SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 32
Centro de Filosofia e Ciências Humanas – CFCH Escola de Comunicação XXX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica Usos e apropriações da linguagem audiovisual na universidade: as experiências do webjornalismo audiovisual Carolina Pádua  – bolsista de Iniciação Artística e Cultural  Juliana Teixeira  – bolsista PIBIC Lidiane Queiroz  – bolsista de Iniciação Artística e Cultural Orientador: Profª. Drª. Beatriz Becker   Escola de Comunicação/UFRJ
Objetivos Investigar se as novas tecnologias garantem a promoção de um jornalismo audiovisual de maior qualidade na internet, mais crítico e criativo.  Propor uma reflexão crítica sobre as experiências de apropriação da linguagem audiovisual e das novas tecnologias de comunicação no ensino, na pesquisa e nas atividades de extensão, através de uma análise comparativa de quatro  web tvs universitárias.  Observar se  o s  sites  produzidos nas universidades do Rio de Janeiro são uma oportunidade de valorizar os cursos e a formação dos alunos, integrando teoria e prática, através de uma análise comparativa de quatro  webtvs  universitárias, escolhidos porque acreditamos que representam a diversidade do webjornalismo audiovisual acadêmico produzido no Rio de Janeiro. Propor perspectivas para o aprimoramento e o desenvolvimento do projeto TJUFRJ – o telejornal online da Escola de Comunicação da UFRJ, do qual somos bolsistas.
Hipóteses As novas tecnologias têm provocado aceleradas mudanças nas rotinas produtivas, mas não têm garantido um jornalismo mais contextualizado, criativo e crítico. Por isso, é necessário repensar a função do jornalismo na contemporaneidade.  Acreditamos que essa pesquisa é uma pequena contribuição no reconhecimento da produção jornalística audiovisual para a promoção do conhecimento.
Instrumentos teóricos Teorias do jornalismo ->  Nelson Traquina   ->  José Marques de Melo  ->  Antonio Hohlfeldt    ->   Eduardo Medistsch  ->  Felipe Pena
Instrumentos teóricos Semiologia dos discursos sociais ->  Norman Fairclough  ->  Milton Pinto  Jornalismo digital e novas tecnologias   ->  Manuel Castells  ->  Marcos Palácios    ->   Alex Primo  ->  Elias Machado  ->  Leila Nogueira  ->  Beatriz Becker e Marcos Henrique Lima
Instrumentos teóricos Estudos de mídia e de televisão de qualidade ->  Arlindo Machado ->  Beatriz Becker ,[object Object],[object Object]
Metodologia    O Grupo de Jornalismo On-line da Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia, o GJOL, realiza pesquisas desde o início de 1995. Conta com uma equipe de 13 pesquisadores, incluindo Marcos Palacios, Elias Machado e Leila Nogueira.  Os pesquisadores do GJOL adotam um modelo de metodologia híbrida, a qual utiliza procedimentos de pesquisa qualitativa e quantitativa de forma complementar dentro de um processo contínuo de investigação dos conceitos do jornalismo no ciberespaço.
Metodologia    Iremos utilizar quatro categorias para análise, inspiradas na metodologia do GJOL e sistematizadas em pesquisas anteriores do projeto TJUFRJ, cujos resultados foram apresentados em outros congressos como o Fórum Nacional de Professores de Jornalismo, a Intercom e o Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo:  (1) arquitetura do  site , que explicita as diferentes maneiras como as informações são disponibilizadas;  (2) hipertextualidade , que compreende a utilização de uma mesma infra-estrutura para oferecer serviços que antes necessitavam de mais de um suporte;  (3) editorialização , em que são abordados os tipos e as temáticas da informação transmitida e a narrativa utilizada no contexto geral da programação dos  sites ; e  (4) interatividade , que tem como principal função a fidelização dos usuários, fornecendo serviços de seus interesses e estabelecendo possibilidades dos internautas participarem da elaboração da produção jornalística.
Metodologia    Para alcançarmos nossos objetivos realizamos um mapeamento de quatro  webtvs  universitárias porque acreditamos que representam a diversidade do webjornalismo audiovisual acadêmico produzido no Rio de Janeiro.   ->  TJUFRJ  ->  webTV UFRJ  ->  TVUERJ Online  ->  PUC-Rio Digital
Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro TJUFRJ – o telejornal online da Escola de Comunicação da UFRJ  compreende um laboratório e um  site , experiências de integração entre teoria e prática, constituídas de atividades de ensino, pesquisa e extensão no campo da comunicação. Desde 2006, o projeto pretende promover a utilização de discursos e narrativas midiáticas mais críticas e criativas na distribuição e na multiplicação de conhecimentos relativos à produção acadêmica e à divulgação de eventos da Escola de Comunicação da UFRJ.  Homepage do TJUFRJ em 1º de agosto de 2008.
  Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro TJUFRJ ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
  Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro webTV UFRJ  é um projeto da Coordenadoria de Comunicação da UFRJ, implantado em 2007, para dotar a universidade de estruturas e meios de comunicação contemporâneos e permanentes, capazes de divulgar e difundir, para os públicos interno e externo, suas produções institucionais e acadêmicas, bem como as atividades desempenhadas por seus professores, alunos e técnicos. Homepage da webTV UFRJ em 31 de julho de 2008.
  Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro webTV UFRJ ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
  Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro TV UERJ Online  surgiu em junho de 2001 como a primeira televisão universitária online do Brasil. É uma produção da Faculdade de Comunicação Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro e sua proposta consiste no desenvolvimento da prática e do ensino de telejornalismo, utilizando a Internet, simultaneamente, como suporte e alternativa às redes convencionais de comunicação. Homepage da TV UERJ Online em 31 de julho de 2008
  Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro TV UERJ Online ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro Portal PUC – Rio Digital   foi lançado oficialmente no dia 15 de abril de 2008. É uma iniciativa do Departamento de Comunicação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, que disponibiliza materiais de texto, áudio e vídeo divididos nas categorias: Campus, País, Cidade, Mundo, Ciência e Tecnologia, Cultura e Esporte.   Homepage do Portal PUC – Rio em 1º de agosto de 2008
Mapeando a produção webjornalística audiovisual  universitária no Rio de Janeiro Portal PUC – Rio Digital ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Análise comparativa Sistematização dos dados Características TJ.UFRJ Web TV  UFRJ Tv UERJ PUC-Rio digital Acervo de vídeos produzido por alunos e bolsistas das universidades Forma de acesso aos vídeos Devem ser buscados na sessão “Vídeos” do site O vídeo principal é iniciado assim que se acessa o site Alguns disponíveis na primeira página e outros distribuídos nas 3 sessões Há sempre um vídeo na primeira página, que deve ser iniciado pelo internauta e outros na sessão “Televisão” Utilização de textos atrelados aos vídeos a fim de complementá-los Versões de matérias em rádio
Análise comparativa Sistematização dos dados Características TJ.UFRJ Web TV  UFRJ Tv UERJ PUC-Rio digital Presença marcante de Fotografias Disponibilização de curtas-metragem produzidos por alunos de cinema da universidade Principais cores utilizadas Laranja e preto Laranja, azul e preto Azul, laranja e verde Várias cores que variam de acordo com as seções: vermelho, laranja, azul, verde, cinza, preto Dispositivo de BUSCA ,[object Object]
Análise comparativa Resultados O portal da PUC-Rio digital se destaca quanto à arquitetura do site e quanto à quantidade, diversidade e atualização das reportagens, especialmente as audiovisuais. Acreditamos que isso se deve ao maior acesso a recursos técnicos e financeiros. O TJUFRJ é uma importante iniciativa na formação dos futuros profissionais, pois, além de integrar teoria e prática no ensino do jornalismo, propõe a experimentação no uso da linguagem audiovisual.  Por isso consideramos que o portal PUC-Rio digital e o TJUFRJ são as duas  webtvs  universitárias de maior qualidade, embora cada uma se destaque em diferentes aspectos.
Análise comparativa Resultados O sistema de publicação autônoma de vídeos foi uma tecnologia desenvolvida pela orientadora e pelos bolsistas do projeto, em parceria com os responsáveis pelo setor de multimídia do Núcleo de Computação Eletrônica e hoje confere total liberdade aos bolsistas na inserção dos materiais audiovisuais no  site . O projeto aproveita as novas tecnologias para socializar as informações  entre o grupo. Um exemplo é a lista de e-mails através do qual a coordenadora do projeto, os alunos e os bolsistas trocam mensagens com informações, dúvidas e sugestões para o aprimoramento do  site  e do laboratório. Outro exemplo é as reuniões virtuais para o aperfeiçoamento da publicação de conteúdos no  site .
Análise comparativa Resultados O laboratório e o  site  TJUFRJ já se consolidou como um território avançado de experimentação das novas possibilidades oferecidas pelas tecnologias da comunicação, em especial pela  web , na cobertura dos principais acontecimentos da Escola de Comunicação. Depois de quatro anos de atividades integrando teoria e prática, o projeto já gerou mais de 10 trabalhos publicados em periódicos científicos e anais e apresentados em congressos e jornadas de iniciação científica.
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Nova fase O projeto foi contemplado,  pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro – FAPERJ através do edital de Difusão e Popularização da Ciência e Tecnologia no Estado do Rio de Janeiro (Edital FAPERJ nº 17/2008), com recursos para ampliar suas atividades,  ingressando na sua nova fase e enfrentado os seguintes desafios:
Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Desafios da nova fase Propor novas perspectivas de apropriação da linguagem audiovisual para a divulgação científica  Multiplicar o acesso ao conhecimento, através de diferentes abordagens no tratamento das informações referentes à produção acadêmica e científica da UFRJ Disponibilizar conteúdos marcados pela inovação estética e pela diversidade e pluralidade de interpretações
Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Desafios da nova fase Promover experiências de educação à distância, integrando a graduação à pós-graduação e aproveitando a ambiência virtual para o desenvolvimento de uma percepção crítica das novas tecnologias de informação.  Contribuir para a formação de um canal compartilhado de televisão universitária, que disponibilizará a produção científica e acadêmica de diferentes instituições de ensino superior.
Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Para atingir tais objetivos, a  webtv  TJUFRJ passará por um processo de reformulação de suas estética e editorialização.  Essa transição acontecerá até o final do primeiro semestre de 2009 e compreenderá duas etapas: 1ª. Etapa :  ampliação e diversificação dos conteúdos disponibilizados pelo  site e  instalação de uma ilha de edição autônoma para os bolsistas do projeto . A cobertura dos eventos da ECO/UFRJ, pauta característica do TJUFRJ será ampliada a partir da produção de matérias sobre as diferentes áreas das ciências, contribuindo para a implantação da  Redeifes.
Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ ,[object Object],[object Object],[object Object],[object Object]
Indicações da pesquisa para o aperfeiçoamento do TJUFRJ ,[object Object],[object Object]
Indicações da pesquisa para o aperfeiçoamento do TJUFRJ ,[object Object],[object Object]
Indicações da pesquisa para o aperfeiçoamento do TJUFRJ ,[object Object],[object Object]

