Coaching para desenvolvimento pessoal e profissional

8.577 visualizações

Publicada em

0 comentários
11 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
8.577
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
54
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
330
Comentários
0
Gostaram
11
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Coaching para desenvolvimento pessoal e profissional

  1. 1. Tecnologia do Coaching para Desenvolvimento Pessoal e Profissional Universidade Católica de Petrópolis Julho 2013
  2. 2. A B c D E f G h i J K L M n O p Q R s T U v X Z
  3. 3. O que é FELICIDADE para você? Um estado de ser... Conjunto de comportamentos... Atitude diante da vida... Uma crença...
  4. 4. Saúde Sucesso Amor Transcendência
  5. 5. QUERER é muito bom, mas o FAZER me leva a TER! O QUE É PRECISO: TER FAZER SER CONSCIÊNCIA SUCESSO INTEGRIDADE
  6. 6. Motivos da baixa qualidade na vida e no ambiente de trabalho •Atitude negativa em relação a si e aos outros •Problemas de comunicação •Pessoas desmotivadas • Percepção diferente entre o oferecido e o percebido • Percepção errada dos desejos e necessidades • Falta de sentido para a vida • Falta de iniciativa • Ausência de validação! Cuidar das pessoas, da qualidade de seus pensamentos e atitudes é essencial para o seu sucesso e das pessoas no seu entorno.
  7. 7. QUAIS OS ASPECTOS EM QUE EU NÃO ESTOU EM INTEGRIDADE? AUTO-GERENCIE-SE OU ENTÃO, PERCA ENERGIA!
  8. 8. A PROPOSTA É CONSCIÊNCIA, INTEGRIDADE E SUCESSO PRIMEIRA PREMISSA: Cada pessoa é a melhor especialista sobre sua própria vida pessoal e profissional, porque só ela sabe quem ela quer e pode ser! SEGUNDA PREMISSA: Todas as pessoas são criativas, habilidosas, completas, porque a natureza NÃO cria lixo!
  9. 9. O QUE EU QUERO É POSSÍVEL; EU SOU CAPAZ; EU MEREÇO! No que realmente você acredita?
  10. 10. A Balança do Sucesso e/ou Felicidade Por que fazer algo BENEFÍCIO APARENTE Por que Não fazer algo CUSTO APARENTE Fonte: Noah John, 2012.
  11. 11. Linha da consciência 10% visível Mente Consciente Intencional Eu faço escolhas 90% invisível Subconsciente NÃO intencionalFonte: Noah John, 2012.
  12. 12. “Você está se impedindo de tomar atitudes, realizar mudanças porque tem mais motivos em sua mente subconsciente para não fazer algo para obter sucesso do que motivos para obter sucesso na mente consciente.” Noah John Antes de buscar a aprender como realizar as mudanças, trocar hábitos, deve buscar o porquê - Qual sua real motivação? VOCÊ DEVE RESPONDER A ESSA PERGUNTA, REFORMULANDO: FORMA DE PENSAR SOBRE SI, SUA VIDA, SUAS AÇÕES DEFINIR MISSÃO, VISÃO DE FUTURO E VALORES
  13. 13. 1. Qual é o propósito e razão de ser da MINHA VIDA? 2. Quais valores dirigem MEU COMPORTAMENTO? FAZER o quê? SER o quê? ESTAR onde? Quando? Como? LUCRO CRESCIMENTO SOBREVIVÊNCIA (DURADOURA) PRESTÍGIO
  14. 14. Questões: •Como é a pessoa que eu gostaria de ser? •Quem eu preciso ser? •Para ser, eu preciso ser ÍNTEGRO, ou seja: integrar o que penso, o que falo e como ajo.
  15. 15. FALO AJO PENSO
  16. 16. Quais são os comportamentos que eu posso: T - RANSFORMAR R - EALÇAR E - LIMINAR M - ANTER para gerar VALOR na minha vida?
