Successfully reported this slideshow.

Cinésiologia parte 5

17.215 visualizações

Publicada em

Parte 5 da matéria.

Publicada em: Educação
  • Seja o primeiro a comentar

Cinésiologia parte 5

  1. 1. CINESIOLOGIA 2° SEMESTRE (BIOMECÂNICA – 05/ Ago/2010). O CORPO COMO UM SISTEMA DE ALAVANCAS
  2. 2. ALAVANCA 4 - COMPONENTES <ul><li>Haste Rígida; </li></ul><ul><li>Ponto de Apoio (ponto fixo ou eixo); </li></ul><ul><li>Potência; </li></ul><ul><li>Resistência. </li></ul>
  3. 4. Tipos de Alavanca: <ul><li>Interfixa </li></ul><ul><li>ou </li></ul><ul><li>1° Classe </li></ul><ul><li>ou </li></ul><ul><li>1° Gênero </li></ul><ul><li>Inter-resistente </li></ul><ul><li>Ou </li></ul><ul><li>2° Classe </li></ul><ul><li>ou </li></ul><ul><li>2° Gênero </li></ul>
  4. 5. A alavanca serve para facilitar o trabalho e aumentar o rendimento da força que é otimizada . <ul><li>Interpotente </li></ul><ul><li>ou </li></ul><ul><li>3° Classe </li></ul><ul><li>Ou </li></ul><ul><li>3° Gênero </li></ul>
  5. 6. Outros exemplos: <ul><li>Interfixa </li></ul><ul><li>(Músculo </li></ul><ul><li>Bíceps). </li></ul><ul><li>Inter-resistênte. </li></ul><ul><li>( Músculo Braquial). </li></ul>
  6. 7. <ul><li>Força na inserção do tendão (músculo) do osso. </li></ul><ul><li>Ou seja, força no pto de inserção do músculo (inserção na parte móvel,mais distal). </li></ul>
  7. 8. <ul><li>O corpo humano possui os 3 tipos de alavanca. </li></ul><ul><li>A Interpotente predomina. </li></ul>
  8. 9. <ul><li>M.Isquiotibal, </li></ul><ul><li>H.Ext.do quadril. </li></ul><ul><li>Alavancas: </li></ul><ul><li>Int.Resistente </li></ul><ul><li>(quadril). </li></ul><ul><li>Int. Potente. (joelho). </li></ul>
  9. 10. Algumas considerações: <ul><li>O eixo (ponto fixo/ponto de apoio)não pode se mover. </li></ul><ul><li>Braço de potência é a distancia da força ao ponto fixo.Aumentando o braço de potência, otimiza-se a força. </li></ul><ul><li>Braço de resistência é a distancia que a resistência esta do eixo (pto. fixo). </li></ul>
  10. 11. Aula: 12 de Agosto.2010
  11. 14. <ul><li>Alavanca interpotente sempre será de desvantagem, sendo a mais característica no corpo humano. </li></ul><ul><li>Em casos onde há 2 tendências iguais de movimento, a tendência de um lado anula a tendência do outro; não há o movimento </li></ul>
  12. 15. <ul><li>Movimento,Força ou Torque(tendência de movimento angular (ao redor do eixo) ou tendência de movimentação rotatória. </li></ul><ul><li>Movimento angular porque gira em um eixo. </li></ul><ul><li>Se tem eixo, tem alavanca. </li></ul><ul><li>A alavanca possui torque. </li></ul><ul><li>Torque depende do tamanho do braço ou alavanca. </li></ul><ul><li>+ Torque = + força ou maior bço de potência. </li></ul>
  13. 16. <ul><li>Newtons é a unidade de força. </li></ul><ul><li>Se estiver em quilogramas, para saber a força peso, sempre multiplicar por 10. </li></ul><ul><li>10N . 2m Fd.dd </li></ul><ul><li>20Nm (niltowns-metro) ou Jaule 10N . 2N </li></ul><ul><li>20Nm. </li></ul>
