SlideShare uma empresa Scribd logo
1 de 9
Baixar para ler offline
VACINAÇÃO
  CONTRA A
POLIOMIELITE DE MULTIVACINAÇÃO
    CAMPANHA
Campanha de Multivacinação



Objetivo Geral
 


Atualizar o esquema vacinal de acordo com o calendário básico de 
vacinação na caderneta de saúde das crianças menores de 5 anos 
de idade.
Objetivos específicos
  Aumentar as coberturas vacinais para atingir a meta adequada. 
 Melhorar a homogeneidade das coberturas vacinais nos municípios. 
 Manter a eliminação do sarampo e da poliomielite.
  Atingir altas coberturas vacinais para o reforço das vacinas de 
poliomielite, tríplice viral e DTP, em especial, na faixa etária de 4 a 5 
anos.
 Reduzir a incidência das doenças imunopreveníveis, conforme o
calendário básico de vacinação das crianças menores de cinco
 anos de idade. 
Campanha de Multivacinação


    POPULAÇÃO ALVO
    As crianças menores de 5 anos de idade (0 a 4 anos11meses e 29 dias) 
com esquema vacinal em atraso para as vacinas do calendário básico de 
vacinação.

    PERÍODO
    18/08 a 24/08/ 2012 
    Dia “D”: 18/08


     Equipe mínima
       profissionais para triagem:  avaliar  atentamente  a  caderneta  de 
saúde da criança para identificar o (s) esquema (s) vacinal (is) em atraso.
      vacinador:  observar o tipo de vacina, o sitio de administração e o 
intervalo entre as doses de acordo com o calendário básico de vacinação 
da criança.
      registrador: anotar a vacina, dose, lote e data em que a vacina foi 
administrada  na  caderneta  de  saúde  da  criança  e  registrar  a  dose 
administrada no boletim diário de doses aplicadas da campanha.
Campanha de Multivacinação

Orientações sobre esquemas vacinais para Campanha de Multivacinação
                              Crianças de zero a menores de 5 anos

         Vacinas                                               Esquema vacinal
          BCG            Dose única ao nascer. Para as crianças não vacinadas menores de 5 anos de idade.
                         Administrar a 1ª dose em toda criança menor de 1 mês de idade não vacinada. 
        Hepatite B       Para a criança maiores de 1 mês de idade não vacinada, agendar a vacina pentavalente para os 
                         2 meses idade.
                         Crianças entre 2 meses e < 5 anos de idade  (4 anos 11 meses e 29 dias) sem doses anteriores 
       Pentavalente      deverão iniciar e concluir o esquema vacinal com pentavalente.

                         Crianças entre 2 meses e < 5 anos de idade  (4 anos 11 meses e 29 dias) sem doses anteriores 
                         deverão iniciar e concluir o esquema vacinal sequencial da VIP (1ª e 2ª doses) e VOP (3ª dose e 
        VIP/VOP –        reforço). 
         esquema         Crianças menores de 1 ano que receberam doses anteriores (1ª e/ou 2ª dose) de VIP, que não 
        sequencial       tenham contra-indicação de receber a VOP,  deverão seguir o esquema sequencial

                         Crianças  menores  de  5  anos  de  idade  que  iniciaram    esquema  com  VOP  deverá  completar  o 
           VOP           esquema com a vacina VOP.
                         1ª dose aos 2 meses de idade. 
                         2ª dose aos 4 meses de idade.
                         Criança com idade de 1 mês e 15  dias a 3 meses e 7 dias pode receber a 1ª dose desta  vacina.
                         Crianças com idade de 3 meses e 7 dias a 5 meses e 15 dias poderão receber a 2ª dose desta 
        Rotavírus
                         vacina.
                         Criança que não recebeu a 1ª dose, no intervalo recomendado, NÃO FARÁ a 2ª DOSE 


                         Crianças a partir dos 2 meses de idade, deverão receber 3 doses desta vacina com intervalo de 
                         2 meses entre elas, e uma dose de  reforço, preferencialmente aos 12 meses de idade.
     Pneumocócica     10 Crianças  entre  1  ano  e  2 anos incompletos de idade (1 ano, 11 meses e 29 dias) não 
     valente             vacinadas deverão  receber uma única dose desta vacina.
Campanha de Multivacinação




    Vacinas                                                  Esquema vacinal
                Crianças a partir dos 3 meses de idade, deverão receber 2 doses desta vacina com intervalo 
                de 2 meses entre elas, e uma dose de  reforço, preferencialmente  aos  15 meses de idade.
Meningocócica C
                Crianças  entre  1  ano  e  2 anos incompletos de idade (1 ano, 11 meses e 29 dias) não 
  conjugada
                vacinadas deverão  receber uma única dose desta vacina.