  17. 17.  1500 - Inglaterra  Referia-se a um tipo particular de carruagem  Transportar pessoas de um lugar para outro  1850 - Universidades Inglesas  Referia-se a um tutor, que ajudava estudantes a se preparar para exames  1930 - 1940  Mentor individual para transformar e educar seu pupilo  1950  Introduzido na literatura gerencial como uma das habilidades de gerenciar  1980  O conceito de Executive Coaching começou a emergir como uma poderosa disciplina Fonte : The Coaching at Work Toolkit Origem da palavra coaching
  18. 18.  Coaching profissional é um relacionamento que ajuda pessoas a produzir resultados extraordinários em suas vidas pessoais, carreiras, empreendimentos ou organizações. Através do Coaching, os clientes aprofundam seu aprendizado, melhoram suas performances e sua qualidade de vida.  A interação entre o Coach e o cliente faz com que o cliente descubra seus sonhos, metas e seu potencial inexplorado. Ajuda o cliente a transformar esse conjunto em ação e a não perder o foco no caminho da implantação.
  19. 19. O coach e o cliente formam uma parceria para identificar e alcançar as metas do cliente. Essa parceria cria uma sinergia e um momentum que possibilita ao cliente a ser melhor pessoa que ele possa ser. A essência do trabalho de coaching está no trabalho com metas e desenvolvimento de competências para conquistá-las.
  20. 20. ACONSELHAMENTO DE CARREIRA DESENVOLVIMENTO DE EQUIPE TRANSFORMAÇÃO ORGANIZACIONAL FEEDBACK APRENDIZADO COMUNICAÇÃO ORGANIZAÇÃO EQUIPE INDIVÍDUO Modelo de Coaching Estratégico ORGANIZAÇÃO EQUIPE INDIVÍDUO
  21. 21. As Onze Competências do Coach Segundo a I.C.F. – International Coach Federation 1. Ao estabelecer os fundamentos, atende aos padrões profissionais e orientações éticas, distinguindo coaching, consultoria, psicoterapia e outras formações de suporte. 2. Formaliza o contrato de coaching. 3. Estabelece confiança e proximidade com o cliente. 4. Marca presença, desenvolvendo um relacionamento aberto, flexível e seguro. 5. Escuta ativa.
  22. 22. 6. Disponibiliza questionamento poderoso. 7. Oferece comunicação direta. 8. Cria consciência. 9. Projeta ações. 10. Planeja e estabelece metas. 11. Gerencia o progresso e a Responsabilização. As Onze Competências do Coach
  23. 23. Aonde quer chegar? Contrato O que precisa? Reflexão Quais as dificuldades? Constatações Saídas saudáveis- Plano Processo do Coaching
  24. 24. 1. Missão, Visão e Valores 1. Histórico Profissional 1. Assessment 1. Avaliação 360o 1. Plano de desenvolvimento 1. Pontos de acompanhamento 1. Fechamento, avaliação e Feedback PASSO A PASSO DO PROCESSO INDIVIDUAL
  25. 25. CONTEÚDO: Desenvolva a sua essência! Saber Como se faz CONHECIMENTO ATITUDES HABILIDADES EU S.A. Saber fazer
  26. 26. CORPO PALAVRAS LINGUAGEM PENSAMENTO FOCO: ATENÇÃO E INTENÇÃO ESTADO EMOCIONAL CRENÇAS E VALORES A tétrade
  27. 27. QUAIS OS ASPECTOS EM QUE EU NÃO ESTOU EM INTEGRIDADE? AUTO-GERENCIE-SE OU ENTÃO, PERCA ENERGIA!
  28. 28. “Competência é uma característica subjacente de um indivíduo que resulta em desempenho efetivamente superior em um dado cargo” G. O Klemp, década de 50 O perfil de competências constitui um conjunto de competências necessárias para o indivíduo apresentar desempenho extraordinário em um cargo
  29. 29. Os C’s CONTEXTO – QUAL ERA O CONTEXTO INICIAL? COMPORTAMENTO - COMO VOCÊ SE COMPORTOU? CONSEQUÊNCIA – QUAIS FORAM AS CONSEQUÊNCIAS?
  30. 30. Necessidades Um déficit ou a manifestação de um desequilíbrio interno do indivíduo físico ou psíquico – Aprovação, Independência, Desenvolvimento pessoal, Segurança, Auto-realização. Conhecimento Representa o que as pessoas sabem sobre si, sobre o ambiente em vive e as coisas que se relacionam com ele. É resultante do processo de aprendizagem que ocorre durante a vida - Experiência profissional e de vida, Escolaridade, Formação complementar.
