SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 14
Baixar para ler offline
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 1/ 14
Exame Final Nacional do Ensino Secundário
Prova Escrita de Filosofia
11.º Ano de Escolaridade
Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho
Prova 714/1.ª Fase	
Critérios de Classificação	 14 Páginas
2014
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 2/ 14
critérios gerais de classificação
A classificação a atribuir a cada resposta resulta da aplicação dos critérios gerais e dos critérios específicos
apresentados para cada item e é expressa por um número inteiro.
A ausência de indicação inequívoca da versão da prova implica a classificação com zero pontos das respostas
aos itens de escolha múltipla.
As respostas ilegíveis são classificadas com zero pontos.
Em caso de omissão ou de engano na identificação de uma resposta, esta pode ser classificada se for
possível identificar inequivocamente o item a que diz respeito.
Se for apresentada mais do que uma resposta ao mesmo item, só é classificada a resposta que surgir em
primeiro lugar.
Nos itens integrados em grupos com percursos alternativos, se forem apresentadas respostas a itens de
percursos diferentes, apenas será considerada para classificação a resposta que surgir em primeiro lugar. A
todas as outras respostas será atribuída a classificação de zero pontos.
No presente ano letivo, continuarão a ser consideradas corretas as grafias que seguirem o que se encontra
previsto quer no Acordo Ortográfico de 1945, quer no de 1990 (atualmente em vigor), mesmo quando se
utilizem as duas grafias na mesma prova.
Itens de seleção
Nos itens de escolha múltipla, a cotação do item só é atribuída às respostas que apresentem de forma
inequívoca a opção correta. Todas as outras respostas são classificadas com zero pontos.
Nas respostas aos itens de escolha múltipla, a transcrição do texto da opção escolhida deve ser considerada
equivalente à indicação da letra correspondente.
Itens de construção
Nos itens de resposta restrita e de resposta extensa, os critérios de classificação apresentam-se organizados
por níveis de desempenho. A cada nível de desempenho corresponde uma dada pontuação.
Os critérios de classificação das respostas a alguns itens da prova apresentam níveis de desempenho
intercalares não descritos. Sempre que uma resposta revele um desempenho que não se integre em nenhum
de dois níveis descritos consecutivos, deve ser-lhe atribuída a pontuação correspondente ao nível intercalar
que os separa.
Nas respostas classificadas por níveis de desempenho, se permanecerem dúvidas quanto ao nível a atribuir,
deve optar-se pelo nível mais elevado de entre os dois tidos em consideração.
É classificada com zero pontos qualquer resposta que não atinja o nível 1 de desempenho.
As respostas que não apresentem exatamente os termos ou expressões constantes dos critérios específicos
de classificação devem ser classificadas em igualdade de circunstâncias com aquelas que os apresentam,
desde que o seu conteúdo seja cientificamente válido, adequado ao solicitado e enquadrado pelos documentos
curriculares de referência.
Na resposta aos itens de resposta restrita com cotação igual ou superior a 15 pontos (excetuando os itens
relativos à lógica aristotélica e à lógica proposicional) e aos itens de resposta extensa, a classificação a
atribuir traduz a avaliação do desempenho no domínio específico da disciplina e no domínio da comunicação
escrita em língua portuguesa, realizando-se esta última de acordo com os níveis a seguir descritos.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 3/ 14
Níveis Descritores
3 Texto claro e correto nos planos da sintaxe, da pontuação e da ortografia.
2
Texto com incorreções nos planos da sintaxe, da pontuação ou da
ortografia que não afetam a sua clareza.
1
Texto com incorreções nos planos da sintaxe, da pontuação ou da
ortografia que afetam parcialmente a sua clareza.
No caso de a resposta não atingir o nível 1 de desempenho no domínio específico da disciplina, não é
classificado o desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 4/ 14
critérios específicos de classificação
GRUPO I
Item Versão 1 Versão 2 Pontuação
01. (B) (A) 5
02. (A) (B) 5
03. (C) (A) 5
04. (D) (C) 5
05. (C) (B) 5
06. (D) (D) 5
07. (D) (C) 5
08. (B) (C) 5
09. (C) (B) 5
10. (A) (D) 5
Total (C) 50
GRUPO II
PERCURSO A
1. A. .................................................................................................................................................	 15 pontos
Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação
3
Escreve o silogismo completo na forma padrão:
–– escreve corretamente a premissa menor do silogismo;
–– escreve corretamente a conclusão na forma Algum X é Y.
15
2
Escreve corretamente a premissa menor do silogismo.
Não escreve a conclusão na forma Algum X é Y.
10
1
Não escreve a premissa menor do silogismo, ou escreve-a incorretamente.
Escreve corretamente a conclusão na forma Algum X é Y.
5
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes.
Apresentação do silogismo completo na forma padrão:
Alguns crentes são religiosos.
Todos os crentes são pecadores.
Logo, alguns pecadores são religiosos.
Nota: Se a resposta apresentar apenas, corretamente, a premissa menor do silogismo, deve ser enquadrada no nível 2
de desempenho.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 5/ 14
2. A. .................................................................................................................................................	 15 pontos
Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação
3
Identifica a falácia silogística presente no argumento, referindo o seu nome ou
caracterizando-a adequadamente.
Justifica, com clareza e precisão, a identificação feita.
15
2
Identifica a falácia silogística presente no argumento, referindo o seu nome ou
caracterizando-a adequadamente.
Justifica, parcialmente ou com imprecisões, a identificação feita.
10
1
Identifica a falácia silogística presente no argumento, referindo o seu nome ou
caracterizando-a adequadamente, mas não justifica a identificação feita, ou justifica-a
incorretamente.
OU
Refere corretamente um aspeto da distribuição dos termos do silogismo, mas não
identifica a falácia silogística presente no argumento, ou identifica-a incorretamente.
5
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros equivalentes.
Identificação da falácia:
–– falácia do termo médio não distribuído.
Justificação da resposta:
–– o termo médio, «inteligentes», é predicado de uma (universal) afirmativa na premissa menor e é
sujeito de uma particular (negativa) na premissa maior;
–– o termo médio não está distribuído em nenhuma das premissas.
PERCURSO B
1. B. .................................................................................................................................................	 15 pontos
Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação
3
Constrói um argumento válido:
–– escreve corretamente a segunda premissa do argumento;
–– identifica corretamente a forma de inferência válida aplicada.
15
2
Escreve corretamente a segunda premissa do argumento.
Não identifica a forma de inferência válida aplicada, ou identifica-a incorretamente.
10
1
Não escreve a segunda premissa do argumento, ou escreve «O Tiago é jornalista».
Identifica corretamente a forma de inferência válida pedida.
5
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes.
Apresentação do argumento:
O Tiago é jornalista ou não usa microfone.
O Tiago não é jornalista.
Logo, o Tiago não usa microfone.
Identificação da forma de inferência válida aplicada:
–– silogismo disjuntivo.
Nota: Se a resposta apresentar apenas, corretamente, a segunda premissa do argumento, deve ser enquadrada no
nível 2 de desempenho.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 6/ 14