Mais conteúdo relacionado

Destaque

Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?
Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?
Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?Juliana Abade
 
As três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internetAs três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internetClaudio Toldo
 
Webjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitada
Webjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitadaWebjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitada
Webjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitadaJanine Motta
 
Webjornalismo: características
Webjornalismo: característicasWebjornalismo: características
Webjornalismo: característicasMayara de Araújo
 

Destaque (7)

Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?
Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?
Webjornalismo - Como escrever em redes sociais?
 
Características do webjornalismo
Características do webjornalismoCaracterísticas do webjornalismo
Características do webjornalismo
 
As três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internetAs três gerações do jornalismo na internet
As três gerações do jornalismo na internet
 
Aterosclerose
AteroscleroseAterosclerose
Aterosclerose
 
Thesis Slides
Thesis SlidesThesis Slides
Thesis Slides
 
Webjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitada
Webjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitadaWebjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitada
Webjornalismo da pirâmide invertida à pirâmide deitada
 
Webjornalismo: características
Webjornalismo: característicasWebjornalismo: características
Webjornalismo: características
 

Semelhante a Jornalismo audiovisual universitário

GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5
GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5
GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5casaredondacultural
 
UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...
UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...
UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...Pra Seguir em Frente 13
 
Um olhar sobre o telejornalismo online
Um olhar sobre o telejornalismo onlineUm olhar sobre o telejornalismo online
Um olhar sobre o telejornalismo onlineJocasta Luiza
 
Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...
Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...
Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...Portal de Periódicos UFSC
 
Programa Midias - NCE/USP 2008
Programa Midias  - NCE/USP 2008Programa Midias  - NCE/USP 2008
Programa Midias - NCE/USP 2008richard_romancini
 
Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...
Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...
Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...Universidade de Aveiro
 
TV digital e interatividade
TV digital e interatividadeTV digital e interatividade
TV digital e interatividadelabmidiaufmg
 
E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011
E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011
E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011Carolina Terra
 
Projecto de instalacão de uma televisão universitária
Projecto de instalacão de uma televisão universitáriaProjecto de instalacão de uma televisão universitária
Projecto de instalacão de uma televisão universitáriaSou estudante
 
Tr45 g05 dayseoliveira
Tr45 g05 dayseoliveiraTr45 g05 dayseoliveira
Tr45 g05 dayseoliveiraDayse Oliveira
 
UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017
UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017
UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017Yuri Girardi
 
Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...
Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...
Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...Happy Hour Comunicação
 
Slides webquest
Slides webquestSlides webquest
Slides webquestana paula
 
Telejornal TJ Campus
Telejornal TJ CampusTelejornal TJ Campus
Telejornal TJ CampusBarBlanco
 
Presentation slations2011
Presentation slations2011Presentation slations2011
Presentation slations2011silvadelina
 
Presentation slations2011
Presentation slations2011Presentation slations2011
Presentation slations2011Adelina Silva
 
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Bianca Santana
 

Semelhante a Jornalismo audiovisual universitário (20)

Jornalismo Científico
Jornalismo CientíficoJornalismo Científico
Jornalismo Científico
 
GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5
GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5
GESTÃO DO EMPREENDIMENTO CULTURAL E CRIATIVO - AULA 5
 
UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...
UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...
UMA NOVA LINGUAGEM, UM NOVO FORMATO: WEBTV UNIVERSITÁRIA, DA IDEOLOGIA AOS MO...
 
Um olhar sobre o telejornalismo online
Um olhar sobre o telejornalismo onlineUm olhar sobre o telejornalismo online
Um olhar sobre o telejornalismo online
 
Bibliotecate
BibliotecateBibliotecate
Bibliotecate
 
Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...
Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...
Relatoria: VI Ciclo de Debates Periódicos UFSC e I Encontro Nacional de Porta...
 
Programa Midias - NCE/USP 2008
Programa Midias  - NCE/USP 2008Programa Midias  - NCE/USP 2008
Programa Midias - NCE/USP 2008
 
Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...
Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...
Biblioteca-te! Disseminação e partilha de informação nas bibliotecas da Unive...
 
TV digital e interatividade
TV digital e interatividadeTV digital e interatividade
TV digital e interatividade
 
5 colaboratório apresentação
5 colaboratório apresentação5 colaboratório apresentação
5 colaboratório apresentação
 
E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011
E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011
E book II Jornada Discente do PPGCOM USP_2011
 
Projecto de instalacão de uma televisão universitária
Projecto de instalacão de uma televisão universitáriaProjecto de instalacão de uma televisão universitária
Projecto de instalacão de uma televisão universitária
 
Tr45 g05 dayseoliveira
Tr45 g05 dayseoliveiraTr45 g05 dayseoliveira
Tr45 g05 dayseoliveira
 
UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017
UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017
UNIFACS VIVA - AGOSTO 2017
 
Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...
Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...
Case: Assessoria de imprensa para projeto Ciência e Tecnologia em Campinas - ...
 
Slides webquest
Slides webquestSlides webquest
Slides webquest
 
Telejornal TJ Campus
Telejornal TJ CampusTelejornal TJ Campus
Telejornal TJ Campus
 
Presentation slations2011
Presentation slations2011Presentation slations2011
Presentation slations2011
 
Presentation slations2011
Presentation slations2011Presentation slations2011
Presentation slations2011
 
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...Encontro 4  exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
Encontro 4 exclusão digital e recursos que facilitam a apropriação das tecno...
 