  31. 31. Habilidades É a facilidade de usar as capacidades. Uma habilidade é formada de reações condicionadas, memorização e resposta selecionada - Valoração de oportunidades e pensamento criativo, Comunicação persuasiva, Negociação, Aquisição de informações, Resoluções de problemas, Identificação de novas oportunidades. Valores Conjunto de crenças, preferências, predisposições, julgamentos que caracterizam e determinam a visão de mundo de um indivíduo – valores Estéticos, Intelectuais, Morais, Religiosos, Existenciais. Atitude Comportamento com motivação intrínseca; como eu ajo diante das circunstâncias, apoiado em crenças pessoais
  32. 32. Valores Valores lhe auxilia na orientação, motivação e determinação de suas metas Deve-se identificar quais os seus VALORES. São os VALORES o combustível das metas. É o que te dá energia para alcancá-las. As metas te levam do ESTADO ATUAL para o ESTADO DESEJADO. A mudança só acontece na AÇÃO: você sai com tarefas para serem realizadas.
  33. 33. A chave: 1) Buscar equilíbrio entre os pilares que te sustentam: 2) Identificar os valores que são representativos para você; 3) Traçar um plano de desenvolvimento pessoal. Cultura e Lazer Valores Familiares Pertencer a um Grupo Comunidade Carreira e Vocação Mente e Espírito Bens materiais Saúde e Qualidade de Vida
  34. 34. Estabelecer metas SMARTS : específicas, mensuráveis, alcançáveis, relevantes e temporais. • Positivas • Específicas • Temporais • Alcançáveis • Relevantes: O que te motiva? • Mensuráveis • Evidências sensoriais • O que te impede? • Como esse objetivo vai afetar sua vida? E sua ecologia? • Quais os ganhos e as perdas? • Os recursos que já disponho e os recursos que vou precisar; • O que vai fazer para chegar lá?
  35. 35. OBSTÁCULO: MEDO DE CORRER RISCOS Alguns profissionais, mesmo tendo as características do empreendedor, deixam de levar seus projetos a frente pelo medo que têm de correr riscos. Vejamos o que Seneca, um orador Romano, dizia há vários séculos atrás a respeito deste tema: OBSTÁCULOS
  36. 36. Rir é correr o risco de parecer tolo. Chorar é correr o risco de parecer sentimental. Estender a mão é correr o risco de se envolver. Expor seus sentimentos, é correr o risco de mostrar seu verdadeiro eu. Defender seus sonhos e idéias diante da multidão é correr o risco de perder as pessoas. Amar é correr o risco de não ser correspondido. Viver é correr o risco de morrer. Confiar é correr o risco de se decepcionar. Tentar é correr o risco de fracassar. CORRER RISCOS Mas os riscos devem ser corridos, porque o maior perigo é não arriscar nada. Há pessoas que não correm nenhum risco, não fazem nada, não tem nada e não são nada. Elas podem até evitar sofrimentos e desilusões, Mas elas não conseguem nada, não sentem nada, Não mudam, não crescem, não amam, não vivem. Acorrentadas por suas atitudes, Elas viram escravas, Privam-se de sua liberdade. Somente a pessoa que corre riscos é livre!
  37. 37. O PROCESSO INDIVIDUAL DE COACHING O coach formula perguntas que farão com que o coachee reflita sobre o que acabou de dizer... O trabalho é do coachee; o problema é para ser resolvido pelo coachee; Focar no resultado é errado; deve-se focar no processo! QUEM CRIA CONSCIÊNCIA, estabelece metas, planeja e projeta ações É O COACHEE e não o coach...
