Meiose

2.324 visualizações

Publicada em

0 comentários
2 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
2.324
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1.110
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
70
Comentários
0
Gostaram
2
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Meiose

  1. 1. MEIOSEProcesso que origina gametas eesporos
  2. 2. CARACTERÍSTICASOcorre em células germinativas com afinalide de formar gametas ou esporos,que são células haplóides (n).Mecanismo fundamental e indissociávelda reprodução sexuada.É precedida pela intérfase, mas ocorremduas divisões sucessivas para uma únicareplicação do DNA.
  3. 3. AS FASES DA MEIOSEOcorrem duas divisões celulares:Meiose I ou Reducional (separação doscromossomos homólogos)Meiose II ou Equacional (separação dascromátides-irmãs)
  4. 4. MEIOSE I ouREDUCIONAL
  5. 5. PRÓFASE ICromossomos, já duplicados, tornam-semais curtos, densos e maisvisíveis, devido à espiralização.Longa e complexa.Ocorrem eventos ausentes na mitose:emparelhamento de cromossomoshomólogos e crossing-over.
  6. 6. O crossing-over oupermutação permite aformação de novascombinações gênicas.Formação de gametasdiferentes em ummesmoindivíduo, gerandodiversidade dos seresvivos.Importante fatorevolutivo.
  7. 7. Os pontos de contatoentre as cromátideshomólogas sãodenominados quiasmas esão visíveis aomicroscópioOs quiasmas são asmanifestações visíveis docrossing-over
  8. 8. Final da Prófase IOs pares decromossomoshomólogos seafastam.Terminalização dosquiasmas.Ruptura da carioteca.Nucléolosdesaparecem.
  9. 9. PRÓFASE I
  10. 10. METÁFASE IOs cromossomoshomólogos sedispõem aospares, formando aplaca equatorial.
  11. 11. ANÁFASE IDevido ao encurtamentodas fibras do fuso,ocorre a separação doscromossomoshomólogos.Cada cromossomos,ainda duplicado, épuxado para os polos dofuso.
  12. 12. TELÓFASE ICitocinese eformação de duascélulas-filhas.As células-filhas sãohaploides.
  13. 13. INTERCINESECurto intervalo entre a meiose I e ameiose II.Não ocorre replicação do DNA.Em seguida, inicia-se a meiose II, cujoseventos são semelhantes aos da mitose.
  14. 14. MEIOSE II ouEQUACIONAL
  15. 15. PRÓFASE IIDuplicação doscentríolos.Formação de novosfusos.Carioteca desaparece.
  16. 16. METÁFASE IIEm cada célula, oscromossomosformam a placaequatorial.
  17. 17. ANÁFASE IIAs fibras do fusoencurtam-se e puxamos cromossomos paraos polos.Os centrômeros serompem e ascromátides-irmãsmigram para ospolos.
  18. 18. TELÓFASE IIOs cromossomos desespiralizam e os nucléolosreaparecem.Formam-se novas cariotecas.Citocinese.
  19. 19. GAMETOGÊNESEO processo de formação dosgametas, através da meiose
  20. 20. INTRODUÇÃOA espermatogênese ocorre nas gônadasmasculinas, os testículos, e dá origem aosgametas masculinos – espermatozóides.A ovulogênese acontece nos ovários,originando os gametas femininos - óvulos.
  21. 21. ESPERMATOGÊNESEProcesso dividido em quatro fases:Multiplicação: ocorrem mitoses.Crescimento:aumenta o volume celular.Maturação: meiose propriamente dita.Espermiogênese: diferenciação celular
  22. 22. MultiplicaçãoComeça por volta dos sete anos de idade.As células germinativas (2n) encontradasnos túbulos seminíferos iniciamsucessivas mitoses formando asespermatogônias (2n)Essa etapa se prolonga por toda a vida doindivíduo.
  23. 23. CrescimentoComeça na adolescência, sob o estímulo do FSH(hormônio folículo estimulante) produzido pelahipófise.As espermatogônias se organizam em doisgrupos, um que continuará a fase de multiplicaçãoe outro que passa à fase de crescimentoAs espermatogônias crescem e sua cromatina secondensa transformando-se em espermatócitosprimários (I).Na fase de crescimento, cada espermatogônia(2n) apenas aumenta de volume, tornando-seespermatócitos de 1ª ordem (2n).Essa fase é muito curta.
  24. 24. MaturaçãoComeça imediatamente após a fase decrescimento.Os espermatócitos I(2n) iniciam a meioseI, formando dois espermatócitos II (n), célulasque apresentam aproximadamente a metade dotamanho dos espermatócitos I.Cada espermatócito II(n) passa pela segundafase da meiose originando duasespermátides(n).Assim, cada espermatócito I sofrerá umameiose, originando quatro espermátides (n).
  25. 25. EspermiogêneseÉ um processo pelo qual a espermátideperde a maior parte do seu citoplasma eorganelas, transformando-se em umacélula contendo:núcleo (com metade do número decromossomos), e uma organela especialdenominada acrossomo e um flagelo.
  26. 26. OvulogêneseMultiplicação: começa na vida intra-uterina etermina por volta da 15ª semana. As ovogônias(2n) se multiplicam por mitose, originando asovogônias-filhas (2n).Crescimento: logo após a 1ª fase, as ovogôniasaumentam de volume e se transformam emovócitos I.Essa fase se prolonga até o 7º mês degestação.
  27. 27. Maturação: a partir do 7º mês, todos osovócitos primários (2n) passam por umameiose, até o final da prófase I.Depois, toda a ovogênese paralisa e permaneceassim até a adolescência (período chamado dedictióteno).Ao nascer, a menina já possui um grandenúmero de ovócitos I em processo interrompidode meiose.Na puberdade, por ação do FSH, um ovócito I(2n) termina a meiose I, formando um ovócito II(n) e um glóbulo polar (n).A meiose II originará uma ovótide (n) e trêsglóbulos polares (n).
  28. 28. A ovótideapenas setransformam emóvulo se forfecundada peloespermatozóide.

×