Fotógrafo Domingos Alvã

460 visualizações

Publicada em

0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
460
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
79
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
2
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Fotógrafo Domingos Alvã

  1. 1. DOMINGOS ALVÃO
  2. 2. • BIOGRAFIA  Domingos do Espírito Santo Alvão nasceu no Porto em 1872 e faleceu em 1946. Os seus      pais eram, Francisco Júlio Alvão, de Vila Real, barbeiro que mais tarde se tornou funcionário das finanças, e a sua mãe Corina de Jesus Alvão, natural de Ildefonso, da cidade do Porto. Domingos Alvão foi um dos mais importantes fotógrafos portugueses da sua época. Iniciou a sua carreira depois de conhecer Emílio Biel, de quem se veio a tornar aprendiz . Fez um estágio em Madrid e depois começou a trabalhar como operador –gerente do Foto-Velo Clube, propriedade de Leopoldo Cyrne. Foi no Foto-Velo Clube que em 1901 veio a funcionar a Fotografia Alvão. Domingos Alvão foi galardoado com vários prémios entre 1914 e 1936 entre os quais se destaca a medalha de prata na Feira Internacional de Leipzig, em 1914, pela sua participação na representação portuguesa. De todo o seu vasto trabalho tem destaque a obra Portugal, de 1934 . Em 1935 recebeu a comenda de Cavaleiro da Ordem Militar de Cristo. Domingos Alvão representa a ligação entre a fotografia descritiva e naturalista do final do séc. XIX e a fotografia pictural de 1910. As fotografias de Domingos Alvão fazem a união entre um quadro pictural e o documento etnográfico naturalista.
  3. 3. • Técnica de Domingos Alvão  Domingos do Espírito Santo Alvão era especializado no retratismo e no documentarismo, para os abordar, utilizava nas suas imagens a técnica do grande plano bem como de enquadramentos médios e aproximados. Era reconhecida a sua capacidade de conseguir conjugar o pictoralismo com as exigências de um documento etnográfico naturalista.
  4. 4. • Fotografias de Domingos Alvão Img.1 Cidade do Porto
  5. 5. Img.2 Jardim Passos Manuel
  6. 6. Img.3 Café Concerto
  7. 7. Img.4 Entrada da rua Santo António do Baquet depois de um incêndio
  8. 8. Img.5 Entrada de um Restaurante
  9. 9. Img .6 Fotografia de Domingos Alvão sobre a cidade do Porto
  10. 10. Img.7 Garrafas de Vinho
  11. 11. Img.8 O Lameirão aluvionar em Alcobaça
  12. 12. Img.9 O primeiro comboio chega à estação de São Bento, no Porto. Fotografia de 1896.
  13. 13. • WEBGRAFIA  http://pt.wikipedia.org/wiki/Domingos_Alv%C3%A3o  http://entremargens.org/pt/photographer/memoria/domingos-alvao  http://www.tipografos.net/fotografia/alvao.html  http://www.infopedia.pt/$alvao  http://www.unitedphotopress.net/2008/08/domingos-alvao-1869- 1946.html
  14. 14. • Autoria do Trabalho:  Catarina Moreira / 58002  História das Artes Visuais Contemporâneas / Prof. Pedro Coutinho Martins Colaço Rosário  Comunicação e Multimédia  ECT / UTAD  2013

×