2. B. .................................................................................................................................................	 15 pontos
Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação
3
Determina corretamente o valor de verdade da proposição.
Justifica, explicitando, com clareza e precisão, o raciocínio feito.
15
2
Determina corretamente o valor de verdade da proposição.
Justifica, apresentando, parcialmente ou com imprecisões, o raciocínio feito.
OU
Apresenta uma estratégia adequada e completa de resolução do problema, mas comete
um erro de raciocínio, não determinando, ou determinando incorretamente, o valor de
verdade da proposição.
10
1
Determina corretamente o valor de verdade da proposição, mas não apresenta qualquer
justificação.
OU
Refere corretamente um aspeto da estratégia de resolução do problema, mas não
completa o raciocínio, não determinando, ou determinando incorretamente, o valor de
verdade da proposição.
5
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros equivalentes.
Determinação do valor de verdade da proposição:
–– é possível determinar o valor de verdade da proposição dada;
–– (na condição dada,) a proposição «Se a Joana não está sentada, então está a correr» é verdadeira.
Justificação:
–– «A Joana não está sentada» é a negação de «A Joana está sentada»;
–– se a proposição «A Joana está sentada» for verdadeira, então a antecedente da condicional,
«A Joana não está sentada», será falsa;
–– uma condicional é verdadeira sempre que a sua antecedente é falsa.
Nota: Se, na resposta, não for indicado que «é possível determinar o valor de verdade da proposição dada», mas for
referido que a proposição é verdadeira, a resposta não deve ser desvalorizada.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 7/ 14
GRUPO III
1.1. ..................................................................................................................................................	 15 pontos
Descritores do nível de desempenho no domínio
da comunicação escrita em língua portuguesa
Descritores do nível de desempenho
no domínio específico da disciplina
Níveis*
1 2 3
Níveis
3
Responde, com clareza e correção, à pergunta formulada, mostrando compreensão
do determinismo radical.
Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes.
13 14 15
2
Responde, parcialmente ou com imprecisões, à pergunta formulada.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
8 9 10
1
Refere corretamente aspetos do determinismo radical, mas não responde à
pergunta formulada.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
3 4 5
* Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes.
Apresentação da perspetiva dos deterministas radicais sobre a «sensação interior de liberdade»:
–– segundo os deterministas radicais, essa sensação é uma ilusão;
–– a ilusão resulta do desconhecimento das causas das nossas crenças e dos nossos desejos / das
causas que nos levam a agir de uma determinada forma;
–– se conhecêssemos as causas das nossas crenças e dos nossos desejos / as causas que nos levam a
agir de uma determinada forma, compreenderíamos que a nossa ação resulta dessas causas, e não
da nossa vontade livre.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 8/ 14
1.2. ..................................................................................................................................................	 15 pontos
Descritores do nível de desempenho no domínio
da comunicação escrita em língua portuguesa
Descritores do nível de desempenho
no domínio específico da disciplina
Níveis*
1 2 3
Níveis
3
Apresenta, com clareza e correção, uma objeção ao determinismo radical.
Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes.
13 14 15
2
Refere, com imprecisões, aspetos de uma objeção ao determinismo radical.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
8 9 10
1
Refere corretamente aspetos de uma perspetiva contrária ao determinismo radical,
mas não apresenta uma objeção.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
3 4 5
* Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes.
Apresentação de uma objeção ao determinismo radical:
–– se não existisse livre-arbítrio, não existiria responsabilidade moral;
–– as emoções e os sentimentos morais (como a culpa ou a gratidão) implicam a imputação de
responsabilidade e, consequentemente, o reconhecimento de uma vontade livre nos agentes morais.
OU
–– a experiência de fazermos escolhas genuínas / «sensação interior de liberdade» é muito intensa,
gerando uma convicção muito forte de que temos livre-arbítrio;
–– para negarmos que temos livre-arbítrio, seriam precisos argumentos ainda mais fortes do que a
convicção gerada pela intensidade da experiência de fazermos escolhas genuínas.
OU
–– o facto de as nossas crenças e os nossos desejos serem causados por acontecimentos anteriores
não exclui a intervenção da vontade;
–– ponderamos as nossas crenças e os nossos desejos e escolhemos aqueles em função dos quais
agimos; essa escolha resulta da intervenção da vontade.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 9/ 14
2. .....................................................................................................................................................	 25 pontos
Descritores do nível de desempenho no domínio
da comunicação escrita em língua portuguesa
Descritores do nível de desempenho
no domínio específico da disciplina
Níveis*
1 2 3
Níveis
5
Compara, com clareza e correção, as duas perspetivas.
Integra adequadamente informação do texto.
Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes.
23 24 25
4 NÍVEL INTERCALAR 18 19 20
3
Compara, parcialmente ou com imprecisões, as duas perspetivas.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
OU
Caracteriza adequadamente as duas perspetivas, mas sem as comparar.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
13 14 15
2 NÍVEL INTERCALAR 8 9 10
1
Refere corretamente um aspeto que distingue as duas perspetivas.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
OU
Caracteriza, parcialmente ou com imprecisões, uma das perspetivas.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
3 4 5
* Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes.
Comparação das perspetivas de Kant e de Mill:
–– na perspetiva de Kant, as consequências são irrelevantes para determinar o valor moral da ação; na
perspetiva de Mill, as consequências determinam o valor moral da ação;
–– na perspetiva de Kant, uma ação é boa dependendo da intenção do agente; na perspetiva de Mill, uma
ação é boa se é útil;
–– na perspetiva de Kant, uma ação é boa quando é feita por respeito à lei moral; na perspetiva de Mill, uma
ação é boa se produz a maior felicidade para o maior número.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 10/ 14
GRUPO IV
1.1. ..................................................................................................................................................	 20 pontos
Descritores do nível de desempenho no domínio
da comunicação escrita em língua portuguesa
Descritores do nível de desempenho
no domínio específico da disciplina
Níveis*
1 2 3
Níveis
5
Explicita, com clareza e correção, as razões usadas no texto, mostrando
compreensão do argumento de Hume.
Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes.
18 19 20
4 NÍVEL INTERCALAR 14 15 16
3
Refere, com imprecisões, as razões usadas no texto.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
OU
Explicita, com clareza e correção, uma das razões usadas no texto.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
10 11 12
2 NÍVEL INTERCALAR 6 7 8
1
Refere corretamente aspetos da tese empirista de Hume (por exemplo, refere o
princípio de que as ideias são cópias das impressões), mas não explicita as razões
usadas no texto.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
OU
Transcreve exclusivamente os excertos do texto que contêm o argumento de Hume.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
