Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná
http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/
http://bibliaportugues.com/...
Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná
http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/
http://bibliaportugues.com/...
Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná
http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/
http://bibliaportugues.com/...
Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná
http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/
http://bibliaportugues.com/...
Próximos SlideShares
Carregando em…5
×

A reforma de saúde numa perspectiva espiritual

12 visualizações

Publicada em

Como a sua espiritualidade pode ser afetada por seu estilo de vida físico.

Publicada em: Espiritual
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

A reforma de saúde numa perspectiva espiritual

  1. 1. Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/ http://bibliaportugues.com/kja/john/7.htm A reforma de saúde numa perspectiva espiritual. A questão da saúde é só a ponta do iceberg, com o teste do comer e beber mostramos se realmente estamos dispostos a obedecer a Deus. Mas Israel murmurou e morreu no deserto, assim nós buscamos desculpas e somente um remanescente será salvo. Abertura | A mensagem da saúde | Quem come vegetais está matando também? | A dieta vegetariana ou vegana, irritação para a administração da igreja | Deus deu maná, o povo queria carne | Tipologia do maná: Comer a carne de Cristo é internalizar Seu caráter | Dimensão vertical da alimentação | Paulo comenta Epicúrio | A mistura de gente queria era carne | Hormônios na soja? | Sepulturas do desejo | Mistura de gente | O pecado da glutonaria ou comilança | Reforma de Saúde: não temos desculpa | A carne e o câncer | Carne e ovos caipiras | Gripe suína, aviária e equina | Conclusões de Sherry Baker | Extremos na reforma | Chá e café | Leite, manteiga | Queijo | Descartando todo alimento animal | Comer carne desonra a Deus | Pastores que comem carne | Tomar chá preto e café é pecado | O apetite e a perfeição cristã | A dieta de Daniel | Tipologia de João Batista | Por que Jesus comeu carne | João Batista era vegetariano | No dia da expiação os judeus não comiam carne | João era nazireu, Jesus também o é | Equilíbrio na atitude | Alimentos impuros | Conclusão http://bibliaportugues.com/kja/john/7.htm TIPO O cordeiro pascoal sacrificado no Israel antigo era um tipo. — Núm. 9:2 ANTÍTIPO Paulo identificou Cristo como “a nossa páscoa”, ou cordeiro pascoal. — 1 Cor. 5:7
  2. 2. Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/ http://bibliaportugues.com/kja/john/7.htm Tópico 1 Definindo Tipo e Antítipo A grande maioria das pessoas vêem apenas o Antigo testamento no ponto de vista histórico, mas nunca atentou para as magníficas representações de Cristo nele contidas. O A.T. Retrata uma série de figuras que apontam para algum aspecto importante da pessoa ou obra de Cristo, revelando assim Seu caráter e ministério. Vamos saber sobre este assunto agora. Tipo e Antítipo Tipos (do grego TYPOS) são figuras que Deus utilizou ao longo da história bíblica para revelar acontecimentos futuros. Ele tem seu cumprimento na vinda do Messias. Este cumprimento é chamado antítipo. Num tipo há uma correspondência entre certas pessoas, eventos ou coisas do Antigo Testamento e Jesus Cristo no Novo Testamento. O que a Bíblia fala sobre isto: Hebreus 10:1 Romanos 5:14 1 Cor. 10:11 Davi ao escrever o Salmo 22 nem percebeu que seu sofrimento descrevia o sofrimento de Jesus Cristo na cruz. Para ser considerados Tipos ou Antítipos são necessários um ou mais pontos de semelhança Figuras de Cristo no A. T.  O apóstolo Paulo em I Coríntios 15: 21,22 45-49 aponta Adão com um tipo de Cristo:  O livro de Hebreus por sua vez apresenta Melquisedeque como um tipo da realeza e sacerdócio de Cristo. Hebreus 7:1-3  Mas porque Melquisedeque? Quem foi Melquisedeque? O escritor de Hebreus nota que ele foi tanto sacerdote como rei de Salém (outro nome de Jerusalém; veja Gênesis 14:18-20; Hebreus 7:1). Ele também observa que as escrituras do Velho Testamento dão a Melquisedeque a aparência de ser eterno, não sendo registrado seu nascimento, linhagem ou morte (7:1-3). Assim, existem algumas semelhanças entre Melquisedeque e Jesus. Melquisedeque parece continuar para sempre como sacerdote, porque as Escrituras nunca registram sua morte. Jesus, sendo divino, vive e serve para sempre como sacerdote (Hebreus 7:23- 25). Melquisedeque era tanto rei quanto sacerdote ao mesmo tempo (que era impossível sob a Lei de Moisés). Jesus é tanto rei como sacerdote ao mesmo tempo, em cumprimento da profecia de Zacarias.  O que significa “segundo a ordem de Melquisedeque”?  Davi profetizou, mil anos antes do nascimento de Jesus, que o Messias seria “sacerdote para sempre segundo a ordem de Melquisedeque”(Salmo 110:4). O autor de Hebreus cita esta profecia várias vezes, e explica o seu significado em relação à superioridade total de Jesus.  A “ordem de Melquisedeque” não se refere a algum tipo de sociedade secreta ou mística como a Rosa Cruz, os Maçons ou os Templários. Não é alguma organização preservada desde a antigüidade, nem uma classe de sacerdotes na igreja do Senhor. A expressão “segundo a ordem de Melquisedeque” significa que o sacerdócio de Jesus é do mesmo tipo, ou parecido com, o sacerdócio de Melquisedeque.
