandos. Exemplo: Desc ‘Site para treinamento’. Modify>Hierarchy>Include... Modifica a posição do elemento na hierarquia. Exemplo caso o usuário tenha criado uma tubulação em uma ZONE que estava destinada a criação de Equipamentos, poderá utilizar este comando para transferir a linha para o local correto. Este comando inclui o elemento na hierarquia correta.36 Proibida a reprodução sem prévia autorização

×