2 3 4
* Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes.
Explicitação das razões usadas no texto:
–– se as ideias não derivassem das impressões dos sentidos, os cegos e os surdos seriam capazes de
formar ideias das cores e dos sons, respetivamente;
–– os cegos e os surdos são incapazes de formar ideias das cores e dos sons, respetivamente.
OU
–– se as ideias não derivassem das impressões dos sentidos, as pessoas com uma incapacidade que as
priva de um certo tipo de sensações poderiam, ainda assim, ter as ideias correspondentes;
–– as pessoas com uma incapacidade que as priva de um certo tipo de sensações não podem ter as
ideias correspondentes.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 11/ 14
1.2. ..................................................................................................................................................	 15 pontos
Descritores do nível de desempenho no domínio
da comunicação escrita em língua portuguesa
Descritores do nível de desempenho
no domínio específico da disciplina
Níveis*
1 2 3
Níveis
3
Identifica corretamente a posição de Descartes.
Justifica, explicitando uma ou mais ideias que, pela sua origem, constituem
contraexemplos à tese apresentada.
Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes.
13 14 15
2
Identifica corretamente a posição de Descartes.
Justifica, referindo uma ideia que, pela sua origem, constitui um contraexemplo à
tese apresentada.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
OU
Mostra compreensão da perspetiva cartesiana sobre a origem das ideias, mas não
identifica a posição de Descartes.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
8 9 10
1
Identifica corretamente a posição de Descartes, mas não justifica.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
OU
Refere corretamente aspetos da tese racionalista de Descartes, mas não identifica
a sua posição.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
3 4 5
* Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes.
Identificação da posição de Descartes:
–– Descartes não concordaria com a tese apresentada.
Justificação:
–– temos ideias que não poderiam ter tido origem nos sentidos, como o cogito / «eu penso», cuja origem
é a priori / só pode ser o próprio ato de pensar;
–– temos ideias inatas, (como a ideia de Deus,) que possuímos desde que nascemos, sem qualquer
intervenção dos sentidos.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 12/ 14
2. .....................................................................................................................................................	 30 pontos
Descritores do nível de desempenho no domínio
da comunicação escrita em língua portuguesa
Descritores do nível de desempenho
no domínio específico da disciplina
Níveis*
1 2 3
Níveis
5
Identifica corretamente o problema discutido.
Apresenta inequivocamente uma posição de concordância, total ou parcial, ou de
discordância, total ou parcial.
Justifica adequadamente a posição defendida, articulando, com clareza e correção,
razões que apoiam a posição defendida e/ou objeções à posição contrária.
Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes.
27 29 30
4 NÍVEL INTERCALAR 21 23 24
3
Não identifica o problema discutido, ou identifica-o incorretamente.
Apresenta uma posição de concordância, total ou parcial, ou de discordância, total
ou parcial.
Justifica a posição defendida, referindo, de forma globalmente correta, razões que
apoiam a posição defendida e/ou objeções à posição contrária.
Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos
relevantes.
15 17 18
2 NÍVEL INTERCALAR 9 11 12
1
Não identifica o problema discutido, ou identifica-o incorretamente.
Apresenta uma posição de concordância, total ou parcial, ou de discordância, total
ou parcial.
Justifica de modo incipiente a posição defendida, referindo, com imprecisões, uma
razão que apoia a posição defendida ou uma objeção à posição contrária.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
OU
Identifica corretamente o problema discutido, mas não apresenta uma posição, ou
apresenta uma posição injustificada.
Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos
relevantes e corretos apresentados.
3 5 6
* Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 13/ 14
Cenário de resposta
A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes.
Identificação do problema discutido:
–– o progresso / o avanço da ciência.
Apresentação inequívoca da posição defendida.
Justificação da posição defendida:
−− No caso de o examinando concordar com a perspetiva de Kuhn:
•  existem períodos de ciência normal em que a prática científica é orientada por um paradigma e em
que o desenvolvimento da ciência é cumulativo;
•  os períodos de ciência normal são interrompidos por períodos de ciência extraordinária que culminam
em revoluções científicas;
•  uma revolução científica consiste numa mudança de paradigma; o novo paradigma e o paradigma
anterior são incomensuráveis;
•  a incomensurabilidade dos paradigmas contraria a noção de que a ciência, no seu todo, progride
cumulativamente na direção da verdade.
−− No caso de o examinando discordar da perspetiva de Kuhn:
•  o progresso da ciência implica que as teorias possam ser comparadas;
•  as teorias podem ser comparadas considerando a sua resistência a testes empíricos rigorosos;
•  as novas teorias corrigem os erros das anteriores e alargam o seu campo de aplicação;
•  ao eliminar erros, as novas teorias aproximam-se cada vez mais da verdade.
COTAÇÕES
GRUPO I
11.	...........................................................................................................	 5 pontos
12.	...........................................................................................................	 5 pontos
13.	...........................................................................................................	 5 pontos
14.	...........................................................................................................	 5 pontos
15.	...........................................................................................................	 5 pontos
16.	...........................................................................................................	 5 pontos
17.	...........................................................................................................	 5 pontos
18.	...........................................................................................................	 5 pontos
19.	...........................................................................................................	 5 pontos
10.	...........................................................................................................	 5 pontos
50 pontos
GRUPO II
1.  (A ou B)	 ............................................................................................	 15 pontos
2.  (A ou B)	 ............................................................................................	 15 pontos
30 pontos
GRUPO III
1.
1.1.	....................................................................................................	 15 pontos
1.2.	....................................................................................................	 15 pontos
2.	............................................................................................................	 25 pontos
55 pontos
GRUPO IV
1.
1.1.	....................................................................................................	 20 pontos
1.2.	....................................................................................................	 15 pontos
2.	............................................................................................................	 30 pontos
65 pontos
	TOTAL..........................................  200 pontos
Prova 714/1.ª F. | CC • Página 14/ 14

