Lucimodulo04atv43

166 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
166
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
1
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Lucimodulo04atv43

  1. 1. PROINFO INTEGRADONTE – NÚCLEO DE TECNOLOGIA EDUCACIONALCURSO TECNOLOGIA NA EDUCAÇÃO: ENSINANDO E APRENDENDOCOM ASTICS(Tecnologia da Informação e Comunicação)SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO – SME - DONA INÊS/PBTURMA: 100 HORAS/2012.3 PERÍODO: 16/07/1012 à 05/11/2012.PROFISSIONAIS CURSISTAS: 1ª e 2ª FASES DO ENS. FUND.TUTORA/EMAIL: IZABEL CRISTINA COSTA DE ARAÚJO RODRIGUES/ Izabel.eproinfo@gmail.comID DA TURMA: 29.096 e 29097CURSISTAS: Jairo Alves Felipe / José Renan de Melo / Leonardo Macena deFontes / Marcelino Marcolino da Silva / Maria Cristina Pereira Frazão / MariaLuci Lima Santana DATA: 18/10/2012 MÓDULO: 04 ATIVIDADE Nº: 4.3 MÍDIAS-EDUCAÇÃO NO CONTEXTO ESCOLAR . A escola deve possibilitar aos seus discentes a leitura de mundo deforma crítica e autônoma através do uso das mídias e acima de tudo,oportunizar aos alunos o aprender a ler e escrever através dos meios decomunicação de seu tempo. A tecnologia e seus recursos no contexto escolar,abordam a importância dos meios de comunicação na disseminação deinformações, e sobretudo, na ressignificação destas no meio em que vivemos. Ao ler o texto de Silvio Costa Pereira, é possível perceber que astecnologias de informações e comunicações causou uma forte revolução nasociedade brasileira e no modo de vida de muitas pessoas. No entanto, o autorrelata a necessidade de cursos de formação para professores de /Florianópolis,para que os mesmos possam estimular e promover o uso das mídias, uma vezque uma grande maioria das escolas brasileiras já estão equipadas com osrecursos tecnológicos já existente. De certa maneira o texto de Silvio Costa Pereira, faz um mapeamentodas atividades de mídias educacionais desenvolvidas em escolas na cidade deFlorianópolis, segundo o autor apesar da quantidade de ferramentaseducacionais (mídias) como celulares, máquinas fotográficas, data show ,acesso a internet, ou seja meios que procuram envolver os alunos colocando-
  2. 2. os expostos a uma realidade na qual são pertencentes. Quando passamos autilizar tecnologias na educação vemos sua importância, atuando de formacritica e criativa e fazendo com que crianças, adolescentes e jovens saibamusar à mídia como um meio de interação e socialização, que eles possamaprender e ensinar conhecimentos que ajude o seu desenvolvimento pessoal ecoletivo. As atividades técnicas oferecidas pelo uso das TICs possibilitam aexploração de um leque ilimitado de ações pedagógicas, permitindo uma ampladiversidade de atividades que professores e alunos possam realizar. O grandedesafio está na combinação do técnico com o pedagógico e, essencialmentena formação do professor para que ele saiba orientar e desafiar o aluno paraque a atividade usando as TICs contribuindo para a aquisição de novosconhecimentos.A leitura feita do texto de Silvio P. Costa “Mídias-Educação no contexto escolar;Mapeamento crítico dos trabalhos realizados nas escolas de Florianópolis”nos conduzem a reflexão de questões que se fazem presente em nossocontexto educacional, no que diz respeito ao uso das mídias. Um ponto citadopelo autor (p. 202) é relevante para repensarmos a prática escolar como via aouso das mídias como educação é quando este diz que “não há mídia que nãopossa ser usada na escola. Entende-se que os professores devem adequar aprática pedagógica integrando as mídias. É fundamental a integração dediferentes recursos, como por exemplo: texto escrito, comunicação oral, aescrita, hipertextual e multimídia. É preciso reconhecer o potencial doaudiovisual no proceso ensino apredizagem. Portanto, vivemos numa sociedade onde a cada segundo, milhares deinformações são oferecidas diariamente aos nossos jovens, configurando umanova visão cultural na qual dimensões geográficas, históricas e encontros comdiversos tipos de objetos (Vídeo, rádio, jornal e internet, celular, etc.) não setornam empecilhos para comunicação, exercendo assim, influência constantesobre os saberes dessa nova geração A escola, dessa forma, deve cumprir seu papel de formadora do novocidadão e, para isso, não dispensar a colaboração que os meios decomunicação podem dar. O professor deve levar o aluno a compreender osentido implícito e explícito das informações oferecidas pela mídia, contribuindopara formação de um receptor ativo, seletivo e autônomo em relação aossentidos originais das mensagens midiáticas, reconstruindo seu própriosignificado.

×