Último

Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveaulasgege
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoSilvaDias3
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasRicardo Diniz campos
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptAlineSilvaPotuk
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxIsabellaGomes58
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESpatriciasofiacunha18
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfHenrique Pontes
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxkarinasantiago54
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASEdinardo Aguiar
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira partecoletivoddois
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxLuizHenriquedeAlmeid6
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxconcelhovdragons
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024Sandra Pratas
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdfCarlosRodrigues832670
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISVitor Vieira Vasconcelos
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoCelianeOliveira8
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfIedaGoethe
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresaulasgege
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileirosMary Alvarenga
 

Último (20)

Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chaveAula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
Aula - 2º Ano - Cultura e Sociedade - Conceitos-chave
 
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basicoPRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
PRIMEIRO---RCP - DEA - BLS estudos - basico
 
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecasMesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
Mesoamérica.Astecas,inca,maias , olmecas
 
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.pptTREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
TREINAMENTO - BOAS PRATICAS DE HIGIENE NA COZINHA.ppt
 
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptxQUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
QUARTA - 1EM SOCIOLOGIA - Aprender a pesquisar.pptx
 
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppttreinamento brigada incendio 2024 no.ppt
treinamento brigada incendio 2024 no.ppt
 
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕESPRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
PRÉ-MODERNISMO - GUERRA DE CANUDOS E OS SERTÕES
 
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdfBRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
BRASIL - DOMÍNIOS MORFOCLIMÁTICOS - Fund 2.pdf
 
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptxFree-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
Free-Netflix-PowerPoint-Template-pptheme-1.pptx
 
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNASQUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
QUIZ DE MATEMATICA SHOW DO MILHÃO PREPARAÇÃO ÇPARA AVALIAÇÕES EXTERNAS
 
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parteDança Contemporânea na arte da dança primeira parte
Dança Contemporânea na arte da dança primeira parte
 
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptxSlides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
Slides Lição 2, Central Gospel, A Volta Do Senhor Jesus , 1Tr24.pptx
 
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptxSlide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
Slide de exemplo sobre o Sítio do Pica Pau Amarelo.pptx
 
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
HORA DO CONTO3_BECRE D. CARLOS I_2023_2024
 
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdforganizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
organizaao-do-clube-de-lideres-ctd-aamar_compress.pdf
 
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGISPrática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
Prática de interpretação de imagens de satélite no QGIS
 
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e femininoGametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
Gametogênese, formação dos gametas masculino e feminino
 
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdfCurrículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
Currículo escolar na perspectiva da educação inclusiva.pdf
 
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autoresSociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
Sociologia Contemporânea - Uma Abordagem dos principais autores
 
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
19 de abril - Dia dos povos indigenas brasileiros
 