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Pf port91-f1-2015-cc
Pf port91-f1-2015-ccPf port91-f1-2015-cc
Pf port91-f1-2015-ccPeroVaz
 
Pf port91-f2-2015-cc
Pf port91-f2-2015-ccPf port91-f2-2015-cc
Pf port91-f2-2015-ccPeroVaz
 
Pf port61 ch1_2013_cc
Pf port61 ch1_2013_ccPf port61 ch1_2013_cc
Pf port61 ch1_2013_ccAna Pereira
 
Critérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamadaCritérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamadaTiago Barata
 
214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)
214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)
214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)filomena morais
 
Critérios de classificação 6º ano
Critérios de classificação   6º anoCritérios de classificação   6º ano
Critérios de classificação 6º anolucar2010
 
Pf port41-f1-2015-cc-vt
Pf port41-f1-2015-cc-vtPf port41-f1-2015-cc-vt
Pf port41-f1-2015-cc-vtTó Silva
 
Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada Tiago Barata
 
Critérios de classificação 9º ano
Critérios de classificação   9º anoCritérios de classificação   9º ano
Critérios de classificação 9º anolucar2010
 
Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)
Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)
Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)Alexandre Ribeiro
 
Pf port91-ch2-2014-cc
Pf port91-ch2-2014-ccPf port91-ch2-2014-cc
Pf port91-ch2-2014-ccPeroVaz
 
Portugues 91-criterios
Portugues 91-criteriosPortugues 91-criterios
Portugues 91-criteriosmjoaoalves
 
Informação do exame de Português
Informação do exame de PortuguêsInformação do exame de Português
Informação do exame de Português12º A Golegã
 
Ti fqa11 abr2013_cc
Ti fqa11 abr2013_ccTi fqa11 abr2013_cc
Ti fqa11 abr2013_ccEnsinoFQ
 

Mais procurados (20)

Pf port91-f1-2015-cc
Pf port91-f1-2015-ccPf port91-f1-2015-cc
Pf port91-f1-2015-cc
 
Pf port91-f2-2015-cc
Pf port91-f2-2015-ccPf port91-f2-2015-cc
Pf port91-f2-2015-cc
 
1
11
1
 
Pf port61 ch1_2013_cc
Pf port61 ch1_2013_ccPf port61 ch1_2013_cc
Pf port61 ch1_2013_cc
 
Critérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamadaCritérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 9ºAno - 92 Matemátca - 1ªChamada
 
4
44
4
 
Pf 95-f1-2017-cc-vd
Pf 95-f1-2017-cc-vdPf 95-f1-2017-cc-vd
Pf 95-f1-2017-cc-vd
 
Lp22 Cc1 08
Lp22 Cc1 08Lp22 Cc1 08
Lp22 Cc1 08
 
214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)
214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)
214819647 2013-14-5-teste-7ºb-c-d-geog-mar-criterios-correcao-rp (1)
 
Critérios de classificação 6º ano
Critérios de classificação   6º anoCritérios de classificação   6º ano
Critérios de classificação 6º ano
 
Portugues
Portugues Portugues
Portugues
 
Pf port41-f1-2015-cc-vt
Pf port41-f1-2015-cc-vtPf port41-f1-2015-cc-vt
Pf port41-f1-2015-cc-vt
 
Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada
Critérios de Correção Prova Final 2013 - 91 Português - 1ªChamada
 
Critérios de classificação 9º ano
Critérios de classificação   9º anoCritérios de classificação   9º ano
Critérios de classificação 9º ano
 
Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)
Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)
Projeto Testes Intermédios 2012/2013 (Portugues)
 
Prova final 2 port
Prova final 2 portProva final 2 port
Prova final 2 port
 
Pf port91-ch2-2014-cc
Pf port91-ch2-2014-ccPf port91-ch2-2014-cc
Pf port91-ch2-2014-cc
 
Portugues 91-criterios
Portugues 91-criteriosPortugues 91-criterios
Portugues 91-criterios
 
