O GUIA DE TRILHAS ECOLÓGICAS DO PARQUE
ESTADUAL DO UTINGA- PEUT : UMA
CONTRIBUIÇÃO PARA VALORIZAR A
EXPERIÊNCIA DA VISITAÇ...
Orientadora:
Prof. Mscª Socorro Almeida - SEMA/INPA
Orientadora:
Prof. Drª Mirleide Chaa Bahia - UFPA
Co-orientadora:
Prof...
FOCO : Turismo de Natureza.
OBJETO DE ESTUDO: O Sistema de Trilhas Ecológicas disponibilizado
para visitação do Parque Est...
Ressalta o Turismo como uma atividade de importante influência
e contribuição para economia do Brasil e do mundo.
REFERENC...
Aborda-se o segmento Turismo de Natureza como uma nova
modalidade que mais cresce no mundo. Apontando as áreas onde ele
ac...
SUB ITENS ABORDADOS:
 Turismo Verde
 Legislação Ambiental
 Crimes contra a Natureza
 Unidades de Conservação da Nature...
Descreve-se a realização e o detalhamento da trajetória
metodológica aplicada nesta pesquisa.
SUB ITENS ABORDADOS :
 Desc...
07
MAPA DE LOCALIZAÇÃO
Apresenta as questões referentes ao Uso Público do Parque Estadual
do Utinga- PEUt e a Caracterização do Sistema de Trilha...
 O Sistema de Trilhas
Utilizado para educação ambiental nas escolas, passeios diversos e
patrulhamento e fiscalização do ...
1. Trilha do Macaco
2. Trilha do Amapá
3. Trilha da Castanheira
4. Trilha da Mariana
5. Trilha do Bacuri
6. Trilha do Acap...
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
1. Trilha do Macaco 2. Trilha do Amapá
11
3. Trilha da Castanheira
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
12
4. Trilha da Mariana 5. Trilha do Bacuri
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
13
6. Trilha do Acapu 7. Trilha do Bolonha
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
14
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
8. Trilha Água Preta 9. Trilha da Paxiúba
15
10. Trilha na Água
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
16
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011)
11. Trilha do Tauari 12. Trilha da Faveira
17
Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Paulo Ricardo (2011)
18
CONSIDERAÇÕES FINAIS
A pesquisa possibilitou fazer todo o
levantamento necessário para o guia de trilhas, que
será um impo...
 Minha família
 Meus Amigos
 À Prof.ª Socorro Almeida
 À Prof.ª Dra. Mirleide Chaa Bahia.
 Ao Parque Estadual do Utin...
OBRIGADA!
Laísse Palheta
21
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

Slide tcc 2

870 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
870
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
14
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Slide tcc 2

