Rabiscos Poéticos

455 visualizações

Publicada em

Primeiro livro de poemas de Monique Carreira, 1E.

Publicada em: Educação
0 comentários
0 gostaram
Estatísticas
Notas
  • Seja o primeiro a comentar

  • Seja a primeira pessoa a gostar disto

Sem downloads
Visualizações
Visualizações totais
455
No SlideShare
0
A partir de incorporações
0
Número de incorporações
2
Ações
Compartilhamentos
0
Downloads
1
Comentários
0
Gostaram
0
Incorporações 0
Nenhuma incorporação

Nenhuma nota no slide

Rabiscos Poéticos

  1. 1. Rabiscos Poéticos :3 Monique Carreira
  2. 2. Cada suspiro que é dado com a alma Você ouve sempre que esta só Dentro de um quarto escuro Ouvindo o vento bater na porta Como uma canção de ninar Deitado sente a suave brisa bater E aos poucos vai caindo no sono Aquele sono profundo que faz sonhar Rodeado de pensamentos ao dormir Você fecha seus olhos com um sorriso Por que sentia aquela paz Florescer bem ali...
  3. 3. Dizia um velho sábio que não era feliz Sentia um enorme vazio dentro de si Apesar de tanta procura Nunca encontrou o que precisava Por mares andou, por chuvas passou Mas nunca encontraste sua alegria Foi então que vistes a coisa mais bela Que encantou seus olhos e sua alma Era uma linda rosa bem pequena Com pétalas vermelhas O sábio passou suas mãos por ela E foi ali que viu um sentindo na vida Amas-te as coisas simples E verás a felicidade dentro de si
  4. 4. Vivo com aquela antiga loucura Que ninguém entende Que ninguém acredita Mas me sinto bem ao lado dela Afinal nunca vou conseguir ser Um Cara normal
  5. 5. A cada palavra que é dita no silêncio de um olhar é o suficiente para você entender que viver é mais do que simplesmente respirar.
  6. 6. As estrelas que nos guiam no céu são as mesmas que temos dentro de nós.
  7. 7. Cada vez parece a primeira vez Cada segundo parece o último Cada momento único Mas o que mais me intriga é saber Quando será a ultima vez Que verei você Longe daqui Olhando a paisagem Sorrindo alegremente Como se fosse a última vez Que meus olhos se encontrassem Com os teus
  8. 8. A infância era bela como vida Brincávamos sem parar entre as colinas Daquela simples e humilde vila Não havia preocupações nem rotina O sol iluminava nossas vidas Então como de se esperar hoje em dia Bate aquela nostalgia Daqueles tempos perfeitos Onde tudo era melhor E hoje só existem as lembranças Que rodeiam nossas mentes vazias Para nos recordarmos Que um dia Fomos felizes sem saber o que existia
  9. 9. Somos feitos de sonhos Que nunca foram sonhados Procuramos respostas Nas perguntas que fazem Dizemos o que queremos E não o que eles querem ouvir Agimos como agimos Sem nos importar com o depois Somos Filhos dessa pátria Que não é mais amada Dominada por aqueles Ladrões de gravata
  10. 10. Quando garotinha você me ajudava Levava-me no colo e brincava comigo Ensinou-me a ser forte e confiante A não chorar por nada Mas então certo dia chegou E você foi embora Levou suas coisas e saiu porta a fora E anos se passaram sem te ver Com aquela mesma freqüência Hoje eu sei que não foi minha culpa E que situação não era pra ser Você me mostrou o que te mostraram E talvez seja por isso que somos iguais E talvez seja por isso Que eu não me importo mais
  11. 11. Um pedaço do meu coração O vento levou embora Não sei por onde anda, nem onde esta agora Só espero que esteja bem e feliz Espero ele voltar Para finalmente me completar...
  12. 12. Não há dinheiro no mundo que te faça feliz mais do que receber um bom dia quando seu mundo parecer vazio.
  13. 13. Não se deixe levar pela tristeza que as nossas escolhas nós trazem porque só nós podemos trazer a nossa alegria.
  14. 14. Faz muito tempo atrás Que conheci um solitário Que não acredita no amor Ele me dizia que era tudo ilusão E que as pessoas mentiam Para se aproveitar da situação Assim com ele aprendi Que o amor não é bom assim E que as pessoas nos usavam Para se sentirem felizes Assim no final me tornei como ele Uma solitária sem alma Que vaga no mundo À procura de nada
  15. 15. A primeira vez que me pegou no colo Também foi primeira vez que te vi Você me deu carinho e amor Protegeu-me quando eu precisei Amou-me quando eu não merecia Abraçou-me quando eu estava triste E mesmo depois de errar tanto Nunca desistiu de mim Dizia-me coisas doces com um sorriso Assim sabendo que não és eterna Daria minha vida pela sua Por que você me amou mais que tudo E é por isso que só posso dizer Apenas que eu amo você... (Feita para todas as mães do mundo)

×