  14. 18. Qual peso da caixa é necessário para reestabelecer o equilíbrio? <ul><li>TE = TD </li></ul><ul><li>30 N . 2 = Fd . 5 </li></ul><ul><li>60 = Fd . 5 </li></ul><ul><li>Fd = 60 = 12N (dividir por 10) </li></ul><ul><li>5 </li></ul>
  15. 19. <ul><li>Neste caso, temos que converter cm em mts. </li></ul><ul><li>Exemplos: </li></ul><ul><li>24cm = 0,24 mts. </li></ul><ul><li>3 cm = 0,03 mts. </li></ul><ul><li>Torque do potência ou torque muscular. </li></ul><ul><li>TM = Tr </li></ul><ul><li>Fm . Dm = Fr . Dr </li></ul><ul><li>Fm= 0,03 = 20 . 0,24 </li></ul><ul><li>Fm= 20 . 0,24 Fm = 4,8 </li></ul><ul><li>0,03 0,03 </li></ul><ul><li>= 160N </li></ul>
  16. 20. <ul><li>Fm? </li></ul><ul><li>Fm = 0,1 = 120 * 0,03 </li></ul><ul><li>Fm 3,6 = 360N </li></ul><ul><li>0,1 </li></ul>
  17. 21. <ul><li>Solução do Problema: </li></ul><ul><li>Tm = Trf + Trt </li></ul><ul><li>Fm = 0,06=60+0,12+20+0,18 </li></ul><ul><li>Fm = </li></ul><ul><li>7,2 + 3,6 </li></ul><ul><li>0,06 </li></ul><ul><li>Fm: 10,8 </li></ul><ul><li>0,06 </li></ul><ul><li>Fm = 180N </li></ul>
  18. 22. Aula do dia 19 de Agosto de 2010. CENTRO DE GRAVIDADE OU CENTRO DE EQUILÍBRIO
  19. 23. <ul><li>CG - > é um ponto técnico onde resultam todas as forças gravitacionais que situam sobre um corpo. Assim, a partir do CG, a força peso existente de um lado será exatamente igual a força-peso do centro. </li></ul><ul><li>Se o corpo pudesse ser erguido pelo CG, não importaria como fosse girado, o mesmo permaneceria em equilíbrio. </li></ul><ul><li>Obs: </li></ul><ul><li>Não confundir com o centro da massa, que é o centro geométrico do corpo e, nem sempre os dois estão no mesmo lugar. </li></ul>
  20. 24. Observe o CG em relação à figura.
  21. 25. <ul><li>O CG geralmente esta onde há > qtd de massa. Em uma pessoa é onde se cruzam os planos. </li></ul><ul><li>O CG pode se deslocar até mesmo para fora do corpo físico, de acordo com o movimento que a pessoa faça. </li></ul>
  22. 26. EQUILÍBRIO <ul><li>Distancia estável das forças ao redor de um corpo, possuindo os tipos: </li></ul><ul><li>Estático - > parado; </li></ul><ul><li>Dinâmico - > em movimento; </li></ul><ul><li>Recuperado - > do movimento p/ o estático. </li></ul>
  23. 27. ESTABILIDADE <ul><li>Habilidade em manter o equilíbrio, sendo dependente de 4 (quatro) fatores: </li></ul>
  24. 28. <ul><li>1°) Tamanho da base de sustentação. </li></ul><ul><li>Quanto > a base, > estabilidade. </li></ul><ul><li>(Relação diretamente proporcional). </li></ul><ul><li>2°) CG em relação à base. </li></ul><ul><li>Quanto < altura em relação à base, > estabilidade. </li></ul><ul><li>(Relação inversamente proporcional). </li></ul>
  25. 29. <ul><li>3°) Distancia da posição do CG em relação à borda da base. </li></ul><ul><li>Quanto >, > estabilidade. </li></ul><ul><li>(Diretamente proporcional). </li></ul><ul><li>4°) Quantidade de massa. </li></ul><ul><li>Quanto > massa, > estabilidade, a força de resistência é > por causa da inércia. </li></ul><ul><li>(Diretamente proporcional). </li></ul>

×