Informação do exame de Português
Informação do exame de PortuguêsInformação do exame de Português
Informação do exame de Português
 
Ti fqa11 abr2013_cc
Ti fqa11 abr2013_ccTi fqa11 abr2013_cc
Ti fqa11 abr2013_cc
 

Semelhante a Prova de Filosofia - Critérios de Classificação

EX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdf
EX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdfEX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdf
EX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdfFJDOliveira
 
Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)
Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)
Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)Liliana Brito
 
Pf port91-ch1-2014-cc
Pf port91-ch1-2014-ccPf port91-ch1-2014-cc
Pf port91-ch1-2014-ccPeroVaz
 
Pf port91 ch1_2013_cc
Pf port91 ch1_2013_ccPf port91 ch1_2013_cc
Pf port91 ch1_2013_ccPeroVaz
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes margaridabt
 
Pf port91 ch2_2013_cc (1)
Pf port91 ch2_2013_cc (1)Pf port91 ch2_2013_cc (1)
Pf port91 ch2_2013_cc (1)PeroVaz
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testesCritérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testesmargaridabt
 
Critérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BGCritérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BGmargaridabt
 

Semelhante a Prova de Filosofia - Critérios de Classificação (13)

EX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdf
EX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdfEX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdf
EX-Port639-F1-2023-CC-VD_net.pdf
 
Criterios de 2020
Criterios de 2020Criterios de 2020
Criterios de 2020
 
Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)
Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)
Prova Mat 1º Ciclo - CC (2014/2015)
 
Ti inf2 out2012_bg_es
Ti inf2 out2012_bg_esTi inf2 out2012_bg_es
Ti inf2 out2012_bg_es
 
Pf port91-ch1-2014-cc
Pf port91-ch1-2014-ccPf port91-ch1-2014-cc
Pf port91-ch1-2014-cc
 
Pf port91-ch1-2014-cc
Pf port91-ch1-2014-ccPf port91-ch1-2014-cc
Pf port91-ch1-2014-cc
 
Pacc cc c._comum
Pacc cc c._comumPacc cc c._comum
Pacc cc c._comum
 
Pf port91 ch1_2013_cc
Pf port91 ch1_2013_ccPf port91 ch1_2013_cc
Pf port91 ch1_2013_cc
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes
 
Pf port91 ch2_2013_cc (1)
Pf port91 ch2_2013_cc (1)Pf port91 ch2_2013_cc (1)
Pf port91 ch2_2013_cc (1)
 
Critérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testesCritérios de classificação dos testes
Critérios de classificação dos testes
 
1
11
1
 
Critérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BGCritérios classificação testes BG
Critérios classificação testes BG
 

Mais de Luis De Sousa Rodrigues (20)

O essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofiaO essencial para os exames de filosofia
O essencial para os exames de filosofia
 
Unidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebroUnidade funcional do cérebro
Unidade funcional do cérebro
 
Tipos de vinculação
Tipos de vinculaçãoTipos de vinculação
Tipos de vinculação
 
Tipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagemTipos de aprendizagem
Tipos de aprendizagem
 
Teorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoçõesTeorias sobre as emoções
Teorias sobre as emoções
 
Relações precoces
Relações precocesRelações precoces
Relações precoces
 
Raízes da vinculação
Raízes da vinculaçãoRaízes da vinculação
Raízes da vinculação
 
Processos conativos
Processos conativosProcessos conativos
Processos conativos
 
Perturbações da vinculação
Perturbações da vinculaçãoPerturbações da vinculação
Perturbações da vinculação
 
Perceção e gestalt
Perceção e gestaltPerceção e gestalt
Perceção e gestalt
 
Os processos emocionais
Os processos emocionaisOs processos emocionais
Os processos emocionais
 
Os grupos
Os gruposOs grupos
Os grupos
 
O sistema nervoso
O sistema nervosoO sistema nervoso
O sistema nervoso
 
O que nos torna humanos
O que nos torna humanosO que nos torna humanos
O que nos torna humanos
 
Maslow e a motivação
Maslow e a motivaçãoMaslow e a motivação
Maslow e a motivação
 
Lateralidade cerebral
Lateralidade cerebralLateralidade cerebral
Lateralidade cerebral
 