  1. 1. O GUIA DE TRILHAS ECOLÓGICAS DO PARQUE ESTADUAL DO UTINGA- PEUT : UMA CONTRIBUIÇÃO PARA VALORIZAR A EXPERIÊNCIA DA VISITAÇÃO Belém – PA Dezembro - 2011 LAISSE LIMA PALHETA
  2. 2. Orientadora: Prof. Mscª Socorro Almeida - SEMA/INPA Orientadora: Prof. Drª Mirleide Chaa Bahia - UFPA Co-orientadora: Prof. Dr. Clara Azevedo Mont’Alverne - FABEL Belém – PA Dezembro - 2011 01
  3. 3. FOCO : Turismo de Natureza. OBJETO DE ESTUDO: O Sistema de Trilhas Ecológicas disponibilizado para visitação do Parque Estadual do Utinga (PEUt). OBJETIVO GERAL: Propor o levantamento e a sistematização das trilhas ecológicas do PEUt, em forma de um Guia de Trilhas. OBJETIVOS ESPECÍFICO :  Realizar o mapeamento classificando as trilhas quanto à sua função, a forma, o nível técnico, a duração, a distância percorrida e o público alvo.  Adequar e melhorar as trilhas para proporcionar uma diversidade de atrativos para os diferentes públicos que frequentam o Parque. 02
  4. 4. Ressalta o Turismo como uma atividade de importante influência e contribuição para economia do Brasil e do mundo. REFERENCIAIS TEÓRICOS UTILIZADOS:  ANSARAH, Marília Gomes dos Reis.  BARRETTO, Margarita.  OMT, Organização Mundial do Turismo.  BENI, Mario Carlos.  NEIMAN, Zysman. SUB ITEM ABORDADO: Conceituações de Turismo.  Destacando-se os contextos evolutivos da sociedade.  Definições de Turismo.  Tipos de Turismo. 03
  5. 5. Aborda-se o segmento Turismo de Natureza como uma nova modalidade que mais cresce no mundo. Apontando as áreas onde ele acontece e considerando-o a prática do Turismo de baixo impacto nas áreas protegidas. REFERENCIAIS TEÓRICOS ABORDADOS:  RUCHSMANN, Doris.  MCKERHR, Bob.  CAVALCANTI, Silvia.  NEIMAN, Zysman.  IBAMA, Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis  SEMA, Secretaria de Estado de Meio Ambiente. 04
  6. 6. SUB ITENS ABORDADOS:  Turismo Verde  Legislação Ambiental  Crimes contra a Natureza  Unidades de Conservação da Natureza  UCs de Proteção Integral  UCs de Uso Sustentável  Unidades de Conservação do Estado do Pará 05
  7. 7. Descreve-se a realização e o detalhamento da trajetória metodológica aplicada nesta pesquisa. SUB ITENS ABORDADOS :  Descrição da Área de Estudo: O Parque Estadual do Utinga. Está localizado a nordeste do Estado do Pará, abrangendo os Municípios de Belém e Ananindeua. Criado pelo Decreto lei 1.552. de 03 de maio de 1993.  Constituição Histórico-social da Área de Estudo. Governos: Lauro Sodré; Augusto Montenegro; Magalhães Barata.  Tipo de Estudo. Pesquisa de abordagem qualitativa.  Procedimentos e Instrumentos para coletas de dados. GPS; Trena analógica; Máquina fotográfica. 06
  8. 8. 07 MAPA DE LOCALIZAÇÃO
  9. 9. Apresenta as questões referentes ao Uso Público do Parque Estadual do Utinga- PEUt e a Caracterização do Sistema de Trilhas Ecológicas disponibilizadas para visitação. PRINCIPAIS SUB ITENS ABORDADOS:  O sistema de proteção do PEUt. Difundido para o monitoramento das Uc’s.  O Batalhão de Policia Ambiental - BPA. Objetivo de Proteger o PEUt e as demais áreas ambientais do Estado do Pará.  Plano de Manejo. Normas de Uso Público.  Visitação. Desenvolve-se com as atividades nas trilhas ecológicas, caminhadas, esportes ecológicos, passeios ciclísticos, oficinas ambientais educativas, palestras, teatros de fantoches e atividades lúdicas entre outras. 08
  10. 10.  O Sistema de Trilhas Utilizado para educação ambiental nas escolas, passeios diversos e patrulhamento e fiscalização do PEUt. REFERENCIAL TEÓRICO ABORDADO: ANDRADE, Waldir Joel. CLASSIFICAÇÃO DAS TRILHAS : Além de outras determinações para trilhas, aborda:  Quanto á função, utilizadas para serviços administrativos , recreação e educação ambiental.  Quanto á forma, as trilhas são divididas em quatro formas, as quais são: Trilha Circular, Trilha Oito, Trilha Linear e Trilha Atalho.  Quanto o nível técnico. (ANDRADE, 2008) 09
  11. 11. 1. Trilha do Macaco 2. Trilha do Amapá 3. Trilha da Castanheira 4. Trilha da Mariana 5. Trilha do Bacuri 6. Trilha do Acapu 7. Trilha do Bolonha 8. Trilha Água Preta 9. Trilha da Paxiúba 10. Trilha na Água 11. Trilha do Tauari 12. Trilha da Faveira 10 O SISTEMA DE TRILHAS DO PEUT.
  12. 12. Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 1. Trilha do Macaco 2. Trilha do Amapá 11
  13. 13. 3. Trilha da Castanheira Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 12
  14. 14. 4. Trilha da Mariana 5. Trilha do Bacuri Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 13
  15. 15. 6. Trilha do Acapu 7. Trilha do Bolonha Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 14
  16. 16. Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 8. Trilha Água Preta 9. Trilha da Paxiúba 15
  17. 17. 10. Trilha na Água Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 16
  18. 18. Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Tenente Macedo - BPA (2011) 11. Trilha do Tauari 12. Trilha da Faveira 17
  19. 19. Fonte: Mapa construído a partir do Google Maps: Paulo Ricardo (2011) 18
  20. 20. CONSIDERAÇÕES FINAIS A pesquisa possibilitou fazer todo o levantamento necessário para o guia de trilhas, que será um importante instrumento para o desenvolvimento das atividades no Parque, bem como ajudar na gestão da mesma, podendo ser utilizado futuramente como um instrumento para a sensibilização e reflexão ambiental e turística para o ordenamento da atividade de visitação nas trilhas do Parque Estadual do Utinga - PEUt, contribuindo para a implementação do Plano de Uso Público da UC. 19
  21. 21.  Minha família  Meus Amigos  À Prof.ª Socorro Almeida  À Prof.ª Dra. Mirleide Chaa Bahia.  Ao Parque Estadual do Utinga- (PEUt)  Ao Batalhão de Policia Ambiental- (BPA)  Á FABEL AGRADECIMENTOS 20
  22. 22. OBRIGADA! Laísse Palheta 21

×