                   Crianças  a  partir  dos  9  meses  de  idade  deverão  receber  a  dose  inicial  desta  vacina  de 
                   acordo com a área de recomendação.
 Febre amarela     A vacina da FA e a vacina tríplice viral devem ser aplicadas com intervalo mínimo de 30 dias 
                   entre si. 
                   A vacina da FA  e a vacina pneumocócica 10V podem ser aplicadas SIMULTANEAMENTE.
                   Crianças  entre  1  ano  a  <  de  5  anos  de  idade  (4  anos,  11  meses  e  29  dias)  não  vacinada 
                   deverão  receber  duas  doses  desta  vacina:  1ª  dose  com  1  ano  de  idade  e  a  2ª  dose  aos  4 
  Tríplice viral
                   anos de idade.

                   Crianças  entre  1  ano  a  <  de  5  anos  de  idade  (4  anos,  11  meses  e  29  dias)  não  vacinada 
      DTP          deverão  receber  dois  reforços:  o  1º,  preferencialmente,    aos    15  meses  de  idade  e  2º,   
                   preferencialmente,  aos 4 anos de idade. 

                   Crianças  indígenas  menores  de  cinco  anos  deverão  receber  uma  dose,  conforme 
   Varicela**      recomendações do calendário de vacinação para os povos indígenas.


** Vacina que é disponibilizada às crianças indígenas conforme Portaria Nº 1946 de 19 de julho de 2010 que 
“Institui, em todo o território nacional, o Calendário de Vacinação para os Povos Indígenas” e que não está 
disponível no calendário básico de vacinação da criança.
Campanha de Multivacinação




A  vacina  pentavalente  e  o  esquema  sequencial  VIP/VOP  serão 
preconizados para as crianças que iniciarão esses esquemas e aquelas 
que  já  receberam  estas  vacinas,  e  a  vacina  pentavalente  para  as 
crianças  indígenas  (Portaria  Nº  1946  de  19  de  julho  de  2010  que 
“Institui, em todo o território nacional, o Calendário de Vacinação para 
os Povos Indígenas”).
Campanha de Multivacinação


   Registro de doses administradas

 Durante o período da campanha de multivacinação o registro das doses
    deverá ser realizado em um NOVO BOLETIM DIÁRIO DE VACINAÇÃO.
 O registro das doses de campanha deverá ser feito no site do Datasus , no
     SI-API e no SI-PNI.
 No SI-API deverão ser registradas as doses de campanha na estratégia rotina
 No SI-PNI deverão ser registradas as doses de campanha na estratégia 
Intensificação.
 A campanha de multivacinação não tem metas para cobertura vacinal. Será
    encaminhada  posteriormente uma estimativa da população a ser vacinada.
 O site para registro das doses de campanha ficará aberto até dia 31/08/2012  
(para os municípios). 
Campanha de Multivacinação


    Registro de doses administradas


BCG- No site registrar em DU e no API registrar em D1

Meningo - No site registrar em DU para a faixa etária de 1 ano e no API em D1.

Pncc10    – No site registrar em DU para a faixa etária de 1 ano e no API em D1

                 – Crianças de 10meses a 12 meses / 11meses a 13 meses receberão  D1 + reforço.

 VOP- Doses da vacina VOP administradas entre zero e menor de 2 meses de idade não 

serão consideradas para esquema de rotina. 

O SI-PNI não possui esquema sequencial. Deve ser registrado separadamente nas vacinas 

VIP(D1 e D2)e VOP (D3 e REF)

No site estará bloqueado o registro de D1 para VOP.
Campanha de Multivacinação




http://pni-hmg.datasus.gov.br

Mais conteúdo relacionado

Mais procurados

Idoso - acima de 60 anos
Idoso - acima de 60 anosIdoso - acima de 60 anos
Idoso - acima de 60 anosOtavio Soria
 
Calendario vacinação para gestantes
Calendario vacinação para gestantesCalendario vacinação para gestantes
Calendario vacinação para gestantessofiatech
 
Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016imunizacao
 
Calendário Nacional de Vacinação 2014
Calendário Nacional de Vacinação 2014Calendário Nacional de Vacinação 2014
Calendário Nacional de Vacinação 2014Ministério da Saúde
 
Calendario vacinacao crianca (1)
Calendario  vacinacao crianca (1)Calendario  vacinacao crianca (1)
Calendario vacinacao crianca (1)Alinebrauna Brauna
 
VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015
VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015
VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Crianca - 0 ate 10 anos
Crianca - 0 ate 10 anosCrianca - 0 ate 10 anos
Crianca - 0 ate 10 anosOtavio Soria
 
Apresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinha
Apresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinhaApresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinha
Apresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinhaMinistério da Saúde
 
VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016
VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016
VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Atualização calendário criança 2012 e 2013
Atualização calendário criança 2012 e 2013Atualização calendário criança 2012 e 2013
Atualização calendário criança 2012 e 2013Ministério da Saúde
 
Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde
Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde
Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Calen indio ena2010_tabelas
Calen indio ena2010_tabelasCalen indio ena2010_tabelas
Calen indio ena2010_tabelasSérgio Paiva
 
Programa Nacional de Vacinação 2017
Programa Nacional de Vacinação 2017Programa Nacional de Vacinação 2017
Programa Nacional de Vacinação 2017Mgfamiliar Net
 
Calendário de vacinas. apresentaçãopptx
Calendário de vacinas. apresentaçãopptxCalendário de vacinas. apresentaçãopptx
Calendário de vacinas. apresentaçãopptxJéssica Angelo
 
VACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de Pediatria
VACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de PediatriaVACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de Pediatria
VACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de PediatriaProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03
Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03
Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03Instituto Consciência GO
 
Calendário 2016 Vacinação Infantil EEEP
Calendário 2016 Vacinação Infantil EEEPCalendário 2016 Vacinação Infantil EEEP
Calendário 2016 Vacinação Infantil EEEPWALFRIDO Farias Gomes
 
VACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etárias
VACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etáriasVACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etárias
VACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etáriasProf. Marcus Renato de Carvalho
 
Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP
Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP
Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP Prof. Marcus Renato de Carvalho
 

Mais procurados (20)

Idoso - acima de 60 anos
Idoso - acima de 60 anosIdoso - acima de 60 anos
Idoso - acima de 60 anos
 
Calendario vacinação para gestantes
Calendario vacinação para gestantesCalendario vacinação para gestantes
Calendario vacinação para gestantes
 
Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016Apresentação Calendário Vacinal 2016
Apresentação Calendário Vacinal 2016
 
Calendário Nacional de Vacinação 2014
Calendário Nacional de Vacinação 2014Calendário Nacional de Vacinação 2014
Calendário Nacional de Vacinação 2014
 
Calendario vacinacao crianca (1)
Calendario  vacinacao crianca (1)Calendario  vacinacao crianca (1)
Calendario vacinacao crianca (1)
 
VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015
VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015
VACINAS do ADOLESCENTE - Calendário proposto pela SBIm 2015
 
Crianca - 0 ate 10 anos
Crianca - 0 ate 10 anosCrianca - 0 ate 10 anos
Crianca - 0 ate 10 anos
 
Apresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinha
Apresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinhaApresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinha
Apresentação - Campanha Nacional de Multivacinação #zegotinha
 
VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016
VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016
VACINAS: calendário da Sociedade Brasileira de Pediatria - 2016
 
Atualização calendário criança 2012 e 2013
Atualização calendário criança 2012 e 2013Atualização calendário criança 2012 e 2013
Atualização calendário criança 2012 e 2013
 
Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde
Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde
Calendário de VACINAÇÃO do SUS 2018 / Ministério da Saúde
 
Calen indio ena2010_tabelas
Calen indio ena2010_tabelasCalen indio ena2010_tabelas
Calen indio ena2010_tabelas
 
Programa Nacional de Vacinação 2017
Programa Nacional de Vacinação 2017Programa Nacional de Vacinação 2017
Programa Nacional de Vacinação 2017
 
Calendario vacinal 2014 São Paulo
Calendario vacinal 2014 São PauloCalendario vacinal 2014 São Paulo
Calendario vacinal 2014 São Paulo
 
Calendário de vacinas. apresentaçãopptx
Calendário de vacinas. apresentaçãopptxCalendário de vacinas. apresentaçãopptx
Calendário de vacinas. apresentaçãopptx
 
VACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de Pediatria
VACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de PediatriaVACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de Pediatria
VACINAS: novo calendário 2015 - Sociedade Brasileira de Pediatria
 
Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03
Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03
Aula Programa Nacional Imunizacao - Concurso Ipasgo - parte 01 de 03
 
Calendário 2016 Vacinação Infantil EEEP
Calendário 2016 Vacinação Infantil EEEPCalendário 2016 Vacinação Infantil EEEP
Calendário 2016 Vacinação Infantil EEEP
 
VACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etárias
VACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etáriasVACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etárias
VACINAS do Ministério da Saúde - SUS 2017: ampliação em todas as faixas etárias
 
Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP
Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP
Vacinação - calendário atualizado 2021 proposto pela SBP
 

Destaque

Boas práticas de manejo na Vacinação
Boas práticas de manejo na VacinaçãoBoas práticas de manejo na Vacinação
Boas práticas de manejo na VacinaçãoPortal Canal Rural
 
Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014
Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014
Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014Ismael Costa
 
Vacinação de equinos
Vacinação de equinosVacinação de equinos
Vacinação de equinosPedro Carvalho
 
Imunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasImunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasLABIMUNO UFBA
 
Farmacoterapia pediátrica e neonatal
Farmacoterapia pediátrica e neonatalFarmacoterapia pediátrica e neonatal
Farmacoterapia pediátrica e neonatalSandra Brassica
 
Aula 5 perfil dos agentes comunitários de saúde
Aula 5   perfil dos agentes comunitários de saúdeAula 5   perfil dos agentes comunitários de saúde
Aula 5 perfil dos agentes comunitários de saúdeAlinebrauna Brauna
 
Aula saúde-da-família[1][1]
Aula saúde-da-família[1][1]Aula saúde-da-família[1][1]
Aula saúde-da-família[1][1]Monica Mamedes
 
Capacitação aos agentes comnunitários de saúde do município
Capacitação aos agentes comnunitários de saúde do municípioCapacitação aos agentes comnunitários de saúde do município
Capacitação aos agentes comnunitários de saúde do municípioAlinebrauna Brauna
 

Destaque (15)

Direitos das crianças
Direitos das criançasDireitos das crianças
Direitos das crianças
 
Apresenta..
Apresenta..Apresenta..
Apresenta..
 
Vacinação ocupacional
Vacinação ocupacionalVacinação ocupacional
Vacinação ocupacional
 
Boas práticas de manejo na Vacinação
Boas práticas de manejo na VacinaçãoBoas práticas de manejo na Vacinação
Boas práticas de manejo na Vacinação
 
Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014
Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014
Manual de normas e procedimentos de vacinacao_2014
 
Vacinação de equinos
Vacinação de equinosVacinação de equinos
Vacinação de equinos
 
O trabalho do ACS.
O trabalho do ACS.O trabalho do ACS.
O trabalho do ACS.
 
Imunologia - Vacinas
Imunologia - VacinasImunologia - Vacinas
Imunologia - Vacinas
 
Farmacoterapia pediátrica e neonatal
Farmacoterapia pediátrica e neonatalFarmacoterapia pediátrica e neonatal
Farmacoterapia pediátrica e neonatal
 
Aula 5 perfil dos agentes comunitários de saúde
Aula 5   perfil dos agentes comunitários de saúdeAula 5   perfil dos agentes comunitários de saúde
Aula 5 perfil dos agentes comunitários de saúde
 
Sp4 hupe-psf
Sp4 hupe-psfSp4 hupe-psf
Sp4 hupe-psf
 
Vacinas
Vacinas Vacinas
Vacinas
 
Aula saúde-da-família[1][1]
Aula saúde-da-família[1][1]Aula saúde-da-família[1][1]
Aula saúde-da-família[1][1]
 
Capacitação aos agentes comnunitários de saúde do município
Capacitação aos agentes comnunitários de saúde do municípioCapacitação aos agentes comnunitários de saúde do município
Capacitação aos agentes comnunitários de saúde do município
 
EDUCAÇÃO INFANTIL
EDUCAÇÃO INFANTILEDUCAÇÃO INFANTIL
EDUCAÇÃO INFANTIL
 

Semelhante a Apresentação multivacinação

Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018
Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018
Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018Prof. Marcus Renato de Carvalho
 