Freud 9
Freud 9Freud 9
Freud 9
 
Freud 8
Freud 8Freud 8
Freud 8
 
Freud 7
Freud 7Freud 7
Freud 7
 
Freud 6
Freud 6Freud 6
Freud 6
 

Prova de Filosofia - Critérios de Classificação

  • 1. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 1/ 14 Exame Final Nacional do Ensino Secundário Prova Escrita de Filosofia 11.º Ano de Escolaridade Decreto-Lei n.º 139/2012, de 5 de julho Prova 714/1.ª Fase Critérios de Classificação 14 Páginas 2014
  • 2. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 2/ 14 critérios gerais de classificação A classificação a atribuir a cada resposta resulta da aplicação dos critérios gerais e dos critérios específicos apresentados para cada item e é expressa por um número inteiro. A ausência de indicação inequívoca da versão da prova implica a classificação com zero pontos das respostas aos itens de escolha múltipla. As respostas ilegíveis são classificadas com zero pontos. Em caso de omissão ou de engano na identificação de uma resposta, esta pode ser classificada se for possível identificar inequivocamente o item a que diz respeito. Se for apresentada mais do que uma resposta ao mesmo item, só é classificada a resposta que surgir em primeiro lugar. Nos itens integrados em grupos com percursos alternativos, se forem apresentadas respostas a itens de percursos diferentes, apenas será considerada para classificação a resposta que surgir em primeiro lugar. A todas as outras respostas será atribuída a classificação de zero pontos. No presente ano letivo, continuarão a ser consideradas corretas as grafias que seguirem o que se encontra previsto quer no Acordo Ortográfico de 1945, quer no de 1990 (atualmente em vigor), mesmo quando se utilizem as duas grafias na mesma prova. Itens de seleção Nos itens de escolha múltipla, a cotação do item só é atribuída às respostas que apresentem de forma inequívoca a opção correta. Todas as outras respostas são classificadas com zero pontos. Nas respostas aos itens de escolha múltipla, a transcrição do texto da opção escolhida deve ser considerada equivalente à indicação da letra correspondente. Itens de construção Nos itens de resposta restrita e de resposta extensa, os critérios de classificação apresentam-se organizados por níveis de desempenho. A cada nível de desempenho corresponde uma dada pontuação. Os critérios de classificação das respostas a alguns itens da prova apresentam níveis de desempenho intercalares não descritos. Sempre que uma resposta revele um desempenho que não se integre em nenhum de dois níveis descritos consecutivos, deve ser-lhe atribuída a pontuação correspondente ao nível intercalar que os separa. Nas respostas classificadas por níveis de desempenho, se permanecerem dúvidas quanto ao nível a atribuir, deve optar-se pelo nível mais elevado de entre os dois tidos em consideração. É classificada com zero pontos qualquer resposta que não atinja o nível 1 de desempenho. As respostas que não apresentem exatamente os termos ou expressões constantes dos critérios específicos de classificação devem ser classificadas em igualdade de circunstâncias com aquelas que os apresentam, desde que o seu conteúdo seja cientificamente válido, adequado ao solicitado e enquadrado pelos documentos curriculares de referência. Na resposta aos itens de resposta restrita com cotação igual ou superior a 15 pontos (excetuando os itens relativos à lógica aristotélica e à lógica proposicional) e aos itens de resposta extensa, a classificação a atribuir traduz a avaliação do desempenho no domínio específico da disciplina e no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa, realizando-se esta última de acordo com os níveis a seguir descritos.
  • 3. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 3/ 14 Níveis Descritores 3 Texto claro e correto nos planos da sintaxe, da pontuação e da ortografia. 2 Texto com incorreções nos planos da sintaxe, da pontuação ou da ortografia que não afetam a sua clareza. 1 Texto com incorreções nos planos da sintaxe, da pontuação ou da ortografia que afetam parcialmente a sua clareza. No caso de a resposta não atingir o nível 1 de desempenho no domínio específico da disciplina, não é classificado o desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa.
  • 4. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 4/ 14 critérios específicos de classificação GRUPO I Item Versão 1 Versão 2 Pontuação 01. (B) (A) 5 02. (A) (B) 5 03. (C) (A) 5 04. (D) (C) 5 05. (C) (B) 5 06. (D) (D) 5 07. (D) (C) 5 08. (B) (C) 5 09. (C) (B) 5 10. (A) (D) 5 Total (C) 50 GRUPO II PERCURSO A 1. A. ................................................................................................................................................. 15 pontos Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação 3 Escreve o silogismo completo na forma padrão: –– escreve corretamente a premissa menor do silogismo; –– escreve corretamente a conclusão na forma Algum X é Y. 15 2 Escreve corretamente a premissa menor do silogismo. Não escreve a conclusão na forma Algum X é Y. 10 1 Não escreve a premissa menor do silogismo, ou escreve-a incorretamente. Escreve corretamente a conclusão na forma Algum X é Y. 5 Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes. Apresentação do silogismo completo na forma padrão: Alguns crentes são religiosos. Todos os crentes são pecadores. Logo, alguns pecadores são religiosos. Nota: Se a resposta apresentar apenas, corretamente, a premissa menor do silogismo, deve ser enquadrada no nível 2 de desempenho.
  • 5. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 5/ 14 2. A. ................................................................................................................................................. 15 pontos Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação 3 Identifica a falácia silogística presente no argumento, referindo o seu nome ou caracterizando-a adequadamente. Justifica, com clareza e precisão, a identificação feita. 15 2 Identifica a falácia silogística presente no argumento, referindo o seu nome ou caracterizando-a adequadamente. Justifica, parcialmente ou com imprecisões, a identificação feita. 10 1 Identifica a falácia silogística presente no argumento, referindo o seu nome ou caracterizando-a adequadamente, mas não justifica a identificação feita, ou justifica-a incorretamente. OU Refere corretamente um aspeto da distribuição dos termos do silogismo, mas não identifica a falácia silogística presente no argumento, ou identifica-a incorretamente. 5 Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros equivalentes. Identificação da falácia: –– falácia do termo médio não distribuído. Justificação da resposta: –– o termo médio, «inteligentes», é predicado de uma (universal) afirmativa na premissa menor e é sujeito de uma particular (negativa) na premissa maior; –– o termo médio não está distribuído em nenhuma das premissas. PERCURSO B 1. B. ................................................................................................................................................. 15 pontos Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação 3 Constrói um argumento válido: –– escreve corretamente a segunda premissa do argumento; –– identifica corretamente a forma de inferência válida aplicada. 15 2 Escreve corretamente a segunda premissa do argumento. Não identifica a forma de inferência válida aplicada, ou identifica-a incorretamente. 10 1 Não escreve a segunda premissa do argumento, ou escreve «O Tiago é jornalista». Identifica corretamente a forma de inferência válida pedida. 5 Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes. Apresentação do argumento: O Tiago é jornalista ou não usa microfone. O Tiago não é jornalista. Logo, o Tiago não usa microfone. Identificação da forma de inferência válida aplicada: –– silogismo disjuntivo. Nota: Se a resposta apresentar apenas, corretamente, a segunda premissa do argumento, deve ser enquadrada no nível 2 de desempenho.