  38. 38. Descreva o problema. Eu não sei o que fazer com isso agora. O que você faria? Se você soubesse a resposta, qual seria? O que te impede de agir assim? Quais seriam as conseqüências disso para você? Que critérios você está usando? Qual a parte mais difícil e desafiadora para você? PERGUNTAS PODEROSAS NO COACHING INDIVIDUAL
  39. 39. A ESCUTA GENEROSA: sem julgamentos, sem críticas, acolhedora. A proposta do coaching é gerar crescimento, excelência nos indivíduos e por extensão, nos processos e nas organizações. O “espaço” onde se desenvolve o processo de coaching deve ser um espaço seguro, onde o coachee pode dizer o que pensa, sem receio de ser criticado, julgado, avaliado, de forma que o conhecimento compartilhado gere sabedoria aos envolvidos no processo: o coach e o coachee O coach deve ter postura de HUMILDADE. Chegar de mãos vazias! Porque não existe o melhor caminho. Há apenas O CAMINHO. O coach não procura significados que o terapeuta busca na sua “escuta”... Não sou maior ou menor... Melhor ou pior. O coach não sabe nada do outro. Ele apenas dá apoio. Ouve e... devolve o que ouviu com outras questões.
  40. 40. As metas levam o coachee e/ou grupo do ESTADO ATUAL para o ESTADO DESEJADO. A mudança só acontece na AÇÃO: o coachee e/ ou grupo sai com tarefas para serem realizadas. Deve-se identificar quais os VALORES do coachee e/ou do grupo . São os VALORES o combustível das metas. É o que dá energia para alcancá-las. RESULTADOS DO PROCESSO
  41. 41. Perspectiva do Problema  Existe uma maneira certa de fazer  Há algo errado aqui  Precisa ser consertado  Os fatos são o que importa Perspectiva da Possibilidade  Existem várias maneiras de fazer.  Podemos melhorar várias coisas aqui  O que você quer no lugar?  As escolhas disponíveis e as intenções são importantes
  42. 42. Pressuposições úteis no Coaching (segundo PNL) O indivíduo possui um “mapa” ou modelo de mundo, ou um conjunto de pressuposições a partir das quais ele se comunica. os “mapas” não são iguais. O mapa não é o território. As pessoas reagem ao seu próprio mapa ou percepção da realidade, não à realidade; A chave para apoiar e influenciar as pessoas é entrar no seu modelo de mundo; Sempre estamos comunicando e a comunicação não-verbal transporta cerca de 90% da mensagem. O significado da sua comunicação é a resposta que você recebe ;
  43. 43. Não existe fracasso, apenas resultados que servem como informação (feedback); Todo comportamento tem uma intenção positiva; As pessoas já possuem os recursos de que precisam. A questão é saber como ajudá-las a ter acesso aos recursos, quando adequado; A vida e a mente são processos sistêmicos. Corpo e mente são partes de um mesmo sistema. Pressuposições úteis no Coaching (segundo PNL)
  44. 44. Toda ação inicia-se por uma palavra pensada; O foco é o que faz você se sentir bem ou mal: mude o estado! Você escolhe: focar na lata de lixo ou no vaso de flores! Toda crença torna-se em uma profecia auto-realizadora: você pode FUGIR DO NEGATIVO OU BUSCAR O POSITIVO. A ESCOLHA DA FRASE JÁ FAZ A DIFERENÇA! NÃO IMPORTA O QUE ACONTECE COM VOCÊ, MAS SIM, O QUE VOCÊ FAZ COM ISSO!
  45. 45. PERGUNTAS NO COACHING COM PNL 1- o que é que você quer? (meta SMART) 2- Por que você quer isso? (valor e motivação) 3- Como você vai saber que está conseguindo ou conseguiu? (evidência sensorial) 4- O que você ganha e o que perde conseguindo a meta e qual o efeito na sua vida? (ecologia)
  46. 46. 5- O que impede de conseguir o que quer? (interferência ou obstáculos) 6- Que recursos você tem e quais outros precisa? 7- O que você vai fazer? (plano de ação) 8- Se tiver dificuldade, que outras coisas vai fazer? (recursos, plano B) 9- Quando, onde e com quem você vai fazer isto? PERGUNTAS NO COACHING COM PNL
  47. 47. • Aumento de produtividade • Organização • Retenção dos funcionários que receberam Coaching • Melhoria do Relacionamento • Trabalho em equipe • Satisfação no trabalho • Redução de Conflitos • Comprometimento com a organização O programa de Coachingtraz os benefícios:
  48. 48. “Em tempos de mudança, quando o amanhã for necessariamente diferente do ontem, novas maneiras de pensar terão de surgir. Perguntas novas precisam ser feitas antes da busca por soluções. O objetivo principal da aprendizagem pela ação é aprender a fazer perguntas adequadas em situações de risco, em vez de encontrar respostas para perguntas que já foram definidas por outras pessoas, Precisamos adotar um novo modo de pensar em lugar de pensar em um novo modo de agir.” (Reg Revans, apud Marquardt, 1995,p.88)
  49. 49. “Bem do alto de um pico rochoso, a águia empurrava seus filhotes para a beirada do ninho. Ao sentir a resistência dos bichinhos, seu coração se acelerou. Por que a emoção de voar tem que começar com o medo de cair? Apesar de tudo, a águia sabia que aquele era o momento.