Calendário vacinal 2013 - SBP
Calendário vacinal 2013 - SBPCalendário vacinal 2013 - SBP
Calendário vacinal 2013 - SBPblogped1
 
Calendário de Vacinação SBIM 0-10 Anos
Calendário de Vacinação SBIM 0-10 AnosCalendário de Vacinação SBIM 0-10 Anos
Calendário de Vacinação SBIM 0-10 AnosFarmacêutico Digital
 
Instrucao normativa cal_nacional_vacinacao
Instrucao normativa cal_nacional_vacinacaoInstrucao normativa cal_nacional_vacinacao
Instrucao normativa cal_nacional_vacinacaoSara Américo
 
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)ThiagoAlmeida250341
 
Calendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdf
Calendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdfCalendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdf
Calendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdfCleytonVerssimo
 
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizadoCalendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizadoCleitonAlves54
 
Programa nacional de imunizacao pni-aula-nadja
Programa nacional de imunizacao pni-aula-nadjaPrograma nacional de imunizacao pni-aula-nadja
Programa nacional de imunizacao pni-aula-nadjaNadja Salgueiro
 
Mulher - 20 a 59 anos
Mulher - 20 a 59 anosMulher - 20 a 59 anos
Mulher - 20 a 59 anosOtavio Soria
 
Apresentacão multivacinação
Apresentacão multivacinaçãoApresentacão multivacinação
Apresentacão multivacinaçãoalinesousa2013
 
5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx
5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx
5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptxWagnerSantos729263
 
Slide Aula Imunização - Dr Claudio.pptx
Slide Aula Imunização - Dr Claudio.pptxSlide Aula Imunização - Dr Claudio.pptx
Slide Aula Imunização - Dr Claudio.pptxJssicaBizinoto
 
Folheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNV
Folheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNVFolheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNV
Folheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNVFrancisco Vilaça Lopes
 
vacinacao-pdf.pdf
vacinacao-pdf.pdfvacinacao-pdf.pdf
vacinacao-pdf.pdfAnieliBia1
 

Semelhante a Apresentação multivacinação (20)

Calendário SBIM
Calendário SBIMCalendário SBIM
Calendário SBIM
 
Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018
Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018
Calendário de Vacinação recomendado pela SBP - atualizado 2018
 
Vacinacao 2013
Vacinacao 2013Vacinacao 2013
Vacinacao 2013
 
Calendário vacinal 2013 - SBP
Calendário vacinal 2013 - SBPCalendário vacinal 2013 - SBP
Calendário vacinal 2013 - SBP
 
Calendário de Vacinação SBIM 0-10 Anos
Calendário de Vacinação SBIM 0-10 AnosCalendário de Vacinação SBIM 0-10 Anos
Calendário de Vacinação SBIM 0-10 Anos
 
Instrucao normativa cal_nacional_vacinacao
Instrucao normativa cal_nacional_vacinacaoInstrucao normativa cal_nacional_vacinacao
Instrucao normativa cal_nacional_vacinacao
 
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado (1) (1)
 
Calendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdf
Calendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdfCalendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdf
Calendario.Nacional.Vacinacao.2020.atualizado.pdf
 
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizadoCalendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado
Calendario.nacional.vacinacao.2020.atualizado
 
Programa nacional de imunizacao pni-aula-nadja
Programa nacional de imunizacao pni-aula-nadjaPrograma nacional de imunizacao pni-aula-nadja
Programa nacional de imunizacao pni-aula-nadja
 
Mulher - 20 a 59 anos
Mulher - 20 a 59 anosMulher - 20 a 59 anos
Mulher - 20 a 59 anos
 
Calendário vacinação 2020
Calendário vacinação 2020 Calendário vacinação 2020
Calendário vacinação 2020
 
Apresentacão multivacinação
Apresentacão multivacinaçãoApresentacão multivacinação
Apresentacão multivacinação
 
Prematuro
PrematuroPrematuro
Prematuro
 
5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx
5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx
5° PROGRAMA NACIONAL DE IMUNIZAÇÃO.pptx
 
Slide Aula Imunização - Dr Claudio.pptx
Slide Aula Imunização - Dr Claudio.pptxSlide Aula Imunização - Dr Claudio.pptx
Slide Aula Imunização - Dr Claudio.pptx
 
Folheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNV
Folheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNVFolheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNV
Folheto USF Descobrimentos sobre Vacinas Extra-PNV
 