  • 6. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 6/ 14 2. B. ................................................................................................................................................. 15 pontos Níveis Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Pontuação 3 Determina corretamente o valor de verdade da proposição. Justifica, explicitando, com clareza e precisão, o raciocínio feito. 15 2 Determina corretamente o valor de verdade da proposição. Justifica, apresentando, parcialmente ou com imprecisões, o raciocínio feito. OU Apresenta uma estratégia adequada e completa de resolução do problema, mas comete um erro de raciocínio, não determinando, ou determinando incorretamente, o valor de verdade da proposição. 10 1 Determina corretamente o valor de verdade da proposição, mas não apresenta qualquer justificação. OU Refere corretamente um aspeto da estratégia de resolução do problema, mas não completa o raciocínio, não determinando, ou determinando incorretamente, o valor de verdade da proposição. 5 Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros equivalentes. Determinação do valor de verdade da proposição: –– é possível determinar o valor de verdade da proposição dada; –– (na condição dada,) a proposição «Se a Joana não está sentada, então está a correr» é verdadeira. Justificação: –– «A Joana não está sentada» é a negação de «A Joana está sentada»; –– se a proposição «A Joana está sentada» for verdadeira, então a antecedente da condicional, «A Joana não está sentada», será falsa; –– uma condicional é verdadeira sempre que a sua antecedente é falsa. Nota: Se, na resposta, não for indicado que «é possível determinar o valor de verdade da proposição dada», mas for referido que a proposição é verdadeira, a resposta não deve ser desvalorizada.
  • 7. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 7/ 14 GRUPO III 1.1. .................................................................................................................................................. 15 pontos Descritores do nível de desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Níveis* 1 2 3 Níveis 3 Responde, com clareza e correção, à pergunta formulada, mostrando compreensão do determinismo radical. Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes. 13 14 15 2 Responde, parcialmente ou com imprecisões, à pergunta formulada. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. 8 9 10 1 Refere corretamente aspetos do determinismo radical, mas não responde à pergunta formulada. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. 3 4 5 * Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação. Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes. Apresentação da perspetiva dos deterministas radicais sobre a «sensação interior de liberdade»: –– segundo os deterministas radicais, essa sensação é uma ilusão; –– a ilusão resulta do desconhecimento das causas das nossas crenças e dos nossos desejos / das causas que nos levam a agir de uma determinada forma; –– se conhecêssemos as causas das nossas crenças e dos nossos desejos / as causas que nos levam a agir de uma determinada forma, compreenderíamos que a nossa ação resulta dessas causas, e não da nossa vontade livre.
  • 8. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 8/ 14 1.2. .................................................................................................................................................. 15 pontos Descritores do nível de desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Níveis* 1 2 3 Níveis 3 Apresenta, com clareza e correção, uma objeção ao determinismo radical. Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes. 13 14 15 2 Refere, com imprecisões, aspetos de uma objeção ao determinismo radical. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. 8 9 10 1 Refere corretamente aspetos de uma perspetiva contrária ao determinismo radical, mas não apresenta uma objeção. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. 3 4 5 * Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação. Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes. Apresentação de uma objeção ao determinismo radical: –– se não existisse livre-arbítrio, não existiria responsabilidade moral; –– as emoções e os sentimentos morais (como a culpa ou a gratidão) implicam a imputação de responsabilidade e, consequentemente, o reconhecimento de uma vontade livre nos agentes morais. OU –– a experiência de fazermos escolhas genuínas / «sensação interior de liberdade» é muito intensa, gerando uma convicção muito forte de que temos livre-arbítrio; –– para negarmos que temos livre-arbítrio, seriam precisos argumentos ainda mais fortes do que a convicção gerada pela intensidade da experiência de fazermos escolhas genuínas. OU –– o facto de as nossas crenças e os nossos desejos serem causados por acontecimentos anteriores não exclui a intervenção da vontade; –– ponderamos as nossas crenças e os nossos desejos e escolhemos aqueles em função dos quais agimos; essa escolha resulta da intervenção da vontade.
  • 9. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 9/ 14 2. ..................................................................................................................................................... 25 pontos Descritores do nível de desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Níveis* 1 2 3 Níveis 5 Compara, com clareza e correção, as duas perspetivas. Integra adequadamente informação do texto. Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes. 23 24 25 4 NÍVEL INTERCALAR 18 19 20 3 Compara, parcialmente ou com imprecisões, as duas perspetivas. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. OU Caracteriza adequadamente as duas perspetivas, mas sem as comparar. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. 13 14 15 2 NÍVEL INTERCALAR 8 9 10 1 Refere corretamente um aspeto que distingue as duas perspetivas. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. OU Caracteriza, parcialmente ou com imprecisões, uma das perspetivas. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. 3 4 5 * Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação. Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes. Comparação das perspetivas de Kant e de Mill: –– na perspetiva de Kant, as consequências são irrelevantes para determinar o valor moral da ação; na perspetiva de Mill, as consequências determinam o valor moral da ação; –– na perspetiva de Kant, uma ação é boa dependendo da intenção do agente; na perspetiva de Mill, uma ação é boa se é útil; –– na perspetiva de Kant, uma ação é boa quando é feita por respeito à lei moral; na perspetiva de Mill, uma ação é boa se produz a maior felicidade para o maior número.
  • 10. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 10/ 14 GRUPO IV 1.1. .................................................................................................................................................. 20 pontos Descritores do nível de desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Níveis* 1 2 3 Níveis 5 Explicita, com clareza e correção, as razões usadas no texto, mostrando compreensão do argumento de Hume. Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes. 18 19 20 4 NÍVEL INTERCALAR 14 15 16 3 Refere, com imprecisões, as razões usadas no texto. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. OU Explicita, com clareza e correção, uma das razões usadas no texto. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. 10 11 12 2 NÍVEL INTERCALAR 6 7 8 1 Refere corretamente aspetos da tese empirista de Hume (por exemplo, refere o princípio de que as ideias são cópias das impressões), mas não explicita as razões usadas no texto. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. OU Transcreve exclusivamente os excertos do texto que contêm o argumento de Hume. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. 2 3 4 * Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação. Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes. Explicitação das razões usadas no texto: –– se as ideias não derivassem das impressões dos sentidos, os cegos e os surdos seriam capazes de formar ideias das cores e dos sons, respetivamente; –– os cegos e os surdos são incapazes de formar ideias das cores e dos sons, respetivamente. OU –– se as ideias não derivassem das impressões dos sentidos, as pessoas com uma incapacidade que as priva de um certo tipo de sensações poderiam, ainda assim, ter as ideias correspondentes; –– as pessoas com uma incapacidade que as priva de um certo tipo de sensações não podem ter as ideias correspondentes.