Jornalismo audiovisual universitário

  • 1. Centro de Filosofia e Ciências Humanas – CFCH Escola de Comunicação XXX Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica Usos e apropriações da linguagem audiovisual na universidade: as experiências do webjornalismo audiovisual Carolina Pádua – bolsista de Iniciação Artística e Cultural Juliana Teixeira – bolsista PIBIC Lidiane Queiroz – bolsista de Iniciação Artística e Cultural Orientador: Profª. Drª. Beatriz Becker Escola de Comunicação/UFRJ
  • 2. Objetivos Investigar se as novas tecnologias garantem a promoção de um jornalismo audiovisual de maior qualidade na internet, mais crítico e criativo. Propor uma reflexão crítica sobre as experiências de apropriação da linguagem audiovisual e das novas tecnologias de comunicação no ensino, na pesquisa e nas atividades de extensão, através de uma análise comparativa de quatro web tvs universitárias. Observar se o s sites produzidos nas universidades do Rio de Janeiro são uma oportunidade de valorizar os cursos e a formação dos alunos, integrando teoria e prática, através de uma análise comparativa de quatro webtvs universitárias, escolhidos porque acreditamos que representam a diversidade do webjornalismo audiovisual acadêmico produzido no Rio de Janeiro. Propor perspectivas para o aprimoramento e o desenvolvimento do projeto TJUFRJ – o telejornal online da Escola de Comunicação da UFRJ, do qual somos bolsistas.
  • 3. Hipóteses As novas tecnologias têm provocado aceleradas mudanças nas rotinas produtivas, mas não têm garantido um jornalismo mais contextualizado, criativo e crítico. Por isso, é necessário repensar a função do jornalismo na contemporaneidade. Acreditamos que essa pesquisa é uma pequena contribuição no reconhecimento da produção jornalística audiovisual para a promoção do conhecimento.
  • 4. Instrumentos teóricos Teorias do jornalismo -> Nelson Traquina -> José Marques de Melo -> Antonio Hohlfeldt -> Eduardo Medistsch -> Felipe Pena
  • 5. Instrumentos teóricos Semiologia dos discursos sociais -> Norman Fairclough -> Milton Pinto Jornalismo digital e novas tecnologias -> Manuel Castells -> Marcos Palácios -> Alex Primo -> Elias Machado -> Leila Nogueira -> Beatriz Becker e Marcos Henrique Lima
  • 6.
  • 7. Metodologia O Grupo de Jornalismo On-line da Faculdade de Comunicação da Universidade Federal da Bahia, o GJOL, realiza pesquisas desde o início de 1995. Conta com uma equipe de 13 pesquisadores, incluindo Marcos Palacios, Elias Machado e Leila Nogueira. Os pesquisadores do GJOL adotam um modelo de metodologia híbrida, a qual utiliza procedimentos de pesquisa qualitativa e quantitativa de forma complementar dentro de um processo contínuo de investigação dos conceitos do jornalismo no ciberespaço.
  • 8. Metodologia Iremos utilizar quatro categorias para análise, inspiradas na metodologia do GJOL e sistematizadas em pesquisas anteriores do projeto TJUFRJ, cujos resultados foram apresentados em outros congressos como o Fórum Nacional de Professores de Jornalismo, a Intercom e o Encontro Nacional de Pesquisadores em Jornalismo: (1) arquitetura do site , que explicita as diferentes maneiras como as informações são disponibilizadas; (2) hipertextualidade , que compreende a utilização de uma mesma infra-estrutura para oferecer serviços que antes necessitavam de mais de um suporte; (3) editorialização , em que são abordados os tipos e as temáticas da informação transmitida e a narrativa utilizada no contexto geral da programação dos sites ; e (4) interatividade , que tem como principal função a fidelização dos usuários, fornecendo serviços de seus interesses e estabelecendo possibilidades dos internautas participarem da elaboração da produção jornalística.
  • 9. Metodologia Para alcançarmos nossos objetivos realizamos um mapeamento de quatro webtvs universitárias porque acreditamos que representam a diversidade do webjornalismo audiovisual acadêmico produzido no Rio de Janeiro. -> TJUFRJ -> webTV UFRJ -> TVUERJ Online -> PUC-Rio Digital
  • 10. Mapeando a produção webjornalística audiovisual universitária no Rio de Janeiro TJUFRJ – o telejornal online da Escola de Comunicação da UFRJ compreende um laboratório e um site , experiências de integração entre teoria e prática, constituídas de atividades de ensino, pesquisa e extensão no campo da comunicação. Desde 2006, o projeto pretende promover a utilização de discursos e narrativas midiáticas mais críticas e criativas na distribuição e na multiplicação de conhecimentos relativos à produção acadêmica e à divulgação de eventos da Escola de Comunicação da UFRJ. Homepage do TJUFRJ em 1º de agosto de 2008.
  • 11.
  • 12. Mapeando a produção webjornalística audiovisual universitária no Rio de Janeiro webTV UFRJ é um projeto da Coordenadoria de Comunicação da UFRJ, implantado em 2007, para dotar a universidade de estruturas e meios de comunicação contemporâneos e permanentes, capazes de divulgar e difundir, para os públicos interno e externo, suas produções institucionais e acadêmicas, bem como as atividades desempenhadas por seus professores, alunos e técnicos. Homepage da webTV UFRJ em 31 de julho de 2008.
  • 13.