I16calendario vacinacao
I16calendario vacinacaoI16calendario vacinacao
I16calendario vacinacao
 
vacinacao-pdf.pdf
vacinacao-pdf.pdfvacinacao-pdf.pdf
vacinacao-pdf.pdf
 
Polio inativada
Polio inativadaPolio inativada
Polio inativada
 

Mais de Liene Campos

Vigilância sanitária e embelezamento
Vigilância sanitária e embelezamentoVigilância sanitária e embelezamento
Vigilância sanitária e embelezamentoLiene Campos
 
A mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações deA mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações deLiene Campos
 
Programa saude e bem estar seminario para slide share
Programa saude e bem estar seminario  para slide sharePrograma saude e bem estar seminario  para slide share
Programa saude e bem estar seminario para slide shareLiene Campos
 
Programa saude e bem estar seminario
Programa saude e bem estar seminarioPrograma saude e bem estar seminario
Programa saude e bem estar seminarioLiene Campos
 
A importancia da auto estima na mulher graça
A importancia da auto estima na mulher  graçaA importancia da auto estima na mulher  graça
A importancia da auto estima na mulher graçaLiene Campos
 
A mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações deA mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações deLiene Campos
 
Apresentação seminário
Apresentação seminárioApresentação seminário
Apresentação seminárioLiene Campos
 
Renato correa controle social
Renato correa   controle socialRenato correa   controle social
Renato correa controle socialLiene Campos
 
Renato correa controle social
Renato correa   controle socialRenato correa   controle social
Renato correa controle socialLiene Campos
 
Apresentação seminário
Apresentação seminárioApresentação seminário
Apresentação seminárioLiene Campos
 
Nutr. silvia aleitamento materno
Nutr. silvia   aleitamento maternoNutr. silvia   aleitamento materno
Nutr. silvia aleitamento maternoLiene Campos
 
Renato correa controle social
Renato correa   controle socialRenato correa   controle social
Renato correa controle socialLiene Campos
 
Apresentação multivacinação
Apresentação multivacinaçãoApresentação multivacinação
Apresentação multivacinaçãoLiene Campos
 
Reuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robert
Reuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robertReuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robert
Reuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robertLiene Campos
 
Esquema de vacinacao adolescente (1)
Esquema de vacinacao adolescente (1)Esquema de vacinacao adolescente (1)
Esquema de vacinacao adolescente (1)Liene Campos
 
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3Liene Campos
 
Atendimento eficaz ao clente sec.saúde palestra
Atendimento eficaz ao clente sec.saúde palestraAtendimento eficaz ao clente sec.saúde palestra
Atendimento eficaz ao clente sec.saúde palestraLiene Campos
 
Apresentação multivacinação
Apresentação multivacinaçãoApresentação multivacinação
Apresentação multivacinaçãoLiene Campos
 

Mais de Liene Campos (20)

Vigilância sanitária e embelezamento
Vigilância sanitária e embelezamentoVigilância sanitária e embelezamento
Vigilância sanitária e embelezamento
 
A mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações deA mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações de
 
Programa saude e bem estar seminario para slide share
Programa saude e bem estar seminario  para slide sharePrograma saude e bem estar seminario  para slide share
Programa saude e bem estar seminario para slide share
 
Programa saude e bem estar seminario
Programa saude e bem estar seminarioPrograma saude e bem estar seminario
Programa saude e bem estar seminario
 
A importancia da auto estima na mulher graça
A importancia da auto estima na mulher  graçaA importancia da auto estima na mulher  graça
A importancia da auto estima na mulher graça
 
A mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações deA mulher trabalhadora no contexto das relações de
A mulher trabalhadora no contexto das relações de
 
Apresentação seminário
Apresentação seminárioApresentação seminário
Apresentação seminário
 
Renato correa controle social
Renato correa   controle socialRenato correa   controle social
Renato correa controle social
 
Renato correa controle social
Renato correa   controle socialRenato correa   controle social
Renato correa controle social
 
Apresentação seminário
Apresentação seminárioApresentação seminário
Apresentação seminário
 
Nutr. silvia aleitamento materno
Nutr. silvia   aleitamento maternoNutr. silvia   aleitamento materno
Nutr. silvia aleitamento materno
 
Renato correa controle social
Renato correa   controle socialRenato correa   controle social
Renato correa controle social
 
