O slideshow foi denunciado.

Em 3º série língua - ficha alpha 2

799 visualizações

Publicada em

  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Em 3º série língua - ficha alpha 2

  1. 1. FICHA ALPHA DE LÍNGUA PORTUGUESA Nº 02 – 1º BIMESTRE/2014 PROF. MOISÉS PEREIRA 3º ANO DO ENSINO MÉDIO GABARITO 1- É sabido que algumas preposições apresentam uma ampla variedade de significados, e entre elas sobressai a preposição “de”, capaz de significar posse, origem, matéria etc. No texto, um poema da autoria de um poeta do final do século XIX que ordinariamente se exprimia em língua muito culta, a preposição “de” é utilizada para introduzir o agente da passiva em “Dos animais” – uso hoje incomum, mesmo na escrita – e para indicar a substância ou matéria em “de flores” – uso corrente no português atual. No primeiro caso, há equivalência entre a preposição “de” e a preposição “por”, que tipicamente intoduz termos em função de agente da passiva na língua corrente atual. Assim, a expressão poderia ser reescrita como “pelos animais”. Já no segundo caso, para se preservar a ideia de “substância”, poderia ser empregada a preposição “com”. 2- As formas verbais “vede” e “está” modificam a representação do fato relatado, já que, nas duas primeiras estrofes do poema, predomina o tempo passado dos verbos. Com o modo imperativo, o enunciador interrompe o relato para dirigir-se aos homens, convocando-os a olhar o Menino- Deus. Com o presente do indicativo, o enunciador torna a cena atual e viva, como se ela se desenrolasse diante das pessoas que a testemunham. 3- A língua padrão contém formas que não se encontram – ou são raras – na fala cotidiana. O verbo “haver”, empregado para exprimir tempo que passou, é uma delas. Com este valor, é impessoal – não tem sujeito – e se usa na terceira pessoa do singular. Os verbos “passar” e “caber”, no entanto, são pessoais e ocorrem no singular ou no plural, concordando com o respectivo sujeito. Quando este vem posposto, o verbo pode concordar com o núcleo mais próximo. É o que acontece nos exemplos da questão. 4- D - Na frase III a palavra “apropriadas” significa que alguns estados se apropriam, ou seja, é verbo apropriar e não adjetivo. 5- B - Em todas as frases propostas, a relação entre as duas afirmações é de contraste, adversidade, menos em “Reino com novo rei, povo com nova lei”, em que a relação é de conclusão, sendo possível empregar a conjunção portanto

×