  3. 3. Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/ http://bibliaportugues.com/kja/john/7.htm  Melquisedeque aparece na história bíblica, e some logo em seguida. Ele era rei de Salém e sacerdote de Deus (Gênesis 14:18). Abençoou Abraão e recebeu o dízimo dele depois da vitória do patriarca contra Quedorlaomer.  As Escrituras não relatam nada sobre antepassados nem descendentes de Melquisedeque (o ponto de Hebreus 7:3). Ele servia como sacerdote antes do nascimento de Isaque, então não era descendente da tribo de Levi (um dos netos de Isaque). Era sacerdote aprovado por Deus, independente de linhagem.  Deus fez algumas coisas no Velho Testamento pensando na vinda de Jesus, e assim ajudando o povo a entender a missão de Cristo. Os comentários em Gênesis e Salmos sobre Melquisedeque mostraram a possibilidade de ter um sacerdote que não era sujeito à Lei dada aos israelitas no Monte Sinai. É exatamente isso que o autor de Hebreus nos mostra, usando Melquisedeque como tipo de Cristo.  Jesus não podia ser sacerdote no sistema dado no Monte Sinai (Hebreus 8:4). O fato de Deus ter declarado Jesus sacerdote eterno serve de prova de mudança de lei: “Pois, quando se muda o sacerdócio, necessariamente há também mudança de lei” (Hebreus 7:14).“Agora, com efeito, obteve Jesus ministério tanto mais excelente, quanto é ele também Mediador de superior aliança instituída com base em superiores promessas” (Hebreus 8:6).  Salmo 110, como o autor de Hebreus bem explica, aponta para o perfeito Rei e eterno Sacerdote, Jesus Cristo. Qualquer ensinamento que procura preservar algum sacerdócio humano segundo a ordem de Melquisedeque (como fazem, por exemplo, os mórmons), age por autoridade humana, e não divina (cf. Gálatas 1:10; 2 João 9), e diminui a importância de Jesus Cristo como o eterno e suficiente Sumo Sacerdote. Exemplos que tipificam Cristo  Abel – por ter oferecido mais excelente sacrifício.  Arca de Noé – Assim como existia somente uma porta para entrar na arca, há somente uma porta que nos leva a salvação... Jesus Cristo.  Genesis 22;2-13 Abrão oferecendo Isaque - assim como Isaque poderia ter se negado ao sacrifício, o Senhor Jesus poderia se desejasse, ter evitado a cruz Também muito maior que o amor de Abrão por Isaque é o amor de Deus como Pai, permitindo que seu filho morresse na cruz para nos salvar.  José do Egito – como Cristo era objeto do amor do pai e do ódio de seus irmãos. A simbologia do Tabernáculo E me farão um santuário e habitarei no meio deles. Êxodo 25:8  A prontidão e o zelo que demonstravam os trabalhadores durante a construção do Tabernáculo, a precisão com que realizavam suas tarefas e a fidelidade com que desistiram de receber mais contribuições, deixa-nos exemplo de como servir a Deus, e também aos nossos superiores, em todas as coisas lícitas. Tabernáculo como tipo de Cristo (Ver anexo) Paralelo entre os sacrifícios do Antigo e do Novo Testamento No Antigo era temporário – Hebreus 8:13 no novo, é permanente – Hebreus 7:21 No Antigo Arão foi o primeiro sacerdote – Levítico 16;32; No novo, Jesus é o único sumo sacerdote. Hebreus 7:28
  4. 4. Walter Veith 04 - Nada, senão este Maná http://terceiroanjo.com/veith-04-nada-senao-este-mana/ http://bibliaportugues.com/kja/john/7.htm No Antigo era da tribo de Levi, Hebreus 7:5; no novo, da Tribo de Judá. Hebreus 7:14  No Antigo era ministrado na terra – Hebreus 8:4; no novo é ministrado no céu – Hebreus8:1-2, 9:24.  No antigo era efetuado com sangue de animais – Levítico 16:15, no novo é efetuado com 9º sangue de Cristo – Hebreus 9:14  No antigo requeria muitos sacrifícios – Levítico 16; no novo requer apenas um sacrifício  No antigo eram necessários animais perfeitos – Lev. 22:19; no novo , é necessário uma vida perfeita – Hebreus 7:26  No antigo exigia-se cuidadosa aproximação do tabernáculo – Levitico 16;2; no novo, encoraja a aproximação confiante no trono – Hebreus 4:16  No antigo olhava para o novo método de sacrifício – Hebreus 10:1; no novo, põe de lado o antigo sistema.

×