Apresentação multivacinação
Apresentação multivacinaçãoApresentação multivacinação
Apresentação multivacinação
 
Polio inativada
Polio inativadaPolio inativada
Polio inativada
 
Reuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robert
Reuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robertReuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robert
Reuniao vacaria 12 jul 2012 c. mamo robert
 
Esquema de vacinacao adolescente (1)
Esquema de vacinacao adolescente (1)Esquema de vacinacao adolescente (1)
Esquema de vacinacao adolescente (1)
 
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
Atenção ao recém nascido prematuro de risco em uruguaiana versão3
 
Polio inativada
Polio inativadaPolio inativada
Polio inativada
 
Atendimento eficaz ao clente sec.saúde palestra
Atendimento eficaz ao clente sec.saúde palestraAtendimento eficaz ao clente sec.saúde palestra
Atendimento eficaz ao clente sec.saúde palestra
 
Apresentação multivacinação
Apresentação multivacinaçãoApresentação multivacinação
Apresentação multivacinação
 

Apresentação multivacinação

  • 1. VACINAÇÃO CONTRA A POLIOMIELITE DE MULTIVACINAÇÃO CAMPANHA
  • 2. Campanha de Multivacinação Objetivo Geral   Atualizar o esquema vacinal de acordo com o calendário básico de  vacinação na caderneta de saúde das crianças menores de 5 anos  de idade. Objetivos específicos   Aumentar as coberturas vacinais para atingir a meta adequada.   Melhorar a homogeneidade das coberturas vacinais nos municípios.   Manter a eliminação do sarampo e da poliomielite.   Atingir altas coberturas vacinais para o reforço das vacinas de  poliomielite, tríplice viral e DTP, em especial, na faixa etária de 4 a 5  anos.  Reduzir a incidência das doenças imunopreveníveis, conforme o calendário básico de vacinação das crianças menores de cinco  anos de idade. 
  • 3. Campanha de Multivacinação POPULAÇÃO ALVO As crianças menores de 5 anos de idade (0 a 4 anos11meses e 29 dias)  com esquema vacinal em atraso para as vacinas do calendário básico de  vacinação. PERÍODO 18/08 a 24/08/ 2012  Dia “D”: 18/08 Equipe mínima   profissionais para triagem:  avaliar  atentamente  a  caderneta  de  saúde da criança para identificar o (s) esquema (s) vacinal (is) em atraso.  vacinador:  observar o tipo de vacina, o sitio de administração e o  intervalo entre as doses de acordo com o calendário básico de vacinação  da criança.  registrador: anotar a vacina, dose, lote e data em que a vacina foi  administrada  na  caderneta  de  saúde  da  criança  e  registrar  a  dose  administrada no boletim diário de doses aplicadas da campanha.
  • 4. Campanha de Multivacinação Orientações sobre esquemas vacinais para Campanha de Multivacinação Crianças de zero a menores de 5 anos Vacinas Esquema vacinal BCG Dose única ao nascer. Para as crianças não vacinadas menores de 5 anos de idade. Administrar a 1ª dose em toda criança menor de 1 mês de idade não vacinada.  Hepatite B Para a criança maiores de 1 mês de idade não vacinada, agendar a vacina pentavalente para os  2 meses idade. Crianças entre 2 meses e < 5 anos de idade  (4 anos 11 meses e 29 dias) sem doses anteriores  Pentavalente deverão iniciar e concluir o esquema vacinal com pentavalente. Crianças entre 2 meses e < 5 anos de idade  (4 anos 11 meses e 29 dias) sem doses anteriores  deverão iniciar e concluir o esquema vacinal sequencial da VIP (1ª e 2ª doses) e VOP (3ª dose e  VIP/VOP –  reforço).  esquema Crianças menores de 1 ano que receberam doses anteriores (1ª e/ou 2ª dose) de VIP, que não  sequencial tenham contra-indicação de receber a VOP,  deverão seguir o esquema sequencial Crianças  menores  de  5  anos  de  idade  que  iniciaram    esquema  com  VOP  deverá  completar  o  VOP esquema com a vacina VOP. 1ª dose aos 2 meses de idade.  2ª dose aos 4 meses de idade. Criança com idade de 1 mês e 15  dias a 3 meses e 7 dias pode receber a 1ª dose desta  vacina. Crianças com idade de 3 meses e 7 dias a 5 meses e 15 dias poderão receber a 2ª dose desta  Rotavírus vacina. Criança que não recebeu a 1ª dose, no intervalo recomendado, NÃO FARÁ a 2ª DOSE  Crianças a partir dos 2 meses de idade, deverão receber 3 doses desta vacina com intervalo de  2 meses entre elas, e uma dose de  reforço, preferencialmente aos 12 meses de idade. Pneumocócica 10 Crianças  entre  1  ano  e  2 anos incompletos de idade (1 ano, 11 meses e 29 dias) não  valente vacinadas deverão  receber uma única dose desta vacina.