  50. 50. Enquanto os filhotes não descobrirem suas asas, não haverá propósito para a vida deles. Enquanto não aprenderem a voar, não compreenderão privilégio que é nascer águia. A águia encheu-se de coragem. O empurrão era o maior presente que ela poderia oferecer-lhe. Era seu supremo ato de amor. Então, um a um, ela os precipitou para o abismo. E eles voaram.
  51. 51. Às vezes, em nossa vida, as circunstâncias fazem o papel de águia. São elas que nos fazem descobrir que temos asas para voar.”
  52. 52. Tenha a FELICIDADE como foco todos os dias! É uma conquista minuto a minuto, nas pequenas coisas: pensamentos e atitudes! Faça uma lista de FELICIDADE. Escreva no papel todas as atividades, coisas que você gosta muito de fazer. Programe pelo menos uma delas em sua agenda diária. Esta técnica dá a você a chance de conectar-se consigo mesmo, dar-se maior atenção, consciência e prioridade. Fique alerta aos seus pensamentos! Direcione seu raciocínio! Escreva no papel sua dificuldade. Questione no papel se este pensamento é util e realista. Escreva uma nova maneira de abordar a questão – mais otimista, mais positiva. PENSAMENTO POSITIVO CRIA RESULTADO POSITIVO.
  53. 53. Segundo o Psicólogo David Myers, há características que as pessoas felizes apresentam: elevada auto-estima; otimismo, extroversão e consciência do que se deseja. Faça-se perguntas estimulantes: o que em minha vida me faz feliz? O que está indo bem? O que me estimula? As perguntas podem mudar o rumo do pensamento. FOCO! O que faz nos sentir felizes ou infelizes depende daquilo em que nos concentramos! Se você se concentra nas coisas boas da sua vida, o humor se estabiliza a seu favor, criando espaço para novas e positivas percepções.
  54. 54. Reprograme o seu estado, mudando sua expressão corporal: PNL! Induza a felicidade quebrando o estado, agindo como se estivesse feliz: você gera novas emoções! Peito inflado, cabeça erguida, sorriso nos lábios, olhar para frente, para cima, para o alto! JOGUE O JOGO DO CONTENTE: ser Pollyana de vez em quando faz muito bem!
  55. 55. Se você não faz o que gosta e não pode mudar sua atividade, mude a forma de se relacionar com ela: mude sua atitude em relação a esta situação: •O que há de bom nesta atividade? •Como eu posso fazer diferente? •Como eu posso fazer de forma que eu me divirta? •Como pode ficar mais leve?
  56. 56. •Reduza o açúcar; •Tome sol; •Dieta rica em omega-3; •Faça exercícios; •Modere o álcool; •Ouça músicas animadas; •Dance; •Desligue a tv; •Faça biodança: toque-se, toque os outros e permita ser tocado! •Beije muito!
  57. 57. Agora, é reunir os recursos que você já possui; Organizá-los e ... Tomar uma atitude!
  58. 58. MUITO OBRIGADA! Katia Manangão (24) 8803-4041 www.katiamanangao.com.br
  59. 59. Coaching Para performance, John Whitmore, Qualitymark. Coaching de Liderança, Marshall Goldsmith, Qualitymark. Líder Coach, Rhandy Di Stéfano, Qualitymark. Realidade Suplementar e a Arte de Curar, Zerca Moren, Agora. Coaching Evolutivo, Certificação Internacional, Incoaching. O poder da aprendizagem pela ação, Michael Marquardt, Senac. REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS

×