  • 14. Mapeando a produção webjornalística audiovisual universitária no Rio de Janeiro TV UERJ Online surgiu em junho de 2001 como a primeira televisão universitária online do Brasil. É uma produção da Faculdade de Comunicação Social da Universidade Estadual do Rio de Janeiro e sua proposta consiste no desenvolvimento da prática e do ensino de telejornalismo, utilizando a Internet, simultaneamente, como suporte e alternativa às redes convencionais de comunicação. Homepage da TV UERJ Online em 31 de julho de 2008
  • 15.
  • 16. Mapeando a produção webjornalística audiovisual universitária no Rio de Janeiro Portal PUC – Rio Digital foi lançado oficialmente no dia 15 de abril de 2008. É uma iniciativa do Departamento de Comunicação da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, que disponibiliza materiais de texto, áudio e vídeo divididos nas categorias: Campus, País, Cidade, Mundo, Ciência e Tecnologia, Cultura e Esporte. Homepage do Portal PUC – Rio em 1º de agosto de 2008
  • 17.
  • 18. Análise comparativa Sistematização dos dados Características TJ.UFRJ Web TV UFRJ Tv UERJ PUC-Rio digital Acervo de vídeos produzido por alunos e bolsistas das universidades Forma de acesso aos vídeos Devem ser buscados na sessão “Vídeos” do site O vídeo principal é iniciado assim que se acessa o site Alguns disponíveis na primeira página e outros distribuídos nas 3 sessões Há sempre um vídeo na primeira página, que deve ser iniciado pelo internauta e outros na sessão “Televisão” Utilização de textos atrelados aos vídeos a fim de complementá-los Versões de matérias em rádio
  • 19.
  • 20. Análise comparativa Resultados O portal da PUC-Rio digital se destaca quanto à arquitetura do site e quanto à quantidade, diversidade e atualização das reportagens, especialmente as audiovisuais. Acreditamos que isso se deve ao maior acesso a recursos técnicos e financeiros. O TJUFRJ é uma importante iniciativa na formação dos futuros profissionais, pois, além de integrar teoria e prática no ensino do jornalismo, propõe a experimentação no uso da linguagem audiovisual. Por isso consideramos que o portal PUC-Rio digital e o TJUFRJ são as duas webtvs universitárias de maior qualidade, embora cada uma se destaque em diferentes aspectos.
  • 21. Análise comparativa Resultados O sistema de publicação autônoma de vídeos foi uma tecnologia desenvolvida pela orientadora e pelos bolsistas do projeto, em parceria com os responsáveis pelo setor de multimídia do Núcleo de Computação Eletrônica e hoje confere total liberdade aos bolsistas na inserção dos materiais audiovisuais no site . O projeto aproveita as novas tecnologias para socializar as informações entre o grupo. Um exemplo é a lista de e-mails através do qual a coordenadora do projeto, os alunos e os bolsistas trocam mensagens com informações, dúvidas e sugestões para o aprimoramento do site e do laboratório. Outro exemplo é as reuniões virtuais para o aperfeiçoamento da publicação de conteúdos no site .
  • 22. Análise comparativa Resultados O laboratório e o site TJUFRJ já se consolidou como um território avançado de experimentação das novas possibilidades oferecidas pelas tecnologias da comunicação, em especial pela web , na cobertura dos principais acontecimentos da Escola de Comunicação. Depois de quatro anos de atividades integrando teoria e prática, o projeto já gerou mais de 10 trabalhos publicados em periódicos científicos e anais e apresentados em congressos e jornadas de iniciação científica.
  • 23.
  • 24.
  • 25. Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Nova fase O projeto foi contemplado, pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Rio de Janeiro – FAPERJ através do edital de Difusão e Popularização da Ciência e Tecnologia no Estado do Rio de Janeiro (Edital FAPERJ nº 17/2008), com recursos para ampliar suas atividades, ingressando na sua nova fase e enfrentado os seguintes desafios:
  • 26. Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Desafios da nova fase Propor novas perspectivas de apropriação da linguagem audiovisual para a divulgação científica Multiplicar o acesso ao conhecimento, através de diferentes abordagens no tratamento das informações referentes à produção acadêmica e científica da UFRJ Disponibilizar conteúdos marcados pela inovação estética e pela diversidade e pluralidade de interpretações
  • 27. Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Desafios da nova fase Promover experiências de educação à distância, integrando a graduação à pós-graduação e aproveitando a ambiência virtual para o desenvolvimento de uma percepção crítica das novas tecnologias de informação. Contribuir para a formação de um canal compartilhado de televisão universitária, que disponibilizará a produção científica e acadêmica de diferentes instituições de ensino superior.
  • 28. Perspectivas para o aperfeiçoamento do TJUFRJ Para atingir tais objetivos, a webtv TJUFRJ passará por um processo de reformulação de suas estética e editorialização. Essa transição acontecerá até o final do primeiro semestre de 2009 e compreenderá duas etapas: 1ª. Etapa : ampliação e diversificação dos conteúdos disponibilizados pelo site e instalação de uma ilha de edição autônoma para os bolsistas do projeto . A cobertura dos eventos da ECO/UFRJ, pauta característica do TJUFRJ será ampliada a partir da produção de matérias sobre as diferentes áreas das ciências, contribuindo para a implantação da Redeifes.
  • 29.
  • 30.
  • 31.
  • 32.