  • 5. Campanha de Multivacinação Vacinas Esquema vacinal Crianças a partir dos 3 meses de idade, deverão receber 2 doses desta vacina com intervalo  de 2 meses entre elas, e uma dose de  reforço, preferencialmente  aos  15 meses de idade. Meningocócica C Crianças  entre  1  ano  e  2 anos incompletos de idade (1 ano, 11 meses e 29 dias) não  conjugada vacinadas deverão  receber uma única dose desta vacina. Crianças  a  partir  dos  9  meses  de  idade  deverão  receber  a  dose  inicial  desta  vacina  de  acordo com a área de recomendação. Febre amarela A vacina da FA e a vacina tríplice viral devem ser aplicadas com intervalo mínimo de 30 dias  entre si.  A vacina da FA  e a vacina pneumocócica 10V podem ser aplicadas SIMULTANEAMENTE. Crianças  entre  1  ano  a  <  de  5  anos  de  idade  (4  anos,  11  meses  e  29  dias)  não  vacinada  deverão  receber  duas  doses  desta  vacina:  1ª  dose  com  1  ano  de  idade  e  a  2ª  dose  aos  4  Tríplice viral anos de idade. Crianças  entre  1  ano  a  <  de  5  anos  de  idade  (4  anos,  11  meses  e  29  dias)  não  vacinada  DTP deverão  receber  dois  reforços:  o  1º,  preferencialmente,    aos    15  meses  de  idade  e  2º,    preferencialmente,  aos 4 anos de idade.  Crianças  indígenas  menores  de  cinco  anos  deverão  receber  uma  dose,  conforme  Varicela** recomendações do calendário de vacinação para os povos indígenas. ** Vacina que é disponibilizada às crianças indígenas conforme Portaria Nº 1946 de 19 de julho de 2010 que  “Institui, em todo o território nacional, o Calendário de Vacinação para os Povos Indígenas” e que não está  disponível no calendário básico de vacinação da criança.
  • 6. Campanha de Multivacinação A  vacina  pentavalente  e  o  esquema  sequencial  VIP/VOP  serão  preconizados para as crianças que iniciarão esses esquemas e aquelas  que  já  receberam  estas  vacinas,  e  a  vacina  pentavalente  para  as  crianças  indígenas  (Portaria  Nº  1946  de  19  de  julho  de  2010  que  “Institui, em todo o território nacional, o Calendário de Vacinação para  os Povos Indígenas”).
  • 7. Campanha de Multivacinação Registro de doses administradas  Durante o período da campanha de multivacinação o registro das doses     deverá ser realizado em um NOVO BOLETIM DIÁRIO DE VACINAÇÃO.  O registro das doses de campanha deverá ser feito no site do Datasus , no      SI-API e no SI-PNI.  No SI-API deverão ser registradas as doses de campanha na estratégia rotina  No SI-PNI deverão ser registradas as doses de campanha na estratégia  Intensificação.  A campanha de multivacinação não tem metas para cobertura vacinal. Será     encaminhada  posteriormente uma estimativa da população a ser vacinada.  O site para registro das doses de campanha ficará aberto até dia 31/08/2012   (para os municípios). 
  • 8. Campanha de Multivacinação Registro de doses administradas BCG- No site registrar em DU e no API registrar em D1 Meningo - No site registrar em DU para a faixa etária de 1 ano e no API em D1. Pncc10 – No site registrar em DU para a faixa etária de 1 ano e no API em D1                  – Crianças de 10meses a 12 meses / 11meses a 13 meses receberão  D1 + reforço.  VOP- Doses da vacina VOP administradas entre zero e menor de 2 meses de idade não  serão consideradas para esquema de rotina.  O SI-PNI não possui esquema sequencial. Deve ser registrado separadamente nas vacinas  VIP(D1 e D2)e VOP (D3 e REF) No site estará bloqueado o registro de D1 para VOP.