  • 11. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 11/ 14 1.2. .................................................................................................................................................. 15 pontos Descritores do nível de desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Níveis* 1 2 3 Níveis 3 Identifica corretamente a posição de Descartes. Justifica, explicitando uma ou mais ideias que, pela sua origem, constituem contraexemplos à tese apresentada. Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes. 13 14 15 2 Identifica corretamente a posição de Descartes. Justifica, referindo uma ideia que, pela sua origem, constitui um contraexemplo à tese apresentada. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. OU Mostra compreensão da perspetiva cartesiana sobre a origem das ideias, mas não identifica a posição de Descartes. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. 8 9 10 1 Identifica corretamente a posição de Descartes, mas não justifica. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. OU Refere corretamente aspetos da tese racionalista de Descartes, mas não identifica a sua posição. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. 3 4 5 * Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação. Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes. Identificação da posição de Descartes: –– Descartes não concordaria com a tese apresentada. Justificação: –– temos ideias que não poderiam ter tido origem nos sentidos, como o cogito / «eu penso», cuja origem é a priori / só pode ser o próprio ato de pensar; –– temos ideias inatas, (como a ideia de Deus,) que possuímos desde que nascemos, sem qualquer intervenção dos sentidos.
  • 12. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 12/ 14 2. ..................................................................................................................................................... 30 pontos Descritores do nível de desempenho no domínio da comunicação escrita em língua portuguesa Descritores do nível de desempenho no domínio específico da disciplina Níveis* 1 2 3 Níveis 5 Identifica corretamente o problema discutido. Apresenta inequivocamente uma posição de concordância, total ou parcial, ou de discordância, total ou parcial. Justifica adequadamente a posição defendida, articulando, com clareza e correção, razões que apoiam a posição defendida e/ou objeções à posição contrária. Estrutura adequadamente os conteúdos relevantes. 27 29 30 4 NÍVEL INTERCALAR 21 23 24 3 Não identifica o problema discutido, ou identifica-o incorretamente. Apresenta uma posição de concordância, total ou parcial, ou de discordância, total ou parcial. Justifica a posição defendida, referindo, de forma globalmente correta, razões que apoiam a posição defendida e/ou objeções à posição contrária. Apresenta a resposta com falhas na seleção e na estruturação dos conteúdos relevantes. 15 17 18 2 NÍVEL INTERCALAR 9 11 12 1 Não identifica o problema discutido, ou identifica-o incorretamente. Apresenta uma posição de concordância, total ou parcial, ou de discordância, total ou parcial. Justifica de modo incipiente a posição defendida, referindo, com imprecisões, uma razão que apoia a posição defendida ou uma objeção à posição contrária. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. OU Identifica corretamente o problema discutido, mas não apresenta uma posição, ou apresenta uma posição injustificada. Apresenta conteúdos irrelevantes e incorretos, que não contradizem os conteúdos relevantes e corretos apresentados. 3 5 6 * Descritores apresentados nos Critérios Gerais de Classificação.
  • 13. Prova 714/1.ª F. | CC • Página 13/ 14 Cenário de resposta A resposta integra os aspetos seguintes, ou outros igualmente relevantes. Identificação do problema discutido: –– o progresso / o avanço da ciência. Apresentação inequívoca da posição defendida. Justificação da posição defendida: −− No caso de o examinando concordar com a perspetiva de Kuhn: •  existem períodos de ciência normal em que a prática científica é orientada por um paradigma e em que o desenvolvimento da ciência é cumulativo; •  os períodos de ciência normal são interrompidos por períodos de ciência extraordinária que culminam em revoluções científicas; •  uma revolução científica consiste numa mudança de paradigma; o novo paradigma e o paradigma anterior são incomensuráveis; •  a incomensurabilidade dos paradigmas contraria a noção de que a ciência, no seu todo, progride cumulativamente na direção da verdade. −− No caso de o examinando discordar da perspetiva de Kuhn: •  o progresso da ciência implica que as teorias possam ser comparadas; •  as teorias podem ser comparadas considerando a sua resistência a testes empíricos rigorosos; •  as novas teorias corrigem os erros das anteriores e alargam o seu campo de aplicação; •  ao eliminar erros, as novas teorias aproximam-se cada vez mais da verdade.
  • 14. COTAÇÕES GRUPO I 11. ........................................................................................................... 5 pontos 12. ........................................................................................................... 5 pontos 13. ........................................................................................................... 5 pontos 14. ........................................................................................................... 5 pontos 15. ........................................................................................................... 5 pontos 16. ........................................................................................................... 5 pontos 17. ........................................................................................................... 5 pontos 18. ........................................................................................................... 5 pontos 19. ........................................................................................................... 5 pontos 10. ........................................................................................................... 5 pontos 50 pontos GRUPO II 1.  (A ou B) ............................................................................................ 15 pontos 2.  (A ou B) ............................................................................................ 15 pontos 30 pontos GRUPO III 1. 1.1. .................................................................................................... 15 pontos 1.2. .................................................................................................... 15 pontos 2. ............................................................................................................ 25 pontos 55 pontos GRUPO IV 1. 1.1. .................................................................................................... 20 pontos 1.2. .................................................................................................... 15 pontos 2. ............................................................................................................ 30 pontos 65 pontos TOTAL..........................................  200 pontos Prova 714/1.ª F. | CC • Página 14/ 14